O que acontece com Bárbara no final de Da Cor do Pecado? - TV História

O que acontece com Bárbara no final de Da Cor do Pecado?

Whatsapp

Em Da Cor do Pecado, linda, sexy, inteligente e dissimulada, Bárbara (Giovanna Antonelli) é capaz de realizar qualquer plano para atingir seus objetivos. Ela foi criada para ser uma princesa, mas, com a falência dos pais, Eduardo (Ney Latorraca) e Verinha (Maitê Proença), teve de buscar seus próprios meios para ter a vida que sonhou.

Namora Paco (Reynaldo Gianecchini) há anos, sem nunca ter gostado dele. Pelo contrário, até despreza seu jeito humilde. Só “investiu” no relacionamento esperando retorno financeiro. Bárbara tem em seu amante, Kaíke (Tuca Andrada), um cúmplice em seus planos. Paco, porém, nunca desconfiou da noiva.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Bárbara trabalha na Fundação Lambertini para estar próxima do futuro sogro, Afonso (Lima Duarte). Tenta, no papel de boa nora, aproximar pai e filho para usufruir da fortuna da família. Determinada a se casar com Paco, Bárbara está disposta a eliminar qualquer um que se interponha no seu caminho.

Ao saber que Preta (Taís Araújo) é uma ameaça aos seus planos, Bárbara não poupa esforços para separá-la de Paco. Após o acidente do noivo, cria o filho Otávio (Felipe Latgé) com a ajuda financeira de Afonso, sem assumir que o menino é filho de Kaíke. Para o milionário, o menino é seu neto.

Após muito aprontar e perder o amor de Paco, ela acaba se unindo a Tony (Guilherme Weber) para destruir a família Lambertini e ficar com sua fortuna.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

No entanto, ela não contava que seria alvo de uma vingança por parte de Paco. Após ser inocentado pelo assassinato de Afonso, o rapaz combina o golpe com a polícia e, com a ajuda de seu sósia (Marcelo Ferreira), começa a por em prática seu plano de enlouquecer Bárbara para fazer com que ela confesse todos os seus crimes.

Durante a noite, Paco diz estar vendo vultos no jardim, quando a luz é desligada. Com a desculpa de proteger a mulher, ele a leva para a cozinha. Paco a entrega uma arma carregada com munição falsa, sem que ela saiba, e a deixa sozinha, alegando que ali ela estará segura enquanto ele for atrás da pessoa que invadiu sua casa. Bárbara escuta o barulho de briga e pega o revólver. Ao ver o homem que pensa ser Paco, ela não tem dúvidas e dispara contra ele. Só depois percebe que atirou em Apolo. A luz é acesa com a chegada da polícia que leva Bárbara, transtornada e desolada com a morte de seu grande amor.

Na delegacia, a vilã deixa a máscara cair e revela todas as maldades e crimes que cometeu, como a troca dos exames de DNA, sua cumplicidade na morte de Afonso e o assassinato de noivo. Em uma sala ao lado, sem ser visto por ela, Paco assiste a tudo, com a satisfação de dever cumprido.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

No último capítulo da novela, Bárbara e Tony terminam sua trajetória de crimes. Eles escaparam da polícia, mas não conseguiram se livrar um do outro.

Tony sequestra Raí (Sérgio Malheiros) e exige a presença de Paco e Bárbara. O vilão troca o menino pelos dois e foge. De helicóptero, ele consegue chegar até a colina com seus dois novos reféns. Sem mais nada a perder, Tony espera pelo menos se vingar de Paco.

“Não, Paco, aqui, no alto desta colina, nós três vamos viver um grande momento de nossas vidas. Quer dizer, você vai viver um momento ainda mais intenso e emocionante do que nós. É uma pena, um homem tão bonito, tão rico, tão inteligente ser vencido por outro pobre, feio, ignorante, mediano feito eu”, ele discursa.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O plano seria perfeito se Bárbara mais uma vez não o traísse. Em vez de atirar, Tony entrega a arma à mulher para que ela faça o serviço. É o seu maior engano.

Decidida, Bárbara mata o próprio marido e depois se suicida, jogando-se do penhasco. Paco ainda tenta evitar, mas não consegue. Antes disso, ela pede perdão por tudo de mal que causou.

Whatsapp


Leia também