Como estão 10 artistas lançados pela Globo nas novelas de 1992

Whatsapp

Há 30 anos, em 1992, a Globo estreou as novelas Pedra sobre Pedra, Perigosas Peruas, Despedida de Solteiro, De Corpo e Alma e Deus nos Acuda.

Nessas tramas, foram lançados diversos artistas que nunca tinham atuado no gênero. Alguns estão no ar até hoje, enquanto outros se afastaram da telinha.

Confira 10 exemplos na lista:

Daniela Faria

Daniela Faria

Daniela Faria foi lançada em 1992, quando tinha apenas 15 anos, na novela Pedra sobre Pedra.

Nos anos seguintes, atuou em Fera Ferida (1993), O Campeão (1996), A Indomada (1997), Suave Veneno (1999), Porto dos Milagres (2001), entre outras.

Após participar de uma edição do Big Brother de Portugal, envolveu-se com o cantor Ricky e mudou-se para o país europeu. Lá, a atriz continuou trabalhando, fez filmes, participações em novelas, ficou quatro anos na Record Internacional como apresentadora e até gravou uma participação no folhetim Vidas Opostas (2007).

Atualmente com 44 anos, Daniela realiza vídeos institucionais de empresas, publicidade, conferências, casamentos, batizados e planeja entrar na área cinematográfica.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Eduardo Moscovis

Eduardo Moscovis

Seu primeiro papel em novelas foi em Pedra sobre Pedra, em 1992. Depois disso, o galã esteve em diversas novelas e minisséries da Globo, como Mulheres de Areia (1993), Anjo de Mim (1996), Por Amor (1997), na qual se destacou como o piloto Nando, Pecado Capital (1998), O Cravo e a Rosa (2000), Kubanacan (2003), Senhora do Destino (2004), Alma Gêmea (2005), entre outros trabalhos.

Hoje, aos 53 anos, o ator continua na ativa e está no ar na atual novela das nove da Globo, Um Lugar ao Sol, como Edgar.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Jackson Costa

Jackson Costa

Jackson Costa fez seu primeiro papel na televisão em Pedra sobre Pedra (19920, como Ulisses. Atuou também em Renascer (1993), Tocaia Grande (1995), Dona Flor e Seus Dois Maridos (1998), Carga Pesada (2003), Duas Caras (2007), Amor à Vida (2013), entre outros.

O ator fez seu último trabalho na televisão em 2018, na novela Segundo Sol. Hoje, dedica-se totalmente ao teatro.

Fabiana Scaranzi

Fabiana Scaranzi

Começou como modelo aos 16 anos, mas seu primeiro trabalho na televisão foi na novela Perigosas Peruas (1992).

Não se interessou pela carreira de atriz, por isso resolveu continuar trabalhando como publicitária, enquanto estudava jornalismo. Em 1995, quando ainda era estudante, estreou como repórter do telejornal Rede Cidade – atual Jornal do Rio – na Band Rio, do qual se tornou âncora em 1997.

Passou por outros jornalísticos de destaque, como SPTV, Jornal Nacional, Jornal Hoje, Fantástico e Domingo Espetacular.

Em 2013, lançou o livro Mulheres Muito Além do Salto Alto e depois ingressou no jornalismo impresso.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Gabriela Alves

Filha da atriz e cantora Tânia Alves, Gabriela Alves começou cedo na carreira de atriz, atuando no Sítio do Picapau Amarelo. Porém, seu primeiro papel numa novela foi em Despedida de Solteiro (1992).

Seu grande sucesso veio no papel de Glorinha, em Mulheres de Areia. Também ganhou destaque no papel de Pitanga, em Tropicaliente. Em 1996, foi capa da Playboy, mesma época em que estrelava Salsa e Merengue.

Afastada da televisão desde 2011, ela hoje administra o Spa Maria Bonita, em Nova Friburgo, ao lado de sua mãe.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Letícia Spiller

Letícia Spiller começou a carreira artística no teatro e foi paquita da Xuxa, entre 1989 e 1992. Sua estreia em telenovelas foi com uma pequena participação em Despedida de Solteiro (1992).

Ela ganhou o seu primeiro papel principal em 1994, na novela Quatro por Quatro, quando viveu Babalu, uma das protagonistas da trama das sete.

Depois, a bela atuou em Cara & Coroa (1995), O Rei do Gado (1996), Zazá (1997), Mulher (1998), Suave Veneno (1999), Esplendor (2000), Sabor da Paixão (2002), Kubanacan (2003), Senhora do Destino (2004), Duas Caras (2007), Viver a Vida (2009), Malhação Conectados (2011), Salve Jorge (2012), Joia Rara (2013), entre outras.

Sua ultima atuação na telinha, até o momento, foi em 2018, em O Sétimo Guardião.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Fernanda Nobre

Fernanda começou sua carreira artística com oito anos de idade, ao participar da novela Despedida de Solteiro (1992).

Foi contratada da Globo por doze anos, onde atuou em diversas séries e novelas, entre elas: Quatro por Quatro (1994), História de Amor (1995), Malhação, na qual interpretou a protagonista Bia por cerca de três anos.

Em 2004, a atriz foi para a Record onde atuou em A Escrava Isaura e depois em Prova de Amor (2005), Cidadão Brasileiro (2006), Caminhos do Coração (2008), Os Mutantes – Caminhos do Coração (2008) e Poder Paralelo (2010).

Em 2021, a atriz atuou em Um Lugar ao Sol, como Maria Fernanda.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Luigi Baricelli

Em 1992, Luigi Barricelli viveu Zelito em Deus nos Acuda. Depois disso, esteve em Malhação, como Romão, entre 1995 e 1997. Voltou às novelas em 2000, quando viveu o Fred de Laços de Família, em papel de grande repercussão por seu romance com Capitu (Giovanna Antonelli).

Devido ao sucesso de Fred, ganhou o papel de protagonista em A Padroeira (2001), mas a trama não foi bem no Ibope. Teve novamente o papel principal em Sabor da Paixão (2002).

Ainda participou de Um Só Coração, Alma Gêmea, O Profeta, Insensato Coração e Aquele Beijo, sua última novela até o mesmo, em 2011.

Além dos trabalhos em novelas, participou de séries e programas da Globo, como Você Decide, A Diarista, Sob Nova Direção, Dicas de um Sedutor, Casos e Acasos, entre outros. Também foi o repórter do Caminhão do Faustão, do Domingão, entre 2008 e 2009.

Desde 2009, o ator é o apresentador oficial da Mega da Virada, concurso milionário da Mega Sena que a Caixa Econômica Federal promove no dia 31 de dezembro, chamando atenção de todo o Brasil.

Nos últimos anos, Baricelli deixou a Globo e investiu na carreira de apresentador, mas seus dois primeiros projetos no gênero não tiveram grande audiência.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Oscar Magrini

Na TV, Magrini começou na Rede Globo, fazendo a novela Deus nos Acuda, em 1992. Nos anos seguintes, participou de Mulheres de Areia (1993), Quatro por Quatro (1994). Em 1995, foi para o SBT, onde atuou em As Pupilas do Senhor Reitor e Sangue do meu sangue.

De volta à Globo no ano seguinte, fez Malhação Férias, O Rei do Gado (1996), O Amor Está no Ar (1997), Torre de Babel (1998), Vila Madalena (1999), Marcas da Paixão (2000), na TV Record, Esperança (2002), Canavial de Paixões (2003), Cabocla (2004), Sinhá Moça (2006), Em Família (2014), entre outras atuações.

Em 2021, fez parte do elenco da novela Gênesis, da Record, como Noé.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Cláudio Fontana

Sua primeira atuação em novelas foi em Deus nos Acuda (1992). Destacou-se também em Fera Ferida (1993) e Ciranda de Pedra (2008), na Globo. Em 2011 e 2012 gravou Rei Davi, minissérie da TV Record, como Jônatas. Em 2015, retornou a Globo e fez I Love Paraisopolis, de Alcides Nogueira e Mario Teixeira.

Seu último trabalho na telinha foi em 2018, quando gravou “Confissões Médicas”, série do Discovery Channel. De lá pra cá, Claudio tem focado em seu trabalho como produtor teatral, além de atuações nos palcos. Em 2021, atuou no espetáculo Proto-Henrique IV.

Whatsapp


Leia também