Fora da TV, ex-atriz da Globo desabafou sobre carreira: “Faça medicina”

Whatsapp

Considerada uma das atrizes mais bonitas e elegantes da TV brasileira, ela nasceu Maria Beatriz Parpinelli Seidl, mas é reconhecida nacionalmente por Bia Seidl. A atriz, atualmente com 60 anos, é carioca, descendente de austríacos e italianos.

Bia Seidl

Começou a estudar arte e atuação logo cedo e sua estreia na dramaturgia foi no início da década de 80, pelas mãos de Sílvio de Abreu, em Jogo da Vida.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Em 1982, esteve na primeira versão de Paraíso, como Edith. Em Louco Amor (1983), se destacou como Luciana e foi Gláucia, a irmã rancorosa e invejosa de Jô Penteado, no sucesso A Gata Comeu.

“Não sou saudosista, e o ritmo das cenas me incomoda um pouco, era outra época. Não me reconheço. Na verdade, acho estranho, não assisto. Mas é uma jovem começando carreira, intuitiva. Tenho carinho pelo trabalho”, declarou a atriz, em 2016, ao site Notícias da TV, quando a trama estava sendo reprisada pelo Viva.

Ainda esteve em Dona Beija (Manchete – 1986), Tudo ou Nada (Manchete – 1987), Mandala (1987), Vale Tudo (1988), O Sexo dos Anjos (1989), Mico Preto (1990), Vamp (1991), Perigosas Peruas (1992), começando então a diminuir seus trabalhos na TV.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Saída da Globo e luta contra o câncer

O Sexo dos Anjos

Protagoniza sua primeira novela no SBT, como Pola, em Sangue do Meu Sangue (1995), e continua na emissora em Os Ossos do Barão (1996).

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Em 2001, integra o elenco de Malhação em sua oitava temporada. No mesmo ano, descobre um câncer de mama e se submete a uma mastectomia total. Volta ao SBT em Jamais te Esquecerei (2003).

Graças a sua atuação brilhante na peça O Mistério do Fantasma Apavorado, de Walcyr Carrasco, além de vencer os prêmios de Melhor Atriz da APCA e Troféu Coca-Cola, foi convidada imediatamente pelo autor para um papel de destaque em Alma Gêmea, que está em exibição no Viva.

Destaque em Alma Gêmea

Alma Gêmea

Seidl foi Vera, irmã de Rafael (Eduardo Moscovis), sua grande amiga e conselheira. Mulher bondosa, justa e sensata, ajuda a todos à sua volta, como Olívia (Drica Moraes) que tem em Vera uma amiga e confidente.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Solteira e independente, não sabe lidar muito bem com os próprios sentimentos, tendo um humor sarcástico. Apesar de gostar de Serena (Priscila Fantin) e torcer pela felicidade do irmão, é completamente cética à reencarnação de Luna (Liliana Castro).

Vera tem um romance discreto com Eduardo (Ângelo Antônio), que é casado com Alexandra (Nívea Stelmann). No entanto, ela adoece gravemente ao longo da história.

Atendendo convite de Aguinaldo Silva, Bia voltou à Globo em 2007, em Duas Caras, e ainda integrou os elencos de Paraíso (2009), Insensato Coração (2011) e Lado a Lado (2012).

Por onde anda Bia Seidl

Bia Seidl

Na sequência, viveu a diabólica Débora Montana, em Apocalipse (2017 – Record) e, em 2018, atuou em Valor da Vida, na TVI, de Portugal. Também participou da série Coisa Mais Linda (Netflix – 2020), seu último trabalho no vídeo até o momento.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Bia tem participações no teatro e cinema nestes 40 anos de carreira. Atualmente tem se dedicado, também, a ministrar cursos de interpretação e atuando no teatro.

“Retomei meu teatro, onde a gente tem como verticalizar e [fazer] um aprimoramento constante a cada dia. Na TV ou no cinema, estamos a serviço das máquinas. Mas não é menos estimulante por isso”, destacou ao Notícias da TV.

Na mesma entrevista, ela disse qual conselho daria para si mesma há 30 anos, quando estava em A Gata Comeu:

“Faça medicina. Prefiro deixar as conclusões para o leitor”, disparou.



Leia também