Ex-BBB vendeu tudo que tinha para tratar câncer: “Comecei a definhar”

Whatsapp

Ex-participante do Big Brother Brasil 3, o modelo e fotógrafo Paulo Carotini ficou conhecido por ser o primeiro eliminado da temporada. Recentemente, ele decidiu vender tudo o que tinha para tratar de um câncer que o deixou sem voz.

Juliana e Paulo no BBB3

Paulo Carotini entrou para a terceira edição do reality, recentemente reprisada no canal Viva, por escolha popular – ao lado da atriz Juliana Alves, então estudante de serviço social. Os dois se juntaram aos 12 participantes selecionados pela produção.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Primeiro eliminado

Paulo Carotini

Leia mais

De ascendência italiana, Paulo, que também havia atuado como jogador de polo aquático, revelou que a inscrição para o programa veio como uma forma de curar a dor de cotovelo causada por um fora que levou da ex-namorada.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Mulherengo, Carotini prometeu não fugir da raia caso pintasse algum interesse especial dentro da casa e afirmou ter uma “arma secreta” para a inevitável berlinda.

“Na hora do aperto, já tenho um triunfozinho, vou pedir uma ajuda”, avisou ele no portal Globo.com.

O brother, porém, nem teve tempo de desfrutar dos privilégios de estar confinado na casa mais vigiada do país… Com sete votos, ele foi indicado para o primeiro Paredão, com eliminação dupla. Paulo Carotini saiu com 55% dos votos, assim como Samantha, que levou 79%.

Susto com doença

Paulo Carotini

Há sete anos, Paulo foi diagnosticado com um câncer na garganta. Ele teve que passar por um longo tratamento, que quase o vitimou. Carotini contou em entrevista à revista Quem, de 7 de março de 2022, que descobriu a doença após notar um caroço no pescoço:

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

“Nunca pensei que fosse ter câncer. Até que a biópsia revelou que eu estava com um tumor maligno na garganta. Me senti muito mal e desabei”.

O câncer, conforme informou o responsável pelo tratamento do ex-BBB, possuía caráter agressivo, podendo atingir o cérebro, o esôfago ou os pulmões.

“O médico me disse que teríamos que agir muito rápido para evitar que esse câncer se espalhasse. Eu tinha um tumor maligno na base da língua e estava com uma metástase muito séria no pescoço”, lembrou.

“Fiquei com muito medo. Fui para a mesa de operação acompanhado de vários riscos. Tive uma certa complicação, porque eles abriram 180 graus no pescoço e, por sorte, eu tinha só uma glândula infectada, extraíram a metástase. Depois de 15 dias, eu extraí o tumor maligno na base da língua. Fiquei sem poder falar”, concluiu.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Prejuízo financeiro em prol da saúde

Paulo Carotini

Após essa cirurgia, Paulo Carotini teve um sangramento na garganta que o fez ser operado mais uma vez às pressas:

“Foi muito difícil. Eu poderia ficar sem a fala, ter algum problema neurológico. Fiquei sem mexer o braço direito, porque machucou um nervo. Mas minha primeira preocupação era manter o meu pescoço e não prejudicar minhas cordas vocais”, recordou.

“Comecei a definhar, emagrecer. O câncer vai minando você, vai acabando com a sua existência”, completou o ex-BBB.

Após essa experiência, o ex-BBB encontrou no esporte o caminho para sua recuperação e, numa medida radical, vendeu tudo que possuía para continuar o seu tratamento, iniciado no Hospital do Câncer, no Rio de Janeiro, onde ele residia na época.

“Sou atleta, e tudo que eu queria era voltar à minha vida normal e recuperar a minha condição física. Comecei a me alimentar melhor, ganhar peso, caminhar e correr. (…) Fui me recuperando muito bem. Muito rapidamente eu voltei à forma e meu braço voltou a funcionar. Em seis meses, eu estava recuperado. O esporte me salvou. Decidi morar em Portugal e andar de moto na Europa com a Lica (com quem era casado). Vendi tudo o que eu tinha e fui morar em Portugal, e lá eu continuei meu tratamento”.

Completamente curado, Paulo retornou ao Brasil após atuar em campanhas publicitárias, desfilando na São Paulo Fashion Week. Atualmente com 52 anos, ele trabalha como corretor de imóveis.

Em uma live no Instagram com o colega de edição Emilio Zagaia, ele celebrou por, após enfrentar um ciclo difícil, estar recomeçando a vida aos 52 anos:

“Foi um encerramento de um ciclo difícil que consegui vencer. Estou recomeçando. Sempre é tempo de recomeçar”.

Whatsapp


Leia também