Atriz de Além da Ilusão luta contra doença degenerativa: “Dor da Morte”

Whatsapp

Natural de São Paulo, Daniele Morato Moreno, a Dani Moreno, ganhou destaque na TV em produção da Globo, do SBT e da Record. Recentemente, a atriz contou sofrer de uma doença degenerativa, conhecida como “a dor da morte”.

Larissa Manoela e Dani Moreno

Dani começou sua carreira em 2005, quando atuou na peça A Dança dos Signos, escrita pelo músico Oswaldo Montenegro. A atriz seguiu no teatro, trabalhando em diversos espetáculos, como O Banquete da Vida, Noite de Reis e Nossa Cidade, entre outros.

Sua estreia na televisão foi em 2011. Contratada pelo SBT para fazer parte do elenco de Amor e Revolução, de Tiago Santiago, interpretou Martha. Com o fim da novela da emissora de Silvio Santos, ela seguiu para a Globo, onde estreou na faixa das nove.

Leia mais

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Destaque no horário nobre

Salve Jorge

Em 2012, Dani viveu a jovem Aisha, filha de Mustafa (Antônio Calloni) e Berna (Zezé Polessa), na novela Salve Jorge, de Gloria Perez. Depois de dois anos longe da televisão, ela voltou para o SBT e desempenhou o papel de Safira Meneses, em Cúmplices de um Resgate (2015).

Em 2018, ela acertou com a Record. Seu primeiro trabalho foi na novela Jesus, na qual a atriz encarnou Marta de Betânia. Moreno também fez parte do elenco de Amor sem Igual (2019) e Gênesis (2021). Mas, durante as gravações desta última, sua vida mudou drasticamente.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Saúde em dia

Além da Ilusão

Dani Moreno foi diagnosticada com espondilite anquilosante, uma patologia conhecida como a “dor da morte”.

“A dor me acorda e ela só passa ao me exercitar. Eu sempre pedi pra ter um motivo para acordar cedo e me exercitar, mas acho que desejei meio errado”, brincou a atriz no Instagram.

“É uma doença autoimune degenerativa grave, caracterizando-se pela inflamação que afeta os tecidos conjuntivos, as articulações da coluna e as grandes articulações, como quadris, ombros e outras regiões”, contou, agora falando sério.

A doença tem tratamento, o que deixou a atriz confiante e otimista.

“Tenho a chance de prevenir sequelas graves que me limitariam numa idade mais avançada. O próximo passo é tomar as injeções imunossupressoras. Vou aproveitar sua estadia eterna para trabalhar meu autoconhecimento profundamente, entrar em contato total e absoluto comigo e dominar meu corpo e minha mente”.

“Eu te proíbo de achar que me controla”, sentenciou a atriz, “dirigindo-se” à espondilite anquilosante.

Dani Moreno, que continua firme no tratamento, saiu da Record com o fim de Gênesis, e fez uma participação especial em Além da Ilusão, vivendo a personagem Anastácia Lobato – a madrasta de Leônidas (Eriberto Leão).

Whatsapp


Leia também