Indignado, Agildo Ribeiro quase mugiu para recuperar programa na Manchete - TV História

Indignado, Agildo Ribeiro quase mugiu para recuperar programa na Manchete

Whatsapp

Um dos maiores nomes da história da televisão brasileira, Agildo Ribeiro (1932-2018) estava vivendo um dilema há 29 anos. Seu programa Cabaré do Barata foi tirado do ar pela Manchete em julho de 1990 e, quase um ano depois, ainda não tinha previsão de retorno, apesar do contrato estar rolando normalmente.

A atração tinha como característica a sátira política, com Agildo contracenando com bonecos de personagens como Fernando Collor, Luís Inácio Lula da Silva, Leonel Brizola e muitos outros. De acordo com matérias da imprensa da época, pressões políticas inviabilizaram o programa.

O humorista participou do programa Jô Soares Onze e Meia em 1991 e zombou do fato. Jô perguntou sobre a atração e deixou Agildo indignado.

“Eu queria transformar essa pergunta em minha. Eu também queria saber porque o programa não voltou. Não tenho porque estar brigando, mas fico intrigado que o programa ainda não voltou”, declarou.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Brincando, Agildo pedindo aos telespectadores que ligassem para a Manchete e perguntassem pelo programa. “Eu estou cansado. Saio na rua e todo mundo pergunta, a tal ponto que eu acho que minha ausência na televisão faz mais sucesso que minha ausência”, enfatizou.

Ele também fez piada sobre a fase rural da emissora, que vinha do sucesso de Pantanal.

“A Manchete agora parece que entrou numa fase rural. Então é Pantanal, Ana Raio e Zé não sei o que, daqui a pouco vai entrar Amazônia, aí O Guarani, vai entrar um programa Domingo Rural, com muito boi e cavalo. Eu como sou barata, fica esquisito”, disparou, fazendo graça com seu sobrenome, que é Barata. “Qualquer dia eu entro lá mugindo para ver se sai o programa”, completou, dizendo que chamaria a atração de Cabaré da Vaca.

Mas o apelo não adiantou. Agildo continuou fora do ar e recebendo seu salário normalmente até o fim do contrato.

Em 1993, fechou com o próprio SBT, onde apresentou Não Pergunta que eu Respondo por pouco tempo. Depois de uma temporada em Portugal, voltou para o Brasil, se estabelecendo novamente na Globo, onde ficou até o ano de sua morte, ocorrida aos 86 anos.

Whatsapp


Leia também