Verdadeiros protagonistas fizeram melhor cena de Nos Tempos do Imperador

Verdadeiros protagonistas fizeram melhor cena de Nos Tempos do Imperador

Whatsapp

Na última segunda (10), Nos Tempos do Imperador apresentou um capítulo repleto de ação e ótimas cenas. Não por acaso, a trama foi quase toda voltada para o embate do casal Nélio (João Pedro Zappa) e Dolores (Daphne Bozaski) com Tonico Rocha (Alexandre Nero).

A novela de Alessandro Marson e Thereza Falcão, dirigida por Vinícius Coimbra, viveu seu momento de maior catarse até então.

Nos Tempos do Imperador

Não por acaso, a trama finalmente colocou o casal que roubou a cena em um momento de grande destaque de movimentação do roteiro. Após um longo tempo escondidos, Dolores e Nélio foram descobertos por Tonico, que não perdoou a traição da dupla.

Em meio a dois casais protagonistas que falharam, os dois coadjuvantes viraram os mocinhos do folhetim das seis e nada mais natural que o embate com o maior vilão do enredo era algo bem esperado pelo público.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Além do Tempo

Além do Tempo

Os autores se inspiraram claramente na sequência mais emblemática de Além do Tempo, novela de sucesso de Elizabeth Jhin, exibida em 2015: quando os mocinhos Lívia (Alinne Moraes) e Felipe (Rafael Cardoso) acabaram encurralados pelo vilão Pedro (Emílio Dantas) em um penhasco.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O resultado do inesquecível embate foi a morte dos protagonistas, que caíram do precipício e reencarnaram mais de 150 anos depois em uma passagem de tempo arrepiante.

Nos Tempos do Imperador

Claro que a situação de Nos Tempos do Imperador é totalmente distinta, mas a briga e o desfecho trágico apresentaram uma clara similaridade. Aliás, o local da gravação foi o mesmo.

E não há demérito algum na semelhança. Pelo contrário, a novela apresentou um fôlego inesperado. A direção da equipe de Vinícius Coimbra merece elogios.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Menção especial

Nos Tempos do Imperador

Menção especial ao instante em que Tonico persegue a carroça do casal, atira em uma das rodas e consegue impedir a fuga dos mocinhos. Uma cena que fica muito mais ‘simples’ de ser filmada em um folhetim contemporâneo com carros. A chance de não expor veracidade na sequência era elevada, mas não foi o que aconteceu. Ficou crível e com o nível de tensão necessário.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Já a cena do penhasco valeu pela brilhante atuação de Daphne Bozaski, João Pedro Zappa e Alexandre Nero. A briga do trio, que rendeu um empurrão de Dolores em Tonico e posteriormente em um salvamento de Nélio, que acreditou no vilão e pagou caro pela sua ingenuidade, foi de arrepiar.

Nos Tempos do Imperador

O grito de desespero da personagem quando o vilão agradeceu seu salvamento e jogou o ex-aliado penhasco abaixo foi devastador. Entrega admirável da atriz. E impressiona como Alexandre dominou bem o papel.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Desde o início virou um dos maiores trunfos da novela e está ainda melhor nesta reta final. A frieza de Tonico impacta e teve um peso extra na cena. João foi outro ponto alto e tem tudo para convencer ainda mais quando Nélio voltar para se vingar e salvar a esposa e a filha.

Nos Tempos do Imperador é um folhetim de altos e baixos, mas o embate entre Nélio, Dolores e Tonico está no topo das grandes cenas da trama de Alessandro Marson e Thereza Falcão.

Foi o melhor capítulo da novela desde a estreia. Pela primeira vez, foi possível lembrar das cenas tão bem realizadas de ação de Novo Mundo, exibida em 2017, dos mesmos autores.

Whatsapp


Leia também