Caiu em armadilha: por onde anda Marcos Frota, o Escobar de O Clone? - TV História

Caiu em armadilha: por onde anda Marcos Frota, o Escobar de O Clone?

Whatsapp

Marcos Magano Frota nasceu em 29 de setembro de 1956, em Guaxupé (MG). O ator estreou na televisão em 1976, na novela O Julgamento, da Rede Tupi. Depois disso, foi para a Globo, onde atuou em Escrava Isaura, no mesmo ano.

Ainda esteve em Nina (1977), Malu Mulher (1979), Carga Pesada (1979), Elas por Elas (1982), Fernando da Gata (1983) e Anarquistas, Graças a Deus (1984).

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Seu primeiro papel destaque foi o Téo, de Vereda Tropical (1984). Em 1986, também ficou em evidência como o Rick, de Cambalacho.

Em 1987, atuou em O Outro e Sassaricando; depois O Sexo dos Anjos (1989), Mico Preto (1990) e Vamp (1991).

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Em 1993, veio seu papel mais famoso: o Tonho da Lua do remake de Mulheres de Areia, da Globo.

Outro destaque foi o Diego, de A Próxima Vítima (1995). Continuou sua trajetória na emissora em Malhação (1996), A Indomada (1997), Hilda Furacão (1998), Era uma Vez (1998), Aquarela do Brasil (2000) e Uga Uga (2000).

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Em 2001, viveu Escobar em O Clone; em 2005, foi o Jatobá, de América, ambos papeis chamativos. Entre as duas novelas, fez uma participação especial em Chocolate com Pimenta.

Diminuiu sua participação na televisão a partir de 2005, passando a se dedicar cada vez mais ao circo, sua grande paixão. Em 2008, esteve nas séries Casos e Acasos e Faça Sua História.

Em 2010, fez o remake de Ti Ti Ti; em 2015, voltou em Malhação; reviveu Tonho da Lua no Tá no Ar: a TV na TV, em 2016 e, nesse mesmo ano, fez sua última novela até o momento: Sol Nascente.

Em live com a atriz Maria Zilda, no final do ano passado, ele fez uma reflexão sobre a carreira. “Eu errei muito, me equivoquei muito. Caí em todas as armadilhas da nossa profissão. Desperdicei bons personagens e boas telenovelas por vaidade, por falta de percepção”, declarou.

Sobre Tonho de Lua, disse que fica impressionado como até hoje o personagem é lembrado. “É impressionante a força de um trabalho desses. A novela foi ar há 27 anos e hoje, em 2020, ainda vejo crianças brincando na areia de Tonho da Lua”, disse.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Vida pessoal

Entre 1976 e 1993, o ator foi casado com a empresária Cibele Ferreira, que morreu em 1993, após um acidente. Com ela, teve três filhos (Amaralina, Apoena e Tainã).

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Em 1996, começou a namorar Carolina Dieckmann, com quem foi casado entre 1997 e 2003 e teve Davi, em 1999.

No ano passado, Frota, que atualmente tem 64 anos, reapareceu irreconhecível, barbudo e grisalho, em lives nas redes sociais. Além disso, ele se tornou avô, já que Apoena teve Dom, primeiro neto do ator.



Leia também