Pipocou: estrela descumpriu acordo e nunca mais foi escalada por autor

Whatsapp

Muito antes do escândalo envolvendo o desligamento de Camila Queiroz de Verdades Secretas 2, no ano passado, outra polêmica envolvendo uma novela de Walcyr Carrasco foi registrada em Amor à Vida, novela das nove exibida entre 2013 e 2014 pela Globo.

Amor à Vida

Desde que foi divulgado na imprensa, ainda no início da trama, que Nicole (Marina Ruy Barbosa) teria câncer terminal, começaram as especulações a respeito da possibilidade da atriz raspar a cabeça. Os admirados fios ruivos viraram um dos assuntos mais comentados do momento.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

E quando foi ao ar a cena em que um médico revelava que a solitária menina rica teria apenas seis meses de vida, todo o burburinho em torno dos famigerados cabelos da garota aumentaram ainda mais. Para piorar, a imprensa noticiou que uma marca de cosméticos para produtos de cabelo estava envolvida e que a empresa esperava apenas a atriz completar 18 anos para assinar um contrato milionário. Ou seja, estava instaurada a celeuma.

O drama da personagem e a atuação da atriz foram totalmente ignorados e o único assunto a respeito de um dos núcleos mais pesados de Amor à Vida era o que fariam com o cabelo da Marina. A situação piorou quando foi divulgado que Carrasco já havia entregue as cenas em que Nicole raspava a cabeça.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Compromisso

Poucos dias depois, o autor ainda deu uma entrevista dizendo que Marina tinha se comprometido a raspar a cabeça e que ele esperava que ela cumprisse. A confusão só aumentou quando Aguinaldo Silva, desafeto de Walcyr desde Morde & Assopra, resolveu se meter mais uma vez no trabalho alheio. O autor protestou contra a possibilidade da atriz ficar careca e ainda enfatizou que não seria novidade, uma vez que Laços de Família já havia exibido a cena antológica com Carolina Dieckmann.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

É de se lamentar que toda essa confusão tenha ofuscado, para não dizer apagado, o grande desempenho que Marina Ruy Barbosa vinha tendo na pele da sofrida Nicole. A atriz mostrou a que veio desde que surgiu na novela e estava esbanjado talento em todas as dificílimas cenas protagonizadas pela sua personagem. Um papel como esse jamais poderia ser interpretado por uma atriz inexperiente e Walcyr acertou plenamente ao dá-lo de presente para Marina, que já havia ganhado dele a Isabel, de Sete Pecados, e a patricinha Alice, de Morde & Assopra.

O final desse imbróglio aconteceu algumas semanas depois. Walcyr disse em seu Twitter que havia desistido de raspar a cabeça da atriz e que adiantaria a trama da personagem, surpreendendo o público com uma história emocionante. Sem saída, o autor acabou matando a personagem.

Nicole morreu em pleno altar, após descobrir através de Lídia (Angela Rebello) que Leila (Fernanda Machado) e Thales (Ricardo Tozzi) haviam planejado um golpe para ficar com sua fortuna. Um fim trágico e impactante, que colocou um ponto final em todas as suposições em relação ao destino da atriz na novela: a partir de então, a sofrida menina seria um espírito que atormentaria a vida dos golpistas, o que foi usado durante um tempo na trama.

“Eu não tenho o que perdoar ou criticar com relação à Marina Ruy Barbosa, pois foi um desentendimento artístico e não pessoal. Se eu considerar os trabalhos que ela fez comigo anteriormente, no conjunto eu e ela saímos ganhando, pois fez lindos personagens em minhas novelas. Não encontramos depois disso, mas não restou nenhum motivo para desentendimento”, garantiu o autor ao colunista Léo Dias em 2019.

“Uma pena que na época não tive ‘acesso’ e não pude falar diretamente com o autor. Nunca nos falamos, nem no momento em que fui chamada para a novela, durante o trabalho ou depois de tudo. Uma pena não ter tido a chance de conversar e entender o que se passava na cabeça do Walcyr. Do lado de cá, com as informações que eu tinha, de uma coisa estava certa: como atriz, não queria só o sensacionalismo. E como menina/mulher aos 17 anos, só valeria à pena se fosse para tratar da doença com muito respeito e atenção, e fazer uma ação social sobre câncer linfático”, declarou a garota sobre o tema.

No entanto, coincidência ou não, Marina nunca mais trabalhou em novelas do autor.

Whatsapp


Leia também