Morte dos Mamonas, banheira e mais: 10 fatos que marcaram o Domingo Legal nos anos 90 - TV História

Morte dos Mamonas, banheira e mais: 10 fatos que marcaram o Domingo Legal nos anos 90

Whatsapp

Sucesso de Gugu Liberato do SBT nos anos 1990 e 2000, o Domingo Legal comemora hoje 28 anos de vida.

A atração segue no ar até os dias atuais, com Celso Portiolli, mas viveu seu auge na década de 1990, quando impôs diversas derrotas ao Domingão do Faustão.

Confira 10 fatos curiosos sobre essa fase do programa:

1 – O Domingo Legal era uma espécie de continuação do Viva a Noite, programa que Gugu comandou com sucesso entre 1982 e 1992 no SBT. Muitos quadros da atração noturna acabaram sendo levados para as tardes de domingo, principalmente a disputa entre os times masculino e feminino, incluindo as provas dos desenhos, das taças e das bexigas, entre outras.

2 – A partir de 1996, o Domingo Legal passou a se destacar por fazer a cobertura de grandes acontecimentos, como as mortes dos integrantes da banda Mamonas Assassinas e do ex-tesoureiro de Fernando Collor, PC Farias. O programa dos Mamonas, única opção de informação em tempo real sem a existência da internet como conhecemos nos dias atuais, marcou 37 pontos de média e 47 de pico, detonando o Ibope da Globo.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


3 – A trilha do plantão do Domingo Legal, quando esses acontecimentos, geralmente trágicos, eram mostrados, causa arrepios em muita gente até hoje. Confira:

4 – Os fãs do programa paravam para acompanhar as previsões da Mãe Dinah, que ficou nacionalmente famosa após falar sobre a morte dos Mamonas Assassinas. Ela morreu em 2014, aos 84 anos.

5 – E o Táxi do Gugu? A criançada adorava! Gugu se disfarçava, se transformando nos mais variados tipos e pregava peças em anônimos e artistas. As músicas do quadro também estão fresquinhas na cabeça de quem assistia.

6 – E o Otávio Mesquita acordando os famosos? Depois de um tempo, essa função passou a ser da dupla ET e Rodolfo, que também fizeram outros quadros. O dia em que acordaram o Ratinho, então nova estrela do SBT, em 1998, foi épico. Relembre:

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


7 – Assim como o Domingão do Faustão, o Domingo Legal recebia diversas atrações internacionais. Shakira, por exemplo, participou do programa em diversas ocasiões, como em 1996 e 1997. Também estiveram no palco do programa nomes como Thalia, Ricky Martin, No Mercy, entre outros. Veja no vídeo:

8 – O Telegrama Legal, onde famosos e anônimos promoviam pegadinhas com seus conhecidos, era outro quadro muito famoso nos anos 1990.

9 – E quem não queria participar do Gugu na Minha Casa? O apresentador ia até a casa sorteada, de surpresa, e conduzia uma gincana na qual procurava por objetos e distribuía prêmios. Posteriormente, o quadro passou a mostrar as residências das celebridades.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


10 – Claro, não poderíamos deixar de fora da Banheira do Gugu, que era o ponto alto do programa. Em plena tarde de domingo, as câmeras davam closes ginecológicos nas beldades que apareciam no quadro, como Luiza Ambiel. Evidentemente, o Ministério Público entrou em ação e proibiu a exibição nessa faixa. Mas a guerra de sabonetes fazia a alegria dos marmanjos de plantão.



Leia também