De Antônio Fagundes a William Waack: 9 pessoas que você não sabia que trabalharam na Cultura



1 – Antônio Fagundes

O ator, paralelamente ao seu trabalho na Globo, esteve em duas oportunidades na Cultura: entre 1981 e 1984, apresentou o game show É Proibido Colar ao lado de sua então esposa, Clarisse Abujamra. Em 1991, foi gentilmente cedido pela Globo, ao lado de Gianfrancesco Guarnieri, para o sucesso Mundo da Lua.

2 – Walmor Chagas

O consagrado ator foi o primeiro apresentador do game show Quem Sabe, Sabe, em 1981. Pouco depois, entregou o comando para Randal Juliano, que apresentou a atração durante quase toda a década de 1980.

3 – Carlos Nascimento

O jornalista deixou a Globo para ingressar na Cultura, onde foi o primeiro âncora da televisão brasileira no Jornal da Cultura. Ficou um ano na casa e, em seguida, foi para a Record.

4 – William Waack

Quem assumiu o lugar de Carlos Nascimento no Jornal da Cultura foi William Waack, atual apresentador do Jornal da Globo.

5 – Marcelo Tas

O jornalista esteve em duas produções de sucesso da emissora: os infanto-juvenis Rá-Tim-Bum (1990), onde era o Professor Tibúrcio, e o Castelo Rá-Tim-Bum (1994), onde era o Telekid.

6 – Serginho Groisman

O apresentador comandou o Matéria Prima, espécie de pai do Programa Livre (SBT) e avô do Altas Horas (Globo). A atração foi exibida entre 1990 e 1991 e chamou a atenção do público e da crítica.

7 – Renata Ceribelli

Vinda do interior de São Paulo, a jornalista se destacou no comando do Vitrine no começo dos anos 1990 e de lá foi para a Globo.

8 – Marília Gabriela

A jornalista teve uma passagem no comando do Roda Viva entre 2010 e 2011.

9 – Maria Júlia Coutinho

Atual apresentadora da previsão do tempo do Jornal Nacional, a popular Maju começou como estagiária na Cultura. Na casa, ela apresentou telejornais como Cultura Meio-Dia e Jornal da Cultura. Em 2007, foi para a Globo (na foto, em 2010).





Leia também