Ao vivo, Sérgio Chapelin perdeu a paciência no Fantástico; assista

Whatsapp

Em um programa ao vivo, pode ocorrer de tudo, principalmente no jornalismo, que está ligado 24 horas por dia nas notícias que são importantes para o Brasil e para o mundo.

Sérgio Chapelin

O Fantástico sabe muito bem como é isso. O programa jornalístico da Globo aos domingos é uma das bases da emissora, cujo objetivo é manter o público informado sobre os fatos ocorridos no último dia do final da semana.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Em 8 de janeiro de 1989, o Fantástico seguia com seus quadros e matérias, até chegar à informação de que o piloto do voo British Midland 092 tentou fazer um pouso de emergência em Londres, mas perdeu o controle, e a aeronave acabou caindo. O acidente causou a morte de 47 pessoas e deixou 79 sobreviventes.

A notícia chegou na hora, e Sérgio Chapelin, que na época comandava o Show da Vida, lia uma nota escrita à mão, contando alguns detalhes da tragédia que havia acontecido.

Sem o uso do teleprompter, equipamento usado pelos noticiaristas para ler os textos enquanto olham para a câmera, Chapelin se concentrava no que estava escrito no papel, mas se mostrava um pouco incomodado.

Até que ele para de ler a nota, olha para o lado e, irritado, solicita: “Por gentileza, tire esse texto daí, por gentileza!”.

Um produtor segurava uma dália (gíria para cartaz na TV) com as informações que o apresentador já estava lendo, e isso desviou a atenção de Chapelin durante a leitura.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Em consequência, o programa saiu do ar e foi substituído por um slide com o logo do programa. Isso durou pouco tempo, e Sérgio Chapelin conseguiu finalizar a nota com as informações corretas sobre o acidente na Inglaterra.

O fato foi noticiado na imprensa, com o Jornal do Brasil explicando o fato. O TP seguia com um texto estranho sobre o acidente, e o apresentador preferiu ler o papel na bancada. A irritação de Chapelin foi pela atitude dos auxiliares, que insistiam na leitura do texto errado.

Esse fato foi lembrando na Re-Retrospectiva 90, humorístico apresentado por João Kleber (vídeo acima). A brincadeira era que um produtor, interpretado por Kleber, segurava um cartaz escrito “Serjão, liga para a sua sogra urgente!”.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Por onde anda Sérgio Chapelin

Sérgio Chapelin

Depois de 47 anos no ar, apresentando os principais jornalísticos da Globo, Chapelin se aposentou da televisão em 2019 e deixou o comando do Globo Repórter.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Emocionado, ele recebeu uma homenagem e declarou que se sentia orgulhoso de sua trajetória.

“Estive na maior parte dessa história primorosa do Globo Repórter e isso me deixa muito feliz. Da primeira fase do programa, mais documental, passando para a fase em que éramos mais factuais, até chegar o momento atual, falamos sobre todos os assuntos. Saio com a sensação de dever cumprido”, declarou o jornalista, na época. “Minha trajetória na televisão era tudo o que eu poderia desejar na vida. Sou muito grato ao público e aos colegas por todo carinho e simpatia. Sinto-me muito honrado”, completou.

Desde então, o jornalista, atualmente com 80 anos de idade, que sempre foi apaixonado pela vida natural, decidiu viver definitivamente em sua fazenda, localizada em Itamonte, na região de São Lourenço (MG).

Whatsapp


Leia também