Artistas de Sassaricando que já morreram - TV História

Artistas de Sassaricando que já morreram

Whatsapp

Confira a lista de artistas de Sassaricando, novela produzida entre 1987 e 1988 pela Rede Globo, que infelizmente já nos deixaram:

Paulo Autran – Aparício Varella

Considerado um dos maiores nomes da dramaturgia nacional, Paulo Autran esteve em tramas como Pai Herói, Guerra dos Sexos e Sassaricando, entre outras. Morreu em 12 de outubro de 2007, aos 85 anos, em decorrência de enfisema pulmonar.

Tônia Carrero – Rebeca Rocha

Consagrada atriz de teatro, cinema e televisão, teve papeis marcantes em novelas como Pigmalião 70 (1970), Água Viva (1980) e Sassaricando (1987), entre outros. Sua última participação na televisão foi em Senhora do Destino (2004). Morreu em 3 de março de 2018, aos 95 anos, vítima de uma parada cardíaca durante cirurgia para retirar uma úlcera no osso sacro.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Maria Alice Vergueiro – Lucrécia

Grande nome do teatro brasileiro, não fez muitas novelas, mas se destacou como a Lucrécia de Sassaricando (1987). Também era pedagoga e professora universitária. Em 2006, fez o curta Tapa na Pantera, que foi um dos primeiros vídeos a viralizar no YouTube. Ela morreu em 3 de junho de 2020, aos 85 anos, vítima de pneumonia, após ficar internada na UTI com suspeita de Covid-19.

Carlos Zara – Ricardo de Pádua

Seu último trabalho foi na série Mulher, ao lado da esposa, Eva Wilma. Morreu em 11 de dezembro de 2002, aos 72 anos, em decorrência de falência múltipla de órgãos e insuficiência respiratória provocadas por um câncer de esôfago.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Laerte Morrone – Aprígio

O eterno Garibaldo, da Vila Sésamo, participou de uma novela pela última vez em Tiro e Queda, da Record, em 1999, e morreu em 4 de abril de 2005, aos 72 anos, vítima de complicações pulmonares em decorrência de uma cirurgia de vesícula.

Rômulo Arantes – Adonis

Ator, cantor e nadador (chegou a disputar os Jogos Olímpicos), morreu em 10 de junho de 2000, aos 42 anos, num acidente de ultraleve, dois dias antes de fazer aniversário. É pai do também ator Rômulo Arantes Neto. Saiba mais sobre o ator clicando aqui.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Jorge Lafond – Bob Bacall

O ator, humorista e dançarino se consagrou no papel de Vera Verão, em A Praça é Nossa. Ele morreu em 11 de janeiro de 2003, aos 50 anos. Tinha hipertensão e problemas cardíacos e foi vítima de uma parada cardiorrespiratória, sofrendo um infarto fulminante e posterior falência múltipla de órgãos.

Antônio Abujamra – Totó

Ator e diretor, o eterno Ravengar, de Que Rei Sou Eu?, morreu em 28 de abril de 2015, aos 82 anos, vítima de infarto.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Célia Biar – Dona Kiki

Atriz e apresentadora da Rede Globo desde a estreia da emissora, em 1965, ela morreu em 6 de novembro de 1999, aos 81 anos, na capital paulista. Fumava muito e foi vítima de câncer de pulmão.

Hugo Carvana – Médico

Carvana morreu em 4 de outubro de 2014, aos 77 anos, no Rio de Janeiro (RJ), após lutar contra um câncer de pulmão.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Ivan Mesquita – Seu Joaquim

O ator morreu em 1º de agosto de 2011, aos 79 anos, em virtude de falência múltipla de órgãos. Era diabético e estava internado há um mês.

Jorge Fernando – Ele mesmo

O ator e diretor morreu em 27 de outubro de 2019, aos 64 anos, vítima de uma parada cardíaca, em decorrência de uma dissecção de aorta completa.

Sérgio Britto – Luiz Guilherme

Consagrado nome da dramaturgia nacional, Britto morreu em 17 de dezembro de 2011, aos 88 anos, devido a problemas cardiorrespiratórios.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Kleber Macedo – Tia Xaribe

A atriz não fez muitas novelas, mas ficou marcada pelo papel de Televina em A Gata Comeu. Morreu em 2003, aos 69 anos.

Leina Krespi – Tia Labibe

A atriz faleceu aos 70 anos, em 27 de maio de 2009, por conta de um câncer no esôfago. Ela estava ausente da televisão desde 1997, quando participou da novela Zazá, às 19h.

Ivan Setta – Azambuja

O ator morreu em 6 de abril de 2001, aos 55 anos, em virtude de câncer generalizado.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Sandro Solviat – Carabina

O ator morreu em 1993, aos 56 anos. A causa da morte não foi revelada.

Daisy Tenório – Jurema

A atriz morreu em 1993, aos 33 anos, após acidente de carro no Rio de Janeiro (RJ).

Lorival Pariz – Achid Calux (Bóris Aidan)

O ator morreu em 8 de agosto de 1999, em Uberlândia (MG).

Ileana Kwasinski – Fabíola

A atriz morreu em 8 de abril de 1995, aos 54 anos, em decorrência de um câncer. Ela foi casada com o ator Cláudio Corrêa e Castro.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Alexandre Lippiani – Tavinho

O ator morreu em 24 de maio de 1997, aos 32 anos, vítima de acidente de carro, quando seu carro se chocou contra um poste no Rio de Janeiro. No último capítulo de Xica da Silva, foi feita uma homenagem.

Ana Ariel – Dona Josefa

A atriz morreu em 20 de fevereiro de 2004, aos 73 anos, de causa não divulgada.

Augusto Olímpio – Fumacinha

O ator morreu em 7 de janeiro de 1993, aos 49 anos, vítima de câncer.

Benjamin Cattan – Inspetor Mário Della Costa

O veterano ator morreu em 9 de janeiro de 1994, aos 69 anos, vítima de um acidente vascular circulatório. Seu último trabalho foi Deus nos Acuda (1992).

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Guilherme Corrêa – Dr. Jamal

O ator, que foi casado com a atriz Ana Rosa, morreu em 2 de fevereiro de 2006, aos 75 anos, em decorrência de um ataque cardíaco.

Heloísa Raso – Kitty, The Cat

Atriz, cantora, bailarina e empresária, ela morreu em 31 de outubro de 2019, aos 64 anos. Sua última novela foi Anjo de Mim, em 1996.

Whatsapp


Leia também