Totalmente Demais: Germano e Carolina se beijam, mas ele a decepciona em seguida

Em Totalmente Demais, dois corações partidos e um cupido um tanto equivocado. Longe de nós termos dúvidas do amor de Germano (Humberto Martins) por Lili (Vivianne Pasmanter). Mas também não esquecemos dos momentos em que ele deu em cima e insistiu por pelo menos um beijo de Carolina (Juliana Paes). Pois bem, nem nós e nem Dorinha (Samantha Schmütz).

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


E agora que o diretor da Bastille está morando no Bairro de Fátima, a irmã de Carol insiste que eles devem ficar juntos. “O Zé Pedro tá com o Germano lá no Flor do Lácio!”, diz Dorinha para Carol, que não entende. “Essa é sua chance de fazer a fila andar!”. “Irmã, o Germano gosta da ex-mulher dele e eu daquele canalha, imbecil, idiota… quer saber? Eu vou é pra casa”, responde Carol. Até parece, né? Dorinha dá um jeito e arrasta a irmã até lá.

Carol diz a todos que está só de passagem, mas papo vem, papo vai e não é que fica interessante ali? “Aquele pilantra do Arthur aprontou de novo?”, pergunta Germano ao perceber o desânimo da diretora da revista Totalmente Demais. “Me trocou por outra. Aquela modelo, acredita? Eliza”, diz ela. “Bem vinda ao clube. A Lili fez a mesma coisa comigo. Escolheu o Rafael. Além de bem mais novo do que ela, é ex-genro. Tô ganhando”, conta Germano. Enfim, a conversa é longa e ali no Flor do Lácio dá em dança.

Dois pra lá, dois pra cá e…parem as máquinas: um belo de um beijo. Dorinha pira. Zé Pedro (Hélio de La Peña) assusta. E Hugo (Orã Figueiredo)… ah, o Hugo, ele sofre. No começo Carol reluta, acha que estão errados. “Quem tá no fundo do poço, não tem mais como afundar. Não é assim? Vamos sair daqui!”, propõe ele. Dorinha é só alegria: “É hoje que Carolina enterra o Arthur de vez”.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


Ao chegar no apartamento de Carolina, o casal transforma em desejo toda a raiva que sentem de seus respectivos ex. Carol decide trocar de roupa, colocar algo mais confortável, mas ao voltar para a sala se depara com Germano dormindo no sofá. Parafraseando Florisval (Aílton Graça): “Deiscepcionante”.

Carol reflete e conversa com o belo adormecido: “Pena que você dormiu. Podia ter sido uma noite memorável. Ou pelo menos que ajudasse a gente a esquecer um pouco nossa raiva. A nossa dor. Boa noite, Germano, espero que pelo menos nos sonhos você esteja feliz”.



Deixe sua opinião


Leia também