Demitidos: após 53 anos, Tarcísio Meira e Glória Menezes não resistem à crise da Globo - TV História

Demitidos: após 53 anos, Tarcísio Meira e Glória Menezes não resistem à crise da Globo

Os cortes continuam na Rede Globo. Após não renovar os contratos de nomes como Renato Aragão, Vera Fischer, Miguel Falabella, Zeca Camargo, José de Abreu e muitos outros, a emissora surpreendeu ao dispensar dois dos maiores talentos de sua história nesta sexta (11).

Tarcísio Meira, 84 anos, e Glória Menezes, 85, não tiveram seus contratos renovados com a Globo após mais de 50 anos de casa.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


Estrelas da TV Excelsior, eles foram contratados em 1967 para protagonizarem a novela Sangue e Areia na então iniciante Globo, que tinha apenas dois anos de vida.

Ambos atuaram juntos em diversas tramas, como Irmãos Coragem (1970), Espelho Mágico (1977), Torre de Babel (1998) e A Favorita (2008), e chegaram a ter sua própria série, Tarcísio e Glória, em 1988 – a produção não vingou como o esperado e foi cancelada.

A última participação de Tarcísio na telinha foi em Orgulho e Paixão, em 2018, enquanto Glória está fora do vídeo desde Totalmente Demais, de 2015.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


A perda do contrato fixo, no entanto, não significa que ambos não possam mais atuar nas produções do canal. Apenas o regime de trabalho que seria diferente, por contrato pontual, como a Globo tem feito nos últimos tempos.

“Tarcísio Meira e Gloria Menezes, com quem tivemos uma longa parceria de sucesso, têm abertas as portas da empresa para futuros projetos em nossas múltiplas plataformas. Assim, em sintonia com as transformações pelas quais passa nosso mercado, a Globo vem adotando novas dinâmicas de parceria com seus talentos”, informou nota da emissora.



Leia também