Lutando contra leucemia, astro foi deixado de lado em novela da Globo

Whatsapp

Um dos principais problemas de Páginas da Vida, novela exibida pela Globo entre 2006 e 2007 e que está sendo apresentada pelo canal Viva, foi o excesso de personagens.

Labirinto

A trama marcou a volta de Buza Ferraz ao gênero depois de 11 anos, mas não deixou boas recordações para o veterano ator, que chegou a reclamar publicamente de seu personagem, como fizeram outros nomes do elenco. Anteriormente, ele estrelou produções como O Rebu e se destacou em Labirinto (foto acima).

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Ator despontou em O Rebu

Bete Mendes e Buza Ferraz em O Rebu

Nascido em 1950, no Rio de Janeiro (RJ), Buza estreou em novelas em Selva de Pedra (1972), mas ficou nacionalmente conhecido ao viver o personagem Cauê em O Rebu (1974).

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Depois, esteve em Brilhante (1981), O Amor é Nosso (1981), Final Feliz (1983), Louco Amor (1983), De Quina pra Lua (1985), Helena (1987), Kananga do Japão (1989), Pantanal (1990), Despedida de Solteiro (1992), Pedra sobre Pedra (1992) e História de Amor (1995), sua última novela antes de Páginas da Vida.

Nesse meio tempo, ele ainda esteve na minissérie Labirinto (1998), em papel de destaque.

Volta às novelas

Buza Ferraz e Ana Botafogo em Páginas da Vida

Na trama de Manoel Carlos, ele vivia Ivan Monteiro Telles, marido de Elisa (Ana Botafogo) e pai de Felipe (Armando Babaioff).

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Era advogado e cuidava de toda a parte legal dos empreendimentos familiares. Tinha uma boa relação com a mulher e também estava de olho no que o sogro, Tide (Tarcísio Meira), fazia com sua fortuna.

Os problemas começaram quando Antônio Calloni, também insatisfeito com seu personagem, pediu para deixar a trama. Gustavo acabou morrendo em um acidente de carro.

Buza Ferraz

Depois disso, o outro genro de Tide, Bira (Eduardo Lago), se entregou ao alcoolismo, em trama que alcançou destaque. Dessa forma, Ivan acabou praticamente sumindo da novela.

“Com a morte do Gustavo e o Bira indo para o alcoolismo, o meu personagem acabou ficando meio fora do ar, não sei o que houve. Há duas semanas ele apareceu, mas estava com outro perfil”, afirmou o ator ao jornal O Globo de 8 de outubro de 2006, sem esconder que estava chateado. “Mas sei que é assim mesmo: alguns personagens às vezes aparecem mais, às vezes menos”, emendou, resignado.

Mesmo assim, ele não perdeu o bom humor. Um exemplo foi quando comentou sobre a esposa na trama, que não via mais em cena.

“É engraçado, eu gravo pouquíssimo e, quando gravo, não é com a Ana. A gente se via quando todos se reuniam naquela mesa enorme do Tide. O Ivan tinha uma casa, que sumiu, e todos que trabalhavam com ele no escritório, o Gustavo, o Jorge, o Miroel, foram para o Centro de Cultura. Não sei nem se estou pagando o escritório sozinho”, brincou.

O que aconteceu com Buza Ferraz?

Buza Ferraz

Depois de Páginas da Vida, Buza ainda fez uma participação na temporada de 2008 de Malhação, como Marcos, além de pontas em programas e séries da Globo.

O ator, que também tinha grande atuação no teatro, morreu em 3 de abril de 2010, aos 59 anos. Ele, que lutava contra a leucemia havia 10 anos, passava o feriado em Teresópolis (RJ), quando sentiu um mal súbito.

Preocupados, seus familiares o levaram de volta ao Rio. Ao chegar ao Hospital Samaritano, em Botafogo, seu quadro piorou; ele sofreu três paradas cardíacas e não resistiu.

“Ele enfrentava a leucemia de uma maneira muito confiante”, relembrou o filho João Ferraz, em depoimento ao Jornal do Brasil.

Buza Ferraz, que era casado com Denise Maio e tinha cinco filhos, foi enterrado na mesma tarde no cemitério São João Batista, na capital fluminense.

Whatsapp


Leia também