Estrela da Globo travou luta secreta contra o alcoolismo: “Conseguia disfarçar”

Whatsapp

Há quase 10 anos, o Brasil perdia o talento de Marcos Paulo. Galã de inúmeras novelas da Globo, também atuou fortemente nos bastidores, sendo diretor de produções e de núcleo da emissora.

O Primo Basílio

Além de lutar contra um câncer no esôfago, que acabou causando sua morte, aos 61 anos, o artista também enfrentava outro inimigo que o assombrava: o alcoolismo.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

A revelação foi feita pela viúva de Marcos Paulo, Antonia Fontenelle, ao programa Hora do Faro, em setembro de 2019.

Leia mais

“Ele lutou dois anos contra o câncer. O Marcos era um menino, Rodrigo, mas o Marcos era alcoólatra. As pessoas pensam que a minha luta com o Marcos foi nos dois últimos anos com o câncer. Mas, durante sete anos, foi isso. Nos seis primeiros meses, ele conseguia disfarçar, mas depois não. É uma doença. Estive ao lado dele o tempo inteiro”, confessou a atriz, envolvida em muitas polêmicas nas redes sociais nos últimos tempos.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Batalha judicial

Marcos Paulo e Antonia Fontenelle

Neste caso, ela falava sobre a batalha judicial contra a filhas do astro, além de afastar rumores de que queria apenas o dinheiro dele.

“O que eu ouvi que mais me magoou é que eu estava com ele pra dar golpe, pra fazer novela e a coisa do interesse”, rebateu.

Após decisão da Justiça, Fontenelle recebeu R$ 25 milhões da polpuda herança de Marcos Paulo.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Trabalhos de destaque

Despedida de Solteiro

Como ator, ele brilhou em tramas como Minha Doce Namorada, Carinhoso, Corpo a Corpo, Sinhá Moça, Brega & Chique, Tieta, Meu Bem, Meu Mal, Despedida de Solteiro, Quatro por Quatro e Páginas da Vida, atualmente em exibição pelo canal Viva.

Como diretor, deixou sua marca em obras como Dancin’ Days, Roque Santeiro, Fera Ferida, A Indomada, Força de um Desejo, Porto dos Milagres, O Beijo do Vampiro, Começar de Novo e Desejo Proibido, entre outras.

Marcos Paulo morreu em 11 de novembro de 2012, em sua casa, no Rio de Janeiro (RJ), vítima de embolia pulmonar.

Whatsapp


Leia também