Atriz sumiu das novelas por 13 anos após fracasso que estreava em 1974 - TV História

Atriz sumiu das novelas por 13 anos após fracasso que estreava em 1974

Whatsapp

Completamente esquecida na história da televisão brasileira, Supermanoela estreava no dia 21 de janeiro de 1974, no Rio de Janeiro (em São Paulo, a trama foi exibida somente dois dias depois).

Como definiu nosso colunista Nilson Xavier em seu site Teledramaturgia, foi “uma das mais problemáticas novelas da Globo na primeira metade da década de 1970”. De acordo com o especialista, Supermanoela era uma alusão ao Superman, porém, de “super” a trama de Walther Negrão não tinha nada, como o próprio reconheceu.

O fato mais marcante relacionado à Supermanoela é que a protagonista da trama, Marília Pêra, uma das estrelas da emissora na época, que vivia a empregada Manoela, se aborreceu com os rumos da produção de tal forma que só voltou às novelas 13 anos depois, em Brega & Chique, recentemente exibida pelo Viva e disponível no Globoplay.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


“Depois de estar fazendo a quarta novela, eu estava cansada. Avisei ao Boni e ao Daniel Filho que eu estava estressada. Chegou um momento em que eu não conseguia mais decorar o texto”, declarou, em entrevista. Profissional, a atriz seguiu até o final mesmo assim.

Inicialmente focada no romance entre Manoela e Marcelo, personagem de Paulo José, a trama acabou virando para o lado de Solano (Carlos Vereza), Chico (Antônio Pedro), Ribamar (Carlos Alberto Riccelli), e Gabriel (Fausto Rocha Jr., também estreando na emissora), que viviam quatro jovens vestibulandos.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


Além dos problemas com Marília, o então casal Carlos Alberto Riccelli e Carmem Monegal, ambos estreando na Globo, pedirão rescisão de contrato por não concordarem com o texto da novela, voltando para a Tupi, de onde vieram.

Do jeito que deu, a produção seguiu até 29 de junho daquele ano no Rio (2 de julho em São Paulo) e terminou com 138 capítulos, sendo sucedida por Corrida do Ouro.



Leia também