Penúltimo capítulo de Malhação: Viva a Diferença emociona e tira o fôlego do público - TV História

Penúltimo capítulo de Malhação: Viva a Diferença emociona e tira o fôlego do público

Whatsapp

Resta apenas um capítulo para a edição especial de Malhação – Viva a Diferença fechar seu ciclo. E Cao Hamburger reservou momentos eletrizantes e emocionantes para esse final de temporada, fazendo jus ao imenso sucesso que a trama fez ao longo dos meses de exibição original. O penúltimo capítulo presenteou o público com uma sucessão de ótimas cenas que merecem todos os elogios.

Em plena campanha da valorização do ensino público, o autor resolveu tocar na ferida da ignorância e do conservadorismo através da difamação de Malu (Daniela Galli), que espalhou fake news na internet com o intuito de destruir o colégio Cora Coralina. As fotos tiradas por K2 (Carol Macedo) resultaram em uma ira homofóbica — em virtude do beijo de Lica (Manoela Aliperti) e Samantha (Giovanna Grigio) — e depreciadora dos métodos de ensino de Dóris (Ana Flávia Cavalcanti).

A situação, obviamente, remeteu ao Movimento Brasil Livre, que iniciou uma intensa campanha contra uma exposição em um museu em 2016, chamando um dos artistas de pedófilo. E, na ficção, após muitas notícias falsas, houve depredação na escola pública, com direito a pichações e cartazes condenando homossexuais, pornografia infantil, entre outros.

A imagem do vandalismo provocou o impacto necessário, resultando na emocionante cena em que todos os alunos se uniram para limpar a sujeira deixada pelos preconceituosos.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


Antes desse momento, porém, é preciso citar outra cena tocante: o instante em que Aldo (Cláudio Jaborandy) se reconciliou com Tato (Matheus Abreu), contando que iniciou um tratamento contra o alcoolismo, e ainda presenteou Keyla (Gabriela Medvedoski) com um violão que foi da mãe da menina.

Também vale citar a apresentação de Benê (Daphne Bozaski) e Guto (Bruno Gadiol), cantando Igual, Diferente, Igual, Diferente e emocionando a todos. A menina autista e seu namorado venceram juntos o medo e novamente encantaram.

Já a sequência final reservou muita tensão e adrenalina, após várias cenas delicadas. Era noite e um temporal se aproximava — remetendo ao primeiro capítulo, quando a chuva também foi a protagonista dos momentos de nervosismo dos personagens —, enquanto Keyla e Dóris pensavam no que fazer para melhorar a imagem do colégio e Ellen (Heslaine Vieira) tentava hackear o computador para descobrir o responsável pelas notícias falsas.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


Uma gangue de mascarados, então, jogou gasolina no pátio da escola e atirou pedras, para logo depois incendiar o local, voltando a destruir tudo o que os alunos limparam. Porém, Benê viu tudo e se escondeu dos marginais. Só que acabou presa na Caverna do Futuro (uma maquete gigante feita por Lica para o Evento Cultural), que também foi incendiada.

Falta luz e o medo aumenta, enquanto Benê liga para Keyla pedindo ajuda. A amiga, que também está no colégio (na parte de dentro), vai ajudá-la, mas Dóris entra em trabalho de parto. Enquanto isso, Lica, Tina (Ana Hikari) e Ellen chama a polícia e chegam para ajudar Benedita, que grita de desespero. Uma cena de tirar o fôlego, resultando no penúltimo e melhor gancho da temporada.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


A entrega do elenco, a direção precisa de Paulo Silvestrini e a tensão provocada pelo roteiro de Cao formaram um conjunto perfeito, deixando o telespectador ainda mais ansioso pelo último capítulo. Daphne Bozaski, Manoela Aliperti, Gabriela Medvedovski, Heslaine Vieira, Ana Hikari e Ana Flávia Cavalcanti transmitiram todo o pânico que a situação pedia. Um show.

A edição especial de Malhação – Viva a Diferença está chegando ao fim. Todas as cenas do penúltimo capítulo apenas confirmaram novamente o que já estava mais do que claro: a qualidade dessa temporada é incontestável.



Leia também