Primeiros participantes do BBB tinham regalias impensáveis atualmente

Reality show da Globo já deu muita colher de chá para confinados

Whatsapp

Participar do Big Brother Brasil é um “perrengue chique”. Os “brothers” passam uma temporada numa bela casa, com direito a piscina, academia e outros confortos. Mas, ao mesmo tempo, precisam se submeter a provas, comida restrita e “castigos” bem desagradáveis.

Participantes do BBB1
Participantes do BBB1 (divulgação/Globo)

Por isso, é impensável que os participantes do BBB24, que estreou na última segunda-feira (8), terão algum tipo de regalia durante a estadia na mansão da Globo. Mas, no passado, o BBB já proporcionou alguns “presentinhos” aos “brothers” que dificilmente seriam aceitos nos dias de hoje. Relembre:

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Visitas de celebridades

Hoje, famosos entram na casa do BBB como participantes do Camarote. Mas, no passado, o jogo era dedicado somente a anônimos. Com isso, cabia aos artistas fazer “participações especiais”, visitando os jogadores na mansão.

Xuxa, Tom Cavalcante, Jô Soares e Ana Maria Braga foram alguns dos artistas que toparam entrar na casa do BBB e passar uns momentos ao lado dos jogadores. Nessas visitas, os famosos batiam um papo e até comandavam jogos.

Leia mais

Houve até quem estendesse a visita. Deborah Secco, por exemplo, teve um “dia de brother”, passando 24 horas na casa. A atriz dormiu lá, tomou banho e curtiu sua estadia na mansão, algo que não acontece mais nos dias de hoje.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Driblando o tédio

 

O tédio faz parte da dinâmica do BBB. Sem ter o que fazer, os participantes têm mais tempo para se dedicar às estratégias de jogo, movimentando o programa. Mas, na primeira edição do reality show da Globo, o ócio acabou sendo solucionado de outra maneira.

O participante Adriano, que era artista plástico, ganhou telas e tintas para trabalhar. Já Estela, que era fotógrafa, recebeu uma filmadora, uma câmera fotográfica e um computador sem acesso à internet para poder produzir.

A produção também montou uma dinâmica para que os participantes pudessem expressar a criatividade, oferecendo materiais para isso. Foi assim que Kléber Bambam montou a boneca de sucata Maria Eugênia, que lhe rendeu o prêmio da primeira edição. Afinal, foi quando a produção tirou a boneca da casa e fez Kléber chorar feito criança que ele acabou caindo nas graças do público.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Saidinhas

O confinamento faz parte da pressão do jogo. Mas, em seus primeiros anos, o BBB dava a chance de seus participantes terem algumas “saidinhas”. Alguns “brothers”, inclusive, tiveram a chance de sair da casa para desfilar no Sambódromo da Marquês de Sapucaí durante o Carnaval.

Também já houve o caso de participante que ganhou um passeio de helicóptero, podendo sair da casa por alguns instantes e ver o Rio de Janeiro pelo céu. Mas nenhum passeio de helicóptero foi mais “lendário” que o primeiro, quando Kleber Bambam, ao vencer a primeira edição, foi levado da capital fluminense para São Paulo no veículo.

O dançarino foi levado até o estúdio da Globo na capital paulista para ser entrevistado por Jô Soares. Foi a única vez na história que o Programa do Jô foi exibido ao vivo.

Whatsapp


Leia também