Substituiu estrela: destaque de Nos Tempos do Imperador ganhou papel por acaso

Whatsapp

Paula Cohen está fazendo o maior sucesso interpretando a deslumbrada Lota, de Nos Tempos do Imperador. A personagem faz parte do núcleo cômico da trama e vive tentando conseguir um título nobre.

Paula Cohen

Muito caricata, a esposa de Batista (Ernani Moraes) sempre aparece com a maquiagem exagerada. Para entrar no set, Paula passa por uma transformação no visual.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

“Nossa equipe, às vezes, me via descaracterizada de Lota e não acreditava que era eu (risos). Todos ficavam assombrados com a diferença. Agora eles já se acostumaram”, explicou a atriz em entrevista ao Portal Metrópoles.

Paula não foi a primeira opção do autor para viver o papel. Originalmente, a personagem seria vivida por Vera Holtz.

No entanto, assim como Luís Melo, que viveria Batista, a atriz foi afastada das gravações por ser grupo de risco para a Covid-19.

Vera Holtz

“Ela é uma das maiores artistas do Brasil. Uma mulher comprometida com a sua arte, performa, questiona, uma artista na potência máxima da palavra. Tem uma sensibilidade e postura que inspiram”, contou Paula.

Paula já conhecia Vera, pois ambas fizeram a mesma escola de teatro, a EAD (Escola de Arte Dramática), em São Paulo. As duas atrizes chegaram a fazer um trabalho juntas, a série Eu, a Vó e a Boi, de Miguel Falabella.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

A Paula real

Paula Cohen

Paula, 47, construiu uma sólida carreira no teatro. Formou-se em jornalismo e escreveu duas das peças em que atuou.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Na televisão, além da série de Falabella, trabalhou em Canavial das Paixões (2003), no SBT, e I Love Paraisópolis (2015), na Globo.

Além disso, esteve em séries produzidas pela Amazon Prime Video, Globoplay, FOX e HBO. Esteve também nos filmes O Silêncio do Céu (2016), Uma Espécie de Família (2018) e Dente por Dente (2021).

A atriz se define como “latino-americana”, pois seus pais são uruguaios. Sua primeira língua foi o espanhol, aprendeu o português somente na escola. A artista pensa em um dia ir morar no Uruguai.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

“Alimento muito esse desejo. Vou muito, me alimenta estar lá. Tudo, estar com a família, andar pelas ruas, olhar para o Rio de la Plata, sentir o vento das Ramblas, ouvir música e poesia Uruguaia. As Murgas, espécie de operetas políticas que acontecem sempre no Carnaval. Eu sou de lá também. Estou sempre nesse entre lugar. Aqui e lá! Sou ‘uma garota latino-americana’. Así soy yo! , relatou ao site ArteBlitz.

Em entrevista ao Extra, Paula contou que a pandemia alterou sua rotina.

“Sinto que vivi muitas transformações internas, me voltei para dentro, olho tudo com mais profundidade”, disse.

A atriz está há três anos junto com o também ator Jiddu Pinheiro. Ela ainda não é mãe, mas tem um forte instinto maternal e admite que pode adotar um filho em algum momento de sua vida.

Whatsapp


Leia também