Não mereciam: rumo de personagens desrespeita artistas de Terra e Paixão

Atriz ficou revoltada com a forma como sua personagem foi tratada na novela das nove da Globo

Whatsapp

Um recente capítulo de Terra e Paixão surpreendeu o público ao mostrar um beijão entre Kelvin (Diego Martins) e Ramiro (Amaury Lorenzo). O casal gay caiu nas graças do público, mas havia o temor de que a história de amor deles não avançasse, em razão da onda conservadora que tomou conta da teledramaturgia da Globo em 2023.

Diego Martins e Amaury Lorenzo em Terra e Paixão
Kelvin (Diego Martins) e Ramiro (Amaury Lorenzo) em Terra e Paixão (Divulgação / Globo)

Porém, outro casal do mesmo sexo de Terra e Paixão não teve a mesma sorte. Mara (Renata Gaspar) e Menah (Camilla Damião) ficaram apagadas ao longo da trama das nove da Globo. A situação levou até uma das atrizes a se pronunciar nas redes e ironizou a situação vivida na trama. Renata foi às redes sociais e expôs tudo o que pensa.

No início do folhetim de Walcyr Carrasco foi prometido o desenvolvimento de uma relação homoafetiva entre Mara e Menah. Depois de muita enrolação, as duas iniciaram um romance, mas logo voltaram a ser deixadas de lado. Elas até devem ter uma cena romântica, mas que só deve acontecer por conta da reclamação da atriz.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Atriz de Terra e Paixão fez desabafo

Terra e Paixão - Renata Gaspar
Renata Gaspar como Mara em Terra e Paixão (João Miguel Júnior / Globo)

Intérprete de Mara, a atriz Renata Gaspar se manifestou nas redes sociais e afirmou que as lésbicas de Terra e Paixão não terão sequência.

Leia mais

“Amores, Mara e Menah não terão mais trama na novela. Acho que quando tudo acabar falaremos mais do que passamos. Mas é isso, viramos as tias, que ficam de fundo na festa e ninguém pergunta sobre sua história pois não querem saber. ‘É aquela tia que vive com a amiga dela’”, lamentou.

A artista, que é casada com a profissional de marketing Bebel Luz, agradeceu o carinho do público e afirmou que não desistirá de sua personagem, mesmo tendo ficado sem trama.

“Obrigada pelo carinho e vamos até o fim naturalizar da forma que pudermos pois amamos as personagens e esse encontro. E sabemos o quão importante e representativo isso é pra todo Brasil. Podem desistir mas nós jamais desistiremos”, destacou.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Se explicou

Camilla Damião e Renata Gaspar em Terra e Paixão
Camilla Damião e Renata Gaspar em Terra e Paixão (Reprodução / Globo)

Após a repercussão, Renata ressaltou que sua postagem não tem o objetivo de atacar alguém da equipe de Terra e Paixão, mas sim de explicar a situação para os fãs.

“E deixando claro que meu post não foi para atacar ninguém e sim para comunicar, principalmente aos fãs do casal, que nos perguntam diariamente sobre a trama, quis ser honesta e apenas deixar claro o que está acontecendo de fato”, disse.

 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Censura na Globo?

Carmo Dalla Vecchia como Érico em Amor Perfeito
Carmo Dalla Vecchia como Érico em Amor Perfeito (reprodução/Globo)

Essa, no entanto, não é a primeira vez que relacionamento homossexual é apagado em uma novela da Globo neste ano. Alguns meses atrás, a emissora recebeu críticas por desfazer o romance gay de Érico (Carmo Dalla Vecchia) e Romeu (Domingos de Alcântara) em Amor Perfeito.

Na novela das seis de Duca Rachid, Júlio Fischer e Elísio Lopes Jr, foi alegado que o personagem na verdade era bissexual. No fim da história, Érico ficou com Verônica (Ana Cecília Costa), para descontentamento dos fãs.

Já Mara e Menah não devem ter grande destaque nos últimos capítulos de Terra e Paixão. Mas há a promessa de um final feliz – com direito a pedido de casamento e beijo.

Whatsapp


Leia também