Passado de Paula trouxe junto mais segredos de Quanto Mais Vida, Melhor

Whatsapp

Zamenza

Quanto Mais Vida, Melhor!, atual novela das sete da Globo, vem se mostrando deliciosa. Desde a estreia que Mauro Wilson presenteia o público com uma trama despretensiosa que consegue mesclar comédia, drama, ótima trilha e bons casais de maneira habilidosa.

Mas, na última sexta (28), o autor apresentou um capítulo acima da média. A revelação do passado de Paula Terrare (Giovanna Antonelli) proporcionou uma sucessão de acontecimentos que engrandeceram o enredo.

Giovanna Antonelli em Quanto Mais Vida, Melhor

Leia mais

O autor reservou o capítulo para expor quase todos os plots de sua história. Tudo bem que já estava bem óbvio que Tuninha (Jussara Freire) era a mãe de Paula, mas foi emocionante a cena em que a empresária pede um abraço para sua mãe, após um raro momento de fragilidade emocional por conta da ruína de sua empresa – fruto da armação de sua rival Carmem (Júlia Lemmertz).

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

E por causa da instabilidade emocional da personagem todos os outros segredos vieram à tona. Isso porque a governanta foi atrás de Neném (Vladimir Brichta) para pedir ajuda.

Quanto Mais Vida Melhor

O encontro de Tuninha e o jogador de futebol implicou na revelação do passado de Paula através de um bem realizado flashback, onde Giulia Costa emocionou na pele da Terrare adolescente.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Plots expostos

Quanto Mais Vida Melhor

O público viu que a personagem ajudava a mãe a cuidar de um bar caindo aos pedaços e repleto de clientes assediadores. Teve impacto a cena em que um homem levanta a saia da jovem e tenta agarrá-la. Chorando, Paula vai até a mãe e leva uma bronca.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Mas naquele momento, apenas para os bons observadores, outro plot da trama foi exposto. A mãe rapidamente chama a filha de Eliete, o nome da mãe de Flávia (Valentina Herszage), que, segundo Juca (Fábio Herford), fugiu e abandonou ele e a filha. No entanto, tudo indica que foi uma armação de Odete (Luciana Paes).

Luciana Paes

A partir do flashback, o telespectador descobriu a razão da mágoa de Paula com sua mãe e o intuito de colocá-la como governanta, sem avisar a Ingrid (Nina Tomsic) que a filha mora com sua avó.

Vale destacar outro importante conflito do enredo que começou a ser exposto com mais detalhes no capítulo: o suicídio do marido de Paula. A empresária, em meio a um temporal – a chuva, aliás, é quase um personagem coadjuvante da novela – sobe até o terraço do prédio da Terrare e lembra da morte do marido.

Não fica claro, mas subentende-se que ele se soltou de um abraço da esposa e se jogou do prédio.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Especulação

Quanto Mais Vida Melhor

Mas abriu uma brecha para a especulação sobre sua queda ter sido acidental. E por que quis morrer? Carmem sempre diz aos quatro ventos que Paula o matou. A cena, que mesclou um breve flashback com o momento de desespero de Paula foi muito bem realizada pela equipe de direção de Allan Fiterman.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Paula só não se matou porque Neném chegou a tempo e interviu. A cena esbanjou delicadeza ao som de ‘Believe’, clássico de Cher, cantada em uma versão mais suave por Jade Beraldo. Giovanna Antonelli e Vladimir Brichta emocionaram.

Ana Lúcia Torre

O capítulo ainda teve outros bons desdobramentos nos demais núcleos, como a discussão entre Rose (Bárbara Colen) e Celina (Ana Lucia Torre); a primeira vez de Leda (Elizabeth Savalla) e Osvaldo (Marcos Caruso); o primeiro beijo de Bibi (Sara Vidal) e Cabeça (Fabricio Assis); além do rompimento entre Ingrid e Flávia (Valentina Herszage), que mais uma vez enfiou os pés pelas mãos agindo por impulso.

Quanto Mais Vida, Melhor! tem feito por merecer muitos elogios e a exposição do passado de Paula Terrare destacou a boa construção da personagem e resultou no melhor capítulo da novela até o momento.

Whatsapp


Leia também