Confira o resumo de todos os capítulos de Jesus



Confira abaixo o resumo de todos os capítulos de Jesus, novela da Record que será reprisada a partir de 14 de abril:

Capítulo 1
Em Jerusalém, uma multidão de pessoas joga pedras em Jesus, que passa carregando a cruz. Cristo é açoitado por soldados romanos. Caifás o olha com ódio e desprezo. Maria Madalena sofre ao ver a cena. Pedro fica aterrorizado. Maria, impotente, observa a crucificação do próprio filho. O centurião romano Petronius também sofre olhando a cruz. Do palácio de Herodes, Pôncio Pilatos olha pela janela, angustiado. Enquanto Jesus está pregado na cruz, a terra começa a tremer e o céu se enfurece. Simeão explica a origem da humanidade para os pequenos Barrabás e Simão Zelote. O Sumo-sacerdote Anás, auxiliado pelo levita Caifás, recebe as ofertas dos judeus perfilados. Isaque, pai de Barrabás e Simão, tenta argumentar com o líder religioso sobre os tributos pagos, mas não tem sucesso. Judas Galileu se apresenta a Isaque. Uma grande movimentação de transeuntes toma conta do Templo da cidade de Jerusalém, um ano antes de Cristo. Herodes, O Grande, é o rei da Judeia. Em seu palácio, ele discursa de maneira paranoica na presença dos filhos, Arquelau e Antipas. Judas Galileu inflama Isaque ao falar mal de Herodes e do sumo sacerdote Anás. Caifás diz que o rei não se importa com as leis de Deus. Simão fala sobre o Messias com os meninos Barrabás e Simão Zelote. Em uma casa humilde, a jovem Maria de Nazaré recebe uma flor do noivo José. No palácio, Herodes é avisado sobre a ação de judeus rebeldes. Furioso, o rei da Judeia manda chamar o Sumo-sacerdote. O soldado romano Petronius, com outros oficiais, conduz o camponês judeu Alfeu, obrigando-o a carregar um pesado fardo. Um grupo de rebeldes judeus observam e se preparam para atacar. Enquanto retira água do poço, Maria de Nazaré encontra com Miriam e Asisa. Petronius e os outros soldados romanos são atacados pelo grupo de judeus rebeldes. Herodes manda Anás fazer algo contra os revoltosos. Maria, Mirian e Asisa se espantam ao verem Petronius sendo arrastado por um cavalo. Maria decide ajudar o soldado romano. Anás encontra Caifás e fala sobre a ordem de Herodes. O Sumo-sacerdote avisa que o rei quer a cabeça do líder dos judeus rebeldes. Petronius agradece a ajuda de Maria e tenta beijá-la. Indignada, ela lhe acerta um tapa. Os outros soldados chegam e levam Petronius. Asisa chama Maria de devassa e traidora. Simeão encontra o jovem Nicodemos. Eles veem um falso Messias e Simeão diz que não é o verdadeiro Salvador. Em Nazaré, Maria é observada pelo anjo Gabriel. Judas Galileu é denunciado por um judeu informante. Asisa encontra seu pai, Efraim. Ela mente e diz que Maria foi beijada pelo soldado romano. Maria dá satisfação aos pais Joaquim e Ana. Inconformado com a cobrança abusiva de impostos, Isaque diz a Barrabás que é preciso agir. Anás conta a Tribuno sobre a presença de Judas Galileu em Jerusalém. Alfeu, marido de Mirian, procura José. Maria diz a verdade para os pais. Sula critica a irmã. Alfeu tenta acalmar José, mas ele sai andando. Petronius ordena que prendam os corpos dos rebeldes mortos nas árvores. Asisa fica contra Maria e ela quase é linchada pelas pessoas. Petronius e os outros soldados retornam à Jerusalém. José chega e questiona a noiva. Mirian surpreende a todos e diz que Maria é inocente. José fica do lado de Maria e critica a atitude de Efraim. Joaquim agradece o apoio do genro. Em Jerusalém, Isaque caminha com a esposa e os filhos, Barrabás e Simão Zelote, pelas ruas. Joaquim diz que Judas Galileu partiu com os rebeldes para Jerusalém. Isaque tranquila a família dizendo que vai arrumar um trabalho logo. Maria e José trocam juras de amor. Petronius chega em Jerusalém. Cívia pede para Barrabás não dizer nada sobre a missão de Isaque. Caifás avisa que os rebeldes agirão em breve. Em conversa com Petrônius, Tribuno diz que está sendo informado por Anás e Caifás. José trata Maria com carinho. Simeão fala sobre a vinda do Messias. Sombrio, Satanás observa a cidade de Jerusalém. O anjo Gabriel para em frente à casa de Maria e se depara com o Satanás. Maria desperta e vê uma luz entrando no quarto. Assustada, ela se encontra com Gabriel. O anjo avisa que Maria dará à luz a um menino que se chamará Jesus.

Capítulo 2
O Anjo Gabriel diz que Maria foi escolhida por Deus para trazer o Messias ao mundo. Em conversa com Tribuno, Petronius fala com admiração sobre o encontro com Maria em Nazaré. Cívia pede para o marido não seguir na missão com os rebeldes, mas ele se mostra decidido. Isaque se encontra com Judas Galileu. Temendo a força de Roma, Herodes dá uma bronca em Arquelau e Antipas. Barrabás acorda no meio da noite e vai atrás de Isaque. Simão Zelote segue o irmão e acaba entrando em uma estrebaria. O menino acaba provocando um incêndio no local e cai sobre as palhas. Simeão encontra Barrabás perdido na rua. Cívia nota a ausência dos filhos e se desespera. Petronius consegue salvar a vida de Simão Zelote. Caifás procura Tribuno e avisa sobre a ação dos rebeldes judeus. Judas Galileu, Isaque e os outros entram no palácio de Herodes, mas acabam capturados. Maria se emociona ao lembrar do encontro com o anjo. Herodes é avisado sobre a captura dos rebeldes e ordena a morte do único sobrevivente. Simeão fala sobre a vinda de Messias para Barrabás. Cívia reencontra o filho. Maria não consegue dizer a verdade a José. Judas Galileu avisa que capturaram Isaque. Cívia e os filhos se apavoram. Maria tenta revelar o ocorrido para Ana, mas é interrompida por Sula. Barrabás se desespera ao ver o pai amarrado a um poste, prestes a ser queimado. Isaque enfrenta Tribuno e Petronius. Ele é queimado vivo. Arquelau critica o posicionamento de Herodes perante os romanos. Inconformado, Barrabás questiona os sacerdotes do Templo. Herodes premia Anás por ter delatado o ataque dos rebeldes. Petronius apresenta sua irmã, Cassandra, a Tribuno. Barrabás diz que se vingará de Petronius. Eles são observados por Satanás. Maria conversa com Ana e diz que recebeu a visita de um anjo. Petronius fala sobre Maria com Cassandra. Emocionada, Ana apoia Maria. Um mensageiro procura por Maria para lhe entregar encomenda. Asisa finge ser melhor amiga da moça e pede ao mensageiro para lhe entregar o pacote. Ana dá forças para Maria. José se despede de Alfeu. Sula acusa Maria de estar mentindo. Ana pede para falar a sós com Joaquim. Maria sai de casa, angustiada. Petronius leva Cassandra até a festa de Herodes. Asisa procura José e mostra o presente enviado para Maria. Satanás os observa. José se descontrola e arranca o vestido das mãos de Asisa. Arquelau se oferece para apresentar o palácio à Cassandra. Petronius impede a ação do rapaz. Ana diz para Joaquim que é preciso apoiar Maria. Sula esbraveja e diz que se casará logo com Zebedeu para viver longe de Maria. Arquelau questiona a atitude de Petronius e saca sua espada. Maria encontra José e ele diz que precisa ter uma conversa.

Capítulo 3
Maria nega a história contada por Asisa e diz amar José. Tribuno ordena que Petronius abaixe a espada. Arquelau o provoca. Herodes lamenta o término do impasse. Maria conversa com José e fala a verdade sobre o encontro com o anjo Gabriel. José fica chocado ao saber que a noiva está grávida. Desesperada com a morte de Isaque, Cívia tenta acalmar Simão Zelote e Barrabás. José não acredita em Maria e ela vai para casa chorando. Ana aconselha a filha a se mudar para a casa de Isabel e Zacarias. Na região montanhosa da Judeia, Isabel, que está grávida, recebe a ajuda da serva Elza. Ela troca palavras de amor com o marido Zacarias. Cívia decide pedir ajuda. Joaquim se irrita com as palavras de Sula sobre Maria e José. Ana avisa que a filha ficará na casa de Isabel e Zacarias. Maria discute com Asisa. Tribuno diz que precisou transferir Petronius de cidade. Antipas fica sem saber o que fazer diante da crueldade de Herodes e Arquelau. Joaquim diz que a filha é inocente e pede para José ter paciência em sua decisão. Maria encontra com Mirian e revela que está grávida. Joaquim chega em casa e fala sobre o encontro com José. Maria agradece o apoio de Mirian. Petronius se despede de Cassandra. Cívia e os filhos vão até a hospedaria de Saul. Ela pede ajuda ao tio, mas ele exige o trabalho de todos para acolhe-los. Maria deixa Nazaré e parte para a casa de Isabel e Zacarias. Petrônius deixa Jerusalém. Grávida já com certa idade, Isabel tenta conversar com o marido Zacarias, mas ele não consegue falar. Ela recebe o auxílio da serva Elza. Petrônius encontra soldados romanos no caminho. José não dá atenção à Asisa e pede ao amigo Alfeu para ficar sozinho. Isabel recebe Maria em sua casa. Ela fala do encontro com o anjo Gabriel e diz estar grávida do Messias. Isabel se emociona e diz que sua gravidez também foi obra do Senhor. José trabalha sofrendo com as lembranças. Isabel conta sobre o dia que Zacarias ficou mudo por ter duvidado do anjo. Sula se casa com Zebedeu. Herodes manda prender o próprio médico no calabouço. José diz ao amigo Alfeu que deixará a cidade. Ele é surpreendido pela presença do anjo Gabriel.

Capítulo 4
José se emociona ao ouvir as palavras de Gabriel. Isabel entra em trabalho de parto. Maria a apoia. José parte para em busca de Maria. Nicodemos, Simeão, Anás e Caifás falam sobre os rebeldes judeus. Saul dá em cima de Cívia, a própria sobrinha. Ana diz que José é um homem bom. Mirian se preocupa com Maria. Isabel dá à luz o bebê João. Caifás pede para continuar sendo informado. Herodes humilha seu servo. José segue em direção à casa de Isabel e Zacarias. Barrabás diz que se vingará de Saul. Arquelau e Antipas pedem para Herodes beber menos. Milagrosamente, Zacarias volta a falar. Herodes sofre com sua paranoia. Maria e José se reencontram. No oriente, o mago Baltazar avisa ao seu soberano sobre a chegada de um novo rei que mudará a humanidade. José pede perdão à Maria. Baltazar segue a procura do novo rei. Maria e José retornam à Nazaré. Baltazar segue pelo deserto. Efraim e Asisa falam mal de Maria e José. Mirian reencontra Maria. Baltazar encontra Gaspar no deserto e seguem juntos. Maria e José trocam juras de amor. Gaspar e Baltazar seguem juntos na missão. Maria e José tomam café da manhã em clima de romance. Efraim difama Maria. Simeão estranha a rebeldia de Barrabás. José perde alguns clientes e passa dificuldades no ofício de carpinteiro. Alguns dias se passam e Maria apoia José. Antipas alerta para a insatisfação do povo em ser governado por Roma. Simeão diz que o povo está sofrendo em Jerusalém. Asisa provoca Maria e Mirian. José sofre com a cobrança de impostos. Mirian apoia Maria. Alfeu reclama da cobrança abusiva de impostos. Herodes manda matar seu médico. José e Maria são surpreendidos por um grupo de pessoas ateando fogo na casa.

Capítulo 5
A casa de Maria e José começa a pegar fogo. Satanás observa, satisfeito. José protege Maria e a conduz para fora da casa. Ana e Joaquim se desesperam com o incêndio. José e Maria se salvam. Joaquim fica espantando ao saber que tentaram os queimar vivos. José decide se mudar com Maira para a casa de Sula e Zebedeu, em Belém. Revoltados com a interferência de Roma, os judeus seguem para protestar no palácio de Herodes. Barrabás rouba um comerciante nas ruas. Os revoltosos chegam ao palácio. Maria avisa que deixará Nazaré. Efraim e Asisa falam sobre o incêndio. Judas Galileu lidera os judeus. Herodes manda executarem todos. Barrabás segue para o tumulto. Os soldados de Herodes atacam os rebeldes. Arquelau lidera os soldados. Barrabás é golpeado. Maria se despede de Mirian. Simeão se espanta com a destruição na frente do palácio. Ele encontra Barrabás desacordado e o ajuda. José e Maria se despedem de Ana e Joaquim. Barrabás desperta e corre para procurar Simão. Enquanto viajam, Maria e José avistam Judas Galileu sendo capturado. Barrabás reencontra Simão Zelote. Baltazar e Gaspar encontram Melchior no deserto e seguem viagem juntos. José e Maria param na cidade de Betania para descansarem. Judas Galileu é condenado à morte por crucificação. Na cidade de Betania, José e Maria são recebidos na casa de Adela, Abiel e as filhas Marta e Maria de Betania. Todos se emocionam ao saberem do encontro de Maria com o anjo. Barrabás observa a crucificação de Judas Galileu. O satanás aparece atrás do menino. Maria e José agradecem a acolhida de Adela e Abiel. Simeão observa a maneira grosseira como Saul trata Cívia. José e Maria chegam à casa de Sula. Eles são colocados junto aos animais. Herodes reclama dos ferimentos na pele. Zebedeu estranha a atitude de Sula. Os magos seguem pelo deserto. Os meses passam e José e Maria se adaptam à vida em Belém. Nos campos, um pastor de ovelhas estranha o brilho intenso de uma estrela. Maria começa a sentir as dores do parto.



Capítulo 6
José corre para pedir ajuda. Nos campos, um pastor de ovelhas estranha o brilho intenso de uma estrela. Sula ajuda Maria no parto. José ora a Deus. Melchior, Baltazar e Gaspar seguem pelo deserto. Herodes reclama da preocupação dos filhos. Sula passa mal e José ajuda Maria no parto. O anjo Gabriel anuncia a chegada do Messias. Uma chuva de estrelas-cadente risca o céu. Nasce o menino Jesus. Simeão sorri ao ver a estrela brilhando forte. Sula fica aliviada. Barrabás vê a estrela, intrigado. Maria e José se emocionam. Nos campos, o anjo e os pastores observam a chuva de estrelas. Sula passa mal novamente ao ver sangue. José diz amar Maria. Zebedeu diz para Sula ir descansar. Alguns pastores vão até José e Maria. Eles falam do encontro com o anjo. O dia amanhece e Gabriel vai ver o menino. Ana e Joaquim se preocupam com a filha. Maria cuida do pequeno Jesus. Os pastores comentam sobre o nascimento do Messias. Zacarias e Isabel cuidam do bebê João. Jesus é circuncidado. A caravana de Belchior, Gaspar e Baltazar se aproxima de Jerusalém. Em Belém, todos admiram o bebê Jesus. Maria e José levam Jesus para ser apresentado no templo em Jerusalém. Os magos chegam na cidade. Herodes descansa em sua piscina com duas concubinas. No Templo de Salomão, Nicodemos conversa com Hanna, uma profetisa idosa. José pede a Barrabás para vigiar sua mula. José compra uma pomba para ofertar a Deus. Nicodemos se despede de Hanna. José e Maria se colocam diante de Anás. Simeão vê a pomba sobrevoando Jesus e se aproxima. Ele segura o bebê e ora a Deus. Herodes é avisado sobre um movimento estranho na cidade. Baltazar, Belchior e Gaspar seguem para o palácio. Simeão e Hanna dizem que Maria precisa ser forte. Baltazar flagra Barrabás roubando. Simeão fala para Caifás e Anás sobre o nascimento do Messias, mas não é levado a sério. Nicodemos fica intrigado. Baltazar livra Barrabás de ser apedrejado. Em Belém, Sula sente as dores do parto. José e Maria deixam Jerusalém. Baltazar, Melchior e Gaspar se encontram com Herodes. Os magos falam sobre a chegada de um novo rei.

Capítulo 7
Herodes ri ao perceber que os magos falam sobre a chegada de um Messias. Zebedeu corre para chamar alguma parteira. Maria fica mexida com as palavras de Simeão. Anás e outros sacerdotes são chamados por Herodes para esclarecer as informações dos magos. Eles falam que as profecias dizem que o Messias nascerá em Belém. Herodes manda os três magos seguirem para Belém. Sula dá à luz um menino. Baltazar, Melchior e Gaspar chegam a Belém. Herodes é perturbado por Satanás. Sula fica com ciúmes de toda a atenção dada ao bebê de Maria. Barrabás cuida do pequeno Simão Zelote. Baltazar, Melchior e Gaspar chegam à frente da casa de Sula e são recebidos pelo anjo Gabriel. José e Maria estranham a visita dos três magos. Antipas e Arquelau seguem para atender ao chamado de Herodes. Na manjedoura da casa de Sula, Baltazar, Melchior e Gaspar conhecem o pequeno Jesus. Sula parece não acreditar que Jesus é o Messias. Os magos presenteiam o menino Jesus. Arquelau e Antipas se assustam com a ordem de Herodes. Baltazar, Melchior e Gaspar se recusam a voltarem para Jerusalém, temendo Herodes. Maria e José fazem planos ao lado de Jesus. Soldados de Herodes seguem pela estrada em direção à Belém. Gabriel aparece diante de José a visa que eles precisam fugir com Jesus para o Egito, pois Herodes quer matar o menino. Os soldados chegam na cidade para aniquilar todos os bebês. Sula se recusa a partir com José e Maria. Um soldado os flagra fugindo e levanta a espada para matar Jesus. Sula e Zebedeu percebem que os soldados estão se aproximando. O anjo Gabriel impede que Jesus seja atacado e manda José e Maria fugirem com o bebê. Antipas parece não acreditar na ordem dada pelo pai de matar crianças inocentes. Os soldados invadem a casa de Sula. Um bebê é poupado por ser uma menina. Um dos soldados se arrepende do que fez. José e Maria seguem em direção ao Egito.

Capítulo 8
Quatro anos depois, no Egito, Maria e José cuidam do pequeno Jesus. Com eles Tiago Justo e José Filho, os dois irmãos de Jesus. Herodes tem uma crise e é salvo pelo servo. Ele ordena um massacre. Nicodemos e Caifás comentam sobre as atrocidades cometidas por Herodes. O rei faz mudanças em seu testamento e diz que sua hora está chegando. Maria diz sentir saudades de Ana e Joaquim. Arquelau é avisado sobre o estado de saúde de Herodes. Na região montanhosa da Judeia, Zacarias e Isabel recebem o auxílio da serva Elza na criação do pequeno João Batista. Arquelau vê Herodes nas últimas e se aproxima. Ele provoca o pai e diz que conquistará a confiança do povo. Impotente, Herodes fica furioso e morre. O Satanás observa a cidade. Um oficial anuncia a morte de Herodes. Os judeus comemoram nas ruas. A notícia chega ao templo. Tribuno manda avisarem à Roma. No calabouço do palácio, Barrabás, já maior, é libertado junto com os outros prisioneiros. Antipas é avisado sobre a morte do pai e perguntas quando será lido o testamento. Barrabás reencontra Simão e descobre que Saul vendeu Cívia como escrava. O testamento de Herodes é lido. Antipas fica decepcionado e pede para falar a sós com seu irmão, Arquelau. Barrabás se encontra com Saul e o ameaça com uma faca. Antipas ameaça Arquelau, mas não tem coragem de mata-lo. Barrabás encontra Simão e diz que precisam fugir. Simeão e Hanna se perguntam sobre o paradeiro do Messias. Barrabás diz que ele e o irmão nunca mais verão a mãe. Gabriel aparece diante de José e diz que chegou a hora de voltarem à Israel. Arquelau recebe alguns judeus e se revolta. Ele ordena a morte de todos no templo. Satanás observa, satisfeito, a matança. José, Maria e os filhos encontram um pastor no caminho. Eles ficam sabendo da matança ocorrida no templo de Jerusalém e são alertados para a crueldade de Arquelau. Eles seguem para Nazaré. Alguns dias se passam e eles reencontram Ana e Joaquim. Maria descobre que Sula não conseguiu salvar seu bebê. A irmã de Maria avisa que está esperando outro filho. Anás reclama do governo de Arquelau. Maria trata Sula com carinho. Mirian escuta Asisa falando mal de Maria e joga lama nela. Sula diz que é melhor ficar longe de Maria. Joaquim agradece a Deus pela volta da filha. Vinte e seis anos se passam. João Batista aparece no deserto.

Capítulo 9
João Batista prega para dezenas de pessoas, entre elas Filipe e André. Jesus segue sozinho pelo deserto. Em Jerusalém, Anás, Caifás e Nicodemos conversam com José de Arimatéia, um rico comerciante, e Malco, guarda do Templo. Eles falam sobre o exílio de Arquelau e sobre a chegada de um novo governante em nome de Roma. Na estrada, Pôncio Pilatos e sua comitiva seguem em direção à Jerusalém. Petronius, segue ao lado do governante romano. Na comitiva de Pilatos estão Cláudia e Helena, sua esposa e filha. Petronius fala sobre a irmã Cassandra. Tiago Justo se mostra preocupado com a chegada de Pilatos. Em Tiberíades, Antipas governa a cidade. Herodíade, sua esposa, tenta lhe dar apoio. Arimatéia reclama da postura de Caifás. Nicodemos fala com Tiago Justo sobre a história de Edissa, esposa de José de Arimatéia, que fora condenada a ser eternamente impura. Anás reclama com Caifás por não ter dado um herdeiro a Judite, sua filha. Satanás os observa. Eles se mostram preocupados com os seguidores que Batista está adquirindo. João Batista prega às margens do Rio Jordão. Em Nazaré, Maria e José, mais velhos, falam sobre Jesus, que caminha sozinho no deserto. Antipas diz não querer afrontar o Deus dos judeus, mas Herodíade tenta convencê-lo do contrário. Salomé, filha de Herodíade com Felipe, irmão de Antipas, chega ao local e é cobiçada por ele. Herodíade fica incomodada. Em conversa com o irmão Simão Zelote, Barrabás fala em sequestrar uma mulher. Antipas convida a sobrinha Salomé para tomar vinho, mas Herodíade impede. Joana de Chuza leva Judite, esposa de Caifás, ao encontro de João Batista. Às margens do rio Jordão, André e Filipe se preocupam com o esforço de Batista ao batizar tantas pessoas. Mateus, o publicano, se aproxima. Gestas e Dimas avistam Joana de Chuza, Judite e seus servos. Os irmãos oferecem ajuda e as furtam. Caifás, Malco e soldados romanos se aproximam do rio Jordão. Joana de Chuza e Judite pedem para serem batizadas por Batista. Maria e José trocam declarações de amor. Caifás chega às margens do Jordão e flagra Judite e Joana sendo batizadas. Ele manda a esposa se retirar e questiona Batista, que o enfrenta. Mateus, o publicano, pergunta o que deve fazer para agradar a Deus. Antipas consulta Judas Iscariotes, escriba do tesouro. Herodíade tenta jogar o marido contra João Batista. Iscariotes conversa com Heitor, comandante de Antipas, e diz que Herodíade é o próprio demônio. Barrabás, Simão Zelote e os outros rebeldes procuram vítimas para roubarem. Caifás é afrontado por Batista e volta para o templo. Joana se encontra com Chuza, seu marido. Ele se preocupa com o que Caifás viu no rio. Caifás briga com Judite e manda a serva Livona lhe avisar sobre os passos da esposa. Batista conversa com André e Felipe e fala sobre a chegada do Messias. Jesus permanece no deserto. Batista segue pregando às margens do Jordão. Pilatos e sua comitiva seguem viagem. Caifás fala mal de Batista para os sacerdotes. Simão Zelote e Barrabás avistam a comitiva de Pilatos se aproximando. Eles veem Petronius, o assassino de seu pai. Jesus se aproxima do rio Jordão e observa João Batista pregando.

Capítulo 10
Batista se emociona ao ver Jesus. Barrabás tenta atacar Petronius, mas é impedido por Simão Zelote. João Batista e Jesus se abraçam. André, Felipe e alguns discípulos observam curiosos. Petronius e a comitiva de Pilatos questionam Simão Zelote. Tentando salvar a vida de Barrabás, Zelote mente e diz que foi um acidente. Jesus avisa que veio ser batizado por Batista. Barrabás fica furioso com Zelote. A caminho de Jerusalém, Helena e Claudia falam sobre o povo judeu. Zelote critica o desejo de vingança de Barrabás. Jesus é batizado por João Batista nas águas do rio Jordão. O Senhor fala e todos ouvem. Uma luz envolve o Filho de Deus, que segue para o deserto. Em conversa com Mirian, Maria se lembra de Isabel e Zacarias, os pais de João Batista. Tiago Justo e Nicodemos falam sobre a possível chegada do Messias. Mirian diz que Maria sempre tratou Jesus de maneira diferente dos outros irmãos. Mateus, o publicano, chega em sua casa e encontra com Asisa, sua esposa. Maria e Mirian se divertem com as lembranças de infância. Asisa pergunta porquê Mateus não lhe trouxe joias. Ela diz que o marido precisa cobrar mais tributos. Sula cuida do marido Zebedeu e dos filhos Tiago Maior e João. Maria fala com Miriam sobre seus filhos. Centurião fala com Caifás sobre a aproximação da comitiva de Pilatos. Antipas e Herodíade chegam ao palácio de Herodes em Jerusalém para receberem o governador romano. Na ausência de Antipas em Tiberíades, Judas Iscariotes se senta no trono. Em Jerusalém, Joana e o cozinheiro Almáquio organizam tudo para a chegada de Pilatos. Herodíade discute com ela. Diana, a assistente de cozinha, fica nervosa com a presença da esposa de Antipas. Joana fala mal de Herodíade para o servo Hélio. Ela convida Salomé para um passeio no palácio. Antipas pede para Chuza, o administrador do palácio, lhe contar tudo sobre os últimos acontecimentos. Caifás trata a esposa Judite, filha de Anás, com grosseria. A comitiva de Pilatos chega à Jerusalém. Dimas e Gestas tentam vender a pulseira roubada para Deborah, filha de José de Arimatéia. Salomé pergunta sobre sua mãe, Herodíade, para Joana. Deborah agradece a pulseira comprada por Arimatéia. Antipas é avisado sobre a chegada de Pilatos. Petronius aguarda ansioso para encontrar a irmã, Cassandra. Falsa, Herodíade se apresenta à Claudia e Helena. Petronius assume o posto de Centurião. Arimatéia avisa a Nicodemos e Tiago Justo sobre a chegada de Pilatos na cidade. Atônitos, André e Felipe falam sobre o acontecido com Batista. Jesus segue para o deserto.



Capítulo 11
Mesmo diante de todas as adversidades, Jesus segue pelo deserto. No Sinédrio de Jerusalém, Arimatéia, Caifás, Nicodemos e os outros criticam a chegada do governador romano. Antipas se humilha para receber Pilatos, que reclama de ter sido enviado para Jerusalém. Anás diz que precisa conquistar a confiança da autoridade romana. Mirian e o filho Tiago Menor visitam Maria. Pilatos manda Helena ficar longe dos judeus. Maria se preocupa com a saúde de José. No deserto, Jesus se abriga em uma caverna. Anás e Caifás são mal recebidos por Pilatos. Chuza pede para Joana conter a raiva que sente por Herodíade. O soldado romano Caius observa Deborah. Joana conversa com Judite. Salomé apresenta Deborah para Helena. Petronius fica à espera de Cassandra. Jesus consegue matar um escorpião. Herodíade provoca Anás e critica João Batista. Herodíade manda Diana parar de servir aos convidados. Deborah e Arimatéia descobrem que compraram uma pulseira roubada. Joana troca provocações com Herodíade. Petronius se aproxima de uma moça pensando se tratar de Cassandra. O cozinheiro Almáquio ajuda Diana a conseguir comida para sua mãe, Adela. Petronius descobre que sua irmã está afastada com lepra. José e maria se lembram da chegada do Filho. Jesus encara um lobo no deserto. Tiago Menor, filho de Mirian, se lembra de Jesus sofrendo com os irmãos na infância. Jesus consegue despistar o animal. O Messias é observado por Satanás. José e Maria se lembram da infância dos filhos. Chuza procura Pilatos e diz ter um problema. Na frente do palácio, Barrabás comenda um grupo de rebeldes que protestam contra a chegada de Pilatos. O governador romano ordena a morte de todos.

Capítulo 12
Chuza pede para Pilatos repensar a ordem. O governador romano manda Caifás e Anás retirarem os rebeldes de lá. Jesus caminha pelo deserto, faminto e cansado. Ele é surpreendido com uma chuva apenas no local que está. Pilatos ordena que retirem todos os rebeldes da frente do palácio. Em Nazaré, José beija Maria. Anás e Caifás avistam Barrabás comandando os rebeldes. Eles decidem reunir os membros do Sinédrio. Dimas e Gestas avistam Diana levando comida para fora do palácio. Zelote tenta alertar Barrabás para o perigo. Batista discute com um fariseu. Jesus tenta se proteger de uma tempestade de areia. Arimatéia sofre com as lembranças da esposa Edissa. Malco chama Arimatéia para uma reunião. Diana leva alimento para sua mãe, Adela. Arimatéia discute com Anás e Caifás. Claudia e Helena são recebidas por Joana, que diz a verdade sobre Herodíade. Pilatos se irrita por ainda ouvir gritos na entrada do palácio. Petronius enfrenta Barrabás e descobre que é o filho do rebelde Isaque. No deserto, Jesus tenta se proteger da tempestade de areia. Barrabás oferece o próprio pescoço a Petronius. O restante dos rebeldes faz o mesmo. Na volta para Tiberíades, Salomé pede para banhar-se no Jordão. José conversa com a filha Yoná e diz que está chegando sua hora. A tempestade de areia começa a acalmar. Salomé encontra com João Batista no rio. Herodíade chega e tenta distrair Batista. André e Filipe notam sua ausência. Herodíade tenta seduzir João Batista e finge que atacada por ele. Antipas e seu comandante, Heitor, chegam ao local e ameaçam o rapaz.

Capítulo 13
Antipas descobre que o rapaz é João Batista. O filho de Herodes fica mexido com as palavras de Batista. Herodíade pede para Heitor matá-lo, mas Antipas impede e deixa o local. Maria e Yoná cuidam de José, que tosse muito. Depois da tempestade no deserto, Jesus segue seu caminho. Claudia tenta convencer Pilatos a evitar um massacre. Antipas não acredita em Herodíade. Pilatos evita a morte dos rebeldes judeus. Petronius conversa com Helena sobre Cassandra. Batista segue batizando as pessoas. Petronius avisa que os judeus serão poupados por Pilatos. Joana elogia Claudia para Chuza. Diana pede para Adela largar a vida de prostituta. Iscariotes recebe Antipas e a comitiva de volta à Tiberíades. Maria cuida de José. Alguns dias se passam e Jesus, sem forças, cai no deserto. Maria se preocupa com o estado de saúde de José. Satanás rodeia Jesus. Mirian ajuda Maria a cuidar de José. Joana arruma um jeito de ajudar os rebeldes judeus. Maria e Yoná cuidam de José, que está mal. Os outros filhos de José chegam para ver o pai. Batista prega às margens do Jordão. No deserto, Jesus é tentado pelo Satanás. Joana leva comida para os rebeldes. Caius manda Longinus avisar a Pilatos. Joana convence os rebeldes a comerem. Caifás humilha Judite. Arimatéia nota a ausência da filha. Joana aconselha Deborah a visitar Helena. Pilatos é avisado sobre a atitude de Joana. Satanás provoca Jesus no deserto.

Capítulo 14
Jesus resiste à provocação de Satanás. Pilatos manda chamarem Chuza. Zelote e Barrabás conversam com Tiago Justo, irmão de Jesus. Claudia entende Joana e diz que conversará com Pilatos. Helena conversa com Deborah. Pilatos chama a atenção de Chuza. Jesus é tentado pelo Satanás novamente. Muitas pessoas chegam para serem batizadas por Batista. Em Cafarnaum, Simão Pedro pesca com habilidade. Jesus resiste à tentação de Satanás. André fala sobre seu irmão, o pescador Pedro. Zebedeu tenta alertar Pedro para o perigo de sair sozinho de barco. Mateus fala com Simão Fariseu sobre o encontro com Batista. Asisa se queixa de Pedro com a amiga Laila, esposa de Simão Fariseu. Jairo, chefe da sinagoga, conversa com Simão Fariseu. Gabriela, filha de Pedro, e Sara, sogra de Pedro, elogiam o romano Cornélius. Zebedeu pesca com os filhos João e Tiago Maior. João mergulha para arrumar a rede de pesca e demora para voltar à superfície. Tiago Maior pula na água para averiguar. Helena elogia a coragem de Joana. Pedro salva a vida de João, filho de Zebedeu. Sula discute com Asisa. Jesus é tentado pelo Satanás. Com a exceção de Yoná, os irmãos de Jesus se mostram enciumados. Claudia acalma Pilatos. Caius mostra interesse em Deborah. Barrabás e Zelote se lembram dos pais. Na busca por Cassandra, Petronius pede para Nicodemos levá-lo ao local onde estão os leprosos. Herodíade tem um ataque de raiva e pede a cabeça de João Batista. Nicodemos diz ter orgulho de Tiago Justo. Caius provoca Barrabás. No deserto, Jesus é tentado novamente pelo Satanás.

Capítulo 15
Jesus enfrenta o Satanás no deserto. O Messias recebe alimento e roupas limpas das mãos do anjo Gabriel. Nicodemos e Simão Zelote convencem Barrabás a não cair nas provocações de Caius. Herodíade exige a morte de João Batista e Antipas não a obedece. Petronius vai até uma caverna de leprosos procurar por Cassandra. Helena se dá bem com Deborah. Petronius se decepciona ao não achar a irmão. Mirian tenta alertar os irmãos de Jesus. José diz que Maria precisa ser forte. Sula se irrita ao saber que João quase se afogou. Pedro reclama com a filha Gabriela por ter recebido o centurião romano Cornélius. Arimatéia reclama da ausência da filha Deborah. Petronius se entristece com as lembranças de Cassandra. Yoná diz que Maria sempre foi uma ótima mãe. Nicodemos procura Tiago Justo e avisa que seu pai está muito doente. Maria e Yoná choram a morte de José. Maria se abre com os filhos e diz amá-los muito. Zebedeu diz que Pedro precisa de uma nova mulher. Joana convence Pilatos a retirar os estandartes romanos da cidade. Os judeus rebeldes comemoram. Tiago Justo encontra com Arimatéia e diz que irá para Nazaré. Maria e os filhos choram no cortejo fúnebre de José. Jesus retorna do deserto e encontra Batista.



Capítulo 16
Antipas e Herodíade discutem. Alguns dias se passam e Tiago Justo fala sobre a morte de José com Nicodemos. Maria chama Mirian e Tiago Menor para morarem com ela. Pilatos planeja a organização de uma corrida de bigas. Em Cafarnaum, Pedro brinca com os filhos de Zebedeu. Caius fala de seu interesse em Deborah, filha de José de Arimatéia. Em conversa com Helena, Deborah conta sobre o encontro com o soldado romano. Elas recebem Salomé. Herodíade avisa que Antipas pediu que ela e a filha ficassem em Jerusalém por segurança. Na cozinha do Palácio, Almáquio e Diana comentam a chegada de Herodíade. Adela é extorquida por Zaqueu, um publicano cobrador de impostos. Mateus cobra impostos em Cafarnaum. Pedro e alguns judeus o enfrentam. Antipas teme que Batista tenha lhe jogado uma maldição. Pedro entrega os peixes que pesou para Mateus. Asisa conta para Sula sobre a morte de José. Petronius segue procurando Cassandra. Ele é questionado por Ami, o paralítico de Betesda. Laila conversa com Asisa sobre Sula e Maria. Sula se emociona com a notícia da morte de José. Nicodemos discorda de Anás. Herodíade diz que foi agarrada por Batista e Joana a chama de mentirosa. José de Arimatéia flagra Caius beijando Deborah. Pilatos se mostra animado com a corrida. Arimatéia proíbe Deborah de sair de casa. Caius fica satisfeito com o beijo. Antipas é aconselhado a recuar na guerra, mas não aceita. Herodíade se insinua para Pilatos. Judas Iscariotes pede para o escriba do palácio alterar as contas do reino. Jesus diz que João Batista pode continuar batizando as pessoas. Zebedeu diz que Sula deveria visitar Maria. Asisa reclama dos peixes trazidos por Mateus. Em conversa com Pedro, Gabriela e Sara defendem Mateus e Cornélius. Yoná lamenta a morte de José. Petronius manda Caius não se aproximar da filha de Pilatos. Batista diz que André e Filipe deverão seguir Jesus.

Capítulo 17
Batista pergunta se Jesus foi tentando pelo Satanás. Maria ora a Deus. Judite flagra Livona dando em cima de Caifás. Salomé questiona as atitudes de Herodíade. Judite reclama com Caifás, mas é humilhada. Em conversa com Asisa, Laila reclama da ausência de Simão Fariseu, seu marido. Ele viaja a negócios com Jairo. Herodíade se abre com a filha e fala do passado cruel de Herodes. Zaqueu conta para Barrabás sobre a irmã leprosa de Petronius. Maria é importunada por um publicano. Jesus convida André e Filipe para partirem com Ele. Herodíade fala mal de Batista para Salomé. Judite procura Anás e se queixa de seu casamento com Caifás. Arimatéia proíbe Deborah de sair de casa. Jesus, André e Filipe se despedem de Batista. Anás diz que Caifás tem o direito de ter uma mulher fértil. Salomé procura Helena e avisa que precisa encontrar João Batista. Barrabás observa Dimas e Gestas. Herodíade diz ter uma missão para a serva Bina. Maria espera por Jesus. Helena diz que Salomé não pode ir sozinha ao encontro de Batista. Helena e Salomé pedem para irem até a casa de Deborah. Judite trata Livona com autoridade. Jesus segue em direção a Nazaré com André e Filipe. Caius paga pelos serviços de Adela. Salomé pede para Deborah solicitar a ajuda de Caius para irem até Batista. Diana conversa com Almáquio sobre Adela. Petronius se abre com Pilatos. Jesus diz que sua família lhe espera em Nazaré. Em Cafarnaum, Pedro questiona a presença do centurião Cornélius em sua casa.

Capítulo 18
Pedro discute feio com Cornélius. Sara pede para o romano não brigar com seu genro. André diz que os samaritanos não gostam de judeus. Jesus avisa que irão ao encontro deles. Simão Fariseu e Jairo flagram bandidos roubando um homem. Tiago Menor implica com Yoná. Antipas é avisado sobre a aproximação de tropas inimigas. A serva Bina se preocupa com a ordem de Herodíade. Deborah, Salomé e Helena fogem da casa de Arimatéia. Simão e Jairo observam o homem atacado pelos bandidos. André e Filipe se mostram inseguros por terem que passar por Samaria, mas Jesus diz que não há o que temer. Maria diz sentir falta de sua irmã. Sula recebe a visita de Laila. Jairo e Simão Fariseu não socorrem o homem atacado pelos bandidos. Caius aceita acompanhar Salomé até o rio Jordão. Petronius estranha o soldado com as nobres. Bina, a serva de Herodíade, pede para ser batizada por Batista. O homem atacado pelos bandidos recebe a ajuda de um samaritano. Efraim tenta saber notícias de Asisa e Laila, mas é destratado por Mirian. Jesus, André e Filipe encontram com o samaritano e o homem atacado. Simão Fariseu e Jairo seguem viagem sem culpa. Sula agradece a visita de Laila. Petronius manda Caius se afastar das jovens. Bina é batizada por Batista e rouba um fio de cabelo dele. O samaritano mais uma vez é gentil com o homem atacado. Maria e Mirian expulsam Efraim de casa. Asisa pressiona Mateus sobre os tributos cobrados. Salomé chega até o rio Jordão e pede para falar com Batista. A serva Bina os observa. No Tanque de Betesda, Ami, o paralítico, tem esperança em um dia ser curado. Barrabás pede para fazer uma proposta a Dimas e Gestas. Maria diz que não devem agir com violência contra Efraim. Salomé se revolta contra as palavras de Batista sobre sua mãe. Sula recebe Zebedeu e os filhos. Heitor e Judas Iscariotes ajudam Antipas a fugir do palácio. Bina encontra Herodíade e fala sobre o encontro de Salomé com Batista. Maria se emociona ao reencontrar Jesus.

Capítulo 19
Jesus apresenta André e Filipe à Maria. Gabriela enfrenta Pedro e defende Cornélius. Petronius chama Arimatéia para beber na hospedaria. Jesus descobre sobre a morte de José. Petronius descobre que Caius beijou Salomé. Herodíade questiona a filha. Jesus diz que sua Missão é muito maior. Salomé se desculpa com Herodíade. Tiago Justo tenta acalmar Arimatéia. Yoná presenteia Jesus com novas vestes. O Messias diz que Maria deverá ser forte. Barrabás planeja enganar Petronius. O oficial romano questiona a relação de Caius com Deborah. Arimatéia diz que ajudará Tiago Justo a conquistar Deborah. Petronius manda Caius se afastar da filha de Arimatéia. Malco ajuda Caifás na administração do Sinédrio. Diana conversa cm Claudia e fala de seu dom de adivinhar o futuro. Instruídos por Barrabás, Dimas e Gestas procuram Petronius e mentem dizendo que têm informações sobre Cassandra. Simão Zelote diz para o irmão esquecer a vingança. Petronius pede para Dimas e Gestas o levarem até Cassandra. Barrabás ganha uma adaga de presente. Nemestrino descobre que Lacínio quer vender a hospedaria. Petronius chega até a caverna de leprosos e é enganado. Uma leprosa mente e diz ser Cassandra. Maria mostra preocupação com o tempo em que Jesus passou no deserto. Ele a alerta sobre sua verdadeira missão. Petronius descobre que a leprosa não é Cassandra. Chuza conversa com Joana e diz que Antipas e Iscariotes estão a caminho de Jerusalém. Judite se abre com Caifás. Ela avisa que permitirá que Livona lhe dê um filho. Jesus, os amigos e familiares seguem para o casamento do filho de Mirian. Livona se surpreende com o aviso de Judite. Filipe encontra o amigo Natanael e fala sobre o Messias. Youssef, filho de Mirian, recebe todos em seu casamento.

Capítulo 20
Mirian se emociona no casamento do filho Youssef. Livona aceita se deitar com Caifás. Gabriela pede para Pedro não brigar mais com Cornélius e eles discutem. Arimatéia avisa que Deborah só poderá sair de casa acompanhada de Tiago Justo. Herodíade oferece uma joia para Caius dar uma lição em João Batista. Judá, José Filho e Simas, irmão de Jesus, sentem ciúmes Dele. Natanael conhece Jesus. Salomé estranha ao ver Herodíade com Caius. Arimatéia dá conselhos para Tiago Justo conquistar Deborah. Joana se arrepende por ter comido carne de lebre na cozinha de Almáquio. Simão Zelote pede para Barrabás não se envolver com Dimas e Gestas. Pilatos pede para lutar com Petronius. Chuza não permite que Joana vá até João Batista. Pilatos pede para ser treinado por Petronius. Pedro fica furioso com a escassez de peixes. Petronius se distrai e é golpeado por Pilatos. Caius chantageia Longinus e pede ajuda para dar uma lição em João Batista. Pilatos ressalta a coragem de Petronius. Eliseba reclama da atenção que Maria dá a Jesus, mas Yoná desconversa. Jesus percebe a presença do Satanás próximo a Tomé.



Capítulo 21
Deborah convence Tiago Justo a ir pelo caminho que ela deseja. Pilatos diz que a companhia de Petronius é melhor que a de Chuza. Caius conversa com Longinus e avisa que o serviço será feito hoje. Os convidados se divertem na festa de casamento de Youssef. Jesus conversa em um canto, mais sossegado, com André, Filipe e Natanael. Liba chama a atenção de Tomé e diz que ele está bebendo demais. Natanael descobre que Yoná é a única irmã de Jesus que O apoia e se arrepende de não ter dado atenção a ela. Pedro chega em casa machucado e Gabriela o chama de teimoso. Deborah engana Tiago Justo e vai ao encontro de Caius. Pilatos descobre que Antipas está fugindo para Jerusalém. Tiago Justo deixa Deborah em casa. Livona se encontra com Adela, sua irmã. Ela fala da proposta feita por Caifás e Judite. Joana procura um animal para fazer um sacrifício. Herodíade diz que é a única em quem Salomé pode confiar. Joana fica indecisa ao ter que entregar uma pomba ao sacrifício. Tomé bebe muito e cai próximo a Jesus, que lhe estende as mãos. João Batista é surpreendido com a chegada de Caius, Longinus e outros soldados romanos.

Capítulo 22
Maria pede para Jesus fazer algo para ajudar com a falta de vinho na festa de casamento do filho de Mirian. Adela impede que Barrabás receba uma lição dos soldados romanos. Herodíade se assusta com a chegada de Antipas. Jesus manda os servos encherem as jarras com água e transforma o líquido em vinho. Chuza e Joana são surpreendidos com a presença de Judas Iscariotes. Antipas diz que em breve avisará a Pilatos sobre sua chegada. Mirian fica emocionada ao saber que Jesus fez um milagre. Chuza atualiza Iscariotes sobre os últimos acontecimentos em Jerusalém. Yoná e Maria comentam, emocionadas, sobre o milagre feito por Jesus. Espancado, Batista tem uma visão de Isabel e Zacarias. André, Natanael e Filipe seguem Jesus. Mirian deseja felicidade a Youssef. Maria pede para os filhos não falarem mal de Jesus. Joana diz que precisa arrumar um jeito de ver João Batista. Batista ora a Deus. Salomé se surpreende ao ver Antipas. Caius não diz a verdade para Petronius. Herodíade não gosta do jeito com o Antipas olhou Salomé. Ela avisa que a menina foi ao encontro de Batista. Pilatos reclama de ter que receber Antipas. Gabriela diz que Pedro é teimoso e o enfrenta. Mateus cobra impostos e é observado por Abner. Caifás fala com Anás sobre a noite que teve com a serva. Judite apoia Livona. Iscariotes pede para Joana levá-lo até Batista. Pilatos recebe Antipas. Herodíade fala que Helena incentivou Salomé a ir ao encontro de Batista. Joana chega com Iscariotes até as margens do rio Jordão e são surpreendidos ao saberem que João Batista sumiu. Com raiva por não poder sair de casa, Deborah começa a quebrar os objetos em sua casa. Barrabás defende Adela e enfrenta Caius. Helena pede perdão a Pilatos. Joana e Judas Iscariotes encontram João Batista caído e ensanguentado em uma caverna.

Capítulo 23
Joana diz que cuidará de Batista. Helena reclama da ordem de Pilatos. Caius luta com Barrabás. Pilatos diz que não voltará atrás. Simão Zelote se preocupa com o irmão. Arimatéia pede para Caius desistir da luta. Ferido, Barrabás recebe os cuidados de Adela. Jesus segue pregando na Galileia. Antipas descobre que Salomé foi até Batista por causa de Herodíade. Judas Iscariotes e Joana ajudam João Batista. Petronius fala sobre Cassandra com Zaqueu, chefe dos publicanos. Nicodemos recebe Jairo e Simão Fariseu. Barrabás recebe os cuidados de Adela. Deborah descobre que Petronius lutou com Barrabás e se preocupa. Iscariotes diz que os romanos não podem saber do paradeiro de Batista. Jairo estranha o comportamento de Adela. Sula diz se sentir culpada por não ter visitado Maria quando José morreu. João se oferece para acompanhar sua mãe até Nazaré para ver Maria. Mirian comenta sobre o milagre feito por Jesus no casamento de Youssef. Jesus diz que espalhará a palavra de Deus. Joana faz perguntas sobre o Messias para Batista. Petronius estranha ao ver Herodíade conversando com Caius. Caifás nota a mudança no comportamento de Judite. Petronius questiona Herodíade. Sara diz ter percebido o amor entre Gabriela e João. Herodíade desconversa e conta para Petronius que Caius levou Salomé até Batista. Mateus se mostra culpado por ter que cobrar impostos dos judeus, mas Asisa o humilha. Pedro fica furioso ao saber da cobrança abusiva de impostos. Caifás diz que Judite está tratando Livona como uma escrava. Judas Iscariotes se encontra com Chuza e diz que Joana está cuidando de João Batista. Joana descobre que Herodíade pede ter sido a mandante do ataque a Batista. Chuza e Iscariotes vão ao encontro de Joana. Petronius procura por Cassandra e dá esmola a Judas Tadeu. Tomé se mostra impressionado com o encontro que teve com Jesus. Enquanto caminha pelas ruas da Galileia com seus discípulos, Jesus é surpreendido pela chegada de um oficial do rei.

Capítulo 24
Chuza e Iscariotes vão ao encontro de Joana. Petronius procura por Cassandra e dá esmola a Judas Tadeu. Tomé se mostra impressionado com o encontro que teve com Jesus. Enquanto caminha pelas ruas da Galileia com seus discípulos, Jesus é surpreendido pela chegada de um oficial do rei. O oficial surpreende a todos ao pedir a ajuda de Jesus para salvar seu filho que está morrendo. A esposa do oficial chora sem poder ajudar o filho enfermo. Cornélius tenta prestar ajuda, mas não tem o que fazer. O menino parece parar de respirar. Com fé, o Oficial implora pela ajuda de Jesus. O Messias apenas diz que o menino viverá. A esposa do oficial e Cornélius são surpreendidos com a recuperação do menino. Emocionado, o Oficial retorna para casa e Jesus segue seu caminho. Chuza pede para Joana voltar com ele, mas ela avisa que só retornará depois de ser batizada por Batista. Sem querer, Longinus confessa para Petronius que espancou Batista. Jairo acorda ao lado de Adela. Irritado, Petronius ordena que Caius e Longinus lavem as latrinas do palácio. De partida para Nazaré, Sula e João encontram com Asisa e Mateus. Cornélius fala sobre o milagre feito por Jesus. Iscariotes admira a liderança de João Batista. Jairo elogia a beleza de Deborah. Helena e Salomé se encontram escondidas na cozinha de Almáquio. A caminho de Nazaré, João e Sula encontram soldados romanos no caminho. Arimatéia não percebe Jairo dando em cima de sua filha. Almáquio fica preocupado com a presença de Helena e Salomé em sua cozinha. Pilatos finge suportar Antipas. Claudia questiona a atitude de Herodíade de ter delatado Helena. No templo, Malco avisa que João Batista foi espancado. Iscariotes pede para ser batizado por Batista. Sula e João chegam à casa de Maria.

Capítulo 25
Barrabás descobre sobre a surra que Batista levou e avisa que reunirá os rebeldes. Cornélius fica impressionado com o milagre que presenciou. Em conversa com Sula, Maria e Mirian falam do milagre que Jesus fez no casamento de Youssef. Jesus cura uma menina cega. Sara sorri ao ver Pedro e Gabriela se tratando com carinho. Milagrosamente, Jesus toca nas mãos de um leproso e o cura. Judite observa a serva Livona cuidando de Caifás. Judas Iscariotes percebe que Helena está impedida de falar com Salomé. Sula e João convivem com a família de Maria e Mirian. Jesus e seus discípulos batizam algumas pessoas no Jordão. Quemuel o observa e é contaminado pelo Satanás. Ele procura João Batista e avisa que Jesus o traiu. Jesus, André, Filipe e Natanael chegam em Cafarnaum. Abner, o endemoniado, dorme caído ao chão em um sono agitado. Ele é atormentado pelo Satanás. João Batista não liga para o que Quemuel lhe disse e avisa que Jesus é superior a qualquer mensageiro de Deus. Em Cafarnaum, Abner é seguido pelo Satanás. Jesus percebe a presença do mal no local. Simão se despede de Laila e avisa que um Homem iluminado está na cidade. Mateus sai para ver o Messias. André procura por Mateus, seu irmão. Sara e Gabriela avisam que ele não está. Jesus chega até a sinagoga e é observado por todos. Sula avisa que precisa voltar para casa e se despede de Maria. Petronius aconselha Helena. Joana conta para Cláudia sobre a surra que Batista levou. Herodíade tenta disfarçar o desconforto. Hélio vê que Batista já está melhor. Barrabás diz que avisará aos rebeldes sobre a surra que deram em Batista. Arimatéia permite que Deborah saia de casa sozinha. Caius e Longinus limpam as latrinas da fortaleza. Pilatos diz que Antipas pode partir depois da corrida de bigas.



Capítulo 26
Mateus se sente tocado com as palavras de Jesus. André reencontra Pedro e avisa que conheceu o Messias. Atormentado pelo Satanás, Abner rouba uma faca na casa de Asisa e ataca Gabriela, mas acaba soltando a menina. Salomé, Deborah e Helena se encontram na cozinha de Almáquio. Claudia avisa a Pilatos que soldados romanos deram uma surra em João Batista. Livona desabafa com a irmã Adela. Ela diz que Judite está pressionando tanto que Caifás não está conseguindo realizar suas obrigações. Diana leva comida para sua mãe. Caifás conversa com Anás e diz que não está conseguindo cumprir as obrigações com Livona. Judas Iscariotes se mostra interessado em conhecer o Messias. Perturbado, Abner observa Jesus. Antipas desconfia que Herodíade possa ter mandado darem a surra em João Batista. Pilatos descobre que Herodíade ordenou o ataque a Batista. Antipas questiona a esposa. Em Cafarnaum, Abner chama a atenção de todos na sinagoga e grita para Jesus. O Filho de Deus percebe a presença do Satanás atrás de Abner. Jesus enfrenta o Satanás. Abner cai no chão e começa a ter convulsões. A força do mal deixa o local. Jesus diz que Abner está livre. Mateus fica impressionado. Irritado, Pilatos diz que Petronius deverá se redimir na corrida de bigas. Antipas briga com Herodíade. Ela diz para a serva Bina que Antipas está de olho em Salomé. Malco chama Anás e Caifás para uma reunião na sinagoga. Abner agradece a ajuda de Jesus. Simão Fariseu e Jairo olham, desconfiados, para Jesus. Claudia e Helena se preocupam com Petronius. Barrabás diz que algo precisa ser feito para vingar a surra que Batista levou. Na casa de Maria, todos são surpreendidos com a chegada de Efraim, pai de Asisa e Laila. Abner se desculpa com Gabriela e fala do milagre.

Capítulo 27
Efraim ofende Maria. No Tanque de Betesda, Judas Tadeu adivinha o perfume de Helena e eles conversam. Na casa de Mateus todos falam do milagre de Abner. Simão Fariseu se mostra desconfiado. Laila estranha o modo com o Jairo a olha. Mateus reclama da ladainha de Asisa. Sara tenta amenizar o clima entre Pedro e a filha Gabriela. Antipas conta para Pilatos que Herodíade mandou os soldados espancarem Batista. Joana avisa que cuidou do rapaz. Arimatéia fica irritado ao saber que Pilatos proibiu Helena de andar com sua filha. Tiago Justo se surpreende ao ouvir falarem de Jesus. Antipas tenta se desculpar com Pilatos e avisa que voltará para Tiberíades com Salomé e sua esposa. Herodíade fica furiosa. Helena pede para Claudia deixa-la ajudar aos inválidos e doentes do Tanque de Betesda. João fala com Maria sobre seu amor por Gabriela. Sula chega e se despede da irmã. Judas Tadeu fica encantado por Helena. Ele se surpreende ao saber que amenina é filha de Pilatos. Sula e João retornam a Cafarnaum. Eles se impressionam com a mudança de Abner. Sula fica surpresa ao saber do milagre feito por Jesus. Malco diz que Jesus está conquistando seguidores. Jesus chega a Nazaré. Enquanto retornam para Tiberíades, Antipas e sua comitiva se deparam com João Batista, que enfrenta Herodíade. Ela exige que o marido o detenha. Na sinagoga de Nazaré, Jesus pede para ler a Escritura e Efraim se surpreende ao vê-lo. Efraim olha, impaciente, para os seguidores de Jesus. Tiago Justo finge não conhece-Lo. Antipas não autoriza a prisão de Batista. Herodíade fica furiosa. Jesus enfrenta Efraim e repara a presença de Satanás no local. João mal chega em casa e já sai novamente. Simão se preocupa com o desejo de vingança de Barrabás.

Capítulo 28
Efraim manda segurarem e prenderem Jesus. Helena leva Judas Tadeu para conhecer o jardim do palácio. Eles são vistos pelo cozinheiro Almáquio. Petronius e Pilatos se mostram ansiosos com a corrida de bigas. Helena para Almáquio dar de comer a Judas Tadeu. Barrabás se encontra com Dimas e Gestas. Sara flagra João beijando Gabriela. Asisa diz que Jesus é um impostor. Gabriela pede para Sara não dizer nada a Pedro. Asisa conversa com Cornélius. Claudia fala com Joana sobre a vinda de Maria Madalena. José de Arimatéia se lembra da esposa Edissa. Jairo e Simão Fariseu dizem duvidar do poder de Jesus. Tiago Justo avisa à Maria que vão tentar matar Jesus. Caifás nota a ausência de Tiago Justo. Pessoas jogam pedras na casa de Maria. As pessoas começam a chegar para a corrida de bigas. Arimatéia encontra com Lázaro, Marta e Maria de Betânia. Deborah se entristece ao notar o distanciamento de Caius. Simão Zelote fica de olho em Maria de Betânia. Em Nazaré, Jesus é conduzido com violência por alguns homens. Lázaro vende temperos para Almáquio. Barrabás e Simão Zelote conhecem Marta e Maria de Betânia. André, Natanael e Filipe tentam impedir que façam mal a Jesus. Efraim diz que Ele tem que morrer. Tiago Menor chega e dá seu testemunho a favor de Jesus. Todos se voltam contra Efraim e começa uma discussão. Milagrosamente Jesus se livra e sai ileso. Maria de Betania fala sobre Jesus com Barrabás e Simão Zelote. Judas Tadeu agradece a Almáquio e Helena e deixa o palácio na companhia de Lázaro. O cozinheiro estranha ao ver o braço de Diana machucado. Maria Madalena, uma mulher linda e rica, se aproxima de Jerusalém com sua comitiva. Ela recebe a ajuda de Kesiah, sua serva. Shabaka, um treinador de gladiadores, e Susana, uma guerreira, seguem à frente, protegendo o grupo. Adela atende mais um cliente e é vista por Barrabás. Maria Madalena pede para cavalgar e Shabaka fica preocupado. Maria avisa que seguirá para Cafarnaum para ficar perto de Jesus. Mirian diz que a acompanhará. Tiago Justo sente ciúmes de Jesus. Maria Madalena passa por Petronius e acaba caindo do cavalo. Ela se irrita com o oficial romano. Petronius descobre que Susana vai competir na corrida de bigas e a provoca. Caifás fala sobre a Páscoa com Pilatos. Helena se desespera ao ouvir Claudia falando sobre um pretendente. Maria Madalena e sua comitiva chegam a Jerusalém.

Capítulo 29
Susana e Shabaka vão até a hospedaria e são servidos por Nemestrino. Claudia recebe Maria Madalena no palácio. Petronius conversa com os outros soldados e fala mal dela. Claudia se espanta ao saber que Maria Madalena veio acompanhada de uma gladiadora. Petronius e os outros oficiais falam sobre Susana. Shabaka compra a hospedaria da cidade. Malco acompanha seu tio, o paralítico Ami, até a caverna dos leprosos e doentes. Judas Tadeu fala da visita ao palácio. Edissa os observa, assustada. Deborah se mostra sentida com a ausência de sua mãe. Antipas retorna à Tiberíades. Judas Iscariotes defende João Batista. Maria Madalena chega ao salão real e é vista por todos. Petronius fica surpreso. Kesiah estranha a reação de Maria Madalena. Petronius fala que a conheceu anteriormente. Maria Madalena descobre que o oficial será seu tutor em Jerusalém. Dimas e Gestas decidem roubar os miseráveis e doentes. Edissa se apavora ao vê-los se aproximando. Maria Madalena troca provocações com Petronius. Judas Tadeu e Ami defendem Edissa contra o ataque de Dimas e Gestas. Impressionados, Natanael e Filipe falam sobre Jesus. Yoná se lembra de Natanael. Susana oferece ajuda a Shabaka para cuidar da hospedaria, mas ele avisa que Nemestrino já está o servindo. Barrabás se mostra ansioso com a corrida de bigas. Caius conversa com Longinus e diz estar esnobando Deborah. Pedro reclama da escassez de peixes. Sula se sente culpada por não ter acreditado em sua irmã no passado. A mãe de Jesus, Mirian e seus filhos se preparam para deixar Nazaré. Efraim ofende Maria e ela lhe acerta um tapa na cara. Maria Madalena se mostra confiante na vitória de Susana. Petronius fala mal dela para Caius e Longinus. Tiago Menor enfrenta Efraim. Antes de deixar sua casa, Maria se emociona com as lembranças do passado. Jesus é seguido por seus discípulos até Cafarnaum. Tiago Justo ouve falar de seu Irmão. Arimatéia e Deborah seguem para o evento da corrida de bigas. Escondida, Edissa se emociona ao observá-los. Simão Zelote fica encantado por Maria de Betania. Susana se prepara para a corrida e é admirada por todos na hospedaria. Barrabás mostra sua adaga a Zelote e avisa que matará Petronius. Helena pensa em Judas Tadeu e fica frustrada ao ouvir sua mãe falar sobre um pretendente. Joana impede que o marido aposte na corrida de bigas, mas Chuza pede para Hélio apostar por ele. Deborah conversa com Helena e fala que quer ver Caius. Jesus pede um momento aos seus seguidores. Antipas pede para Salomé mostrar sua dança, mas Herodíade impede. Simão Pedro encontra com Jesus e reclama da falta de peixe. O Messias avisa que todos o conhecerão como Pedro.

Capítulo 30
Kesiah estranha a reação de Maria Madalena. Petronius fala que a conheceu anteriormente. Maria Madalena descobre que o oficial será seu tutor em Jerusalém. Dimas e Gestas decidem roubar os miseráveis e doentes. Edissa se apavora ao vê-los se aproximando. Maria Madalena troca provocações com Petronius. Judas Tadeu e Ami defendem Edissa contra o ataque de Dimas e Gestas. Impressionados, Natanael e Filipe falam sobre Jesus. Yoná se lembra de Natanael. Susana oferece ajuda a Shabaka para cuidar da hospedaria, mas ele avisa que Nemestrino já está o servindo. Barrabás se mostra ansioso com a corrida de bigas. Caius conversa com Longinus e diz estar esnobando Deborah. Pedro reclama da escassez de peixes. Sula se sente culpada por não ter acreditado em sua irmã no passado. A mãe de Jesus, Mirian e seus filhos se preparam para deixar Nazaré. Efraim ofende Maria e ela lhe acerta um tapa na cara. Maria Madalena se mostra confiante na vitória de Susana. Petronius fala mal dela para Caius e Longinus. Tiago Menor enfrenta Efraim. Antes de deixar sua casa, Maria se emociona com as lembranças do passado. Jesus é seguido por seus discípulos até Cafarnaum. Tiago Justo ouve falar de seu Irmão. Arimatéia e Deborah seguem para o evento da corrida de bigas. Escondida, Edissa se emociona ao observá-los. Simão Zelote fica encantado por Maria de Betania. Susana se prepara para a corrida e é admirada por todos na hospedaria. Barrabás mostra sua adaga a Zelote e avisa que matará Petronius. Helena pensa em Judas Tadeu e fica frustrada ao ouvir sua mãe falar sobre um pretendente. Joana impede que o marido aposte na corrida de bigas, mas Chuza pede para Hélio apostar por ele. Deborah conversa com Helena e fala que quer ver Caius. Jesus pede um momento aos seus seguidores. Antipas pede para Salomé mostrar sua dança, mas Herodíade impede. Simão Pedro encontra com Jesus e reclama da falta de peixe. O Messias avisa que todos o conhecerão como Pedro.



Capítulo 31
Jesus diz para Pedro voltar com o barco para o mar. Herodíade seduz Antipas. Batista se mostra satisfeito com o início da missão de Jesus. Herodíade pede para o marido prender Batista. Simão diz que não confia em Jesus. Mateus o questiona. Jairo pede para entrar na casa de Laila. André vai até a casa de Pedro e pede para hospedar os amigos. Jairo dá em cima de Laila. Asisa chega e estranha sua presença na casa da irmã. Isacariotes percebe a intenção de Herodídade. Pilatos e Claudia chegam para a corrida de bigas. Helena leva Judas Tadeu para assistir o evento. Adela e Diana também chegam ao local da corrida. Dimas e Gestas procuram pesoas para roubarem. Almáquio é apresentado à Adela. Livona fica sem graça com os comentários de Judite. Barrabás tenta sabotar a biga de Petronius. Pedro navega sem entender a intenção de Jesus. Maria Madalena diz que Susana vencerá Petronius na corrida. Helena ajuda Deborah a se encontrar com Caius. Helena não dá atenção ao seu pretendente. Escondido de Josana, Chuza pede para Helio apostar para ele. Dimas e Gestas ficam de olho no servo. Adela fica constrangida com a aproximação de Zaqueu. Shabaka a defende. Simão Zelote estranha o comportamento de seu irmão. Barrabás se irrita ao ver Adela conversando com Shabaka. Deborah conversa com Judas Tadeu sobre Helena e não consegue achar Caius. Sula fala com Asisa sobre Efraim. Deborah despista Zilla. Mateus é bondoso com um pescador. Simão Fariseu não da atenção à Laila, sua esposa. Caius seduz Deborah. Dimas e Gestas assaltam Hélio, mas ele os enfrenta. Antipas ordena a prisão de João Batista. Jesus manda Pedro jogar a rede no mar. Pedro fica maravilhado ao ver a quantidade de peixes na rede. Simão Zelote pergunta o que Barrabás aprontou. Petronius, Susana e mais um competidor entram com as bigas na arena. Pilatos anuncia o início da corrida.

Capítulo 32
Pilatos apresenta Petronius ao público. Maria Madalena encara o competidor. Isacariotes tenta convencer Antipas a dessitir de prender Batista, mas o filho de Herodes mantém a ordem. Hélio enfrenta Dimas e Gestas, mas o dinheiro da aposta acaba caindo pela arquibancada. Hélio se desespera ao ver que perdeu todo o dinheiro. Livona diz que fará Judite dormir sozinha essa noite. Barrabás admira Maria Madalena. Ela repara o olhar dele. Helena não se interessa pelo pretendente. Zebedeu estranha a demora de Pedro. Livona prepara uma infusão para causar sono em Judite. Susana é apresentada ao público. Anás fala para Nicodemos sobre a situaçáo entre Caifás e Judite. Mateus se irrita com o comportamento de Asisa. Sara pede para Gabriela comprar um cordeiro para receberem Jesus. O último competidor é apresentado ao público. Zebedeu avista o barco de Pedro voltando cheio de peixes. Iscariotes pede para Salomé tentar impedir a prisão de Batista. Chegando carregados de peixes, Jesus diz que Pedro será um pescador de homens. Sara procura uma moeda perdida. Judite cai no sono e Livona seduz Caifás. Shabaka dá em cima de Adela, mas ela desconversa. José de Arimatéia estranha a ausência de Deborah. Edissa se emociona ao entrar escondida na casa de Artimatéia. Caius leva a moça para um banho de piscina. Gabriela fica encantada ao ver que seu pai pescou tantos peixes. Pedro estranha ao ver João abraçando a menina. Abner ajuda uma senhora a pegar peixes. Sara se sente mal e desmaia. Pilatos autoriza o início da corrida. Satanás se junta ao público nas arquibancadas.

Capítulo 33
Shabaka torce por Susana. Chuza mente para Joana e diz que não apostou na corrida. Helena não dá atenção para o pretendente. Adela fica horrorizada ao ver um competidor batendo em Susana. A serva Zilla assiste a corrida ao lado de Judas Tadeu. Zelote desconfia que o irmão fez algo contra Petronius. Pilatos provoca Maria Madalena. Milagrosamente, Jesus faz com que uma mulher manca volte a andar normalmente. Caius beija Deborah, calorosamente. Chuza se irrita ao saber que Hélio foi roubado. Livona se deita com Caifás. Os competidores disputam a corrida. Shabaka se preocupa com Susana. A roda da biga de Petronius começa a ceder. Marta ajuda na arrumação da hospedaria. Petronius faz com que um dos competidores seja jogado nas arquibancadas. Maria Madalena diz que Susana ainda está na briga. Arimatéia procura por Deborah. Helena foge para se encontrar com Judas Tadeu. Deborah se mostra procupada por ter se entregado a Caius, que a ilude. Sula consegue acudir Sara. Asisa se irrita ao ver Laila e Mateus indo ao encontro de Jesus. Jairo diz não confiar no Messias. Várias pessoas se aproximam pedindo a ajuda de Jesus, que faz novos milagres. Deborah volta para casa e se mostra arrependida. Edissa vê a menina e foge. Jesus ajuda as pessoas. Jairo diz que isso é coisa do demônio. Livona se levanta ao lado de Caifás, satisfeita. Jairo e Simão Fariseu não acreditam em Jesus. Zelote percebe que Barrabás sabotou a biga de Petronius. Susana consegue resistir ao ataque do oficial romano e segue na corrida. A roda da biga de Petronius se desprende e vai na direção da arquibancada. Helena se aproxima de Judas Tadeu e grita, desesperada, ao ver a roda indo na direção do rapaz cego.

Capítulo 34
Helena vira o rosto ao ver a roda indo na direção de Judas Tadeu e da serva Zilla. Simão Zelote chama a atenção de Barrabás. Pilatos fala sobre a corrida. Caifás recebe a visita de Malco. Petronius lamenta a derrota. Helena se sente culpada pelo acidente que vitimou uma pessoa. Arimatéia consola Deborah. Zelote culpa o irmão pela morte de um inocente. Madalena procura Petronius e o seduz. Ele estranha a atitude dela, mas a beija, calorosamente. Satanás os observa. Jesus se afasta dos demais para falar com Deus. Sara segue procurando a moeda perdida. Jesus diz saber o que há no coração de Pedro. Nicodemos fica aliviado ao saber que Judas Tadeu não foi atingido. Isacariotes procura João Batista e avisa que o prenderão. Deborah lamenta a morte de Zilla e é consolada por Helena e Tiago Justo. Caius se encontra com Longinus e debocha de Deborah. Pedro agradece a Deus pelo alimento. Sula lamenta a partida dos filhos. Ela e Zebedeu recebem Maria e Mirian em sua casa. Maria Madalena diz não se lembrar de nada da noite anterior. Pedro recebe Maria em sua casa. Ela reencontra o Filho. João Batista é preso por Heitor e outros oficiais romanos. Quemuel tenta defender Batista, mas acaba morto. Pilatos conforta Petronius. Maria de Betania procura por Simão Zelote. Adela tenta se entender com Barrabás. Jesus diz a Pedro que está na hora de irem para outros lugares. O Messias segue espalhando a palavra de Deus e operando milagres. Pilatos desrespeita Caifás. Jesus chega ao templo de Jerusalém e fica indignado com tanto desrespeito às leis de Deus.

Capítulo 35
Quemuel tenta defender Batista, mas acaba morto. Pilatos conforta Petronius. Maria de Betania procura por Simão Zelote. Adela tenta se entender com Barrabás. Jesus diz a Pedro que está na hora de irem para outros lugares. O Messias segue espalhando a palavra de Deus e operando milagres. Pilatos desrespeita Caifás. Jesus chega ao templo de Jerusalém e fica indignado com tanto desrespeito às leis de Deus. Indignado com tanto desrespeito no Templo sagrado, Jesus expulsa comerciantes e cambistas do local. Satanás observa e fala ao ouvido de muitos. Nicodemos avisa a Caifás, que questiona a atitude de Jesus. Na prisão do calabouço, Batista escreve em um pergaminho. Jesus diz que reconstruirá o templo em três dias. Diversas crianças adentram no local para estarem com Jesus. Hélio avisa à Joana sobre a prisão de João Batista. Judas Iscariotes pede a ajuda de Salomé para salvar Batista. Maria encontra com Tiago Justo e Deborah descobre que o rapaz é irmão de Jesus. Livona diz que tentará engravidar de Caifás novamente. Susana impede um roubo na hospedaria. Claudia não permite que Helena saia do palácio. Maria Madalena vai até a hospedaria. Zaqueu diz que ela é perigosa. Petronius diz ter uma missão para o soldado Longinus. Tiago Justo diz não acreditar no poder de Jesus. Caifás avisa que algo precisa ser feito contra Jesus. Batista recebe a visita de Iscariotes e entrega uma mensagem para o Messias. Maria Madalena, com um olhar diabólico, volta a seduzir Petronius.



Capítulo 36
Arimatéia oferece abrigo à Maria. Helena pede a ajuda de Almáquio. Mateus se irrita com Asisa. Jesus avisa que partirá para a cidade de Betânia. Tomé diz não parar de pensar em Jesus. Lázaro, Marta e Maria de Betânia são surpreendidos com a visita do Messias. Almáquio procura Judas Tadeu e avisa que Helena quer vê-lo. Heitor estranha a atitude de Judas Iscariotes. Barrabás e outros rebeldes atacam o acampamento de Cornélius, que implora para não ser assassinado. Jesus descobre que Batista foi preso. Pedro se preocupa com a segurança do Messias. Nicodemos pede para falar com Jesus. Barrabás é surpreendido com a chegada do misterioso Goy. O forasteiro impede que façam mal ao romano Cornélius. Jesus recebe Nicodemos. Cornélius fica intrigado sem saber quem é Goy. Nicodemos fica impactado com os ensinamentos de Jesus. Simão Zelote agradece a Petronius pela ajuda que recebeu no passado. Jesus fala do poder da fé em Deus. Maria Madalena vê os vultos de alguns homens. Caifás reclama da atitude de Jesus no templo. Judite pede para Livona beber o chá que preparou. Helena diz estar apaixonada por Judas Tadeu. Longinus os observam, escondido. Judite troca o copo trazido por Livona e entrega a Caifás. Judas Tadeu teme se encontrar novamente com Helena. Livona se surpreende ao ver que Caifás dormiu no lugar de Judite. Maria Madalena é atormentada por sete demônios. Nicodemos agradece por ter sido recebido por Jesus. Deborah pede para ficar em casa.

Capítulo 37
Sula e Asisa trocam provocações. Jesus diz que ninguém comerá o fruto da figueira. Deborah sai de casa e é seguida por Edissa. Tomé defende Jesus. Joana tenta pedir pela liberdade de João Batista, mas Pilatos não a escuta. Herodíade estranha a ausência de Judas Iscariotes e fala mal dele. Antipas elogia Salomé. Caifás e Anás dizem que Jesus deve ser morto. Nicodemos não concorda e pede a opinião de Tiago Justo, irmão do Messias. Edissa vê Deborah se encontrando às escondidas com Caius. Cornélius agradece por Goy ter salvado sua vida. O estrangeiro misterioso pede para servi-lo. Herodíade vai até a prisão onde está João Batista e o provoca. Petronius pensa em Maria Madalena. Longinus chega e avisa que tem algo a dizer sobre Helena. Batista encara Herodíade, que o ameaça. Claudia estranha o comportamento de Maria Madalena. Ela vê Helena e a questiona. Pilatos descobre que a filha está se envolvendo com um cego judeu. Jesus encontra com Judas Tadeu. Pilatos manda matar o rapaz. Pilatos ordena a morte de Judas Tadeu. Nas ruas de Jerusalém, Jesus se aproxima de Judas Tadeu e passa as mãos em seus olhos. O Messias manda o rapaz ir se banhar no tanque de Siloé. Surpreso, Simão Zelote segue Judas Tadeu. Helena conta a verdade para Claudia e fala sobre o amor que sente por um judeu cego. Goy cuida de Cornélius. Deborah se despede de Caius e é observada por Edissa. Salomé visita João Batista na prisão. Herodíade fala mal de Batista para Antipas. Maria fica impactada ao rever Petronius. Simão Zelote segue Judas Tadeu. Longinus procura pelo rapaz cego. Salomé pede para Batista não falar mais de Herodíade. Helena se desespera ao saber que Pilatos mandou matar Judas Tadeu. Tomé se emociona com a história contada por Jesus. Zelote fica preocupado com Judas Tadeu. Adela se interessa nas palavras de Jesus.

Capítulo 38
Claudia fica horrorizada ao ver o marido dizendo que vai torturar o judeu cego que se meteu com Helena. Simão Zelote ajuda Judas Tadeu a se livrar de Caius. Hélio tenta acalmar Helena. Caifás volta a questionar Jesus. Milagrosamente, Judas Tadeu volta a enxergar. Zelote o abraça, emocionado. Madalena pede para Petronius não matar o judeu que se envolveu com Helena. Jairo não age com honestidade em uma negociação. Caifás manda Malco prender Jesus. Nicodemos se emociona ao ver que seu sobrinho voltou a enxergar. Petronius encontra Judas Tadeu. Petronius diz que Judas Tadeu se meteu com a pessoa errada. Malco se recusa a prender Jesus. Caifás marca nova reunião no sinédrio. Petronius ameaça Judas Tadeu e é surpreendido com a chegada de Helena. Joana nota a ausência da menina. Sara passa mal novamente. Gabriela pede a ajuda de Goy. Helena implora para Petronius não matar seu amado. Goy tenta cuidar de Sara. Lázaro se mostra preocupado com Jesus. Barrabás diz não acreditar no Messias e discute com Simão Zelote. Nicodemos leva Judas Tadeu para testemunhar a favor de Jesus no sinédrio. Petronius retorna com Helena e finge ter executado o judeu cego. Caifás se irrita com o testemunho de Judas Tadeu.

Capítulo 39
Petronius mente para Pilatos. Jesus se despede de Maria. Judas Tadeu pede para acompanhá-Lo. Petronius encerra as buscas pelo rapaz. Maria se despede de Tiago Justo. Helena diz a verdade para Claudia e revela que Judas Tadeu está vivo. Gabriela diz que Jesus é o único que pode curar sua avó. Iscariotes procura Jesus. O Messias passa ensinamentos aos seus seguidores. Cornélius chega para ver Sara. Arimatéia estranha o comportamento da filha. Em Samaria, Yarin foge de dois homens. Madalena questiona Petronius sobre a possível morte de Judas Tadeu. Jesus se encontra com a Mulher Samaritana. Jesus diz que a Mulher Samaritana não terá mais sede. Ele pede para ela chamar o marido. Ami tem esperança em sua cura. Yarin fica maravilhada com as palavras de Jesus.

Capítulo 40
Susana tenta ajudar Shabaka a cuidar do ferimento em sua mão, mas ele não deixa. Adela fala sobre Jesus com Diana. Pedro diz que não deveria ter deixado Jesus sozinho. Dimas e Gestas lamentam a morte de sua mãe. Adela conversa com Diana sobre os dois filhos perdidos. Shabaka observa os ladrões. Maria Madalena recebe a visita de Susana. Judas Iscariotes vai até Jerusalém à procura de Jesus. Madalena vê seu reflexo se transformar no espelho e se desespera. Pedro e os outros discípulos veem Jesus conversando com a Mulher Samaritana. Iscariotes fala mal de Antipas e é questionado por Pilatos. Heitor zomba de Batista na prisão. Herodíade manda Salomé ficar longe do prisioneiro. Joana descobre que Jesus fez Judas Tadeu voltar a enxergar. Yarin avisa sobre a presença de Jesus em Samaria. Sula se desculpa com Maria. Um grupo de samaritanos se aproxima de Jesus. Iscariotes escreve uma carta dizendo que não servirá mais a Antipas. Asisa fala mal do Messias e Mateus fica irritado. Simão Fariseu não dá atenção à Laila, que é assediada por Jairo. Enquanto conversa com Cornélius, Sara recebe a visita de Maria. Alguns samaritanos pedem para Jesus ficar mais tempo na cidade. O Messias espalha a palavra de Deus para todos. Maria e Gabriela cuidam de Sara. Judas Iscariotes encontra com Yarin e pergunta sobre Jesus. Antipas fica furioso ao saber que Iscariotes lhe abandonou. Herodíade sugere que ele mate João Batista. Lázaro e as irmãs vendem seus produtos na hospedaria. Maria de Betania procura por Simão Zelote. Barrabás provoca Shabaka. Pilatos pergunta o que Claudia sabe sobre a cura de Judas Tadeu. Jesus chega até a casa de Pedro.



Capítulo 41
Sara é curada, milagrosamente, por Jesus. Pedro fica emocionado. Sara diz que quer comemorar. Em conversa com Pilatos, Claudia finge acreditar que Judas Tadeu esteja morto. Shabaka evita um confronto com Barrabás, mas Susana o defende. Gabriela leva Yoná para conhecer a cidade. As pessoas ficam impactadas com as palavras de Jesus. Susana dá uma lição em Barrabás. Yoná não dá atenção a Natanael. Simão Zelote alerta Jesus dizendo ter uma multidão do lado de fora. Maria Madalena descobre que Petronius não matou Judas Tadeu e fica impressionada ao saber dos milagres do Messias. Iscariotes procura por Jesus. Laila diz que Asisa reclama de barriga cheia. Tomé pede perdão a seu pai. Mateus se sente culpado por trabalhar para os romanos. Jairo é avisado sobre a chegada de Jesus. Tiago Justo promete lealdade a Caifás. Asisa não trata Mateus bem. Jairo fica irritado. Diana fica perturbada com algumas lembranças e tenta cortar o próprio braço. Caius reclama de Deborah. Longinus dá em cima de Marta. Maria Betânia acha graça. Lázaro elogia a coragem de Susana. Deborah se abre com Helena e diz que pode estar grávida. Tomé se despede dos familiares. Em Cafarnaum, todos comemoram com Sara. Pilatos pede para falar com Helena. Maria Madalena pede perdão a Petronius. Pedro sente ciúmes de Gabriela com João. Judas Iscariotes conhece Jesus.

Capítulo 42
Diana fica perturbada com algumas lembranças e tenta cortar o próprio braço. Caius reclama de Deborah. Longinus dá em cima de Marta. Maria Betânia acha graça. Lázaro elogia a coragem de Susana. Deborah se abre com Helena e diz que pode estar grávida. Tomé se despede dos familiares. Em Cafarnaum, todos comemoram com Sara. Pilatos pede para falar com Helena. Maria Madalena pede perdão a Petronius. Pedro sente ciúmes de Gabriela com João. Judas Iscariotes conhece Jesus. Judas Iscariotes pede para seguir Jesus. Pilatos diz que Helena o entenderá um dia. Petronius e Maria Madalena se beijam. Ami conhece Edissa. Tiago diz para Deborah não dá atenção ao que Jesus diz. Em conversa com André, Pedro diz não ter gostado de Judas Iscariotes. João fala sobre Gabriela com Tiago Maior. Sara aconselha a neta. Petronius fala sobre a irmã Cassandra com Madalena. Gabriela fala sobre João com Yoná. Caifás diz que o fabricante de tecidos, Levi, está lhe devendo e pede para Malco dar uma lição nele. Petronius flagra Madalena deitada com Barrabás. Ela não entende como foi parar ali. Tiago Justo se coloca à disposição de Deborah. Jairo se mostra impiedoso ao ver um leproso ser expulso da cidade. Maria se recorda de quando foi humilhada. João e Tiago Maior saem para pescar. Madalena é perturbada pelos Sete Demônios e ofende Kesiah.

Capítulo 43
Petronius treina com ódio. Caifás incrimina Levi, que é condenado ao apedrejamento. Arimatéia insinua que o fabricante de tecidos é inocente. Livona fica assustada ao saber da atitude de Caifás. Tomé pede para ser um dos discípulos de Jesus. Caius e Longinus estranham a fúria de Petronius. Caifás confisca os bens de Levi. Livona é surpreendida ao saber que Judite arrumou uma nova serva, Basya. Zaqueu fala sobre Deborah e surpreende Arimatéia. Joana e Hélio veem Maria Madalena possuída pelo demônio, grudada no teto do palácio. Livona é expulsa de casa e diz estar grávida. Cláudia se surpreende ao saber que a amiga estava possuída. Diana vê Maria Madalena boiando, de barriga para baixo, na piscina do palácio. O leproso que foi expulso da cidade implora pela ajuda de Jesus.

Capítulo 44
O leproso é curado por Jesus. Possuída, Maria Madalena levanta da piscina e incentiva Diana a se matar. O leproso agradece a Jesus. Claudia e Joana procuram por Maria Madalena. Caifás fica feliz com a notícia dada por Livona. Judite permite que ela permaneça em sua casa. A mando de Caifás, Malco confisca os bens da viúva de Levi. José de Arimatéia chama a atenção de Zaqueu. Zebedeu, Mateus e Goy ficam impressionados ao saberem de mais um milagre realizado por Jesus. Maria Madalena desaparece. Jairo se irrita ao ouvir o leproso dizer que foi curado por Jesus. Sula se despede de João e Tiago Maior, que seguem Jesus. Arimatéia fica feliz ao ver Tiago Justo próximo de Deborah. Preso no calabouço, João Batista ora a Deus. Bina fica impressionada com as palavras de Herodíade contra Batista. Salomé fica constrangida com os elogios feitos por Antipas. Shabaka impede a entrada de Barrabás na hospedaria. Diana dá seu testemunho para Pilatos. Helena e Petronius falam sobre Maria Madalena. Barrabás pede uma nova chance e se mostra entristecido com a ausência do irmão. Simão Zelote escuta as palavras de Jesus e pensa em Barrabás. Asisa pede para Mateus fazer seu trabalho. Caleb, um tetraplégico que foi soldado de Herodes, é recebido por Cornélius. Alguns dias se passam e Jesus retorna para Cafarnaum com seus seguidores. Jairo e Simão Fariseu ficam curiosos. Caius e Longinus capturam Barrabás. Livona se abre com Adela e diz que inventou a gravidez. A viúva de Levi vai até a casa de Caifás. Petronius questiona Barrabás sobre o sumiço de Maria Madalena. Caleb pede a ajuda de Cornélius para se aproximar do Messias.

Capítulo 45
Jairo enfrenta Jesus. Jesus não liga para as palavras ditas por Jairo e, milagrosamente, faz Caleb voltar a andar. Barrabás diz que não fez nada com Maria Madalena e provoca Petronius. A viúva de Levi ameaça Caifás, que lhe acerta um tapa. Revoltada a mulher parte para cima do sumo-sacerdote. Judite acerta um objeto na cabeça da viúva, que cai morta. Petronius ordena a prisão de Barrabás. Judas Iscariotes fica impressionado com as atitudes de Jesus. Livona e Caifás decidem esconder o corpo da viúva de Levi. Barrabás é jogado no calabouço. Escondida, Livona vê Caifás e Judite se desfazendo do defunto. Longinus investiga o quarto de Barrabás na hospedaria. Petronius atualiza Pilatos sobre os acontecimentos. Claudia conforta Kesiah. Deborah procura Caius. Susana se preocupa com Maria Madalena. Diana sai para ver Adela. Almáquio recebe Lázaro. Deborah se encontra com Caius e avisa que está grávida. Jairo diz para Simão Fariseu que é preciso ficar de olho em Jesus. Caius diz que o filho não é dele e humilha Deborah. Em conversa com Susana, Kesiah revela que Maria Madalena é atormentada por demônios.



Capítulo 46
Asisa trata mal a serva Rebeca. Susana tenta apoiar Kesiah. O leproso curado vai até o Templo e fala sobre o ocorrido. Mateus fica mexido com as palavras de Jesus. Ami se mostra esperançoso. Mateus aceita o convite do Messias e começa a segui-Lo. Ami e Edissa falam sobre os milagres de Jesus. Diana se revolta contra Adela. José de Arimatéia questiona o choro de Deborah. Susana encontra Petronius e revela que Madalena está possuída. Mateus convida Jesus para comer em sua casa. Asisa se irrita com o banquete oferecido por Mateus para todos. Atormentada pelo Satanás, Diana humilha Adela. Deborah diz a verdade para Arimatéia e confessa que está grávida de Caius. O soldado diz que negará a paternidade até o fim. José de Arimatéia tenta disfarçar diante de Tiago Justo. Petronius diz que tentará descobrir algo de Barrabás e leva Susana até o prisioneiro. Todos comem na casa de Mateus. Asisa fica surpresa ao saber que o marido a deixará para seguir o Messias. Bina e Heitor consolam Salomé. Antipas visita Batista na prisão. Barrabás conta para Susana como foi o encontro com Madalena. Jesus prega sobre o noivo e sobre o vinho novo em odres velhos. José de Arimatéia sugere que Deborah passe um tempo fora da cidade. Ami aconselha Edissa. Shabaka evita falar da ferida em seu braço. Antipas se irrita com Batista na prisão. Judite e Caifás encontram Malco enquanto tentam esconder o corpo da viúva de Levi. Diana diz que não quer ver Adela nunca mais. Caifás e Judite jogam o defunto em um buraco no Vale do Himon. Mateus fica animado com as palavras de Jesus. Escondida, Edissa observa Arimatéia se despedindo de Deborah.

Capítulo 47
José de Arimatéia sugere que Deborah passe um tempo fora da cidade. Ami aconselha Edissa. Shabaka evita falar da ferida em seu braço. Antipas se irrita com Batista na prisão. Judite e Caifás encontram Malco enquanto tentam esconder o corpo da viúva de Levi. Diana diz que não quer ver Adela nunca mais. Caifás e Judite jogam o defunto em um buraco no Vale do Himon. Mateus fica animado com as palavras de Jesus. Escondida, Edissa observa Arimatéia se despedindo de Deborah. Tiago Justo estranha a partida da moça. Barrabás é levado até Pilatos. Livona finge não saber de nada. Pilatos ameaça Barrabás e exige saber onde está Maria Madalena. Pilatos diz que Barrabás ficará preso até Maria Madalena reaparecer. Judas Iscariotes e Mateus caminham ao lado de Jesus e seus seguidores. João Batista permanece preso. Caius e Longinus seguem procurando Maria Madalena. Shabaka e Susana lamentam a ausência da moça. Petronius seguem sem notícias de Madalena. Na prisão, Barrabás fica revoltado. Bêbada, Adela é humilhada nas ruas de Jerusalém. Malco tenta ajudar Ami a se locomover. Helena pensa em Judas Tadeu. Em uma cidade vizinha, Deborah, grávida de sete meses, alisa a barriga com tristeza. Tiago Justo se encontra com Arimatéia. Deborah entra em trabalho de parto e o bebê é dado a um casal. Jesus passa ensinamentos aos seus seguidores. Maria recebe o apoio de Miriam. Alguns meses se passam e Jesus retorna à Jerusalém. Barrabás se irrita ao receber um pão velho de um guarda. Deborah retorna para a casa de Arimatéia e lamenta por tudo que passou.

Capítulo 48
Tiago Justo pede conselhos a Nicodemos. Jesus se compadece ao ver Ami e pergunta se ele deseja ser curado. João Batista sofre na prisão. Ami é curado por Jesus e volta a andar. Com uma barriga falsa, Livona conversa com Adela e acaba ofendendo a irmã. Pilatos é avisado sobre a presença de Jesus na cidade. Jesus volta ao encontro de seus seguidores. Ami fala para todos sobre sua cura. Gabriela diz sentir falta de João. Yoná confessa também sentir falta de Natanael. Simão Fariseu e Jairo não se mostram confiantes em Jesus. Caifás pede para Malco acompanha-lo. Laila pede para Maria ajudar Asisa. Yonatan fica nervoso com a acusação feita por Caifás. Ele se recorda do momento em que pegou algumas espigas escondido. Yonatan pede para Givon não entrega-lo. Jesus diz para Ami não pecar novamente. Helena se encontra com Joana e avisa que Judas Tadeu pode estar com Jesus. Claudia pede para Kesiah ficar de olho em Helena. Asisa se irrita com a visita de Maria. Judite encontra os lençóis de Livona manchados de sangue e se enfurece. Tiago Justo ignora o Irmão. Caifás e Anás tramam contra Jesus. Asisa expulsa Maria de sua casa. Herodíade provoca João Batista na prisão.

Capítulo 49
Petronius e Susana conversam sobre o sumiço de Maria Madalena. Madalena, coberta por um pano sujo e rasgado, entra de forma sorrateira na casa de Lázaro, Marta e Maria de Betânia. Ela acaba sendo encontrada por eles. Dimas e Gestas furtam Caifás. Acompanhado de Anás, o sumo sacerdote se aproxima de Jesus e diz que Ele pecou. Anás diz que Jesus deve ser apedrejado. Caifás fica furioso diante da serenidade de Jesus. Marta, Lázaro e Maria de Betânia ajudam Maria Madalena. Herodíade humilha Antipas. Jesus enfrenta Caifás, que ufa de ódio. Tiago Justo se emociona ao rever Deborah. Maria Madalena segue recebendo os cuidados da família de Lázaro. Judite descobre a barriga falsa de Livona e a expulsa de casa, mas a serva revela saber do assassinato da viúva de Levi. Caifás e Anás ofendem Jesus. Deborah trata Tiago Justo com carinho. Livona propõe um acordo à Judite. Ela diz que pode ajudar a patroa a engravidar. Caifás manda apedrejarem Jesus, mas é atingido por tomates. A multidão presente apoia Jesus. Helena e Judas Tadeu se reencontram.

Capítulo 50
Livona diz que esta é a chance de Judite engravidar. Tiago Justo fica encantado com a mudança de Deborah. Emocionado, Judas Tadeu se despede de Helena. Asisa é surpreendida com a chegada de Efraim, seu pai, em sua casa. Judite recebe Caifás e mente, dizendo que Livona perdeu o bebê. Kesiah diz que Jesus poderia ajudar Maria Madalena. Lázaro diz que é preciso ajudar a moça misteriosa. Helena diz a verdade para Cláudia. Ami vai até a hospedaria. Simão Zelote descobre que Barrabás está preso. Maria diz entender o sofrimento de Asisa. Efraim critica as filhas. Zelote pede para Petronius deixa-lo ver Barrabás. Zaqueu decide ajudar Adela. Barrabás recebe a vista de Simão Zelote na prisão. Barrabás diz não ter feito nada contra Maria Madalena. Simão Zelote fala sobre suas andanças com Jesus. Caleb se apresenta a Antipas e fala do milagre feito por Jesus. Herodíade se irrita. Barrabás não se entende com Simão Zelote. José de Arimatéia fica satisfeito com a aproximação entre Tiago Justo e Deborah. Antipas confronta Herodíade e permite que Caleb veja João Batista. Shabaka tenta esconder, mas Susana vê sua mão ressequida por uma doença. Ela o convence a procurar Jesus. Na casa da família de Lázaro, Maria Madalena é atormentada por demônios. Caleb visita João Batista na prisão. Lázaro, Maria e Marta percebem que Maria Madalena fugiu. Os seguidores comem e conversam enquanto Jesus ora a Deus. Shabaka vai até a sinagoga de Cafarnaum para encontrar o Messias. Jesus questiona as críticas de Jairo e Simão Fariseu. O Filho de Deus surpreende a todos e pede para ver a mão de Shabaka. Susana se preocupa como pai de criação. Jesus cura a mão ressequida de Shabaka. Simão Fariseu e Jairo se irritam. Goy e Cornélius comentam sobre os milagres de Jesus. Shabaka comemora. Asisa se irrita ao saber que Mateus não foi vê-la. Caius se recusa a pagar pelos serviços de Adela. Tiago Justo diz que pedirá a mão de Deborah em casamento.



Capítulo 51
Caifás encontra com Anás e lamenta que Livona tenha perdido o bebê. A serva arma um plano para Judite se deitar com outro. Adela é presa e levada para a mesma cela de Barrabás. Lázaro encontra com Maria Madalena e consegue conversar com ela. Jairo manda recado para a mãe de sua filha. Yoná conversa com Gabriela e fala sobre o passado de Jesus. Chuza atualiza Joana sobre os últimos acontecimentos. Diana auxilia Almáquio na cozinha do palácio e fica tensa ao saber que prenderam sua mãe. Pilatos se preocupa com a seca que está tornando as terras improdutivas. Em Cafarnaum, os seguidores de Jesus ficam impressionados com a quantidade de pessoas que chegam para ver o Messias. Cornélius e Goy reencontram Matheus. Jesus faz uma mulher cega voltar a enxergar e ajuda um casal de idosos. O Messias pede para João e Tiago buscarem um barco para que consiga falar melhor com as pessoas. Escondidas de Caifás, Livona ajuda Judite a procurar um homem para tentar engravidar. Barrabás se abre com Adela e nega ter feito mal à Maria Madalena. Efraim aconselha Asisa a procurar Mateus, mas ela se recusa. Enquanto voltam da rua do comércio, Gabriela e Yoná encontram Chaya, esposa de Jairo, e Talita, a filha deles com paralisia cerebral. Simão Fariseu e Jairo avisam a um mensageiro de Antipas sobre Jesus. Chaya se recusa a dizer o nome de seu marido, mas Yoná e Gabriela descobrem que Jairo é o pai da menina. Lázaro chega em casa com Maria Madalena. Jesus liberta três endemoniados.

Capítulo 52
Adela é surpreendida com a visita de Diana. Ajudada por Livona, Judite se junta às prostitutas. Ela fica tensa ao ser questionada por Gestas. Maria Madalena se abre com Marta e Betânia. Diana pede perdão à Adela. Gestas se interessa por Judite, que se recusa a mostrar o rosto. Jesus é alertado para a quantidade de pessoas que o procuram. Petronius se recusa a libertar Adela. Livona procura por Judite. Gestas reconhece o bracelete que foi de sua mãe e acaba vendo o rosto de Judite. Tiago Maior e João reencontram Sula e Zebedeu. Gabriela fica feliz ao rever seu amado. Pedro questiona a filha ao vê-la na companhia de João. Tiago Justo pede Deborah em casamento e ela tem um ataque de choro. João pede para conversar com Pedro, mas ele diz que não tem tempo agora. Antipas é avisado sobre a presença de Jesus em suas terras. Caifás vê Judite chegando em casa tarde da noite e a questiona. Asisa é surpreendida com a chegada de Mateus. Jairo encontra com Judas Iscariotes e o provoca. Na casa de Lázaro, Maria Madalena se apavora com a presença do Satanás. Caleb surpreende a todos e avisa que tem uma mensagem de João Batista para Jesus. Jesus segue curando diversas pessoas, enquanto João Batista, na prisão, mostra sua desesperança. Jesus cura a menina com eczemas. Caleb fica impressionado. Jesus o manda dizer a Batista sobre tudo o que viu. Asisa chora e discute com Mateus. Jairo ameaça Judas Iscariotes. Lázaro estranha o comportamento de Maria Madalena e não percebe que ela está possuída. Judite engana Caifás.

Capítulo 53
Jesus fala sobre João Batista para seus seguidores. João chama Pedro para uma conversa. Jairo discute com Judas Iscariotes e recebe o apoio de Simão Fariseu. Mateus beija Asisa. Pedro diz que João deve ter calma, mas concede a mão de Gabriela. Jesus se recorda de momentos ao lado de seus discípulos. Yoná e Gabriela falam sobre Talita, a filha de Jairo. Simão Fariseu e Jairo desejam o mal de Jesus. Sula se assusta ao saber que João pediu a mão de Gabriela em casamento. Herodíade se irrita com o jeito como Antipas trata Salomé. Judite reclama do desempenho de Caifás e diz que ele foi amaldiçoado por Jesus. Sula sente ciúmes de João. Claudia diz que ajudará a mãe de Diana. Adela conversa com Barrabás na prisão. Jesus ora a Deus. Gabriela fica feliz ao saber que Pedro concedeu sua mão a João. Jesus avisa que escolherá os Doze Apóstolos. Jesus começa a escolher os Doze Apóstolos. Pedro fica surpreso ao ouvir seu nome. André, João, Tiago Maior, Tiago Menor, Filipe e Natanel também são chamados.

Capítulo 54
Jesus pergunta por Mateus. Asisa pede para o marido não abandoná-la, mas ele vai ao encontro do Messias. Tomé e Simão Zelote se surpreendem ao também serem chamados. Logo em seguida, Jesus indica o nome de Judas Tadeu. Givon e Yonatan ficam frustrados. Mateus e Judas Iscariotes são os últimos a serem chamados por Jesus. Os demais seguidores ficam frustrados. Claudia e Helena pedem a Petronius para libertar Adela. Barrabás se despede de sua amada. José de Arimatéia aconselha Deborah a se casar com Tiago Justo. Eles falam sobre Edissa. Susana se emociona ao ver que Shabaka teve a mão curada por Jesus. Efraim se exalta com a filha e engasga com um pedaço de pão. Asisa observa o pai ficando vermelho. Adela se espanta ao ver Caifás em seu quarto. Efraim reclama da demora de Asisa em socorrê-lo. Maria Madalena arde em febre e recebe os cuidados da família de Lázaro. Caifás oferece dinheiro à Adela para ela ajudá-lo a recuperar a virilidade. Jesus passa ensinamentos aos seus seguidores.

Capítulo 55
Goy perde a força nos braços. As pessoas ficam maravilhadas com as palavras do Messias. Sula diz abençoar a união entre João e Gabriela. Anás sorri com o ouro oferecido por um judeu. Angustiada, Judite se lembra da mulher que foi assassinada. Ami diz que agora quer aproveitar a vida. Diana recebe o apoio de Almáquio. Caifás se recusa a pagar pelos serviços de Adela. Jairo dá em cima de Laila. Batista é provocado por Herodíade. Com dificuldade, a mulher de Jairo tenta cuidar da filha Talita. Yoná leva frutas para elas. Caifás atira a bolsa de moedas em Adela. Jesus recebe o carinho de uma menina. Caius dá em cima da serva Diana. Adela segue pelas ruas de Jerusalém com a bolsa de moedas e é atacada por Dimas e Gestas. Sara e Cornélius encontram Goy caído no chão, desacordado. Sara diz que Jesus pode ajudar Goy. Adela reconhece os filhos. Deborah flagra Caius dando em cima da serva Diana. Efraim fica desconfiado ao ver Jairo acompanhando Laila. Jesus fala para seus seguidores. Chuza avisa a Pilatos que partirá para Tiberíades. Ele conta que Joana pedirá pela liberdade de João Batista. Petronius os alertam sobre possíveis ataques de ladrões e rebeldes no caminho. Longinus se oferece para acompanha-los. Claudia avisa à Diana que conseguiu libertar Adela. Salomé esconde de sua mãe as cartas que recebeu misteriosamente. Madalena se abre com Lázaro e diz que não lembra das coisas que tem feito. Gestas fica impactado depois do encontro com Adela. Deborah discute com Caius e é contida por Helena. Anás estranha a alegria de Caifás. Judite fala da noite que teve com o estranho. Cornélius encontra Maria e avisa que Goy está paralisado. As pessoas ficam impactadas com as palavras do Messias. Deborah reclama de Caius e se mostra arrependida de ter dado sua criança. Helena a aconselha a dizer a verdade para Tiago Justo. O rapaz é aconselhado por Nicodemos. Caius diz saber a real intenção de Longinus em acompanhar a comitiva de Chuza até a cidade de Herodíade. Irritado, Gestas procura Adela e diz saber da verdade. Cornélius procura Jesus.



Capítulo 56
Efraim reclama da conduta das filhas. Gestas não compreende Adela e sai furioso. Sara e Gabriela cuidam de Goy. Adela conversa com Diana e diz que vai procurar Jesus. Gestas diz a verdade para Dimas sobre Adela e eles brigam. Laila fica triste com a frieza de Simão Fariseu. José de Arimatéia aconselha Deborah. Judite sente um cheiro estranho em Caifás e o questiona. Dimas procura Adela, mas fica decepcionado ao descobrir que ela deixou a cidade. A comitiva de Chuza parte para Tiberíades. Joana vê Adela caminhando sozinha e a convida para se juntar a eles. Cornélius encontra Jesus e fala do estado de saúde de Goy. Barrabás diz não ter feito nada contra Maria Madalena. Simão Zelote fala sobre suas andanças com Jesus. Caleb se apresenta a Antipas e fala do milagre feito por Jesus. Herodíade se irrita. Barrabás não se entende com Simão Zelote. José de Arimatéia fica satisfeito com a aproximação entre Tiago Justo e Deborah. Antipas confronta Herodíade e permite que Caleb veja João Batista. Shabaka tenta esconder, mas Susana vê sua mão ressequida por uma doença. Ela o convence a procurar Jesus. Na casa da família de Lázaro, Maria Madalena é atormentada por demônios. Caleb visita João Batista na prisão. Lázaro, Maria e Marta percebem que Maria Madalena fugiu. Os seguidores comem e conversam enquanto Jesus ora a Deus. Shabaka vai até a sinagoga de Cafarnaum para encontrar o Messias. Jesus questiona as críticas de Jairo e Simão Fariseu. O Filho de Deus surpreende a todos e pede para ver a mão de Shabaka. Susana se preocupa como pai de criação. Jesus cura a mão ressequida de Shabaka. Simão Fariseu e Jairo se irritam. Goy e Cornélius comentam sobre os milagres de Jesus. Shabaka comemora. Asisa se irrita ao saber que Mateus não foi vê-la. Caius se recusa a pagar pelos serviços de Adela. Tiago Justo diz que pedirá a mão de Deborah em casamento. Caifás encontra com Anás e lamenta que Livona tenha perdido o bebê. A serva arma um plano para Judite se deitar com outro. Adela é presa e levada para a mesma cela de Barrabás. Lázaro encontra com Maria Madalena e consegue conversar com ela. Jairo manda recado para a mãe de sua filha. Yoná conversa com Gabriela e fala sobre o passado de Jesus. Chuza atualiza Joana sobre os últimos acontecimentos. Diana auxilia Almáquio na cozinha do palácio e fica tensa ao saber que prenderam sua mãe. Pilatos se preocupa com a seca que está tornando as terras improdutivas. Em Cafarnaum, os seguidores de Jesus ficam impressionados com a quantidade de pessoas que chegam para ver o Messias. Jesus diz que irá curar Goy. O Messias fica satisfeito com a fé de Cornélius e diz para ele voltar. Gabriela, Sara e Yoná ficam felizes ao verem que Goy melhorou. Cornélius agradece a Jesus. Judite não acredita na desculpa dada por Caifás. Cornélius avisa a Goy que ele foi curado por Jesus.

Capítulo 57
Zaqueu descobre que Gestas e Dimas são filhos de Adela. Jesus retorna à Cafarnaum e reencontra Maria. Tiago Maior e João reencontram Sula e avisam que foram escolhidos como apóstolos de Jesus. Efraim pede para falar a sós com Mateus. Adela segue com a comitiva de Chuza. Zaqueu conta para Shabaka que Gestas e Dimas são filhos de Adela. Gestas conta para Dimas que eles têm uma irmã. Diana desabafa com Almáquio. Claudia discute com Pilatos. Caifás não dá atenção à Judite e ela bufa de raiva. Efraim ofende Mateus e começa a passar mal. João e Gabriela trocam juras de amor. Yoná aceita a ajuda de Natanael. Mirian conversa com Judas Iscariotes e pergunta sobre seu passado. Calebe avisa a João Batista sobre os milagres de Jesus. Herodíade presta atenção na conversa deles. Caius provoca Barrabás e avisa eu Adela deixou a cidade. Petronius tem um pesadelo com Maria Madalena. João se despede de Gabriela. Asisa trata Maria com grosseria. Lázaro, Marta e Betânia deixam Maria Madalena sozinha em casa e vão até Jerusalém. Tiago Justo avisa que vai procurar outro lugar para morar. Claudia diz que Helena já deveria estar casada e avisa que logo Pilatos arrumará um pretendente. A comitiva de Chuza é atacada por rebeldes. De longe, Edissa observa o ataque. Jesus e seus discípulos caminham pelo deserto e se aproximam da cidade de Naim. O Messias se compadece ao ver uma mulher carregando o corpo do filho morto em um cortejo fúnebre. Ele se aproxima, toca no corpo e manda o jovem levantar.

Capítulo 58
Jesus ressuscita o jovem morto. A mãe do rapaz agradece ao Messias. Longinus e os outros soldados lutam contra os rebeldes. Chuza salva a vida do servo Hélio. Um dos rebeldes ameaçam Adela e Joana. Deborah diz aceitar se casar com Tiago Justo. Hélio e Chuza salvam Joana. Longinus consegue matar os rebeldes restantes. Adela é tentada pelo Satanás, mas devolve a joia que encontrou para Joana. Escondida, Edissa os observa. José de Arimatéia faz negócios com Pilatos. Claudia permite que Helena ajude os necessitados do Tanque de Betesda. Possuída, Maria Madalena observa Petronius cavalgando. Lázaro vende mantimentos para Shabaka. Malco se nega a dar dinheiro para Ami gastar com prostitutas. Ami fica irritado. Malco dá em cima de Marta. Arimatéia fica triste ao ser perguntado sobre a esposa. Edissa come os restos de comida deixados durante o ataque à comitiva de Chuza. José de Arimatéia fala sobre sua esposa com Pilatos. Ele diz que ela se tornou impura. O pai de Deborah pede para falar com Caius. Jesus fala para seus discípulos. Petronius escuta a voz de Maria Madalena e fica perturbado. Susana descobre que Lázaro abrigou Madalena. José de Arimatéia manda Caius se afastar de Deborah. Maria e Mirian levam alimento para Shaya e Talita. Jairo e Simão Fariseu planejam uma maneira de se aproximarem de Jesus para trai-lo.

Capítulo 59
Laila desabafa com Sara sobre Simão Fariseu. Os discípulos de Jesus recebem as doações trazidas pelo povo. Nicodemos pede para ver Barrabás. Pedro implica com Mateus. Barrabás nega ter feito mal à Maria Madalena. Susana e Lázaro não encontram Madalena. Dimas e Gestas dividem o ouro roubado. Joana se despede de Adela e lhe entrega um presenta para ajudar na libertação de Diana. Arimatéia oficializa o noivado de Deborah e Tiago Justo. Simão Fariseu convida Jesus e seus seguidores para comerem em sua casa. Jesus aceita o convite de Simão Fariseu. Natanael desconfia. Pedro avisa que visitará os familiares. Sara dá conselhos à Gabriela. Simão manda Laila servir as sobras para Jesus e os seguidores. Detida com um objeto valioso, Adela é levada até Cornélius. Nicodemos fala sobre Barrabás com Anás e Caifás. Adela fala sobre Jesus e desperta a atenção de Goy e Cornélius. A comitiva de Chuza é recebida por Antipas e Herodíade. Jairo e Simão Fariseu tratam Jesus com falsidade. Cornélius liberta Adela. Adela esbarra em Pedro nas ruas e pergunta sobre o Messias. Deborah se mostra culpada. Anás e Caifás discutem com Nicodemos. Longinus e Hélio ficam de olho em Salomé. Pedro destrata Adela. O Satanás sussurra no ouvido dela, mas a mãe de Diana segue em busca de Jesus.

Capítulo 60
Tomé resiste à tentação do Satanás. Claudia e Helena seguem para o Tanque de Betesda para ajudar os mais necessitados e são questionadas por Pilatos. Em conversa com José de Arimatéia, Deborah diz entender sua mãe Edissa. Pilatos ordena que Caius acompanhe Claudia e Helena até o Tanque de Betesda. Dimas compra uma roupa de soldado com um oficial romano. Maria e Mirian descobrem que Jairo é pai de Talita. Asisa faz um escândalo diante de Jesus. Sob a vigilância de Caius, Helena e Claudia distribuem moedas para os mais necessitados. Ami mente e pede mais moedas para distribuir aos necessitados de locais mais distantes. O Satanás sussurra ao ouvido de Ami, que guarda todas as moedas. Vestido de soldado romano, Dimas avisa que encontrará a irmã. Joana pede à Herodíade para ver João Batista. Petronius diz que ainda não pode libertar Barrabás. Dimas procura por Diana no palácio. Adela chega até a casa de Laila e se joga aos pés de Jesus. Simão Fariseu e Jairo ordenam que ela deixe o local. Simão Fariseu tenta expulsar Adela de sua casa, mas Jesus o impede. Ela se sente envergonhada, mas o Messias ergue seu queixo e sorri. Emocionada e profundamente arrependida, Adela lava os pés de Jesus. Petronius aceita fazer uma nova busca à Madalena. Susana pede para falar com Barrabás.



Capítulo 61
Hélio e Longinus trocam provocações. Malco encontra Ami bêbado, rodeado de prostitutas. Caius se aproxima e questiona Ami. Barrabás agradece a visita de Susana. Ami suborna Caius. Malco chama a atenção de seu tio. Dimas se apresenta à Diana. Susana e Petronius procuram por Maria Madalena. Pedro pede desculpas à Adela e a convida para passar a noite em sua casa. Dimas conversa com Diana e são surpreendidos com a chegada de Caius. Petronius e Susana vão até a casa de Lázaro. Eles explicam que Maria Madalena está possuída por sete demônios. Pedro apresenta Adela aos familiares. Dimas consegue despistar Caius e marca um novo encontro com Diana. Givon fica constrangido com as palavras de Jesus. Adela explica o que a fez lavar os pés de Jesus. Caius se encontra com Petronius e fala sobre o ocorrido com Ami. O soldado mente e diz que o ex paralítico já tinha gastado todas moedas. Caifás desabafa com Judite e Livona. Efraim se irrita ao ver Laila defendendo Jesus. Sula desrespeita Adela. Sula vê João beijando Gabriela e dá dicas para a menina. Simão Zelote se desculpa com Adela. Judas Iscariotes ajuda Natanael a conquistar Yoná. Maria aconselha a filha. Petronius avisa a Pilatos que Ami enganou Helena e se apossou das moedas. Irritado, o governador romano ordena a crucificação de Ami.

Capítulo 62
Caius tenta disfarçar a preocupação ao saber que Pilatos mandou crucificar Ami. Zaqueu aconselha Ami a fugir. Susana estranha ao ver Diana procurando por Dimas na hospedaria. Gestas é apresentado à irmã e eles discutem. Pedro conversa, amigavelmente, com Adela. Givon discorda das palavras de Jesus e avisa que deixará de segui-lo. Em Cafarnaum, um casal conduz seu filho que está possuído. O menino corre na direção de Zebedeu e o ataca. Mirian encontra Jairo e diz que sabe de seu segredo. Zebedeu tenta se desvencilhar do ataque do Filho Endemoniado. Jairo explode de raiva diante da provocação de Mirian. Jesus expulsa o demônio do menino e enfrenta Efraim. Claudia, Helena e Susana ajudam Kesiah a procurar Madalena pelo palácio. Efraim se enche de ódio diante das palavras de Jesus. Herodíade tenta provocar Joana. Bina e Salomé tentam descobrir quem é o admirador secreto. Judite tem pesadelo com Gestas. Caius avisa que Ami deve ser capturado. Shabaka questiona Dimas e Gestas. Mirian conta sobre o encontro com Jairo e Adela confirma que ele o procurava com frequência. O vilão desconta sua fúria na esposa e filha. Jesus segue com seus discípulos e Efraim explode de raiva. Laila se queixa de Simão Fariseu e Asisa insinua que existe algo entre ela e Jairo. Talita chora ao ver Jairo tentando agredir Chaya. Ele obriga a esposa a se afastar de Mirian e suas amigas. Caius questiona Malco sobre o paradeiro de Ami. Marta e Betânia encontram o cavalo de Petronius.

Capítulo 63
Petronius fica frustrado ao se lembrar de sua irmã Cassandra. Malco encontra Ami e avisa que ele está sendo procurado. Malco pede para Ami permanecer escondido. Jesus ensina os discípulos a orarem a Deus. Judite é observada por Gestas enquanto faz compras. Pilatos cobra notícias de Ami. Os apóstolos ficam impressionados com as palavras de Jesus. Pilatos manda chamar Caifás. Herodíade provoca João Batista. Bina confessa que foi mandada ao Jordão por sua patroa. Pedro implica com Iscariotes. Ansioso com a proximidade do casamento com Deborah, Tiago Justo fala mal de Jesus. Judite desmaia ao ver Gestas na porta de sua casa. Lázaro encontra o cavalo de Petronius. Shabaka diz que Lázaro seria um bom marido para Susana. Gestas chantageia Judite. Herodíade humilha o servo Hélio ao vê-lo cortejando Salomé. Pilatos exige que Caifás faça com que Malco encontre Ami. Efraim fala mal de Jesus e Laila discorda. Petronius agradece por Lázaro ter achado seu cavalo. Pedro fica mexido com as palavras do Messias. Zebedeu troca palavras de amor com Sula. Shabaka tenta empurrar Susana para Lázaro. Malco se aconselha com Marta. Adela agradece a acolhida de todos e avisa que voltará para Jerusalém. Longinus se declara para Salomé e diz ser seu admirador secreto. Caifás ordena que Malco entregue Ami. Judite teme que esteja grávida sem ter se deitado com Caifás. Ela é surpreendida pela chegada de Gestas, que pede mais ouro. Petronius reencontra Maria Madalena. Simão Fariseu surpreende a todos e exige que Jesus prove ser mesmo o Messias.

Capítulo 64
Jesus enfrenta Simão Fariseu e fala sobre o Profeta e Baleia. Simão Fariseu fica envergonhado. Petronius resgata Maria Madalena. Judite entrega mais moedas a Gestas e avisa que pode precisar dele novamente. Salomé e Longinus se beijam. Malco diz a Ami que estão correndo risco. Adela segue para Jerusalém. Petronius promete ajudar Maria Madalena.

Capítulo 65
Malco diz que tentará salvar Ami. Herodíade acusa Hélio de importunar Salomé. Com medo de Jairo, Chaya pede para Yoná e Gabriela a deixarem em paz. Chuza defende Hélio. Jesus fala aos discípulos. Petronius leva Maria Madalena de volta ao palácio. Kesiah se emociona ao revê-la. Diana fica com medo ao falar sobre os demônios. Susana abraça Maria Madalena. Claudia e Pilatos comentam o ocorrido com a moça. Barrabás é libertado e recebe a ajuda de Shabaka. Alguns dias se passam e os irmão de Jesus debocham Dele. A serva Bina pede perdão a João Batista. Antipas avisa que fará uma festa. O governante diz que concederá um desejo a quem lhe der o melhor presente. Herodíade se anima. Adela reencontra Barrabás. Ela fica sem graça ao vê-lo com seus filhos, Gestas e Dimas. Tiago Justo diz que seu Irmão não irá em seu casamento. Tomé avisa a Jesus sobre a chegada de sua mãe e irmãos. Jesus diz que seus seguidores são seus irmãos e mães. Tomé avisa à Maria que Jesus ainda está ensinando e não poderá recebe-los. Os irmãos do Messias se aborrecem e deixam o local. Barrabás descobre que Dimas e Gestas são filhos de Adela. Gestas ofende Adela e Dimas vai atrás do irmão. Joana pensa no que poderá dar a Antipas. Herodíade implica com Hélio. Longinus pensa na proposta de Antipas. Kesiah ajuda Maria Madalena a se vestir. Susana avisa que Lázaro e suas irmãs foram convidados para um banquete de agradecimento. Adela diz que recomeçará uma nova vida. Sula apressa Zebedeu para o casamento de Tiago Justo. Os discípulos comentam sobre a clareza de Jesus na interpretação das Escrituras. Petronius tenta controlar seu ciúme por Maria Madalena. Pilatos autoriza que Tiago Justo e Deborah se casem nos jardins do palácio. Helena e a futura noiva falam sobre as tradições de um casamento judeu.



Capítulo 66
Tiago Justo convida os membros do Sinédrio para o casório. Asisa provoca Maria e Yoná. Deborah se abre com Helena e fala da culpa que sente por ter dado seu bebê. Edissa se abriga em uma caverna e acaba encontrando Cassandra, irmã de Petronius. Salomé marca novo encontro com Longinus. Querendo libertar Batista, Joana pensa no que poderá dar a Antipas. Adela fala com Diana sobre o encontro com Jesus. Cassandra avia que tem lepra, mas permite que Edissa fique na caverna. Petronius promete proteger Maria Madalena. Jesus diz que precisa continuar Sua Missão. Ele avisa que precisarão chegar até Gerasa. Tiago Maior alerta sobre o mal tempo no mar. Usando dois barcos, Jesus e seus apóstolos seguem avançando sobre as águas. Em uma caverna na região da Galileia, o Endemoniado Geraseno se debate, preso à correntes.

Capítulo 67
Enquanto Jesus dorme no barco, Pedro anuncia a chegada de uma forte tempestade. Em uma caverna na Galileia, o Endemoniado Gerasano se debate, preso a correntes. Os apóstolos de Jesus se preocupam com a forte tempestade, enquanto Ele dorme tranquilo. Uma grande onda bate em um dos barcos e Tiago Menor é arremessado ao mar. Sara e Gabriela ficam preocupadas com a tormenta. Pedro e João não conseguem resgatar Tiago Menor. Jesus permanece dormindo no interior de uma das embarcações. Pedro se lança ao mar para salvar Tiago Menor. Outra onda os atinge e Filipe também é arremessado nas águas. Maria, Sula e os outros seguem em direção à Jerusalém. Eles são observados pelo Satanás. Tomé e Simão Zelote acordam Jesus, desesperados. Cassandra desabafa com Edissa. Sereno, Jesus fica em pé no barco e observa a aproximação de uma enorme onda. Os seus discípulos ficam impressionados com a tranquilidade do Messias. O Endemoniado Gerasano se debate feito um animal, cedendo os elos das correntes. Jesus faz a tempestade passar. Todos os apóstolos ficam bem. O Endemoniado consegue se soltar. Sara e Gabriela ficam aliviadas com o término da tempestade. Maria, Sula, Mirian, Zebedeu, Cornélius, Goy e Yoná seguem viagem. Edissa descobre que Cassandra é irmã de Petronius. Maria Madalena diz que ajudará o centurião a encontrar sua irmã. Jesus se mostra decepcionado com a falta de fé de seus apóstolos. O Messias avisa que precisão chegar até a outra margem. Barrabás insinua que Tiago Justo deverá contribuir mais com os rebeldes depois de se casar com uma nobre. Judite descobre que não está grávida. Livona diz que ela deverá tentar novamente com Gestas. Malco é pressionado por Anás e Caifás, mas não revela o paradeiro de seu tio. Ami é surpreendido pela chegada de Adela no quarto que está escondido. Chaya, esposa de Jairo, pede ajuda a Sara e Gabriela. Ela avisa que a pequena Talita está ardendo em febre. Ami suplica para Adela não o delatar. Tiago Justo fica ansioso com a chegada de seu casamento. Adela permite que Ami se esconda em seu quarto, mas pede respeito. Jesus e os apóstolos chegam até a Terra dos Gadarenos. O Messias percebe a presença de Satanás no local. Eles são surpreendidos com a chegada do Endemoniado Gerasano. Jesus o encara. Sara e Gabriela vão até a casa de Chaya. Jesus enfrenta o Endemoniado Gerasano, que diz ser habitado por uma legião de demônios.

Capítulo 68
Jesus expulsa a legião de espíritos maus do rapaz. Os demônios entram em uma manada de porcos, que, enfurecidos, se jogam de um precipício. O Endemoniado Gerasano começa a recuperar os sentidos. Chaya diz não ter coragem de chamar Jairo. Na hospedaria, Nemestrino fica encantado com Marta. Shabaka se preparam para o banquete de Maria Madalena. Lázaro admira a beleza de Susana. Barrabás agradece a ajuda da gladiadora. Satanás se diverte ao ver a discussão entre os apóstolos. Maria Madalena recebe os convidados em seu banquete no palácio. Diana conversa com Almáquio e diz ter medo de Madalena. Pilatos recebe Shabaka. Maria Madalena agradece a presença de todos. Lázaro é aplaudido enquanto discursa. Satanás se aproxima de Petronius, que olha enciumado para Lázaro. Na hospedaria, Barrabás oferece bebida a todos e Nemestrino fica preocupado. Barrabás tenta defender Adela e acaba brigando com Gestas. Judas Iscariotes diz que Jesus os livrará da tirania romana. Lázaro paquera Susana. Petronius fica encabulado com as palavras de Marta. Pilatos diz que precisa logo arrumar um pretendente para Helena. Satanás fala ao ouvido de Maria Madalena, que fica perturbada. Pilatos trata Diana com grosseria. Satanás perturba Diana. Madalena pede a ajuda de Petronius. Herodíade flagra Salomé beijando Longinus. Shabaka retorna à hospedaria e fica chocado com a desordem. Petronius ampara Maria Madalena. Marta tenta se aproximar de Malco. Madalena agradece o apoio de Petronius, mas volta a ser atormentada pelo Satanás. O Gerasano sorri, agradecendo a Jesus. Sara procura Jairo e avisa que Talita está morrendo. Arimatéia recebe os familiares de Tiago Justo. Barrabás observa Goy na cidade. Antipas fala dos preparativos de sua festa. Herodíade questiona Longinus. Jesus e seus apóstolos percebem a aproximação dos donos dos porcos que se atiraram no precipício.

Capítulo 69
Madalena agradece o apoio de Petronius, mas volta a ser atormentada pelo Satanás. O Gerasano sorri, agradecendo a Jesus. Sara procura Jairo e avisa que Talita está morrendo. Arimatéia recebe os familiares de Tiago Justo. Barrabás observa Goy na cidade. Antipas fala dos preparativos de sua festa. Herodíade questiona Longinus. Jesus e seus apóstolos percebem a aproximação dos donos dos porcos que se atiraram no precipício. Os porqueiros questionam Jesus. Caius descobre que Deborah se casará com Tiago Justo. Deborah fica mexida ao ver o bebê de uma jovem moça. Ami teme ser encontrado. Malco se abre com Caifás e diz saber onde seu tio está. Gestas chantageia Judite, mas ela avisa que ele terá que colaborar. Herodíade diz que Longinus terá Salomé, mas primeiro terá que voltar a Jerusalém. Antipas avisa que dará melhores condições a João Batista na prisão. Jairo se desespera ao ver o estado de Talita. A menina desfalece. Diante da revolta dos porqueiros, Jesus avisa que partirá com os apóstolos. Jairo se mostra arrependido e pergunta por Jesus. Antipas pede conselhos a Batista. Manipuladora, Herodíade exige que Longinus retorne à Jerusalém e promete que ele poderá desposar Salomé. Judite chama Gestas para o quarto e manda Livona vigiar. Ami é capturado por Caifás e se decepciona com Malco.

Capítulo 70
O Gerasano agradece a ajuda de Jesus e se despede. Ami questiona Malco, mas é levado preso. Edissa se despede de Cassandra. Caius provoca Tiago Justo. Jairo procura por Jesus. Deborah fica tensa ao ver Caius com Tiago Justo. Barrabás desconfia da presença de Goy na cidade. Adela tenta falar com Livona. Ami é levado até Petronius. José de Arimatéia fala sobre Edissa com a família de Tiago Justo. Malco visita Ami na prisão. Salomé se desespera ao saber que Herodíade sumiu com Longinus. Edissa tenta ir ao encontro do Messias. Jairo implora para Jesus salvar sua filha. Judite chama Gestas para o quarto e manda Livona vigiar. Ami é capturado por Caifás e se decepciona com Malco. O Gerasano agradece a ajuda de Jesus e se despede. Ami questiona Malco, mas é levado preso. Edissa se despede de Cassandra. Caius provoca Tiago Justo. Jairo procura por Jesus. Deborah fica tensa ao ver Caius com Tiago Justo. Barrabás desconfia da presença de Goy na cidade. Adela tenta falar com Livona. Ami é levado até Petronius. José de Arimatéia fala sobre Edissa com a família de Tiago Justo. Malco visita Ami na prisão. Salomé se desespera ao saber que Herodíade sumiu com Longinus. Edissa tenta ir ao encontro do Messias. Jairo implora para Jesus salvar sua filha. Jesus pede para Jairo leva-Lo até a menina. Maria fala sobre Tiago Justo com Deborah. Asisa descobre que Jairo procurou Jesus.



Capítulo 71
Herodíade diz que a vida de Longinus está nas mãos de Salomé. Joana se prepara para entregar o presente a Antipas. Maria Madalena elogia Lázaro. Pilatos questiona Ami. Herodíade diz que Salomé deverá obedecê-la para salvar a vida de Longinus. Joana diz que chegou a hora do seu presente. Edissa toca as vestes de Jesus e Ele a questiona. Joana presenteia Antipas com a água do rio Jordão. Jesus diz que fé de Edissa a curou. Chaya chora a morte de Talita. Pilatos diz que Ami será punido de acordo com a leis romanas. Jairo pede a ajuda de Jesus, mas Chaya avisa que Talita está morta. Jesus diz para ele ter fé. Herodíade presenteia o marido com um anel e diz abrir mão de seu desejo. Ela entrega uma bebida para Salomé. Pilatos condena Ami à crucificação. Cornélius e Goy se hospedam no estabelecimento de Shabaka. Asisa e Simão Fariseu ficam surpresos ao saberem que Jairo tem uma filha. Tiago Justo se posiciona contra Jesus. O Messias diz que Talita apenas dorme. Algumas pessoas duvidam. Ami implora para não ser crucificado. Jesus ressuscita a menina Talita. Bêbada, Salomé oferece um pedido a Antipas, que pede para a menina dançar para ele. Herodíade fica satisfeita. Salomé inicia uma dança sensual. Joana estranha o comportamento da jovem. Barrabás e Goy se reencontram. Na prisão, João Batista ora a Deus. Fascinado, Antipas aplaude Salomé e a concede um desejo. Ela pede a cabeça de João Batista em uma bandeja.

Capítulo 72
Satanás se aproxima de Antipas. Herodíade o provoca. Ele ordena que Heitor traga a cabeça de João Batista em uma bandeja. Barrabás tenta despistar Goy. Talita consegue falar e comer sozinha. Jairo agradece a Jesus e diz que jamais abandonará a família. João Batista se emociona ao lembrar de Jesus. Maria Madalena e Susana desistem de sacrificar algum animal no templo. Helena sofre ao saber da punição de Ami. Se sentindo culpado, Heitor vai ao encontro de João Batista. Satanás fala ao ouvido de Salomé. Herodíade sorri, satisfeita. Antipas é perturbado pelo demônio. Joana fica revoltada. Antipas se enfurece. Heitor manda João Batista ajoelhar-se e desembainha a espada. Curada, Edissa se banha, emocionada. Heitor assassina João Batista. Edissa agradece a Deus. Talita pergunta se Jairo vai morar com ela. Adela reencontra Diana e Livona. Jairo diz que precisará voltar a Cafarnaum. Chaya fica decepcionada. Adela agradece o apoio de Diana. Livona diz não confiar na irmã. Antipas questiona Heitor sobre a cabeça de Batista. Jesus ora ao Senhor. A cabeça de João Batista é entregue em uma bandeja. Sob o olhar do Satanás, Herodíade sorri, satisfeita. Sara e Gabriela preparam o jantar dos apóstolos. Edissa fica surpresa ao ouvir João e Tiago Maior falando sobre José de Arimatéia. Dois cegos seguem procurando por Jesus. Edissa descobre que Deborah se casará.

Capítulo 73
Maria pede para falar com Tiago Justo. Efraim deixa Jairo na saia justa. Malco é avisado sobre a condenação de Ami. Barrabás pede para se esconder no quarto de Adela. Susana é desrespeitada por alguns clientes da hospedaria. Susana e Goy lutam com dois homens na hospedaria. Jesus fala aos seus seguidores. João e Gabriela se beijam. Os dois cegos são levados até o Messias. Asisa reclama do afastamento de Mateus. Maria apoia Tiago Justo. Jesus faz os dois homens cegos voltarem a enxergar. Barrabás conversa com Adela sobre seu plano de livrar os judeus da dívida com os romanos. Jairo tenta se explicar para Simão Fariseu e Efraim. Ami pede para Malco ir em sua crucificação. Claudia discute com Pilatos. Mateus fica triste ao ver Asisa criticar Jesus. Pedro permite que os cegos passem a noite em sua casa. Em conversa com Caifás, Judite finge gostar de Livona. Os apóstolos conversam com Jesus em clima de harmonia. Edissa chega à Jerusalém. Efraim ofende Mateus. Pilatos recebe Cornélius e admira a sabedoria de Goy. O governante fica sabendo dos milagres feitos por Jesus. O Messias pede a atenção dos apóstolos. Edissa procura por Deborah. Maria, Sula e Mirian percebem que Caifás irá celebrar o casamento de Tiago Justo. Deborah se abre com Helena e diz se sentir culpada. Edissa pede informações no palácio, mas é maltratada por Caius.

Capítulo 74
Caius expulsa Edissa do palácio. Jesus reúne os apóstolos e avisa que a partir de agora lhes dará autoridade e poder sobre todos os demônios. Madalena descobre sobre o mal que Petronius fez a Barrabás no passado. O irmão de Simão Zelote enfrenta Malco. Jesus diz para seus apóstolos não irem a lugares que o povo não seja judeu. Maria Madalena discute com Petronius. Barrabás questiona a atitude de Malco, que fica furioso. Maria é apresentada a Pilatos. Os apóstolos ficam impressionados e assustados com as palavras de Jesus. Efraim passa mal e diz para não chamarem Jesus. Herodíade se recusa a entregar os restos mortais de João Batista à Joana. Edissa entra em uma carroça para tentar entrar no palácio.

Capítulo 75
Anás fica incomodado com as palavras de Mirian sobre Jesus. Tiago Justo recebe os cumprimentos dos convidados. Almáquio e Diana preparam o banquete da festa. Antipas concede o desejo de Joana e Herodíade fica irritada. Eles são avisados sobre o sumiço de Salomé. Jesus encoraja seus discípulos. Gestas conversa com Dimas e mostra o ouro que tirou de Judite. Cornélius e Goy falam sobre a visita a Pilatos. Tiago Justo fica ansioso com a demora de Deborah. Edissa entra no palácio, mas é vista por um soldado. Deborah pede para Helena deixa-la sozinha por alguns instantes. Antipas não entende o motivo de Salomé ter fugido. Helena, Maria e Kesiah descobrem que Edissa é a mãe de Deborah. Os apóstolos refletem sobre as palavras de Jesus. Efraim se recusa a pedir a ajuda do Messias e acaba morrendo. Jesus diz que os apóstolos partirão para suas missões de dois em dois. Longinus avisa que os rebeldes queimaram as madeiras do palácio. Petronius então avisa que a crucificação de Ami será adiada. Edissa reencontra Deborah e elas se abraçam, emocionadas. Ami descobre que a crucificação foi adiada. Petronius chama Goy para um treino de espadas. Barrabás conversa com Adela e confessa ter sido o responsável pela destruição das madeiras.



Capítulo 76
Maria diz ter uma ótima notícia para José de Arimatéia. Ele vai ao encontro de Edissa. Laila diz que Efraim morreu e é consolada por Jairo. Pedro, João, Tiago Maior e André se despedem de Sara e Gabriela. Mateus descobre que o pai de Asisa faleceu. Arimatéia abraça Edissa, emocionado. Deborah avisa que não pode continuar enganando Tiago Justo. Goy e Petronius lutam durante treinamento. Tiago Justo fica ansioso com a demora de Deborah. José de Arimatéia o chama para conversar. Diana e Almáquio comentam sobre a cerimônia na cozinha. Deborah diz para Tiago Justo que não pode se casar. Mateus avisa que não poderá ficar em Cafarnaum e Asisa fica revoltada. Jesus fala o nome das duplas de apóstolos que seguirão juntas em suas missões. Os discípulos se despedem do Messias e seguem. Deborah diz toda a verdade para Tiago Justo, que que fica inconformado. Maria Madalena pede para conversar com Petronius. Claudia anuncia o cancelamento do casamento de Tiago e Deborah. Edissa e Helena consolam a moça. Jesus tranquiliza Gabriela e Sara ao dizer que Deus cuidará dos apóstolos. Judite e Livona ficam surpresas ao saberem que Caifás comprou Temina, uma nova serva. Maria encontra com Tiago Justo. Joana avisa a Jesus sobre a morte de João Batista.

Capítulo 77
Joana explica o motivo da morte de João Batista para Jesus. Maria tenta apoiar Tiago Justo, mas ele pede para ficar sozinho. Caifás explica que comprou a serva Temina para usá-la como espiã no palácio de Pilatos. Jesus navega, sozinho. Pilatos reclama da demora de Deborah no palácio. A jovem se sente envergonhada. Petronius e Maria Madalena se beijam. Jairo consola Laila pela morte de Efraim. Simão Fariseu estranha. Jesus se lembra de João Batista. Antipas e Herodíade discutem diante do desaparecimento de Salomé. Jesus faz um novo milagre. Ele cura um idoso surdo. Em duplas, os apóstolos seguem em suas missões. Simão Zelote e Judas Tadeu se ajudam para atravessarem um riacho. Pedro acha graça ao ver uma fruta cair na cabeça de Mateus. Observados pelo Satanás, um grupo de judeus se irritam com as palavras de Natanael e Tiago Menor. João e André se banham no rio Jordão. Tiago Maior e Filipe são expulsos da sinagoga por um grupo de Fariseus. Judas Iscariotes caminha, irritado, ao lado de Tomé. Alguns dias se passam. Judas Tadeu e Simão Zelote encontram com Cassandra em uma caverna. Petronius fala com Maria Madalena sobre sua irmã. Maria e Miriam retornam para Cafarnaum. Jesus fala da procura de Sara pela dracma perdida para exemplificar sua preocupação com os pecadores. Natanael e Tiago Menor agradecem a acolhida de um judeu.

Capítulo 78
Tomé e Judas Iscariotes encontram com Joana e descobrem que João Batista foi assassinado. Maria conta que seu filho não casou com Deborah. Tiago Justo bebe para afogar a mágoa. Zaqueu compra uma joia de Dimas e Gestas. Tiago Justo vê Caius na hospedaria e lhe acerta um soco. Edissa e Arimatéia consolam Deborah. Caifás explode de raiva ao saber que Edissa foi curada por Jesus. Barrabás dá em cima de Adela e se surpreende ao ver Maria Madalena. André e João batizam algumas pessoas no rio Jordão. Salomé se aproxima e pede para ser batizada. Ela revela ter sido a responsável pela morte de João Batista. Um publicano exige que Pedro e Mateus paguem impostos. Judas Tadeu e Simão Zelote se surpreendem ao descobrirem que Cassandra é irmão de Petronius. Cassandra é curada por Simão Zelote e Judas Tadeu. Satanás se diverte diante da briga de Caius e Tiago Justo. Barrabás questiona Maria Madalena, que, possuída, o enfrenta. Salomé é ofendida por alguns Judeus e João vai atrás dela. Mateus fala de seu encontro com Jesus e é liberado pelo publicano. Shabaka e Susana separam a briga de Tiago Justo e Caius. Caifás pede para José de Arimatéia apresentar a serva Temina à Cláudia. Cassandra agradece a ajuda de Simão Zelote e Judas Tadeu. Tiago Maior e Filipe são obrigados por soldados romanos a puxarem uma carroça. Iscariotes e Tomé falam com Joana sobre suas transformações.

Capítulo 79
Sula fica feliz ao saber que seus filhos farão milagres. Tiago Maior e Filipe são liberados pelos soldados. João se mostra preocupado com Salomé. Cornélius e Goy retornam à Cafarnaum. Antipas e Herodíade se surpreendem ao saberem que um João está batizando as pessoas no rio Jordão. Malco visita Ami na prisão. Pilatos fala sobre seu plano de construir aquedutos em Jerusalém. Cláudia aceita Temina como serva pessoal. Adela pede para Barrabás não tentar influenciar Diana. Petronius encontra Maria Madalena possuída. Possuída, Maria Madalena tenta atacar Petronius. Shabaka e Susana lamentam o sofrimento de Tiago Justo. Madalena recupera a consciência e implora pra Petronius prendê-la. Caifás e Anás descobrem que João Batista foi assassinado. Uma mulher agradece a Jesus por ter curado seu bebê. Miriam e Maria são avisadas sobre a morte de Batista. Joana e Chuza retornam ao palácio de Pilatos. Heitor anuncia a prisão de André e João. Helena pede notícia de Judas Tadeu para Iscariotes. João e André são levados para a prisão. Edissa conversa com Judas Iscariotes e Tomé. Caifás se insinua para Livona. Maria se preocupa com Jesus. Petronius acorrenta Maria Madalena e eles trocam juras de amor. Mateus e Pedro encontram um pai espancando o próprio filho. Maria diz não considerar Asisa uma inimiga. Pedro e Mateus defendem o menino, que mostra ter os pés defeituosos. Os apóstolos então curam o menino.

Capítulo 80
Caifás nota a aproximação de Judite e disfarça. Adela vende cestos nas ruas de Jerusalém e recebe a ajuda de Zaqueu. Jesus ora solitário. A irmã do menino curado oferece alimento a Mateus e Pedro. Susana diz que apenas Jesus pode salvar Maria Madalena. Maria tenta se aproximar de Asisa. João e André são levados até Antipas. Eles avisam que viram Salomé às margens do rio Jordão. Maria consegue conversar com Asisa. Pilatos estranha a presença de Temina. Anás e Caifás falam sobre a decisão de Pilatos de construir aquedutos na cidade. Longinus descobre que Salomé pediu a cabeça de João Batista. Ami fica assustado ao ver Maria Madalena possuída na prisão. Petronius, Susana e Kesiah chegam ao local e ficam aterrorizados. Petronius se preocupa com Maira Madalena. Susana diz que só Jesus pode salvá-la. André e João são levados para a cela. Maria aconselha Gabriela. Petronius diz ter uma missão para Longinus. Antipas tenta acalmar Herodíade. Pilatos conversa com Claudia e explica sobre o corbã, riqueza doada pelos judeus ao templo. O governante romano avisa que usará o corbã para construção dos aquedutos. Petronius avisa que deixará o comando para fazer uma viagem e nomeia Caius para ficar no comando.



Capítulo 81
Cassandra chega até Jerusalém e agradece a companhia de Tadeu e Zelote. Maria chama Miriam para visitar Laila. Simão Fariseu se sente envergonhado com as palavras de Jesus. Jairo visita Laila. Helena fala sobre Deborah com Claudia. Pedro e Mateus se assustam com a reação agressiva do pai do menino agredido. Judas Iscariotes e Tomé fazem milagres no tanque de Betesda. Pedro expulsa o demônio do pai do menino. Kesiah avisa que Susana e um soldado romano partiram com Maria Madalena em busca de Jesus. Jairo deixa a casa de Laila com a chegada de Maria e Mirian. Judas Tadeu reencontra com Nicodemos. Diana não se entende com Dimas e Gestas. Judas Tadeu fala sobre Jesus com Nicodemos. Temina conta para Anás sobre o plano de Pilatos de usar o corbã para custear a construção dos aquedutos. O sumo sacerdote fica indignado e pensa em falar com Barrabás. Shabaka tenta controlar a bebedeira de Tiago Justo. Edissa consola Deborah. Tiago Maior e Felipe se surpreendem com uma necessitada pedindo suas comidas. Judas Tadeu e Helena se reencontram. Inconformada com o sumiço de Salomé, Herodíade vai até o calabouço e ameaça João e André.

Capítulo 82
Heitor pede para João e André orarem para Salomé reaparecer. Judas Tadeu pede para helena ajuda-lo a visitar Ami. Cassandra procura por Petronius. Tiago Maior e Filipe ajudam os necessitados. Claudia elogia o serviço da serva Temina. Caius manda os soldados prenderem Tiago Justo. Na sinagoga, Tiago Menor e Natanael são questionados por um sacerdote ancião. Barrabás debocha de Simão Zelote e descobre que Cassandra é irmã de Petronius. O centurião chega até a casa de Lázaro acompanhado de Susana e Longinus. Eles perguntam sobre o paradeiro de Jesus. Lázaro e suas irmãs se assustam ao verem Maria Madalena possuída e amarrada em uma carroça. O sacerdote acusa Tiago Menor e Natanael de serem adoradores do diabo. Barrabás se revolta contra Simão Zelote e Cassandra. Lázaro avisa que ajudará Susana a encontrar Jesus. Natanael e Tiago Menor são chicoteados pelos sacerdotes. Tiago Justo é jogado na prisão. Helena pede para Caius permitir a entrada de Judas Tadeu na cela de Ami. Caifás descobre que os apóstolos de Jesus estão curando pessoas. Gestas descobre que Livona é irmã de Adela. Mateus fala sobre os filhos que vivem em Roma.

Capítulo 83
Gestas fica irritado com Livona. Caifás não gosta de ver Judas Iscariotes e Tomé curando pessoas. O sacerdote ordena que Malco os prendam caso apareçam novamente. Ami recebe a visita de Judas Tadeu. Lázaro e Susana levam Maria Madalena, amordaçada, ao encontro de Jesus. Judas Tadeu fala sobre a parábola do rico e Lázaro para Ami. Joana e Claudia ficam impressionadas com as histórias contadas por Judas Iscariotes. Simão Fariseu fica apavorado ao ver Maria Madalena possuída. Deborah descobre que Tiago Justo está preso. Tomé recusa uma taça de vinho oferecida por Almáquio. Diana é atormentada pelo Satanás e desmaia. Diana levanta e agradece a ajuda de Almáquio e Tomé. Deborah se sente culpada pela prisão de Tiago Justo. Simão Fariseu indica a direção certa para Lázaro e Susana. Antipas se preocupa com o desaparecimento de Salomé. Natanael e Tiago Menor são expulsos da cidade por alguns fariseus. Tiago Justo ouve Judas Tadeu falando de Jesus. Caius dá notícias a Petronius. Herodíade exige que João e André sejam assassinados. Caius exige que Adela o sirva. Escondido, Barrabás os observa. Cassandra reencontra Petronius. Lázaro e Susana conseguem encontrar Jesus. Adela tenta controlar Caius e ajuda a cuidar de seus ferimentos.

Capítulo 84
Longinus se despede de Susana E Lázaro. Possuída, Maria Madalena consegue se soltar das correntes e corre em direção a um precipício. Jesus então ordena que ela pare. Antipas ameaça devolver Herodíade para seu reino de origem. Petronius agradece por Simão Zelote ter curado Cassandra. Jesus expulsa os demônios de Maria Madalena, libertando-a. Petronius tenta recompensar Simão Zelote, mas o apóstolo não aceita as moedas. Observada por Barrabás, Adela dispensa Caius. Petronius aconselha helena a não se aproximar novamente de Judas Tadeu. Pilatos conversa com Chuza sobre seu plano de construir aquedutos. João e André permanecem presos. Sula se preocupa com os filhos. Agradecida, Maria Madalena pede para seguir Jesus. Susana e Lázaro falam sobre ela. Simão Zelote e Judas Tadeu são bem recebidos por Shabaka. Zelote flerta com Betânia. Malco se abre com Marta e descobre que Tadeu visitou seu tio. Arrependido, Ami ora a Deus. Cassandra agradece o cuidado de Joana. Diana fica perturbada com a presença de Satanás e pede ajuda a Judas Iscariotes e Tomé.

Capítulo 85
Judas Iscariotes e Tomé conseguem livrar Diana do mal. Anás e Caifás se mostram preocupados com a presença dos apóstolos na cidade. Arimatéia reclama da prisão de Tiago Justo. Malco pede perdão a Ami. Madalena pede seguir com Jesus. Diana se abre com Adela. Madalena diz que resolverá tudo em Jerusalém para seguir Jesus. Petronius fica feliz ao conversar com Cassandra. Ami defende Tiago Justo. Arimatéia conta a verdade sobre Caius e Tiago Justo para Pilatos. Iscariotes e Tomé ensinam a palavra de Deus para um grupo de pessoas. Caifás chega ao local e os questiona. Salomé procura algo para comer nas ruas de Jerusalém. Longinus exige ser recebido por Herodíade. Tomé tenta conter Iscariotes ao serem expulsos por Caifás. Antipas flagra Longinus conversando com Herodíade. Pilatos exige que Caius solte Tiago Justo.



Capítulo 86
Lázaro, Maria Madalena e Susana são atacados por ladrões na estrada. Antipas permite que Longinus procure Salomé e ordena que soltem João e André. José de Arimatéia diz para Deborah que Tiago Justo será libertado. André e João deixam a prisão. Tiago Justo é solto. Petronius avisa que chegou a hora de Ami ser crucificado. Shabaka cuida de Susana. Madalena segue para encontrar Petronius. Jesus fala para um grupo de pessoas. Ami sofre, pregado na cruz. Tomé e Iscariotes encontram Tadeu e Zelote. Malco sofre ao ver o tio crucificado. Maria Madalena avisa que seguirá com Jesus e Petronius fica decepcionado. Pedro e Mateus curam as chagas de um homem. Jesus fala para algumas pessoas na sinagoga. Petronius sofre sem Madalena. André e João seguem felizes com a liberdade. Susana recebe o cuidado de Lázaro e suas irmãs. Iscariotes, Tomé, Tadeu e Zelote encontram com Tiago Maior e Filipe. Natanael, Tiago Menor, André e João retornam à Cafarnaum. Alguns dias se passam. João beija Gabriela. Sara avisa que Jesus chegou à cidade. Asisa trata Mateus bem, mas se irrita ao vê-lo indo encontrar o Messias. Maria Madalena surpreende a todos ao dizer que veio para seguir Jesus.

Capítulo 87
Pedro estranha a presença de Maria Madalena, mas Jesus diz que todos devem aceita-la. Helena fala sobre a tristeza de Petronius com a partida de Madalena. Edissa aconselha Deborah. Tiago Justo tenta se distrair conversando com Nicodemos. Cassandra tenta consolar o irmão. Caius avisa que Pilatos deseja falar com Petronius. Lázaro cuida de Susana. Sula e Maria falam sobre o livramento de Maria Madalena. Os apóstolos falam de seus milagres. Asisa se irrita com a presença de Jesus na cidade e trata mal seus seguidores. Jesus chama seus discípulos para seguirem. Pilatos chama Caifás e avisa que usará o corbã (tesouro sagrado) dos judeus para a construção dos aquedutos. Judite paga para Gestas depois de se deitar com ele. Eles são flagrados por Anás. Asisa diz que Cornélius deve fazer algo contra a multidão que segue Jesus. Laila avisa a Simão Fariseu e Jairo. Diana não aceita o dinheiro oferecido por Dimas. Adela vê Salomé passando dificuldades na rua e a ampara. Desesperada, Judite implora para Anás não contar nada a Caifás.

Capítulo 88
Malco avisa que o sumo sacerdote deseja falar com Barrabás. Gestas encontra Dimas e conta sobre o ocorrido. Susana diz que Lázaro e suas irmãs já podem partir. Judite implora para o pai não contar nada a Caifás. Natanael se declara para Yoná. Jesus controla a preocupação de Maria. O Messias parte com os apóstolos. Caifás pede para Barrabás fazer uma revolta. Uma enorme multidão tenta seguir Jesus. Adela se espanta ao ver que a menina é Salomé. Os apóstolos alertam sobre a grande quantidade de pessoas que estão à espera de Jesus. O Messias diz para irem ao encontro deles.Os apóstolos se surpreendem ao verem Maria, Miriam e as outras mulheres na cidade. Salomé pede para Adela não levá-la ao palácio. Barrabás aceita o plano de Caifás. Nicodemos e Tiago Justo ficam preocupados. Livona tenta acalmar Judite. Joana conversa com Helena sobre seu filho Abel, que vive em Damasco. Zebedeu apoia Sula. Jesus cura mais pessoas. Maria Madalena ajuda Maria e as outras mulheres nos afazeres domésticos.

Capítulo 89
Judas alerta Jesus sobre a escassez de comida para tanta gente. No entanto, o Messias pede para que todos se acomodem. Diana percebe que Salomé é filha de Herodíade. Susana senta a falta de Lázaro. Malco se decepciona ao saber que Marta partiu. Jesus, milagrosamente, multiplica os pães e peixes. Seus apóstolos distribuem a comida para as pessoas. Caius estranha o comportamento de Petronius. Ao ser reconhecida por Diana, Salomé tenta fugir. Antipas e Herodíade são recebidos por Pilatos. Eles falam do sumiço de Salomé. Adela e Diana não encontram a garota. Sara prepara algo para Cornélius comer. Jesus ordena que seus apóstolos recolham as sobras de comida. Pessoas exaltam o Messias. Satanás se infiltra na multidão e os incita contra os romanos. Jesus fica entristecido e ordena que os apóstolos sigam para Genesaré. Edissa aconselha a filha Deborah. Asisa fica furiosa ao saber que as mulheres foram atrás de Jesus e seus discípulos. O Satanás observa os apóstolos seguindo com os barcos. Jesus ora isolado. Os apóstolos avistam uma tempestade se aproximar. Barrabás reúne alguns rebeldes e organiza uma revolta conta Pilatos. Caifás estranha o comportamento de Judite e Livona.

Capítulo 90
Diana vai até o salão real e avisa que Salomé foi vista na cidade. Maria se preocupa com Jesus. Os apóstolos enfrentam uma forte tempestade em alto mar. Jesus termina de orar e percebe a presença de Satanás ao seu lado. Jesus enfrenta o olhar de Satanás e observa a tempestade em alto mar. Ele então desce o monte, decidido. Os apóstolos enfrentam as ondas e o mal tempo. Judas Iscariotes se desespera e diz que Jesus os abandonou. Madalena, Maria, Goy e os outros se assustam com a chegada de um homem com o ombro deslocado. Diana avisa que Salomé fugiu. Heitor e Caius acompanham a moça até a casa de Adela. Goy consegue colocar o ombro do homem no lugar. Caifás se queixa de Anás. Arimatéia tenta conversar com Tiago Justo, mas é destratado. Barrabás ordena que os rebeldes reúnem o maior número possível de pessoas para a revolta. Os apóstolos se desesperam com a forte tempestade. Barrabás se irrita ao ver Petronius na casa de Adela. Longinus descobre que Salomé foi vista na cidade. Tiago Justo sofre ao lembrar de Deborah. Zaqueu cobra impostos de Shabaka. Caius e Longinus procuram por Salomé. No palácio, Adela fala sobre o encontro com Salomé. Herodíade se irrita com o depoimento dela e é contida por Pilatos. Asisa fala mal de Jesus para Sara. Durante a tempestade no mar, os apóstolos se assustam com a presença de um volto em meio as ondas. Sara critica Asisa, que sai irritada. Os apóstolos ficam impressionados ao verem Jesus andando sobre as águas. Pedro pede para fazer o mesmo, mas se distrai com um trovão e acaba afundando, suplicando a ajuda de Jesus. Ele é salvo pelo Filho de Deus. Eles chegam à Genesaré e Jesus manda avisarem a todos sobre sua presença na cidade. Adela fica preocupada ao ouvir Barrabás falando sobre a revolta. Arimatéia conversa com Deborah e diz que Tiago Justo está com ódio. Laila se queixa com o marido sobre sua solidão. Jesus cura mais pessoas e Pedro o alerta para a quantidade de gente. Caifás estranha a grosseria de Anás. Malco avisa que vários revoltosos estão na porta do templo. Maria tenta se aproximar de Jesus. Goy pede ajuda ao homem que encontraram. Simão Zelote se apresenta à Maria Madalena. Maria sente orgulho do Filho. Pilatos é avisado sobre a presença dos revoltosos. Barrabás incita os rebeldes. Caifás dá carta branca ao grupo de judeus. Longinus encontra Salomé no tanque de Betesda. Jairo insiste e acaba beijando Laila. Jesus fala para a multidão. Maria fica impressionada ao ver que nem todos acreditam em seu Filho. Jesus diz ser o Pão da Vida. Salomé pede para Longinus fugir com ela.



Capítulo 91
Jairo e Laila são surpreendidos com a chegada de Asisa. Ele se esconde. Barrabás fala para os rebeldes. Petronius chega e avisa que o governador quer falar com Caifás. Jesus ordena que a multidão pare de murmurar. Satanás se mistura às pessoas. Asisa encontra um quipá no tapete de Laila e fica desconfiada. Pilatos ordena que Caifás interrompa a revolta. Longinus diz para Caius que fugirá com Salomé. Caifás manda Temina ficar de olho em Pilatos. Petronius vê Longinus e Caius com Salomé. Ela foge. Antipas chama Herodíade para fazerem um sacrifício no templo. Judite teme que Anás faça algo contra ela. Petronius ordena que Caius leve Salomé ao palácio. Lázaro e suas irmãs reclamam da alta cobrança de impostos pelos romanos. Judas diz desconfiar de Maria Madalena. Goy, Gabriela e Yoná retornam para a casa de Pedro. Pilatos descobre que encontraram Salomé. Barrabás acusa Antipas e Herodíade de terem sido responsáveis pela morte de Batista. Zaqueu explica a Shabaka sobre o que é o corbã. Gestas fala em roubar o tesouro dos judeus. Salomé é recebida pelas mulheres do palácio. Edissa cuida de José de Arimatéia. Livona pergunta para Adela sobre Gestas e Dimas. Herodíade descobre que Salomé foi encontrada. Caifás desconfia dos questionamentos de Anás. Deborah se emociona ao rever Tiago Justo. Salomé pede para não deixarem Herodíade se aproximar dela. Pilatos ordena que seus soldados se infiltram entre os rebeldes para um contra-ataque surpresa. Jesus diz que um de seus apóstolos é um diabo.

Capítulo 92
Os apóstolos ficam impressionados ao saberem que um deles é o diabo. Salomé ofende Herodíade. Temina encontra com Caifás e avisa que Pilatos deu ordem para soldados se infiltrarem entre os revoltosos. Deborah se declara para Tiago Justo e avisa que ficará pela causa rebelde. Jesus enfrenta um grupo de fariseus em Cafarnaum. Anás fica perplexo ao ver que Caifás não fará nada para salvar os rebeldes. Deborah se recusa a deixar o local. Barrabás estranha a demora de Caifás. Deborah vê Caius disfarçado de rebelde. Joana implora para Pilatos voltar atrás com sua decisão. Os fariseus e escribas se revoltam contra Jesus. Herodíade discute com Antipas e exige falar com Salomé. Caius diz que Deborah deve deixar o local. Anás chega ao pátio do templo e manda todos saírem, mas é tarde. Satanás sorri com o momento. Caius e os outros soldados se revelam e atacam os rebeldes. Deborah grita por Tiago. Satanás fala ao ouvido de Anás, que se desespera ao ver o massacre. Caifás se abre com Judite e se mostra tenso. Salomé questiona a atitude de Herodíade. Satanás se diverte com a discussão entre os apóstolos.

Capítulo 93
Tiago Justo tenta salvar Deborah. Barrabás luta contra os soldados, mas é atingido por Longinus. Nicodemos então implora para o soldado não matar Barrabás. Tiago Justo consegue salvar Deborah. Malco leva a pior contra Caius. Os soldados romanos conseguem levar o tesouro sagrado dos judeus. Claudia estranha a demora de Temina. Os apóstolos conversam sobre as últimas palavras de Jesus. Sula fica assustada ao ouvir os filhos falando sobre a tempestade. Caius e Longinus entregam o corbã a Petronius. Marta se preocupa com Malco ao saber do massacre. Anás observa toda a destruição no templo. Jesus ora a Deus. Tiago chega com Deborah desacordada em seus braços. Arimatéia e Edissa se desesperam. Barrabás chega ao quarto de Adela amparado por Nicodemos e desmaia.Barrabás recupera a consciência e esbraveja contra os romanos. Adela e Nicodemos o amparam. Deborah agradece a ajuda de Tiago Justo. Joana e Chuza surpreendem a todos e questionam Pilatos. Longinus pede a mão de Salomé para Antipas. Jesus ensina a seus apóstolos. Antipas diz que Salomé precisa de mais tempo e recusa o pedido de Longinus. Pilatos não atende os pedidos de Joana e Chuza. Laila tenta impedir que Jairo entre em seu quarto. Yoná e Gabriela reclamam do clima de discussão entre os apóstolos. Madalena agradece por toda a ajuda de Maria. Laila acaba beijando Jairo novamente. Madalena descobre que o centurião que importunou Maria foi Petronius.

Capítulo 94
André cede sua cama para Iscariotes dormir. Madalena se abre com Maria e fala sobre seu envolvimento com Petronius. O centurião fica perturbado com as lembranças. Asisa recebe Mateus e eles se beijam. Jairo pede um último beijo e deixa a casa de Laila, satisfeito. Adela cuida de Barrabás, que reclama de Caifás. Marta se preocupa com Malco. Herodíade sugere que Antipas aja contra Pilatos. Uma mulher cananeia e seu marido tentam cuidar de sua filha, que está endemoniada. Jesus é chamado. Claudia pede para Pilatos devolver o corbã aos judeus. Adela fica surpresa ao ver que Barrabás fugiu. Jesus percebe que a mulher cananeia tem fé e liberta sua filha. Anás, Judite e Livona ficam chocados com a frieza de Caifás ao falar sobre os rebeldes mortos. Joana diz que mostrará a Pilatos que não desistiu. Herodíade flagra Longinus com Salomé. Barrabás vai até a casa de Caifás e exige uma recompensa. Um grupo de pessoas trazem um jovem surdo e gago até Jesus e imploram para cura-lo. O menino tenta falar alguns discípulos dão gargalhadas. Pedro os repreende. Jesus cura o menino.

Capítulo 95
Herodíade seduz Longinus. Barrabás chantageia Caifás. Tiago Justo e Nicodemos lamentam o massacre. Longinus se recusa a beijar Herodíade e ela o ameaça. Joana ajuda na arrumação do templo. Susana fica surpresa ao ver que até Zaqueu está lamentando o ocorrido. Cassandra fala sobre seu encontro com Jesus. Joana ajuda uma mãe e filha carentes. Marta cuida de Malco. Asisa desconfia de Laila. Deborah fala mal de Caius para Edissa. Almáquio e Diana comentam sobre o poder de Deus. A multidão de seguidores de Jesus não para de crescer. Edissa agradece por Tiago ter salvado Deborah. Caifás sacrifica um animal no templo. Alguns dias se passam. Jesus, milagrosamente, multiplica pães e peixes. Petronius se irrita ao ouvir falar no Messias. Salomé reclama com Herodíade por ter que ficar em seu quarto. Pilatos diz desconfiar de Temina. Laila se assusta com a chegada de Simão Fariseu. Jesus e seus seguidores vão para Magdala. Barrabás se preocupa com Adela. Sara recebe Cornélius. Sula se preocupa com seus filhos.



Capítulo 96
Gestas humilha Adela. Almáquio fica tenso ao preparar a comida de Pilatos. O governador recebe Arimatéia. Tiago Justo visita Deborah. Um fariseu exige que Jesus prove ser o Messias. Os apóstolos ficam indignados. Jesus enfrenta os fariseus. Gestas humilha Adela. Caius e Longinus se aproximam. Em seguida, um grupo de rebeldes atacam os soldados romanos. Tiago Justo não consegue perdoar Deborah. Caius e Longinus derrotam as rebeldes. Dimas ajuda Adela a fugir. Arimatéia pede para Pilatos não usar o tesouro sagrado dos judeus. O governador pede informações sobre Temina. Claudia lamenta o massacre no templo. Jesus cura um paralítico. Dimas diz que não abandonará Gestas. Barrabás ampara Adela. Em Magdala, Maria Madalena reencontra, Zilpa, sua prima. Ela fica impressionada ao ver as feridas no rosto da moça. Laila alerta Jairo para o perigo da relação deles. Jesus cura Zilpa, prima de Maria Madalena. Joana recebe seu filho Abel no palácio. Chuza se mostra interessado em unir o rapaz à Salomé ou Helena para fortalecer as alianças. Jesus e seus discípulos confraternizam com os parentes de Maria Madalena. Natanael pede Yoná em casamento. Judas Tadeu se lembra de Helena. Antipas pede para falar com Salomé.

Capítulo 97
Caius conversa com Petronius sobre o último ataque dos rebeldes. Edissa aconselha Deborah. Antipas se recusa a permitir o casamento de Salomé com Longinus. Joana se mostra preocupada com a ideia de usar Abel para fins políticos. Tomé é tentado pelo Satanás e acaba tomando vinho. Madalena fala com Zilpa sobre seu amor por Petronius. Jesus e os apóstolos se despedem das pessoas em Magdala. Petronius se mostra frustrado com a ausência de Maria Madalena. Ele pede para Cassandra ficar de olho em Temina. Lázaro e Susana trocam palavras de carinho. Sula discute com Asisa. Um centurião romano pede a ajuda de Cornélius para conter os judeus. Caius e Longinus tentam deter Gestas. Gestas foge dos soldados. O centurião avisa que são ordens de Pilatos. Pilatos recebe Abel. Herodíade critica Joana. Anás descobre que Caifás incriminou Levi.

Capítulo 98
Nicodemos aconselha Tiago Justo. Jesus chama atenção dos apóstolos. Abel é simpático com Helena e Salomé, mas elas não ligam. Gestas pede para se esconder na casa de Judite. Asisa pede para falar com o centurião romano e denuncia o local de reunião dos judeus. Jesus e seus discípulos chegam à cidade de Betsaida. Judite tenta impedir, mas Caius entra em sua casa à procura de Gestas. Pilatos recebe Fílon de Alexandria no palácio. Filipe encontra seu irmão cego e fala sobre Jesus. Caifás chega em casa e expulsa os soldados. Gestas permanece escondido em baixo da cama. Jesus cura a cegueira do irmão de Felipe, que os convida para sua casa. Judite tenta convencer Caifás, mas ele não sai do quarto. Natanael se declara para Yoná. Jesus ora a Deus, afastado.

Capítulo 99
Tomé é tentado pelo Satanás e acaba bebendo. Judas Tadeu percebe que ele está bêbado. Judas Tadeu briga com Tomé. Todos comentam sobre a bebedeira de Tomé. Mateus o apoia. Adela desabafa com Barrabás. Gestas consegue escapar da casa de Judite. Jesus olha para Tomé com compaixão. Felipe se despede de seu irmão cego. Fílon e Abel são levados ao sinédrio por Joana. Caifás se sente insultado. Petronius pede para Barrabás conter os rebeldes, mas ele avisa que não pode fazer nada. Uma mensagem chega para Pilatos. Cornélius é obrigado a investigar o abrigo dos rebeldes, denunciado por Asisa. Herodíade seduz Caius e eles marcam de se encontrar em outro local. Cornélius e o centurião romano vão até a casa de Pedro e encontram Sara. Jesus fica satisfeito com o posicionamento de Pedro. Zebedeu estranha a presença do centurião na casa de Sara. Pilatos recebe uma mensagem do imperador de Roma. Adela tenta amolecer o coração de Barrabás.

Capítulo 100
Os apóstolos escutam as palavras de Jesus. O centurião deixa a casa de Sara. Lázaro fala sobre Susana com suas irmãs. Shabaka aconselha a filha. Pilatos diz que será obrigado a devolver o corbã dos judeus. Cassandra e Edissa falam sobre seus passados. Joana estranha o comportamento de Judite. Livona se apavora ao ser questionada por Gestas sobre a esposa de Levi. Claudia aconselha Pilatos a devolver o tesouro sagrado dos judeus. Os apóstolos ficam chocados ao ouvirem Jesus dizer que será morto. Pilatos pede para chamarem Caifás. Tiago Justo não gosta de ver Abel conversando com Deborah. Pedro insiste para Jesus desistir de se entregar a quem Lhe fará mal. O Messias percebe a presença de Satanás ao lado do apóstolo e o enfrenta. Jesus chama apenas Pedro, Tiago Maior e João. Tiago Justo sente ciúmes ao ver Abel ao lado de Deborah. Herodíade e Caius se beijam às escondidas. Diana manda Barrabás deixar Adela em paz. Helena critica Abel. Adela questiona Barrabás. Pilatos avisa a Caifás que devolverá o corbã aos judeus.



Capítulo 101
Gabriela se preocupa com João. Deborah questiona a atitude de Tiago Justo. Sula fala sobre a aproximação entre Sara e Cornélius. Jairo olha para Laila com malícia. Longinus e Salomé se encontram na cozinha do palácio. Herodíade pede para Caius ajudá-la a afastar sua filha do soldado. Longinus confessa que é judeu e Salomé o menospreza. Alguns dias se passam e Jesus chama Pedro, João e Tiago Maior para subirem o Monte Hermon. Simão Fariseu estranha ao ver os apóstolos sem o Mestre. Em conversa com Helena, Salomé conta que Herodíade também descobriu a verdadeira origem de Longinus e quer que ela se afaste de Jerusalém. Diana tenta disfarçar seu envolvimento com os rebeldes. Antipas estranha ao ver que Salomé concordou em partir da cidade. Pilatos descobre o envolvimento de Temina com Caifás. A serva é detida por Caius. Asisa reclama com Matheus, mas ele a beija. Sula se preocupa ao notar a ausência dos filhos. Jesus e os três apóstolos chegam ao pé do monte. Herodíade e Salomé se despedem de todos no palácio. Elas encontram com Longinus no corredor. Herodíade sorri, satisfeita. O soldado fica furioso ao ver sua amada partindo.

Capítulo 102
Barrabás procura Caifás e diz saber da devolução do corbã. Petronius questiona Temina. Matheus descobre que Asisa armou contra Sara. O centurião romano chega até a casa de Sara e surpreende a todos. Jesus e os três apóstolos sobem o Monte Hermon. João se desequilibra e Tiago Maior se desespera. Pedro consegue salvar João. Os apóstolos se explicam para o centurião romano. Zebedeu avisa que chamará Cornélius. Mateus se irrita com Asisa ao saber que ela armou contra os apóstolos. Zebedeu avisa a Cornélius. Temina tenta seduzir Petronius e acaba confessando que trabalhava para Caifás. Barrabás exige sua parte na devolução do corbã. Nicodemos critica o Sumo-Sacerdote. Jesus, Pedro, Tiago Maior e João sobrem o Monte Hermom. Mateus chega até a casa de Pedro e diz que Asisa prestou falso testemunho. Pilatos diz que usará Temina para levar informações falsas sobre o palácio. O centurião romano interroga alguns judeus. Claudia estranha a ausência de Temina.

Capítulo 103
Pilatos ordena que Temina leve informações falsas para Caifás e não diga nada a ninguém sobre a nova orientação. O centurião romano tenta abusar de Maria Madalena, mas é impedido por Cornélius e Maria. Barrabás diz que destruirá Petronius. Fílon e Abel bebem na hospedaria. Os apóstolos estranham o comportamento de Maria Madalena. Jesus e os três discípulos avistam uma raposa enquanto sobrem a montanha. Temina disfarça diante de Claudia. Mirian questiona Asisa. Deborah diz que quer reencontrar seu filho. Cornélius pede Sara em casamento. Satanás observa Maria Madalena. Um pai com seu filho Lunático implora para ver Jesus. O Messias chega ao topo do Monte Hermom com Pedro, Tiago e João. Os apóstolos se surpreendem ao verem as vestes de Jesus tornarem-se brancas como a luz. Moisés e Elias aparecem ao lado de Jesus. Os apóstolos se surpreendem ao ouvirem a voz de Deus. Os apóstolos tentam, mas não conseguem expulsar o demônio do Lunático. Judas avisa que conseguirá. Sara diz que também gosta de Cornélius, mas teme a reação de Pedro.

Capítulo 104
Mirian discute com Asisa. Arimatéia diz que ajudará Deborah a encontrar seu filho. Judas não consegue conter o Lunático. Jesus pede para Pedro, João e Tiago não dizerem nada sobre a visão que tiveram. Sara conversa com Gabriela sobre o pedido de Cornélius. Tiago Justo pensa em deixar Jerusalém. Gestas e Dimas tentam distrair Nemestrino. Longinus fala sobre Salomé com Petronius. Judite atualiza Caifás sobre os acontecimentos do palácio. Mirian reclama da discussão entre os apóstolos. Mateus discute com Asisa. Antipas dá em cima de Temina. Helena diz que só quer amizade com Abel. Pilatos convida Susana para um novo torneio de lutas. Caius estranha ao ver a melhora de Diana. Dimas e Gestas roubam Nemestrino. Susana recusa o convite feito por Pilatos. Diana enfrenta Caius. Mateus diz que não passará a noite com Asisa. Antipas beija Temina. Jesus avisa a Pedro, João e Tiago que chegou a hora de partirem.

Capítulo 105
Jesus e os três apóstolos se deparam com um leão. Judas discute com Tomé. Os apóstolos dizem que as moedas acabaram. Jesus chama Pedro, João e Tiago Maior. Todos passam ao lado do leão, que não faz nenhum mal a eles. Asisa é detida pelo centurião romano por falsa denúncia. Maria Madalena estranha ao ver Judas com algumas moedas. Caifás desconfia da atitude de Temina. O pai do Lunático percebe que o filho fugiu. Judas pede para Maria Madalena não dizer nada a ninguém. Shabaka percebe que a hospedaria foi roubada. Mateus pede para o centurião livrar a esposa. Asisa agradece ao marido e diz amá-lo. Escondida, Temina escuta a conversa entre Caifás e Anás. Nemestrino desconfia de Dimas e Gestas. Shabaka estranha ao ver Barrabás com moedas. Os filhos de Adela se divertem com prostituas. Os apóstolos procuram pelo Lunático. Laila beija Jairo e eles estranham a presença do Lunático. Mateus alerta Asisa. O Satanás sussurra no ouvido do Lunático, que segue em direção ao mar. Maria Madalena fala com Maira sobre Judas.



Capítulo 106
Susana procura Petronius e avisa que a hospedaria foi roubada, mas o centurião diz que não pode fazer nada. Zebedeu salva o Lunático antes que ele se afogue. Jesus segue com os três discípulos. Maria tenta acalmar o pai do Lunático, que reencontra o filho. Claudia conversa com as mulheres no palácio. Nicodemos fala sobre Jesus com Fílon. Edissa e Arimatéia apoiam Deborah na busca pelo filho. Jairo e Simão Fariseu exigem que o Lunático deixe a cidade.Jairo e Simão Fariseu tentam expulsar o Lunático da cidade. Jesus retorna à Cafarnaum. Gabriela reencontra João. Zaqueu cobra os impostos da hospedaria de Shabaka. Sem dinheiro, Susana diz que dará um jeito. Petronius pede informações para Temina. Asisa se aborrece com o retorno de Jesus. Zelote avisa ao Messias sobre o Lunático. Susana pede para participar do torneio de lutas. Shabaka tenta impedi-la. Judite descobre que está grávida de Gestas. Petronius questiona a aproximação de Cassandra com Fíllon. Jesus condena a atitude de Simão Fariseu e Jairo.

Capítulo 107
Shabaka também pede para participar do torneio. Barrabás pede para Dimas e Gestas sequestrarem a irmã de Petronius. Cassandra defende Fílon. Joana e Edissa falam sobre Jesus. O Messias expulsa o demônio do Lunático. Helena pensa em fugir para se encontrar com Judas Tadeu. Natanael se declara para Yoná. Os apóstolos avisam que não podem falar sobre o que ocorreu ao lado do Mestre. Asisa faz um brinde ao nascimento do neto. Diana alerta Adela sobre Barrabás. Livona chega e avisa que Judite está grávida de Gestas. Judas Iscariotes se sente atraído por Maria Madalena.Tiago Maior diz que Judas Tadeu deve ter fé. Temina propõe uma aliança com Barrabás. Lázaro descobre que Susana irá lutar. No palácio, os lutadores são apresentados. Lázaro vê Petronius apoiando Susana e fica enciumado. Um babilônico traz o Homem Hidrópico com uma corrente no pescoço para participar do torneio. A criatura avisa que não sabe lutar, mas é obrigado a competir. Iscariotes questiona Jesus por não terem conseguido expulsar o demônio do Lunático. O Messias reclama da falta de fé dos discípulos. Os apóstolos escutam as palavras de Jesus.

Capítulo 108
Maria Madalena fica sem graça com o galanteio de Judas Iscariotes. Claudia fica sentida ao ver o Homem Hidrópico. Pilatos elogia a beleza de Susana. Barrabás pede para Temina provar sua lealdade. Helena reclama da vida no palácio. Mateus ensina João a escrever e avisa que se tornou avô. Sara não consegue falar com Pedro sobre o pedido de casamento. Yoná encoraja Natanael. Iscariotes faz as pazes com Tomé. Shabaka reclama da teimosia de Susana. Diana vai até o calabouço e leva comida para o Hidrópico. Barrabás diz que protegerá Adela e pede para permanecer em sua casa. Sula cuida dos filhos. Judite tenta seduzir Caifás, que estranha o comportamento da esposa. O Hidrópico se abre com Diana, que fica penalizada. Mateus beija Asisa. Susana se explica para Lázaro. Zebedeu paga os impostos que servem para a manutenção do templo dos judeus. Jesus diz que morrerá e ressuscitará no terceiro dia. Os apóstolos ficam assustados. Diana pede para Claudia interceder pelo Hidrópico. Gabriela fica feliz ao descobrir que Sara foi pedida em casamento por Cornélius.

Capítulo 109
Para pagar os impostos, Jesus manda Pedro pescar que ele encontrará uma moeda de prata. Pilatos se recusa a libertar o Hidrópico. Maria Madalena evita Judas Iscariotes ao perceber suas intenções. Longinus pede para participar do torneio. Pedro segue para pescar a moeda. Marta reclama por Malco servir a Caifás. Os apóstolos tentam entender Jesus. Pilatos coloca Shabaka para lutar contra Susana. Pedro pesa um peixe e retira uma moeda de prata de sua boca. Conforme orientação de Jesus, Pedro pesca peixe com uma moeda de prata em sua boca. Shabaka começa a lutar com Susana. Pilatos pede mais agressividade. Arimatéia comenta sobre a crueldade do governador romano. Goy oferece abrigo a uma mulher endemoniada. Jesus ora afastado. Pedro repreende André e diz que Jesus pediu segredo. A mulher endemoniada é possuída. Claudia avisa à Diana que não conseguiu convencer Pilatos. Helena fica assustada com a crueldade de seu pai. Shabaka vence Susana. O Hidrópico é obrigado a lutar. Diana avisa que fará algo. Goy consegue libertar a mulher endemoniada. Furioso, João questiona a atitude do rapaz. Amedrontado, o Hidrópico tenta fugir do combate. Diana defende a criatura e Pilatos acaba mandando o Hidrópico para a prisão.



Capítulo 110
Cassandra se encanta por Fílon. Joana e Edissa dizem que precisam fazer algo pela criatura. Gabriela fala da dificuldade de Pedro em entender o casamento de Sara. Satanás fica satisfeito com a discussão entre os apóstolos. Sula implica com Zebedeu. Satanás se diverte com a crise entre os apóstolos. Longinus vence seu oponente no torneio. Cornélius e Sara trocam palavras de amor. Goy fala sobre a discussão com os apóstolos. Jesus condena a atitude de seus discípulos. Shabaka vence a próxima luta. Jesus defende Goy. Caifás se preocupa com sua parte nos impostos para o templo. Ele e Anás se irritam ao terem notícias de Jesus. Diana visita o Hidrópico na prisão e é ameaçada por Diana. Em conversa com Anás, Caifás avisa que precisam matar Jesus. Malco diz que matar Jesus não é a melhor solução. Caifás dispensa a opinião do guarda do templo e avisa que já sabe a quem recorrer para executar o assassinato do Messias. Diana e Joana levam um médico para cuidar do Hidrópico. Antipas dá em cima de Temina. Longinus vence seu primeiro combate no torneio. Maria recebe a visita dos irmãos de Jesus. Goy conversa com Cornélius e fala da briga que teve com os apóstolos.

Capítulo 111
Jesus chega e encontra os irmãos na casa de Pedro. Longinus se prepara para lutar contra Shabaka. Os irmãos de Jesus ficam constrangidos com as palavras Dele. Marta aconselha Malco. Tiago Justo e Nicodemos estranham o comportamento de Caifás. Malco se abre com Marta e avisa que o Sumo-Sacerdote quer matar Jesus. Maria diz que acompanhará os filhos até Jerusalém. Shabaka segue lutando contra Longinus. Asisa se irrita com Laila. Jairo conversa com Simão Fariseu sobre sua família. Adela pede para falar com os filhos. Deborah encontra Tiago Justo e avisa que vai procurar seu filho. Marta avisa a Lázaro que precisam partir para a Galileia. Adela avisa que Gestas engravidou Judite. Shabaka vence Longinus. Chuza aposta e tenta disfarçar diante de Joana. Shabaka recebe os cumprimentos de todos. Jesus fala sobre a parábola das Dez Virgens. O Hidrópico fica satisfeito com a visita de Diana e pede para segurar em sua mão. Tiago Justo não consegue abrir o coração para Deborah. Lázaro segue para a Galileia para avisar a Jesus sobre o plano de Caifás. O Sumo-Sacerdote se reúne com Barrabás e pede para ele matar Jesus. Caifás entrega um saco de moedas para Barrabás matar Jesus. João e Tiago Maior se desculpam com Goy.

Capítulo 112
Shabaka agradece o apoio dos amigos. Susana descobre que querem matar Jesus. Noemi, uma jovem moça, pede emprego na hospedaria de Shabaka. Ela não consegue e é perseguida por soldados romanos. Susana se preocupa com Lázaro. Adela estranha o comportamento de Barrabás. Claudia discute com Pilatos. Jairo sorri para Laila. Antipas beija Temina. Diana fala sobre Deus com o Hidrópico. Jesus ensina a Pedro. Adela pede para Barrabás tomar juízo. Jesus fala sobre o servo de Arimatéia. Petonius pensa em Maria Madalena. Noemi é atacada por alguns soldados. Tiago se preocupa com Deborah. Petronius salva Noemi. Marta conversa com Betânia sobre o destino do Messias. Petronius cuida de Noemi. Pedro descobre que Cornélius pediu Sara em casamento. Noemi diz que Petronius é um homem bom. Pedro diz que Sara não poderá se casar com Cornélius. Joana diz que protegerá o Hidrópico. Pilatos entrega o prêmio da vitória de Shabaka para Susana. Ele dá em cima da moça. Claudia não gosta. A esposa de Pilatos pede para falar com Petronius. Gabriela apoia Sara. Joana pede para comprar o Hidrópico. Claudia liberta a criatura. Tiago Justo alerta Deborah sobre a procura do filho. Ele diz que a moça pode ser apedrejada.

Capítulo 113
O babilônico dono do Hidrópico se recusa a vende-lo. Claudia chega e exige comprar a criatura. Cláudia pede para Pilatos comprar o Hidrópico. Joana agradece pela atitude da rainha. Deborah pede para falar a sós com Tiago Justo. Pedro se irrita com Gabriela. Os apóstolos conversam sobre as palavras de Jesus. Barrabás descobre que Lázaro está à procura do Messias. Helena diz estar orgulhosa de Cláudia. Pilatos humilha Antipas. Barrabás sabota o cavalo de Lázaro. O Hidrópico é designado para cuidar dos cavalos do palácio. Petronius elogia o jeito da criatura com os animais. Deborah avisa que irá atrás do filho. Cornélius trata Sara com carinho. Petronius se surpreende ao ver Noemi costurando em sua sala. Zaqueu cobra impostos de Shabaka. Livona é apresentada à Joana. Diana fica animada por poder ajudar o Hidrópico. Gestas questiona Judite sobre a gravidez. Petronius acha Noemi teimosa. Joana compra cestos de Adela. Barrabás observa Jesus. Judite e Gestas se beijam. Malco e Nicodemos ficam intrigados com a conversa entre Anás e Caifás. Os apóstolos são mal recebidos por alguns samaritanos.

Capítulo 114
Shabaka e Susana acusam Dimas pelo roubo da hospedaria. Nicodemos questiona Caifás sobre a rodem de matar o Messias. Jesus percebe o ódio de seus discípulos pelos samaritanos e fica decepcionado. Os apóstolos se desculpam com Jesus. Barrabás os observam. Caifás e Anás negam as acusações de Nicodemos. Dimas é levado para a prisão. Gestas observa o irmão. Satanás inflama o ódio de Barrabás. Petronius mostra interesse em Noemi. Lázaro consegue encontrar Jesus e avisa que querem mata-Lo. Barrabás fica frustrado e é pressionado pelo Satanás. Jesus se mostra confiante e avisa que seu tempo ainda não acabou. Gestas vai até a casa de Adela e diz que Dimas foi injustiçado. Caius humilha o Hidrópico.

Capítulo 115
Abel dá em cima de Helena. Jesus e seus discípulos agradecem a receptividade de Yarin. Helena fala sobre Judas Tadeu com Abel. Nemestrino se preocupa com Dimas. Joana aconselha Adela. Pilatos e Chuza conversam sobre suas esposas. Shabaka acha que Dimas pode ser inocente. Nicodemos alerta Tiago Justo para o perigo que Jesus está correndo. preocupados com a demora de Barrabás. Diana pede ajuda a Almáquio. Dimas é torturado na prisão. Adela e Shabaka vão ao encontro de Petronius. A irmã do centurião se abre com Cláudia. Rufos, ex marido de Cassandra, sofre com lepra em uma caverna. Shabaka retira a queixa contra Dimas, que é libertado. Adela agradece ao pai de Susana e oferece um emprego para o filho na cozinha do palácio. Antipas da em cima de Temina. Enquanto segue com a comitiva às margens do rio Jordão, Herodíade pede um tempo para ficar sozinha e se afasta. Ela fica mexida com as lembranças do passado e Satanás surge ao seu lado. Uma cobra sai das vestes do demônio e lambe o rosto de Herodíade. Heitor chega ao local e a encontra morta no chão. A alma de Herodíade vê o próprio corpo estirado no chão e é levada pelo Satanás. Alguns dias se passam e é anunciado o início da festa do tabernáculo. Anás e Caifás se mostram. Tiago Justo se preocupa com Jesus. Pilatos fica irritado com a festa organizada pelos judeus. Com a ajuda de Hélio, Joana monta sua tenda. Edissa aconselha Deborah. Em conversa com Caifás, Barrabás avisa que conseguirá executar Jesus. Lázaro não dá atenção à Susana. Judite sofre com enjoos. Dimas trabalha com Diana na cozinha do palácio. Barrabás deixa a casa de Adela. Cassandra descobre que Noemi está apaixonada por Petronius. O Hidrópico se encanta por Diana.



Capítulo 116
Cassandra tenta aconselhar o irmão. Tiago Justo prefere não preocupar Maria. Helena tenta convencer Claudia a ir à festa do tabernáculo. Antipas humilha Temina. Deborah se abre com Maria. Asisa deixa Laila sozinha com Jairo na hospedaria. Barrabás discute com Petronius. Dimas não cai na tentação do Satanás. Deborah avisa que precisa encontrar seu filho. Petronius luta com Barrabás. Livona chama Judite para dar uma volta. Susana separa a briga de Barrabás com Petronius. Judite se depara com Gestas. Petronius chama Noemi de Madalena e a beija. Joana se irrita com Caifás. Mirian discute com Asisa. Pedro segue em direção ao templo. Caifás vê um homem na multidão e pensa que é Jesus.

Capítulo 117
Caifás manda prender o homem achando se tratar de Jesus, mas se confunde. Ele fica irritado ao ver a aproximação dos apóstolos. Gestas diz saber do assassinato da esposa de Davi e chama Judite para fugir. Pilatos não permite que Helena vá à festa dos judeus. Dimas descobre que Cassandra é a irmã de Petronius. Yoná diz que Miriam e Asisa parecem duas crianças. Jairo leva Laila para um quaro na hospedaria. Adela e os apóstolos enfrentam Caifás. Jesus caminha solitário. Mirian reencontra os filhos. Claudia pede para Helena não fazer nenhuma besteira. Maria Madalena, Gabriela e Judas Iscariotes vão ao palácio. Judas reencontra Chuza. Kesiah revê Madalena. Diana desconfia de Dimas. Claudia recebe Maria Madalena. Gabriela é apresentada à rainha. Chuza atualiza as informações do palácio para Iscariotes. Tiago Maior diz que Pedro e Adela formam um belo casal. Depois de se deitarem juntos, Jairo e Laila tentam deixar a hospedaria disfarçados, mas são vistos por Barrabás.

Capítulo 118
Zelote reencontra o irmão. Barrabás tenta saber notícias sobre Jesus. Temina avisa a Pilatos sobre a conversa entre Judite e Gestas. Barrabás discute com Simão Zelote. Judas Tadeu encoraja Tomé a resistir à bebida. Asisa reencontra Jairo e Laila e fica desconfiada. Helena fala sobre Tadeu com Gabriela. Inflamado pelo Satanás, Caifás diz que Jesus tem que morrer. Natanael troca palavras de amor com Yoná. Joana fala sobre as tradições de seu povo. Barrabás se depara com Pedro e outros apóstolos na casa de Adela. Adela pede desculpa pela grosseria de Barrabás. Abel se apresenta à Gabriela. João fica enciumado. Bêbado, Antipas sofre sem Herodíade e Salomé. Gabriela se explica para João. Lázaro diz que é melhor que Jesus evite a cidade de Jerusalém. Gabriela se irrita com o ciúme de João. Kesiah a admira. Antipas reencontra Judas Iscariotes. Madalena não vê Petronius no palácio. O centurião sonha com sua amada. João tenta se desculpar com Gabriela. Maria Madalena flagra Petronius com Noemi. Pinta um clima entre Betânia e Simão Zelote. Os apóstolos se emocionam ao ouvirem uma canção.

Capítulo 119
Madalena devolve o anel a Petronius. Alguns dias se passam e Jesus, com um capuz, chega à Jerusalém em meio à multidão. Pedro diz estar preocupado com o Mestre. Longinus avisa a Petronius sobre o paradeiro de Noemi. Judas Iscariotes diz ter algo a dizer para Madalena. Simão Fariseu procura pela esposa. Laila termina de se vestir e se despede de Jairo. Ela se depara com Pedro na hospedaria e diz que não pode sair. Petronius tenta localizar Noemi. Tiago Justo se recusa a sentar com os apóstolos. Pedro o enfrenta. Helena diz que fugirá para se encontrar com Judas Tadeu. Judas Iscariotes se declara para Maria Madalena. Maria impede que Tiago Justo continue discutindo com os apóstolos. Adela diz sentir falta de Gestas. Tiago Justo conversa com Maria e diz que Caifás quer matar Jesus. O Sumo-Sacerdote se mostra decidido a matar o Messias. Noemi fica satisfeita com a preocupação de Petronius. Disfarçado, Jesus caminha entre as pessoas e escuta o que dizem Dele.

Capítulo 120
Nicodemos fala sobre Jesus com as pessoas no templo. Helena se disfarça de judia para procurar Judas Tadeu fora do palácio. Jairo ajuda Laila a deixar o quarto sem ser notada, mas Susana percebe. Coberto por um capuz, Jesus para no meio da multidão. Edissa reencontra Judas Tadeu. Tomé consegue resistir à bebida. O Satanás percebe a presença de Jesus no local. Helena suborna Caius para que ele a ajude a sair do palácio. Maria se emociona com as lembranças e é observada por seu Filho. Caius ajuda Helena a deixar o palácio. Livona se depara com Pedro no quarto de Adela. Jesus é reconhecido e prega para as pessoas. Caifás fica indignado. Judas Iscariotes insiste em pedir a mão de Maria Madalena em casamento, mas ela recusa. Laila encontra com Simão Fariseu e tenta disfarçar. Petronius presta atenção nas palavras do Messias. Shabaka conversa com Lázaro e fala sobre Susana. Maria avisa a Pedro que Jesus está na cidade. Shabaka incentiva Lázaro a conquistar Susana. Barrabás se encontra com Gestas. Simão Fariseu leva Laila para a hospedaria. Simão Zelote trata Betânia com carinho. Jesus percebe a presença de Satanás ao lado de Caifás. Laila tenta disfarçar o desconforto diante de Jairo e Simão Fariseu. Disfarçada de judia, Helena reencontra Judas Tadeu. Claudia vê Deborah deitada na cama de Helena e percebe que a filha fugiu do palácio. Petronius fica enciumado ao ver Maria Madalena observando Jesus. O Messias enfrenta Caifás. Deborah pede para Claudia não contar nada a Pilatos. Helena e Tadeu trocam palavras de amor. Pilatos se irrita com a presença de Antipas. Satanás fala ao ouvido de Caifás, que esbraveja.



Capítulo 121
Anás tenta acalmá-lo. Barrabás chega ao local. Caifás ordena a prisão de Jesus. Cassandra conversa com Noemi sobre Petronius. Pedro e os outros apóstolos se colocam diante do Sumo-Sacerdote. Caifás se irrita com Malco. Jairo ordena que Nemestrino não diga nada sobre o que viu. Arimatéia desconfia de Deborah. Mateus discute com Asisa. Tiago Menor vai ao encontro de Mirian. Claudia flagra Helena com Judas Tadeu. Dimas se assusta com o Hidrópico e Diana fica sem graça. Shabaka elogia a beleza de Mirian. José de Arimatéia convida Jesus e os apóstolos para um banquete em sua casa. Tiago Justo diz se recusar a estar na mesma casa que Jesus. Judas Tadeu pede para Helena obedecer sua mãe. Claudia pede para falar a sós com ele. Noemi fica frustrada ao perceber o amor de Petronius por Madalena. Claudia agradece o cuidado de Tadeu com Helena. Joana separa algumas roupas de Chuza para dar a Jesus. Diana diz que o Messias pode ajudar o Hidrópico. Helena disfarça diante de Pilatos. Judite avisa a Anás que está grávida e diz que Caifás não é o pai.

Capítulo 122
Adela diz que o Messias pode curar o Hidrópico. Diana pede para o Hidrópico acreditar. Anás se desespera e Judite tanta acalma-lo. Jesus e seus seguidores desfrutam do banquete na casa de José de Arimatéia. Sula se preocupa com os filhos. Madalena recusa a companhia de Judas Iscariotes, que se irrita. Joana leva sacolas de roupas para os seguidores do Messias. Laila fica sem graça com o carinho de Simão Fariseu. Petronius beija Noemi. Maria diz que Shabaka gostou de Mirian. Deborah se emociona com as palavras de Jesus. Adela, Diana e o Hidrópico vão ao encontro do Messias. Zaqueu vê Barrabás observando do lado de fora da casa de Arimatéia. Simão Fariseu se declara para Laila. Malco pede Marta em casamento.

Capítulo 123
O Hidrópico pede para ser curado por Jesus. Marta desmaia diante do pedido de Malco. Jesus cura o Homem Hidrópico. Claudia tenta acalmar Pilatos. João sente ciúme de Gabriela. Jesus questiona os fariseus. Kesiah se abre com Helena e revela seu sentimento por Longinus. Asisa discute com Jairo e são questionados por Jesus. Caifás se irrita com a aproximação de Judite. Barrabás descobre que Maria é mãe do Messias. Com a consciência pesada, Laila tem um pesadelo. Laila se desespera com o pesadelo e é acalmada por Simão Fariseu.

Capítulo 124
Tiago Menor sente ciúmes de Miriam e Shabaka. Maria estranha o olhar de Barrabás. Marta se recupera e pede um tempo para responder a Malco. Jairo e um fariseu zombam das palavras de Jesus. Joana diz que o Hidrópico precisa de um nome. Diana fica satisfeita com a felicidade do Hidrópico. Adela desconfia da visita de Gestas. Pedro fala mal de Caifás. Marta fala sobre Malco com os irmãos. Anás tenta convencer Caifás a se deitar com Judite. Petronius fica admirado ao ver que o Hidrópico foi curado. Asisa fica mexida com as palavras de Yoná. Em conversa com Tiago Justo, Nicodemos fala da importância de perdoar. Deborah diz que não vai tirar o filho da mulher que o criou. Madalena se queixa da insistência de Judas Iscariotes. Judas Tadeu fala do encontro com Helena. Simão Zelote flagra Barrabás com uma adaga. Cláudia flagra Caius chantageando Helena. Adela questiona a atitude de Gestas. Simão Zelote exige uma explicação de Barrabás. Pilatos descobre que Jesus curou o Hidrópico. Abel vai ao encontro de Jesus. O Messias sugere que o rapaz venda tudo o que tem e doe aos pobres.

Capítulo 125
Jesus fala da importância de se desprenderem dos bens materiais. Judas Iscariotes trata Maria Madalena com grosseria. Barrabás se abre com Zelote e confessa que ia matar Jesus. Pilatos diz que Antipas está louco. Gestas acaba discutindo com Adela. Simão Zelote tenta convencer Barrabás que Jesus é o Messias. Dimas fica surpreso ao ver o Hidrópico curado. Claudia diz que Jesus deve ser protegido. Pedro pede permissão para batizar o Hidrópico. Depois de ser rejeitado, Judas Iscariotes fala mal de Maria Madalena. Joana desconfia que Judite esteja grávida. Mirian discute com Asisa. Sara e Cornélius trocam juras de amor. Zebedeu implica com Sula. Abel se mostra decepcionado depois de ouvir as palavras de Jesus. Caifás questiona Arimatéia sobre o banquete que deu para Jesus. Helena desabafa com Deborah. Pedro batiza o Hidrópico e lhe chama de Rafael.



Capítulo 126
Jesus é recebido por Shabaka na hospedaria. Zaqueu diz que não está satisfeito com sua função. Caifás se mostra irritado com a família de José de Arimatéia. Abel diz que deixará Jerusalém e se despede de Joana. Claudia aconselha Antipas a chamar o Hidrópico para ser seu servo. Nicodemos tenta acalmar Caifás e Anás. Arrependido, Barrabás procura Adela e confessa que ia matar Jesus. Caifás pressiona Tiago Justo sobre o término do noivado com Deborah. Diante da multidão, Zaqueu sobe em uma árvore para tentar ver Jesus. Ele fica surpreso ao ouvir o Messias o chamando. Zaqueu diz que será um prazer receber Jesus em sua casa. Simão Zelote diz não confiar no publicano. Caifás pressiona Tiago Justo, mas o rapaz não revela o motivo que o fez desistir de se casar com Deborah. Em conversa com Adela, Barrabás diz que agiu a mando de Caifás. Pilatos critica a sugestão de Claudia para Antipas. Petronius reencontra Maira Madalena. Barrabás avisa a Caifás que não irá matar Jesus e ameaça o Sumo-Sacerdote.

Capítulo 127
Adela agradece a Zaqueu. O Hidrópico beija Diana. Ele se despede de sua amada. Influenciado pelo Satanás, Judas Iscariotes rouba duas moedas. Jesus ora afastado. Antipas leva ofertas para Caifás e fica aliviado com as palavras do Sumo-Sacerdote. Jesus segue orando. Nicodemos aconselha Tiago Justo. Noemi mostra interesse em conhecer Jesus. Tiago Menor sente ciúmes de Mirian e Shabaka. Simão Fariseu estranha a ausência de Laila e sai a sua procura. Adela pede para comprar a liberdade de Diana. Simão Fariseu flagra Laila beijando Jairo. Pilatos permite que Adela compre a liberdade da filha. Noemi e Maria Madalena conversam sobre Petronius.

Capítulo 128
Adela agradece a Zaqueu. O Hidrópico beija Diana. Ele se despede de sua amada. Influenciado pelo Satanás, Judas Iscariotes rouba duas moedas. Jesus ora afastado. Antipas leva ofertas para Caifás e fica aliviado com as palavras do Sumo-Sacerdote. Jesus segue orando. Nicodemos aconselha Tiago Justo. Noemi mostra interesse em conhecer Jesus. Tiago Menor sente ciúmes de Mirian e Shabaka. Simão Fariseu estranha a ausência de Laila e sai a sua procura. Adela pede para comprar a liberdade de Diana. Simão Fariseu flagra Laila beijando Jairo. Pilatos permite que Adela compre a liberdade da filha. Noemi e Maria Madalena conversam sobre Petronius. Simão Fariseu briga luta com Jairo. Laila pede perdão ao marido, mas Simão avisa que todos saberão que ela é uma adúltera. Caius provoca Pedro. Zelote fala sobre sua paixão por Betânia. Zaqueu devolve todo o dinheiro que cobrou de Shabaka. Cínico, Caifás se desculpa com Tiago Justo. Simão Fariseu aparece trazendo Laila pelos cabelos e exige que ela seja punida.

Capítulo 129
Simão Fariseu briga luta com Jairo. Laila pede perdão ao marido, mas Simão avisa que todos saberão que ela é uma adúltera. Caius provoca Pedro. Zelote fala sobre sua paixão por Betânia. Zaqueu devolve todo o dinheiro que cobrou de Shabaka. Cínico, Caifás se desculpa com Tiago Justo. Simão Fariseu aparece trazendo Laila pelos cabelos e exige que ela seja punida. Caifás então pede para ele levá-la até Jesus para ver se Ele perdoará uma adúltera na frente de todos. Anás diz que Judite precisa fazer um sacrifício. De maneira inocente, João fala sobre Jesus com algumas prostitutas e Gabriela se irrita. Deborah pergunta sobre Tiago Justo para Maria. Betânia pressiona Marta para aceitar logo o pedido de casamento feito por Malco. Laila implora para Asisa ajuda-la. Nicodemos avisa que ela será levada até Jesus. Zaqueu manda seu servo convidar os necessitados para um banquete. Judite entra em pânico ao ver que Laila poderá ser apedrejada por traição. O Satanás aparece ao lado de Caifás, que questiona o Messias. As pessoas começam a pegar pedras para tacar em Laila. Desesperada, Asisa pede para Mateus levá-la para outro lugar. O Sumo-Sacerdote pergunta o que farão com a adúltera. Jesus então diz para atirar a primeira pedra aquele que nunca pecou. Simão Fariseu e outras pessoas se recordam de seus pecados. O Satanás tenta influenciar Simão.

Capítulo 130
Caifás diz que Laila não merece piedade. Em conversa com Petronius, Noemi avisa que esteve com Maria Madalena. Simão Fariseu e as outras pessoas desistem de apedrejar Laila. Caifás bufa de raiva. Laila agradece a Jesus. Judite descobre que Laila não foi apedrejada. Tiago Justo avisa a Arimatéia sobre a atitude de Jesus. Maria reencontra Petronius, que pede para falar com Madalena. Asisa descobre que Laila está viva. Em conversa com Tiago Justo, Deborah avisa que desistiu de procurar seu filho. Os necessitados se alimentam no banquete dado por Zaqueu. Barrabás reclama por não ter sido convidado. Pilatos reclama da preocupação de Cláudia com o povo judeu. Zaqueu diz que Barrabás é bem-vindo em seu banquete. Simão Zelote conversa com Lázaro e pede a mão de Betânia em casamento. Caifás fica furioso com a presença de Jesus na festa do tabernáculo. Laila reencontra Simão Fariseu. Petronius pede Maria Madalena em casamento. Caifás enfrenta Jesus e pergunta pelo Pai do Messias. Caifás percebe as pessoas maravilhadas diante das palavras do Messias. O Sumo-Sacerdote se retira, irritado e fazendo ameaças.



Capítulo 131
Maria Madalena exige que Petronius aceite Jesus e eles não se entendem. Simão Fariseu não perdoa Laila. Shabaka paquera Mirian. Judas Tadeu sente falta de Helena. Laila é amparada por Asisa. Joana questiona Judite pelas atitudes do marido. Chuza conta para Caifás que Judite está grávida. Joana fica surpresa com a notícia. Anás passa mal. Os judeus se impressionam com as palavras do Messias. Mateus se declara para Asisa. Lázaro procura por Susana. Jesus enfrenta Caifás e o Satanás.

Capítulo 132
Lázaro pede Susana em casamento. Temina fica assustada com os delírios de Antipas. Helena se mostra interessada em ajudar os necessitados. Zaqueu devolve os tributos à Mulher Encurvada. Jesus pede para seus apóstolos O seguirem. Caius desrespeita Maria e Mirian. Jesus e os apóstolos vão para a hospedaria. Antipas se interessa por Maria Madalena, mas fica tenso ao saber que ela é seguidora de Jesus. Caifás questiona Judite sobre a gravidez. Judite nega a gravidez, mas Caifás fica desconfiado. Caius leva a pior na briga com Goy. Maria agradece a proteção do rapaz. Madalena fala sobre Jesus com Antipas. Zelote beija Betânia. Lázaro fica ansioso à espera da resposta de Susana. Jesus diz para Pedro não imitar as atitudes dos fariseus. Na cozinha do palácio, Diana fala sobre a briga. Antipas pergunta sobre Jesus para Maria Madalena. Caifás descobre que Judite está grávida. Goy denuncia Caius para Petronius. Kesiah escapa das investidas de Longinus. Madalena explica mais sobre o Messias para Antipas. Caifás ameaça Judite com uma adaga.

Capítulo 133
Petronius castiga Caius. Lázaro pergunta se Susana aceita se casar com ele. Anás pede para Caifás se acalmar. Judite se desespera, temendo ser apedrejada. Susana aceita o pedido de Lázaro. Judite pede o perdão de Caifás, mas ele fica furioso. Madalena e Petronius pensam um no outro. Antipas tem alucinações e vê o rosto de Herodíade em Temina. Helena e Tadeu se perdem nas lembranças. Caifás conversa com Anás e ofende Judite. Livona tenta acalmar a patroa. Jesus interrompe o ritual dos sacerdotes e Caifás fica furioso. Caifás ordena a prisão de Jesus, mas é interrompido por Nicodemos. Desesperada, Judite pensa em fugir com Gestas.

Capítulo 134
Barsabás e Matias procuram por Jesus. Caifás bufa de ódio do Messias. Edissa sente orgulho de Deborah. Nicodemos aconselha Tiago Justo. Livona procura por Gestas. Sara conversa com Sula. Mirian mostra respeito à Laila. Diana diz que Dimas precisa de um tempo para ganhar a confiança das pessoas. Pilatos fala de seu plano de construir aquedutos subterrâneos. José de Arimatéia elogia o caráter de Tiago Justo. Adela procura por Gestas na casa de Judite. Dimas reclama da desconfiança de Almáquio. Adela tenta aconselhar Gestas, mas ele diz amar Judite. Antipas fica perturbado com as lembranças. Joana fala sobre o Messias. Caifás flagra Adela e Gestas em sua casa. Claudia pergunta sobre a mãe de Diana. Gestas confessa que é o pai da criança. Furioso, Caifás segura uma adaga e parte para cima dele. Adela se coloca na frente e acaba sendo atingida na barriga. Arimatéia recebe Jesus e os apóstolos em sua casa. Caius se aproxima, maliciosamente, de Noemi. Adela morre e sua alma é levada pelo anjo Gabriel. Caifás ameaça Gestas, Livona e Judite. Jesus fala aos seus discípulos.

Capítulo 135
Noemi enfrenta Caius. Petronius chega e questiona o soldado. As pessoas ficam impactadas com as palavras de Jesus. Joana teme que Caifás faça mal a Jesus. Diana segue para se encontrar com sua mãe. Caifás manda Gestas se desfazer do corpo de Adela. Diana não encontra sua mãe em casa. Mateus estranha a calma de Asisa. Maria se preocupa com Diana. Nicodemos e Tiago Justo desconfiam do comportamento de Caifás. Asisa e Laila retornam para Cafarnaum com Mateus. Petronius descobre que o corpo de Adela foi encontrado. Susana e Maria Madalena falam da paquera entre Mirian e Shabaka. Gestas chora de tristeza. Diana é chamada para falar com o centurião. Jesus fala aos seguidores. Diana e Dimas recebem a notícia da morte de Adela. Arimatéia defende Jesus diante do comentário de um judeu.



Capítulo 136
Anás fica surpreso ao saber que Caifás matou Adela. Barrabás fica chocado com a notícia. Diana agradece o apoio de todos na volta do enterro de Adela. Cláudia, Helena e Cassandra falam sobre os costumes dos judeus. Simão Zelote diz para Barrabás ter fé. Jesus fala sobre Adela. Diana agradece o apoio de Helena e Cláudia. Ela se despede e avisa que deixará o palácio. Pilatos avisa que iniciará uma obra subterrânea para a construção do aqueduto. Diana se despede de Almáquio. Anás ameaça Caifás. Jairo pede a ajuda de Sara. Cassandra incentiva Noemi a conquistar Petronius. Sara se preocupa com o que possa ter acontecido à Laila. Antes de partir, Diana tenta ajudar a mulher encurvada. Cláudia permite que Helena saia do palácio com Joana. Antipas dá sinais de loucura.

Capítulo 137
Diana se despede de Livona. Jairo agradece a ajuda de Cornelius. Judite sente pena de Livona. Marta se irrita com os irmãos. Maria aconselha Shabaka. Jesus fala aos seus discípulos. Cassandra leva Noemi até Petronius. Pedro reflete diante das palavras do Messias. Caifás humilha Livona. Goy e Matias encontram uma mulher endemoniada em uma caverna. Noemi se declara para Petronius. Goy cura a mulher endemoniada. Barrabás cobra providências de Petronius sobre o assassinato de Adela. Diana se recorda de sua mãe. Tadeu se encontra com Helena. Temina passa novas informações para Barrabás, que decide queimar o registro das dívidas dos judeus.

Capítulo 138
Barrabás entrega um saco de moedas para Temina. Cláudia e Cassandra comentam sobre Petronius e Madalena. Judas Tadeu fica satisfeito ao ver Helena prestando atenção nas palavras de Jesus. Temina pede para Noemi encontra-la na Fortaleza Antônia. Tiago Menor se mostra enciumado com a aproximação entre Shabaka e Mirian. Helena conversa com Cláudia e fala do reencontro com Tadeu. Tiago Menor decide aceitar a relação entre Mirian e Shabaka. Simão sente falta de Laila. Petronius se abre com Helena. Cláudia pede para Kesiah e Madalena falarem mais sobre Jesus. Zelote desconfia de Barrabás. Noemi vai ao encontro de Temina e é golpeada por Barrabás, que chega ao local com mais rebeldes e incendeia a sala dos registros. Petronius encontra o anel que deu à Noemi. A serva é dada como morta. O centurião ordena a prisão de Barrabás. Laila fala sobre o perdão que recebeu de Jesus. Lázaro fica sem graça ao ver Marta interromper as palavras de Jesus. Pilatos fica chocado ao saber que Petronius perdeu Noemi no incêndio.

Capítulo 139
Marta reconhece os ensinamentos de Jesus. O governador romano manda aumentarem os tributos aos judeus. Maria ajuda as irmãs de Lázaro. Asisa diz ter ficado admirada com o milagre feito por Jesus. Simão Fariseu sofre sem Laila. Chuza avisa a Pilatos que Antipas partiu para Tiberíades. Petronius reclama por Cassandra visitar os leprosos. Em conversa com Almáquio, Dimas diz não ter notícias de Gestas. Judite teme o pior. Caifás ameaça Malco. Jesus semeia uma semente de trigo e prega. Laila se mostra preocupada com Simão Fariseu. Deborah e Helena ajudam Joana a cuidar de umas crianças órfãs. Laila procura por Simão. Cassandra reencontra Rufus na caverna dos leprosos. Petronius encontra mulher encurvada e a deixa dormir na estribaria com seus animais. Laila encontra Simão entrando no mar e vai em sua direção. Ela pede para que ele não faça uma besteira e o abraça.

Capítulo 140
Cassandra promete ajudar Rufus. Laila tenta se reaproximar de Simão Fariseu, mas ele resiste. Natanel beija Yoná. Tiago Justo toma uma decisão e vai ao encontro de Deborah. Rufus e outros leprosos decidem procurar Jesus. Caius conversa com Petronius sobre o risco da construção do aqueduto por baixo da torre de Siloé. Os leprosos encontram Jesus e clamam pela cura. Tiago Justo ajuda a cuidar das crianças órfãs. Deborah admira o jeito dele com os meninos. Simão Fariseu tenta resistir, mas Laila insiste em retomar o relacionamento. Jesus pede para que os leprosos se mostrem aos sacerdotes e eles são curados. Goy, Matias, Barsabás e os discípulos que Jesus enviou em duplas retornam ao encontro do Messias. Laila tenta se reaproximar de Simão, mas Satanás tenta interferir. Cassandra fala do encontro com Rufus. Longinus paquera Kesiah. Simão reata a relação com Laila. Temina se mostra arrependida. Jesus enfrenta o Satanás.



Capítulo 141
Os leprosos se apresentam a Caifás dizendo que Jesus os curou. Goy e os outros discípulos escutam, felizes, as palavras de Jesus. Helena e Deborah admiram o jeito de Tiago Justo com as crianças. Curado, Rufus procura Petronius, mas é mal recebido. Satanás sorri, satisfeito, ao ver Judas roubando moedas. Kesiah fala sobre Jesus com a Mulher Encurvada. Cassandra diz que Petronius não pode ser vingativo. Cláudia diz estar orgulhosa de Helena. Tiago Justo fala do encontro com as crianças. Shabaka elogia o sorriso de Mirian. Asisa diz ter demorado para perceber o valor de Mateus. Malco visita Marta. Pilatos manda Temina se mostrar útil. Caifás humilha Judite. Dimas trabalha com Almáquio. A Mulher Encurvada amanhece na estrebaria. Maria reencontra Tiago Justo. Chuza bebe com Judas. Pilatos cobra resultados do encarregado de obras. Jesus prega para seus seguidores. Arimatéia encontra Tadeu, Tomé e Zelote. Joana procura por Judite. Pilatos estranha a presença das crianças órfãs no palácio.Judas diz que Jesus deveria comandar um exército contra os romanos. Anás se irrita com a presença de Jesus na sinagoga.

Capítulo 142
Yoná e Gabriela prometem levar a Mulher Encurvada até o Messias. Gabriela e Yoná encorajam a mulher encurvada. Pilatos exige uma explicação de Cláudia. Joana insiste para ver Judite. Judas reclama dos romanos. Judite pede para Joana voltar em outra hora. Claudia enfrenta Pilatos. O Satanás fala ao ouvido de Judas e ele rouba um anel de Chuza. Goy é recebido por Shabaka. Petronius avisa à Madalena que Noemi está morta. Kesiah encontra os animais da mulher encurvada na estrebaria. Maria Madalena tenta apoiar Petronius. Temina conta para Caifás que Helena foi ver Jesus. Lázaro se irrita com Betânia e Marta. Jesus cura a mulher encurvada, mas é questionado por Anás.

Capítulo 143
Arimatéia fala sobre um possível ataque de rebeldes. Anás se diz insultado por Jesus. A mulher encurvada pede para João ajudar seus animais. O Satanás inflama o ódio de Caifás contra Jesus. João cura a jumentinha da mulher encurvada. Satanás influencia Caifás contra Jesus. Anás diz que o Messias está blasfemando. Judeus e fariseus gritam ofensas para Jesus. As pessoas começam a pegar pedras. Kesiah procura Maria Madalena. Alguns jovens judeus se envergonham diante das palavras do Filho de Deus. Caifás ordena a prisão de Jesus, mas Ele some no meio da multidão. Madalena revê as amigas do palácio. Caifás insinua que denunciará Helena para Caifás. Jesus volta a pregar na casa de Arimatéia. Caifás conta para Pilatos que Helena procurou Jesus. Pilatos fica furioso com a informação de Caifás. O governador romano manda a filha de volta para Roma.

Capítulo 144
Almáquio conversa com a mulher encurvada. Longinus se declara para Kesiah. Susana sugere que Shabaka peça a mão de Mirian em casamento. Chuza procura pelo anel. O Satanás fala ao ouvido de Dimas. Petronius se irrita ao ouvir a mulher encurvada falar sobre Jesus. Claudia tenta apoiar Helena. Dimas afirma que não roubou o anel de Chuza. Asisa diz que falará com seu filho sobre Jesus. Filipe repara no anel de Judas. Helena pede para ir ao jardim. Petronius pede para Caius escoltar a filha de Pilatos até Roma. Claudia conversa com Joana sobre Helena. Pilatos lamenta a atitude da filha. Edissa ajuda uma criança carente. André implica com João. Deborah agradece a ajuda de Tiago com as crianças. Caifás pergunta sobre as obras do aqueduto. Judite ainda cogita fugir com Gestas. Helena se despede de Deborah. Sula se preocupa com os filhos. Pilatos tenta se explicar com Helena e eles se abraçam. Maria fala sobre Sula com Gabriela. Helena se despede de todos no palácio. Longinus beija Kesiah. Devido as obras do aqueduto, um forte tremor abala a cidade. A torre de Siloé começa a desabar.

Capítulo 145
Caifás ordena a prisão de Tadeu e Tiago. Goy vê uma enorme pedra indo na direção de Kesiah. Goy morre ao salvar Kesiah da morte e é levado pelo anjo Gabriel. Jesus se isola para falar com Seu Pai. Mirian chora a morte de Goy e é consolada por Shabaka. Tadeu e Tiago são açoitados após afirmarem que Jesus é o Messias. Cláudia se revolta ao notar a frieza de Pilatos. Pedro pede para Shabaka ajudá-lo a comprar uma espada.



Capítulo 146
Gravemente ferido, Tadeu aconselha Tiago a perdoar Caifás. Comitiva de Helena é atacada por leões. Shabaka dá uma adaga para Pedro. Apóstolos se lembram das sábias palavras ditas por João Batista. Asisa é batizada por Mateus. Cláudia pede ver Tadeu após descobrir sobre seus ferimentos. Dimas se enfurece ao ser rejeitado por Kesiah. Soldado que acompanhava comitiva de Helena, conta que foram atacados por leões, mas que não sabe o que houve com ela. Pilatos enfurecido, crava uma espada no peito do soldado e o mata.

Capítulo 147
Cláudia se encontra com Tadeu e o consola. Antipas vai até a casa de Caifás, que começa a semear intrigas, falando mal de Jesus Jesus ensina Seus seguidores sobre a Parábola da Figueira. Petronius tem pesadelo com Madalena. Cláudia se enfurece ao descobrir que Temima é traidora. Jesus relembra a morte de Goy e esclarece dúvidas dos apóstolos. Pilatos mata soldado ao descobrir sobre o sumiço de Helena. Cláudia descobre que Helena foi atacada por leões e coloca a culpa em Pilatos.

Capítulo 148
Cornélius pede a mão de Sara a Pedro, que nega. Marta rompe o namoro com Malco. Cornélius encontra Helena e cuida dela.

Capítulo 149
Petronius avisa a Pilatos e Cláudia que Helena foi encontrada. Todos se emocionam ao revê-la. Jesus e apóstolos rumo a Galileia. Helena muito abatida e debilitada, é examinada por médico que faz sinal negativo com a cabeça. Jesus pregando sobre salvação. Judas grita: Mestre! Jesus olha na direção e vê Satanás, comandante de Herodes, soldados e fariseus. Jesus sério, encarando Satanás, que sorri. Diante dos soldados de Herodes e Satanás, Jesus diz que terminará seu trabalho no terceiro dia. Judeus, fariseus e comandante reagem intrigados. Jesus continua falando. Fariseus, o comandante e os soldados se retiram. Satanás bufa de raiva.

Capítulo 150
Pilatos recebe um sacerdote para tentar curar Helena. Ele pede para que ela seja levada ao tanque de Betesda. Jesus prega que muitos serão chamados e poucos escolhidos. Caius e Loginus chegam ao tanque de Betesda e esvaziam o local para o ritual. Helena é levada para o tanque de Betesda, mas retorna ao palácio ainda doente. Lázaro começa a passar mal e coloca a mão no peito. Marta e Betânia se desesperam ao verem Lázaro caído. Barrabás, acompanhado de outros rebeldes, rouba a casa de um publicano e mata seu filho. Pilatos se desespera com a situação de sua filha.



Capítulo 151
Dimas encontra Gestas e fica balançado com o convite do irmão para roubarem o palácio. Tiago Justo pede Deborah em casamento. Lázaro morre. Lázaro é sepultado. Jesus avisa aos apóstolos que irão para a Judeia. Ele diz que Lázaro está morto.

Capítulo 152
O Messias diz a Marta que irá ressuscitar seu irmão. Ele chora a morte de Lázaro e chega até o sepulcro. Jesus o chama. Lázaro vem de dentro da caverna. Todos ficam impressionados com a ressurreição de Lázaro. Escondida de Pilatos, Cláudia sai à procura de Jesus para tentar curar Helena. Caifás não acredita na ressurreição de Lázaro e continua com a ideia de matar Jesus. Pilatos entra no quarto de Helena e não vê Cláudia. Furioso, ele quer saber onde ela está.

Capítulo 153
Claudia volta da rua frustrada por não ter encontrado Jesus e dá de cara com Pilatos procurando por ela. O governador romano fica impressionado ao saber da ressurreição de Lázaro e chama Caifás. O Sumo-Sacerdote, junto de Anás, planeja matar Lázaro para duvidarem de Jesus. Satanás fica satisfeito ao ver Dimas roubando dentro do palácio. Terencius tenta matar Lázaro, mas é impedido pelo anjo Gabriel.

Capítulo 154
Terencius tenta matar Lázaro, mas é impedido pelo anjo Gabriel. Jesus pede para seus seguidores ficarem vigilantes e prega sobre a parábola dos talentos. Caifás chega em casa e flagra Judite se preparando para fugir com Gestas. Bartimeu, exausto, trabalhando incessantemente para entregar a encomenda de lanças de Petronius. Algumas faíscas acabam atingindo seus olhos e ele grita. Jesus cura um cego.

Capítulo 155
Almáquio descobre que Dimas está com joias roubadas e chama os guardas. Anás tenta impedir a fuga de Judite, mas ela golpeia o próprio pai. Ela se encontra com Dimas e Gestas e se esconde na carroça. Eles são surpreendidos com a chegada de soldados romanos, que dão voz de prisão aos irmãos. Judite é descoberta na carroça e finge estar sendo sequestrada. Caifás descobre que Judite iria fugir e avisa que ela morrerá apedrejada.



Capítulo 156
Após Judite perder o bebê, Caifás ameaça entregá-la para ser apedrejada. Desesperada, ela é consolada por Livona. Após perder a visão ao sofrer um acidente em sua oficina, Bartimeu se revolta e termina seu noivado com Eloá, mas ela se nega a ir embora e promete que ficará ao lado dele independente de qualquer coisa. Anás tenta livrar sua filha do apedrejamento, mas é chantageado por Caifás, que ameaça revelar todos os segredos do sogro. Nicodemos realiza o casamento de Deborah e Tiago em cerimônia emocionante. Ao final, o casal revela que pretende adotar Elias e se emocionam aos serem chamados de “pai e mãe”. Caifás leva Judite até o sinédrio e obriga Anás e Livona a deporem contra ela. Diante das duas testemunhas, Judite é acusada de adultério e condenada ao apedrejamento. Do lado de fora, ela é apedrejada até a morte. Gestas recebe a visita de Livona na prisão. Ao descobrir sobre a morte de Judite, ele grita e chora, desesperadamente.

Capítulo 157
Nicodemos realiza a cerimônia de casamento de Lázaro e Susana. De mãos dadas, o casal jura amor eterno em cena emocionante. Alguns dias se passam. Fariseus a caminho de Jerusalém para a páscoa, veem jesus e os apóstolos. Jesus é questionado por fariseus sobre o reino de Deus. O Messias alerta sobre a chegada dos últimos dias e os surpreende com a resposta. Rodeados de crianças, Tiago e Deborah relembram importantes histórias bíblicas. Diante do sofrimento de Cláudia, Cassandra aconselha que ela procure por Jesus para curar Helena. Pilatos desabafa com Petronius e chora diante da piora do estado de saúde de Helena. Judas Iscariotes tenta impedir a aproximação de crianças órfãs, mas é confrontado por Jesus que garante que o reino de Deus pertence à elas. Ao lado de um dos rebeldes, Barrabás brinda o início de sua vingança contra os romanos.

Capítulo 158
Jesus se reúne com apóstolos e diz que irão a Jerusalém. Ele diz que lá o Filho do Homem será entregue aos principais sacerdotes e escribas, que o condenarão à morte. Mas ao terceiro dia ressuscitará. Os apóstolos respiram fundo e assimilam que está próximo do fim. Marta e Maria de Betânia informam a Bartimeu que Jesus está a caminho de Jerusalém. Ele decide partir sozinho à procura do Messias em busca da cura para sua cegueira. No caminho, é agredido por dois homens. Tiago Justo procurou o Messias para Lhe pedir perdão por não ter acreditado em Sua missão. Sorrindo, Jesus diz que o perdoa: “Sempre soube que esse dia iria chegar”. Antes de partir para Jerusalém, Jesus é procurado por Sula. Ela pede que seus filhos, Tiago Maior e João, sejam colocados em lugares de destaque em Seu reino, mas é surpreendida com a resposta do Messias: “Quem sentará a Minha direita ou a Minha esquerda, não me compete conceder. Esses lugares são para aqueles para quem Meu Pai os tem preparado”. Gestas e Dimas recebem visita de Joana na prisão. Ela tenta convencê-los a se arrependerem de seus crimes e, assim, ganharem a liberdade. Flagrados prestes a fugirem com Judite, eles afirmam que fariam tudo novamente, se necessário. Caifás procura Anás após apedrejamento de sua filha: “O que houve com Judite foi lamentável, mas precisamos continuar nosso trabalho”. Ele conta que tentará matar o Messias novamente e pede que o Sumo Sacerdote o ajude. Iscariotes conta que viu Sula pedindo a Jesus um lugar de destaque para Tiago Maior e João, o que causou discussão entre os apóstolos. Jesus, então, passou um novo ensinamento a eles: “Até o filho do Homem não veio para ser servido, mas veio para servir e dar a Sua vida em resgate de muitos”.

Capítulo 159
Eloá vai até Petronius para saber do sumiço de Bartimeu. Caifás diz a Anás que espera que a aproximação com seus filhos não seja para se unir contra ele. Ainda enferma, Helena sofre uma convulsão e deixa Claudia preocupada. Ao acordar, ela chama por Tadeu e Pilatos pede perdão por ter afastado os dois: “Se fosse para te ver bem e feliz, eu nunca teria mandado matar o rapaz”. Cláudia consola Pilatos. Após uma longa caminhada, Bartimeu encontra Jesus a caminho de Jerusalém. Ele pede ao Messias para que o cure da cegueira e Ele responde: “A sua fé te salvou”. Todos se emocionam ao ver mais um milagre feito pelo filho de Deus. Com a cidade cheia, Barrabás vê oportunidade para preparar seu próximo ataque. Ele se reúne com seus comparsas para raptar Cassandra e se vingar de Petronius. Petronius é enganado por rebeldes e acaba sendo golpeado por Barrabás, que sorri satisfeito. Livona faz outra visita a Dimas e Gestas, leva comida aos sobrinhos e avisa que mandou uma carta a Diana. Ainda triste, ela comenta com eles sobre o momento em que Judite foi batizada por Batista. Antipas questionou Chuza sobre Lázaro, que foi ressuscitado pelo Messias. Impressionado e curioso, pede informações sobre ele e comenta: “Eu é quem preciso de um milagre para me livrar dos meus pecados e das chamas do inferno que me esperam”. A caminho de Jerusalém, Jesus e os apóstolos param na casa de Lázaro. Betânia lava os pés do Messias e lhe oferece seu bem mais precioso: um bálsamo deixado de herança por seu pai. Enquanto todos se emocionam com sua atitude e Jesus a agradece, Judas Iscariotes é o único a questioná-la. Uma multidão quer ver Lázaro e se aglomera em frente à sua casa. Temendo perder seu poder após Jesus ressuscitar Lázaro, Caifás promove uma reunião. Arimatéia e Tiago Justo saem em defesa do Messias, mas a maioria não ouve. Caifás anuncia uma recompensa para quem tiver informações de Jesus.

Capítulo 160
Judas questiona aos outros discípulos sobre os ensinamentos de Jesus e é reprovado. Na prisão, Dimas e Gestas choram ao se lembrar de momentos com Adela. Arrependimento, Dimas pede perdão a Deus por seus erros. Após pedir posição de destaque para seus filhos, Sula é aconselhada por Gabriela e decide pedir perdão para Jesus. O Messias a recebe de braços abertos e a perdoa. Para se vingar de Petronius, Barrabás sequestra Cassandra. Petronius acorda e se depara com Cassandra amarrada a um tronco. Barrabás o ameaça. Ele começa a colocar fogo nos gravetos. Satanás fica satisfeito. Desesperada, ela ora a Deus e pede por socorro. Uma forte chuva cai. Barrabás e Satanás bufam de raiva. O anjo Gabriel sorri, satisfeito. Enquanto Tiago ensina histórias bíblicas para Elias, o garoto aproveita e pede para que Deborah lhe dê um irmãozinho. Barrabás é preso e confrontado por seus amigos de cela após descobrirem que o rebelde matou um menino judeu. Petronius diz que ele será crucificado pelo que fez. Após oferecer pagamento pela prisão de Jesus, Caifás revela sua verdadeira intenção: matar o Messias.



Capítulo 161
Jesus é cercado por uma multidão e cura um homem encurvado. Bartimeu volta para casa e reencontra sua noiva. Cassandra revela para Petronius que no momento em que estava prestes a morrer, orou ao Senhor pedindo por socorro e, logo em seguida, se livrou da morte. O centurião se espanta ao perceber que a oração da irmã foi atendida por Deus. Jesus, olhando para o monte das oliveiras, chama João e Tadeu. O Messias pede para eles irem até a entrada da cidade e trazerem um jumentinho que nunca foi montado. Jesus olha para o horizonte com serenidade. Quando João e Tadeu retornam ao Monte das Oliveiras com o animal, o Messias parte em direção a Jerusalém. Caifás decide matar Jesus ao invés de prendê-lo. Jesus fica triste por saber que Jerusalém será destruída. Ele vai entrando na cidade e muitas pessoas vão estendendo suas vestes pelo caminho, outras colocam ramos de árvores, espalhando-os pelo chão, formando um colorido tapete para Ele passar. Em voz alta, muitos O adoram: “Bendito é o Rei que vem em nome do Senhor.” Montado no jumentinho, Jesus passa pela multidão acompanhado dos apóstolos e mulheres. As pessoas seguram os ramos, emocionadas. Durante Sua entrada triunfal, Jesus é acusado por fariseus de blasfêmia. O Messias afirma que, se a população se calar, as pedras clamarão Sua santidade.

Capítulo 162
Caifás e Anás vão até Jesus, furiosos. Pilatos não esconde seu incômodo ao presenciar a multidão que acompanha Jesus na entrada de Jerusalém. O Messias diz que chegou o juízo final. Durante Sua pregação, todo se impressionam ao ouvirem a voz de Deus, vinda do céu, respondendo ao Messias. Caifás e os outros arregalam os olhos e, assustados, olham para o céu. No sinédrio, Tiago Justo se enche de coragem e confronta os sacerdotes afirmando que estão cegos. O estudante os acusa de amarem mais a glória dos homens do que a de Deus. Tadeu conta com a ajuda de Madalena para entrar no palácio. O apóstolo visita Helena e se declara para ela. Durante a conversa, ela sofre uma piora e morre nos braços de Tadeu. Cheio de fé, João ora pela moça que, milagrosamente, volta à vida. Todos se espantam, emocionados. Petronius se irrita ao ver Madalena, Tadeu e João no palácio. Ele tenta impedir que os apóstolos saiam, mas cede ao descobrir que Helena está curada. Pilatos se emociona ao ser surpreendido pela chegada de Helena, completamente curada, em sua sala. Ele a abraça, fortemente.

Capítulo 163
Helena revela para Pilatos que foi curada por um dos apóstolos de Jesus ao receber a visita de Tadeu. O governador fica furioso, mas decide atender ao pedido da filha e poupa a vida do discípulo. Deborah visita Helena no palácio e se emociona ao reencontrar a amiga curada. Caifás reúne os membros do sinédrio e arma plano para colocar Jesus contra Roma e provocar Sua própria morte. Judas Iscariotes descobre que Caifás está oferecendo uma recompensa pela captura de Jesus. Durante conversa com Chuza, o apóstolo não esconde seu interesse pelo valor. Susana conversa com Malco e tenta convencê-lo de que, se ele quer seguir a Jesus, terá que tomar uma decisão e deixar de trabalhar como soldado de Caifás. Jesus prega sobre os dez lavradores. Caifás planeja se disfarçar no meio da multidão para armar cilada contra o Messias. Um homem, aliado a Caifás, questiona Jesus sobre o pagamento dos tributos. Cheio de sabedoria, Jesus diz que “a César o que é de César e a Deus o que é de Deus”. Anás, Caifás e fariseus fecham a cara e satanás, irritado, some dali.

Capítulo 164
Durante conversa com Arimatéia, Pilatos revela que após a cura de Helena, não pretende prejudicar o Messias nem atrapalhar Seu caminho. Acompanhado por uma multidão, Jesus relembra quais são os maiores dentre os mandamentos deixados por Moisés e, chama a atenção para a presença de falsos profetas. Nicodemos, escribas e fariseus ficam constrangidos. Uma viúva idosa enfrenta as adversidades para se encontrar com Jesus. Se sentindo culpado, Antipas decide levar ouro e joias valiosas ao templo para oferecer a Deus e tentar se livrar de seus pecados. O sacerdote sorri, satisfeito. Durante as ofertas feitas no templo, Jesus percebe a presença de uma viúva pobre. Em meio a tantos itens de valor, ela oferece as duas únicas moedas que possui. Jesus então diz que a viúva deu mais que os nobres, pois não deu o que estava sobrando, mas tudo o que tinha. Shabaka conta com o incentivo de Susana e decide pedir a mão de Mirian em casamento. Emocionada, ela aceita. Zelote visita Barrabás na prisão e tenta convencê-lo ao arrependimento. Em tom de zombaria, o ladrão o humilha e expulsa o irmão da cela. Em frente ao templo, Jesus alerta Seus seguidores sobre a chegada dos últimos dias e as tragédias que ainda estão por vir.

Capítulo 165
Pilatos ergue uma taça de vinho e faz um brindo em agradecimento ao Deus dos judeus pela cura de Helena. Helena agradece a todos que lutaram por sua cura, mas reconhece que só está viva por causa de Jesus. Caifás seduz Livona e a presenteia com um colar. A serva é tentada pelo Satanás para se render à investida do sacerdote. Judas Iscariotes e Maria Madalena se desentendem. Madalena não gosta de ouvir o apóstolo falando sobre sua relação com Petronius. Tiago Justo revela a Deborah que encontraram a família que adotou seu filho perdido. Jesus prega sobre a figueira e sobre o fim que está próximo. Apóstolos se preocupam.



Capítulo 166
No santuário, Caifás coloca azeite no candelabro, bem próximo as cortinas. Joana pede para Almáquio preparar um banquete para os prisioneiros. Caifás observa pessoas fazendo ofertas e sorri. Petronius questiona Madalena sobre sua decisão de seguir Jesus. Ela afirma que pretende caminhar com o Messias até o fim de seus dias e é alertada pelo centurião sobre os perigos que estão prestes a surgir em Seus caminho. Jesus e os apóstolos aparecem no pátio do templo. Caifás, irônico, pergunta se jesus também veio trazer ofertas. O Messias começa a falar sobre as ofertas dos escribas e falsos profetas. Caifás fica tenso e revoltado. Joana conta a história do Rico e Lázaro na tentativa de levar Barrabás e os outros presos ao arrependimento. Ioná se emociona ao relembrar um presente deixado por José para ser entregue para Jesus no futuro. Helena e Tadeu se reencontram. Judas observa as riquezas no quarto de Chuza e pede vinho. Satanás fica satisfeito. Ele dá em cima da serva. Jesus avisa Seus apóstolos que pretendem voltar para Jerusalém mesmo diante das perseguições que tem sofrido. Sob a influência do mal, os discípulos passam a questionar as ordens dadas pelo Messias. Dois dias antes da páscoa, Jesus fala com apóstolos que logo será entregue para ser crucificado. Todos ficam apreensivos. Maria, mãe de Jesus, e Madalena temem pelas ameaças que Jesus tem sofrido e se apavoram com a possível chegada de Sua morte.

Capítulo 167
Jesus pede para os apóstolos se prepararem para voltar à Jerusalém. Satanás tenta Judas Iscariotes com riquezas e cargos importantes. Se sentindo diminuído, Judas fica tentado a trair Jesus. O apóstolo é humilhado por alguns nobres. Anás e Caifás ameaçam Malco e o convencem a se aproximar de Jesus para encontrar entre Seus seguidores algum insatisfeito que aceite trair o Messias. A família de Jesus se desespera diante das palavras do Messias de que Seu fim está próximo. Maria relembra as palavras ditas pelo sacerdote após o nascimento de Jesus e fica inconsolável. Malco diz que Caifás tem uma proposta para fazer a Judas. O Sumo-Sacerdote oferece vantagens e 30 moedas de prata para que Judas Iscariotes traia o Messias e O entregue nas mãos dos sacerdotes. Jesus reúne Seus seguidores e os encoraja a não terem medo do futuro: “Não temas porque sou contigo, não te assombres porque eu sou o Teu Deus!”. Jesus prega para judeus sobre a passagem de Isaias. O Messias pede para Pedro e João preparem um local para comerem na páscoa. Ele diz que na entrada da cidade de Jerusalém encontrarão um homem que carrega um cântaro com água. O Mestre avisa que eles devem segui-lo até a casa que o homem entrar. Tiago Justo decide seguir Jesus. Joana, Arimatéia, Nicodemos e Maria se reúnem com seus familiares para a celebração da páscoa. Unidos, eles se recordam do significado da festa após a libertação do povo hebreu no Egito. Todos comem cordeiro e celebram a páscoa. Jesus chega para a santa ceia.

Capítulo 168
Jesus senta na posição central da mesa e diz que desejou muito comer com os apóstolos antes de partir. Num ato de humildade, o messias lava os pés dos apóstolos. Ele os instruem a fazerem o mesmo uns com os outros, pois ninguém é maior que ninguém. Jesus celebra a Santa Ceia ao partir o pão e distribuir o vinho entre Seus apóstolos. Judas sempre sem graça. Jesus, entristecido, diz que um deles irá traí-Lo. O Filho de Deus diz que será aquele a quem ele der um bocado molhado. E molhando o bocado, entrega a Judas, sentado a sua esquerda. Satanás surge ao lado de Iscariotes. Judas levanta assustado e sai com a bolsa. Jesus pede para que os apóstolos amem uns aos outros. Livona visita Dimas e Gestas na prisão e leva comida para que eles celebrem a Páscoa. Ao ser provocada por seu sobrinho, ela conta para Dimas que Adela morreu protegendo Gestas, assassinada por Caifás. Dimas e Barrabás ficam chocados. Caifás comemora com Anás o interesse de Judas Iscariotes em trair Jesus por 30 moedas de prata. Entristecido, Jesus canta o Salmo 121 com Seus apóstolos ao som da harpa da esposa da Eliaquim e chora, copiosamente: “O meu socorro vem do Senhor que fez os céus e a Terra!”.

Capítulo 169
Após participarem da Santa Ceia, os apóstolos pedem para conhecer Deus. Jesus os repreende e afirma que quem O vê vê ao Pai, pois Eles são apenas um. O Messias também consola Seus seguidores e os instrui a não terem medo após Sua morte. Os apóstolos acompanham o Filho de Deus. Durante a comemoração da Páscoa, Antipas teme ficar sozinho e pede para que Temima o faça companhia durante a noite. Cláudia não esconde sua alegria ao ouvir a história da Páscoa ser contada por Joana. Ao ser questionada por Pilatos, ela afirma que o imperador não compreenderia tamanho significado. Pilatos beija Cláudia. Helena diz que quer ser uma seguidora do Messias. Jesus prega sobre a videira. Dimas, Gestas e Barrabás não têm o sono tranquilo durante a noite. Maria e as outras seguidoras de Jesus percebem as semelhanças e significados entre a comemoração da Páscoa e a morte de Jesus. Abraçadas, elas se preparam para a chegada da morte do Messias. Judas anda pela rua atormentado, sombrio, segurando sua sacola. Caifás bebe com os seus. Jesus ensina Seus apóstolos sobre a importância de amar uns aos outros e obedecer a Deus acima de todas as coisas. Jesus leva Seus apóstolos ao Monte das Oliveiras e os prepara para os males que estão por vir após Sua morte. O Messias avisa que, em Seu nome, Seus seguidores serão machucados e humilhados, mas podem contar com a presença e o consolo do Espírito Santo. Ele avisa que os apóstolos O deixarão só.

Capítulo 170
Jesus ora no Monte das Oliveiras. Judas segue perturbado. Jesus revela que Seus apóstolos O abandonarão no momento em que for traído por Judas. Pedro afirma que jamais trairia o Messias, mas se surpreende com a resposta dada por Ele: “Nesta mesma noite, três vezes você me negará!”. Jesus vai orar e chama Pedro, João e Tiago Maior com ele. Judas finalmente trai Jesus. Ele diz a Caifás que o Messias está no Monte das Oliveiras e em troca recebe 30 moedas de prata. Jesus cai de joelhos em profunda tristeza. Durante uma oração, Jesus pede que, independente de todo o sofrimento que Lhe aguarda, a vontade de Seu Pai seja feita. Num momento de dor, o anjo Gabriel surge para consolá-Lo. Maria enfrenta dificuldade para dormir diante da aproximação da morte de Jesus e é consolada por Madalena. Em agonia, Jesus clama por Seu Pai e Seu suor se transforma em gotas de sangue. Judas leva os soldados romanos até o Monte das Oliveiras, onde está Jesus. Para sinalizar quem é o Messias, o apóstolo O beija no rosto. Pedro tenta livrar Jesus da prisão e ataca Malco, arrancando a orelha do soldado. Imediatamente, Jesus cura Malco e ordena que as armas sejam guardadas. Em seguida, Ele se entrega.



Capítulo 171
Após ser beijado na face por Judas, Jesus se entrega e é levado pelos sacerdotes e seus soldados. Tadeu, Zelote, Mateus, André, Natanael, Tiago Menor, Filipe e Tomé fogem, apressados e assustados. Jesus é levado, amarrado, por guardas do templo. Anás provoca Jesus e faz de tudo para humilhá-Lo, mas é surpreendido pelas sábias respostas do Messias. Jonathan cospe em Jesus e eles riem. Eleazar dá uma rasteira no Messias. Maria fica sabendo que o Filho foi preso. No meio da noite, ela sai à procura de Jesus e se desespera ao presenciar Seu filho sendo açoitado e humilhado pelos soldados. Caifás questiona Jesus se Ele é realmente o Messias, na tentativa de acusá-Lo de blasfêmia. Jesus garante que o próprio sacerdote confirmará Sua santidade quando presenciar Seu retorno. Revoltado, Caifás incita todos a agredirem o Messias. Satanás aparece. Desesperada ao descobrir a traição de Judas, Madalena pede a ajuda de Cláudia para proteger o Messias das acusações dos sacerdotes. Caifás decide julgar Jesus no meio da noite e sem testemunhas. Aos gritos, Arimatéia convence o sacerdote e levar Jesus para julgamento público, na tentativa de livrar o Messias das condenações. Ao ser questionado por perseguidores de Jesus, Pedro nega andar com o Messias e cumpre as palavras ditas anteriormente por Ele.

Capítulo 172
Após negar Jesus por três vezes, Pedro relembra os momentos ao lado do Messias e chora amargamente de arrependimento. Após a prisão de Jesus, alguns parentes do Messias temem ser perseguidos e partem para a casa de Lázaro em Betânia. Jesus é levado ao pátio da fortaleza, para que o governador execute a sentença. Caifás e Anás julgam Jesus publicamente e incitam a população a O acusarem de blasfêmia. Malco se arrepende por ter colaborado com a prisão de Jesus e chora, amargamente, com Marta. Ao ver Jesus humilhado e machucado, Judas se arrepende por tê-Lo traído e tenta devolver as 30 moedas de prata aos sacerdotes. Caifás e Anás levam Jesus para a frente do palácio e pedem que Pilatos condene o Messias por blasfêmia. Pilatos ordena que Jesus entre no palácio. Frente a frente, o imperador questiona se o Messias é o rei dos judeus.

Capítulo 173
Ao ser questionado por Pilatos, Jesus afirma que Seu reino não é deste mundo e que todos aqueles que pertencem à verdade, ouvem a Sua voz. Sem encontrar culpa alguma em Jesus, Pilatos O envia para Antipas e ordena que a decisão do que fazer ao Messias seja tomada pelo tetrarca. Sem saber o que fazer com relação ao futuro de Jesus, Pilatos ordena que Barrabás seja solto. Acomodados na casa de Lázaro, os apóstolos lamentam a aproximação da morte de Jesus. Emocionada, Betânia relembra o dia em que ofereceu seu perfume mais precioso para lavar os pés do Messias. Ao receber Jesus, Antipas zomba do Messias e tenta convence-Lo a realizar um milagre para provar que realmente é o Filho de Deus. Sem sucesso, Antipas O devolve para Pilatos e diz que não decidirá nada sobre Seu futuro. Desesperada, Madalena implora para que Cláudia converse com Pilatos e o faça libertar o Jesus. Sem encontrar erro no Messias, Pilatos apresenta Barrabás à multidão e ordena que eles escolham quem deve ser perdoado: Jesus ou Barrabás. Influenciados por Anás e Caifás, o povo pede que o ladrão seja libertado.

Capítulo 174
Barrabás é libertado e Pilatos manda açoitarem Jesus e depois liberta-Lo. Maria fica angustiada. Caius debocha de Jesus. Judas é atormentado pelo Satanás. Lázaro diz que o Filho de Deus os preparou para este momento. Jesus é açoitado. Pedro, atormentado, chora muito. O Satanás diz que Judas merece morrer. Petronius é surpreendido com a chegada de Maria Madalena. Ela pede para o centurião ajudar Jesus. Tocada pelo pedido de Madalena, Cláudia pede para que Pilatos poupe a vida de Jesus, mas é surpreendida com a resposta do marido: “Não há como evitar Sua morte!”. Satanás vê o estado de Jesus e tenta fazê-Lo desistir. Pedro pede perdão a Deus pelo momento em que negou o Messias. Com peso na consciência após ter traído Jesus, Judas Iscariotes cede às tentações de Satanás e se suicida enforcado em uma árvore. Helena fica feliz ao rever Judas Tadeu. Tiago apoia Deborah. Judas Tadeu visita Helena e a consola diante da punição aplicada ao Messias. O apóstolo explica que, mesmo diante de tanta tristeza, tudo está dentro dos planos de Jesus. Zelote fica indignado ao ver Barrabás comemorando. Deborah reencontra seu filho. Zelote discute com Barrabás. Jesus é açoitado e tem sua pele arrancada pelas ferramentas dos soldados. Ao flagrar tamanha maldade, Petronius relembra a ordem dada por Pilatos e impede que o Messias seja morto.

Capítulo 175
Após ser liberto por Pilatos, Barrabás é agredido por Zelote ao provocá-lo debochando de Jesus. Acompanhada de Tiago, Deborah reencontra a família para quem doou seu filho biológico. A filha de Arimatéia fica profundamente emocionada ao pegar o menino nos braços. Pedro se enche de tristeza ao ver a mesa da Santa Ceia vazia. Maria recebe notícias do Filho. Caius e os outros soldados empurram e debocham de Jesus. Profundamente arrependidos, Pedro, André e outros discípulos choram abraçados e lamentam terem abandonado o Messias. Os oficiais romanos cravam uma coroa de espinhos na cabeça do Messias. Marta fica angustiada sem ter notícias. Sem encontrar culpa em Jesus, Pilatos lava as mãos em frente à multidão e afirmar ser inocente diante do derramamento do sangue de Jesus. Helena diz que não podem crucificar Jesus. Kesiah se recusa a conversar com Longinus e lhe acerta um tapa no rosto. Em conversa com Arimatéia, Pilatos diz ter tentado salvar o Messias. Antipas diz que precisa voltar para Tiberíades e chama Temina. Jonathan avisa sobre a morte de Judas. Os apóstolos comentam sobre ele. Anás e Caifás debocham do apóstolo: “Que apodreça no inferno!”. Natanael, Tiago Maior e outros apóstolos relembram profecias ditas por Jesus em que Ele afirma que retornaria após a Sua morte. Todos se enchem de esperança diante da possibilidade de reencontrar o Messias. Desolada com o sofrimento do Filho, Maria anda pelas ruas da cidade aos prantos, é consolada por João e avisa que começou. Um homem trabalha na fabricação de pregos. Outro rapaz trabalha na construção de uma cruz. De fora do palácio, Madalena sofre ao pensar no sofrimento de Jesus.



Capítulo 176
Dimas e Gestas carregam sua cruz por toda a cidade, e depois são pregados na cruz. Caifás recupera a moeda que deu a Judas. Judá se arrepende de não ter vivido mais com o Irmão. Antipas deixa o palácio. Ao ser questionado por Petronius, Pilatos ordena que seja escrito “Jesus Nazareno – O Rei dos Judeus” na cruz em que Jesus será pregado. Em meio a gritos de humilhação e ataques, Dimas e Gestas são crucificados. Enquanto Dimas se mostra arrependido, Gestas fica com raiva. A família de Jesus e Seus apóstolos seguem inconsoláveis diante da ordem de crucificação do Messias. Na beira do rio, Zebedeu se emociona ao relembrar a pesca em que Jesus o acompanhou pela primeira vez. Ferido e com a coroa de espinhos, Jesus carrega cruz pela via dolorosa e se prepara para Sua crucificação. Maria Madalena se desespera ao ver algumas pessoas jogando legumes no Messias. Ao ver o estado de seu Filho carregando a cruz, Maria sente uma profunda angústia. Aos prantos, Maria é consolada por Mirian e Sula, mas se enche de coragem e garante que cumprirá sua promessa de estar sempre ao lado de Jesus.

Capítulo 177
Jesus segue na Via Crucis levando chibatadas. Satanás tenta fazê-Lo desistir. Ele segue com a cruz e avista uma mulher pobre e sofrida com uma pomba na mão. Ela olha para o Messias, emocionada, abre as mãos e a ave voa. A mulher encara Jesus e chora, silenciosamente. Uma gota de sangue desce pela testa de Jesus. Ele segue carregando a cruz pesada, mas, exausto, cai no chão, fraco e sofrido. O Filho de Deus vê um homem trazendo um cordeiro. Logo em seguida, Satanás acaricia o animal e tenta fazer com que Jesus desista. Maria sofre ao ver o estado de seu Filho. Enquanto muitos humilham Jesus, pessoas que foram curadas por Ele choram diante de Seu sofrimento e relembram o momento em que tiveram suas vidas transformadas pelo Messias. Preocupados, Shabaka e Susana deixam a hospedaria. João tenta ajudar Jesus, mas é ameaçado por Caius. Satanás influencia parte da população a atirar pedras em Jesus a caminho de Sua crucificação. Shabaka e Susana ficam horrorizados. Sara, Cornélius e Zebedeu se lembram dos milagres feitos pelo Filho de Deus. Madalena pede, desesperada, para que Petronius tenha misericórdia de Jesus. O centurião ordena que um dos homens na multidão ajude o nazareno a carregar a cruz. Em meio às lágrimas, Judas Tadeu relembra quando foi curado por Jesus e enxergou pela primeira vez. Petronius permite que Maria se aproxime e ela ajoelha diante de seu Filho. Ela se joga na frente de Caius tentando impedi-lo de machucar Jesus. Mesmo tão machucado, Ele responde a mãe com sabedoria. Dimas e Gestas veem a aproximação do Messias. Soldados romanos pregam a placa de identificação na cruz de Jesus. Mais uma vez Satanás tenta fazer com que Jesus desista, mas Ele se mantém firme e observa o soldado pegando os pregos para a crucificação.

Capítulo 178
Durante caminhada pela Via Dolorosa, Jesus sofre todos os tipos de humilhações. Tentando proteger o Messias, Maria suplica aos soldados: “É meu filho, tende piedade”. Em resposta, Ele responde à sua mãe: “Não chorem por Mim. Chorem antes por vocês e pelos seus filhos”. Bartimeu descobre que Jesus será crucificado e percebe a finalidade dos pregos que fabrica. Os soldados romanos rasgam as vestes de Jesus. Aflita, Joana deixa o palácio. O Filho de Deus é colocado deitado em cima da cruz. Anás assiste à crucificação, enquanto comenta com Caifás: “Já não parece tão destemido”. Tiago Justo retorna com Deborah e se preocupa com o que Edissa tem a dizer. Jesus começa a ser pregado na cruz. Jesus grita de dor ao ser pregado na cruz. Os apóstolos ficam angustiados. Maria e as outras mulheres ficam horrorizadas. Caius zomba de Jesus. Tiago chora ao receber de Arimatéia a notícia sobre a crucificação de Jesus. Enquanto caminha ao encontro do irmão, Tiago chora relembrando a época em que não acreditava no Messias. Ele ainda se emociona pensando no momento em que pediu perdão a Jesus. A cruz com Jesus pregado é erguida. Joana vê e fica arrasada. Satanás provoca o Messias: “Aí está o Seu trono, feito de madeira e pregos. Tanto sofrimento será esquecido em pouco tempo”. Jesus encara Satanás com firmeza. O Messias é crucificado entre Dimas e Gestas. Jesus pede para Deus perdoar as pessoas, pois elas não sabem o que fazem. Anás e Caifás ficam satisfeitos. Tiago Justo chora de remorso ao ver o Irmão crucificado. Influenciados pelo Satanás, Anás e Caifás humilham Jesus. Maria chora aos pés do Filho. Gabriela tenta confortar Pedro. Caius estende uma esponja molhada de vinagre até Jesus. Dimas se mostra arrependido e é confortado por Jesus. Tentado por Satanás, Gestas provoca Jesus e não acredita em Suas palavras: “Você não pode fazer nada, nem por mim nem por ninguém”. Dito isso, o céu começa a se escurecer e deixa os soldados e sacerdotes assustados. O Satanás começa a temer. Pilatos estranha a mudança no tempo. Mateus chora ao ver seu Mestre crucificado. Cláudia tenta consolar Helena. Após a crucificação de Jesus, Caifás se alegra e comenta com Anás: “Agora que nos livramos do Nazareno, temos que caçar Seus seguidores”. Os apóstolos ficam temerosos.

Capítulo 179
O céu vai ficando cada vez mais escuro. Em seu último momento de vida, Jesus diz ‘Está consumado’. Uma gota de chuva cai do céu. “Pai, nas tuas mãos entrego o Meu espírito”, disse Jesus a Deus. Jesus fecha os olhos, morrendo. Satanás, então, se enfurece por perceber quem nem mesmo a morte pode derrotar o Filho de Deus. A terra começa a tremer. Maria chora em profunda tristeza. Caifás tenso, com pensamentos sombrios, se assusta ao ver o véu do santuário partir-se em dois pedaços. As pessoas se desesperam com o tremor de terra. Barrabás fica tenso. Temendo o significado do tremor após a crucificação de Jesus, Caifás e Anás querem apressar a morte do Messias. Eles pedem a permissão de Pilatos para que Jesus e os condenados tenham as pernas quebradas e que os corpos sejam retirados o quanto antes. Sem hesitar, o rei nega o desejo: “Se querem punir mais alguém, que façam vocês mesmos”. Mateus vai ao encontro dos apóstolos e conta que Jesus foi crucificado. Pedro, que negou Jesus três vezes no mesmo dia, ficou devastado com a notícia. Mateus ainda avisou que Caifás irá caçar todos os seguidores do Messias. Thiago perde perdão a Deus por ter duvidado de Seu Filho e promete: “Eu vou Te servir muito mais agora. Em nome do Seu Filho, de Jesus”. Caius é atingido por uma enorme pedra que cai sobre suas pernas. As pessoas no palácio tentam se segurar. Dimas e Gestas morrem. Longinus enfia uma lança no corpo de Jesus, de onde começa a jorrar sangue e água. Petronius diz que este Homem é mesmo Filho de Deus. Satanás olha para a cruz e grita, desesperado. Muitas pessoas voltam ao Gólgota, arrependidos por não terem reconhecido o Filho de Deus. Ao ver Edissa chorando pela crucificação do Messias, Arimateia sugere oferecer seu sepulcro para enterra-Lo. Ele pede permissão a Pilatos para que assim seja feito e é atendido. Ao chegar no local da crucificação, é recebido por Maria que o agradece pelo gesto. O Messias é retirado da cruz. Em cena emocionante, Maria segura o corpo de seu Filho enquanto é amparada por Miriam e Sula. Maria termina de cobrir o Filho com pano de linho branco. O triste cortejo de Jesus segue pela paisagem de Gólgota.

Capítulo 180
João, Nicodemos e Aritmateia finalizam sepultamento de Jesus. Maria ainda recebe ajuda para cuidar dos unguentos e preparar o corpo do Messias. Natanael explica o significado do que viu durante a crucificação de Jesus, quando corpo do Messias foi perfurado. Os apóstolos ainda relembraram o batismo de Jesus feito por João Batista. Caifás recorre a Pilatos para pedir outro favor. O sacerdote quer que seus soldados guardem o sepulcro do Messias por três dias, justificando que Seus discípulos poderiam furtar o corpo. Pilatos ordena que Terencius e Longinus selem o túmulo. Os dois colocam um selo romano na corda que sela a pedra do sepulcro. Na sequência, eles colocam massa de argila entre a pedra e a parede. Após um segundo tremor de terra, o sepulcro do Messias é demolido. Outros túmulos se abrem e muitos corpos são ressuscitados. Terencius e Longinus se apavoram. Eles veem Gabriel em forma de anjo sentado sobre a pedra que tampava o sepulcro. Shabaka se surpreende ao ver Goy. Barrabás se apavora ao ver o filho do publicano vivo. Livona vê Adela e se desespera. Levi, morto acusado por Caifás de trabalhar aos sábados, ressuscitou após o segundo tremor de terra. O sumo-sacerdote se assustou ao vê-lo caminhando pelas ruas. Caifás corre para casa, aterrorizado. Assustada, Livona questiona Caifás sobre o significado destes tremores. Petronius entra no sepulcro e vê o local vazio com panos brancos pelo chão. Ele sai apressado. Temendo serem punidos com execução, Longinus e Terencius procuram ajuda de Caifás. Em troca de muitas moedas, o sacerdote convence os soldados a dizerem que o corpo do Messias foi furtado por seus seguidores.



Capítulo 181
Maria Madalena vê Jesus. Caifás vai até o palácio para encontrar Pilatos. O Sumo-Sacerdote diz que roubaram o corpo de Jesus e que a ressurreição é uma farsa. Jesus aparece para Maria, Sula e Mirian. As mulheres falam para apóstolos que viram jesus, mas eles hesitam em acreditar. Joana e Helena vão até os apóstolos e diz que eles correm risco. Elas avisam que Caifás fez com que os discípulos fossem perseguidos pelos romanos. Petronius vai até a casa de Caifás para falar com Longinus e Terencius. Jesus aparece para Cleópas e Zelote, mas eles não O reconhecem.

Capítulo 182
Jesus fica triste com a falta de fé de Cleópas e Zelote. Petronius pede para Longinus e Terencius acharem o corpo de Jesus. O Messias se revela para Cleópas e Zelote. Petronius ordena a prisão de todos os que andavam com Jesus. Petronius pede para um soldado romano seguir os passos de Maria Madalena. Pedro vê Jesus no tanque de Siloé. Maria Madalena percebe que está sendo seguida. Tiago Justus vê Jesus e cai de joelhos, emocionado. Pedro, Cleópas e Zelote dizem ter visto Jesus. Madalena pede para Edissa ajudá-la a se esconder.

Capítulo 183
Jesus fica triste com a falta de fé de Cleópas e Zelote. Petronius pede para Longinus e Terencius acharem o corpo de Jesus. O Messias se revela para Cleópas e Zelote. Petronius ordena a prisão de todos os que andavam com Jesus. Petronius pede para um soldado romano seguir os passos de Maria Madalena. Pedro vê Jesus no tanque de Siloé. Maria Madalena percebe que está sendo seguida. Tiago Justus vê Jesus e cai de joelhos, emocionado. Pedro, Cleópas e Zelote dizem ter visto Jesus. Madalena pede para Edissa ajudá-la a se esconder. Os apóstolos custam a creditar que é mesmo Jesus. As mulheres preparam um peixe para o Messias. Para que recebam o Espírito Santo, Jesus sopra sobre eles.

Capítulo 184
Tomé não acredita que o Filho de Deus está vivo. Maria decide falar com Petronius. Pilatos ameaça tirar o centurião do posto. Caifás tem um pesadelo com Judite. Petronius mata Barrabás.

Capítulo 185
Zelote descobre que o irmão morreu. Soldados reviram a casa onde estão as mulheres e colocam uma espada no pescoço de Mirian. A hospedaria de Shabaka também é vasculhada. Os soldados surpreendem os apóstolos com espadas em punho. Terencius prende Zelote e o leva até Petronius.



Capítulo 186
Petronius manda Terencius prender Zelote. Cláudia flagra Tadeu no quarto de Helena. Deborah procura por Elias. Pilatos manda Petronius fazer com que Zelote fale. Os apóstolos tentam se esconder. Betânia se preocupa com Zelote. Shabaka sugere uma invasão à prisão. Elias é questionado por um estranho na rua. Claudia acompanha Tadeu para fora do palácio. Arimatéia e Tiago Justo reencontram Elias. Cassandra reconhece Judas Tadeu. Gabriela descobre sobre o sumiço de Zelote. Hélio tenta se aproximar de Livona. Zelote é espancado pelos soldados romanos. Lázaro pergunta qual é o plano de Shabaka.

Capítulo 187
Kesiah se abre com Hélio. Shabaka começa a falar sobre o plano de libertar Zelote. Nicodemos alerta Tadeu. Helena pede para falar com Petronius. Todos prestam atenção no plano de Shabaka. Petronius pede para os soldados pararem de espancar Zelote. Chuza aceita participar do plano para libertar Zelote. Madalena agradece o apoio de Joana, mas é surpreendida por Pilatos. Helena pede para Claudia interceder por Zelote. Madalena fala sobre Jesus com o governador romano. Lázaro finaliza os últimos detalhes do plano para libertar Zelote. Kesiah quase é vista por Petronius. Shabaka consegue uniformes de soldados romanos. Pedro se prepara para a execução do plano.

Capítulo 188
Caifás avisa que só os romanos podem prender os apóstolos. O Sumo Sacerdote diz que pedirá uma audiência com Pilatos. Joana e Madalena temem serem descobertas. Arimatéia critica a perseguição aos seguidores de Jesus. Eloah e Bartimeu dizem que é preciso proteger os apóstolos. Helena se oferece para cuidar de Elias. Caifás pede para ser levado a Pilatos. Edissa e Deborah ficam revoltadas ao verem Longinus e Terencius debochando de um aleijado. Elas se surpreendem ao perceberem que é Caius. Bartimeu tenta achar os apóstolos. Deborah sente pena de Caius. Nicodemos avisa que o esconderijo está prestes a ser descoberto. Caifás se encontra com Pilatos e revela o paradeiro dos seguidores do Messias. Jesus aparece para os apóstolos. Deborah e Edissa dizem para os prisioneiros manterem a fé. Madalena se desespera ao saber que os apóstolos foram descobertos. Joana diz que houve uma tragédia. Marcos avista Petronius e os soldados. Tiago Justo e Lázaro se disfarçam para despistar os guardas na hospedaria. Pilatos convida Arimatéia e Madalena para tomarem vinho. Caifás comemora o fim de Jesus. Cláudia e Helena ameaçam Pilatos caso ele faça mal aos apóstolos. Petronius e os soldados chegam até o esconderijo dos apóstolos.

Capítulo 189
Os soldados romanos não encontram os apóstolos no esconderijo. Lázaro e Tiago Justo tentam esconder o disfarce. Sula implica com Mirian. Yoná diz sentir falta de Jesus. Mateus conversa com Cornélius e explica como fugiram. Tiago Juto se emociona ao descobrir que Deborah está grávida. Cláudia diz que sentirá falta de Cassandra. Pilatos ameaça Petronius. Tadeu fala sobre seu amor por Helena. Livona fica satisfeita ao perceber que Caifás está gostando de seus serviços. Lázaro e Susana se declaram. Marta diz amar Malco. Betânia beija Zelote. Pedro e os apóstolos saem para pescar. Petronius se despede de Cassandra. Pedro se decepciona com a falta de peixes. Caifás elogia o comportamento de Livona e Anás estranha. Os apóstolos veem Jesus durante a pesca, mas não O reconhecem. Milagrosamente, eles conseguem pescar muitos peixes. Os apóstolos reconhecem Jesus. João escreve em seu pergaminho. Os apóstolos e outros discípulos ficam maravilhados com as palavras do Messias.

Capítulo 190
Caifás não encontra Livona. Ele se depara com o baú vazio e se enche de ódio. Pilatos manda matar judeus e samaritanos, incluindo mulheres e crianças. Nicodemos parabeniza Estevão. Deborah reclama de tantos cuidados. Longinus se despede de Kesiah. Anás estranha a raiva de Caifás. Deborah visita Helena. Cláudia fica indignada com a cruel atitude de Pilatos.



Capítulo 191
Quarenta dias após a ressureição de Jesus, os apóstolos ainda se sentem inseguros e temerosos. Um mensageiro romano segue em direção à Jerusalém. Uma mulher samaritana e sua filha procuram Jesus. Pilatos recebe o mensageiro e descobre que terá que responder pelos seus atos à Roma. Sula diz não entender o motivo dos apóstolos seguirem para Jerusalém. Zelote se mostra determinado. Pedro conversa com André. Cláudia se revolta contra Pilatos e diz que irá deixá-lo. João e Tiago Maior se despedem de Sula e Zebedeu. Alguns dias se passam. Lázaro ajuda Shabaka na hospedaria. Zebedeu e Sula visitam Sara. Marta se emociona ao ver Jesus chegando em sua casa. Pedro se entende com Malco. Decididas, Cláudia e Helena se despedem de Pilatos. Caifás fala mal do governador romano. Pilatos diz estar pronto para deixar o palácio. Jesus diz que os apóstolos serão batizados com o Espírito Santo.

Capítulo 192
Jesus chama os apóstolos até o Monte das Oliveiras. Maria Madalena discute com Petronius. Ela descobre que o centurião ajudou os apóstolos e se arrepende. Petronius diz ter visto Jesus ressuscitado e Madalena aceita se casar com ele. Trinta anos se passam. Paulo e Lucas conversam e se preparam para escrever. Jesus leva os apóstolos até o Monte das Oliveiras e Paulo diz que eles tiveram uma visão que ficou marcada para sempre. Jesus abençoa os apóstolos e é abduzido por uma forte luz. Jesus parte para os céus. Os anjos Gabriel e Miguel falam com os discípulos.

Capítulo 193
Lucas pede para que Paulo continue falando sobre momentos antes da Ascensão de Jesus, quando Ele levou os apóstolos ao Monte das Oliveiras. “Lá eles tiveram uma visão maravilhosa, que os marcaria para sempre”, conta Paulo. Paulo conta que os apóstolos retornaram à Jerusalém e o que disse Pedro após o sétimo dia da Ascensão de Jesus: “E nos últimos dias acontecerá, diz Deus, que do Meu Espírito derramarei sobre todas as pessoas. E acontecerá que todo aquele que invocar o nome do Senhor será salvo”. Enquanto andam por Jerusalém, Pedro faz como Jesus lhe ensinou: espalhar Suas palavras e batizar pessoas de todas as nações. “Pedro e todos que ali estavam já não eram mais os mesmos: falavam com autoridade e muita sabedoria”, explica Paulo a Lucas. Paulo relembra a história de Pedro e João, enquanto caminhavam rumo ao templo que fundaram. “Não tenho prata nem ouro, mas o que tenho, isto lhe dou. Em nome de Jesus Cristo, o Nazareno, levanta-te e ande”, disse Pedro e curou um aleijado. Paulo conta que os apóstolos foram presos enquanto pregavam nas ruas de Jerusalém. Mesmo após serem libertados pelo anjo Gabriel, foram encontrados novamente e açoitados pelos guardas a mando de Caifás: “Nunca mais falem em Jesus”, ordenou o sacerdote. Paulo conta que, mesmo depois de sofrerem perseguição, os apóstolos continuaram espalhando as palavras de Jesus. Estevão foi o primeiro discípulo que se manteve fiel ao Filho de Deus até morrer apedrejado. A novela chega ao fim com a leitura de João 16:33: “No mundo tereis aflições, mas tende bom ânimo. Eu venci o mundo.” Fim.





Deixe sua opinião



Leia também