De Maguila a Enéas: 10 pessoas que você nem sonhava que trabalharam no SBT - TV História

De Maguila a Enéas: 10 pessoas que você nem sonhava que trabalharam no SBT

Whatsapp

De Maguila a Enéas, relembre 10 pessoas que você não sabia ou não se lembrava que trabalharam no SBT.

Confira:

Britto Júnior

Contratado da Record por muitos anos, onde comandou A Fazenda e Hoje em Dia, entre outros, o jornalista, que também passou pela Globo, foi repórter dos telejornais da emissora, especialmente o TJ Brasil, em meados dos anos 1990.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Agildo Ribeiro

O saudoso humorista ingressou no SBT em 1993, onde comandou o misto de talk show e humorístico Não Pergunta Que Eu Respondo até meados de 1994. Sem repercussão, o programa não durou muito tempo.

Miéle

Em 1991, o saudoso Miéle foi contratado por Silvio Santos para apresentar o programa Cocktail, um game-show onde os participantes tiravam a roupa de acordo com as jogadas. O próprio Miéle admitiu que a atração foi um dos grandes erros de sua carreira.

Regina Duarte

Entre Sétimo Sentido (1982) e Roque Santeiro (1985), Regina Duarte fez a série Joana, uma espécie de nova Malu Mulher. A produção independente foi exibida pela Manchete e pelo SBT, mas não deu certo.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

César Tralli

O atual apresentador do SP1 era um dos repórteres do Aqui Agora (1991). O jornalístico é considerado o pai de atrações como Cidade Alerta e Brasil Urgente. Em 1993, Tralli foi para a Globo.

Maguila

Acredite se quiser: o comentarista de economia do mesmo Aqui Agora citado acima era o boxeador Adilson Rodrigues, o Maguila.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Enéas Carneiro

Várias vezes candidato à presidente, o saudoso médico Enéas Carneiro foi comentarista de política do Aqui Agora na década de 1990.

Levy Fidélix

Outro político que já passou pelas fileiras do canal de Silvio Santos. Antes de entrar no mundo eleitoral, Fidélix comandou o programa TV Informátika na emissora em 1985, por pouco tempo. Antes disso, também passou pela Band.

Luciano do Valle

Pouca gente se lembra, mas, em 2003, o saudoso narrador transmitiu um único jogo do Campeonato Paulista daquele ano pela emissora de Silvio Santos. Até existia o interesse do canal de contratá-lo em definitivo, mas ele foi para a Record.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Sérgio Chapelin

O ex-apresentador do Globo Repórter deixou a Globo em 1983 seduzido pela proposta do SBT para comandar um programa de auditório. Só que, apesar da boa audiência, a experiência no Show Sem Limite não foi bem-sucedida e ele voltou para a Globo em 1984.

Whatsapp


Leia também