Apresentadora do SBT causa polêmica no Dia da Consciência Negra; canal se desculpa - TV História

Apresentadora do SBT causa polêmica no Dia da Consciência Negra; canal se desculpa

Whatsapp

No programa SBT Esporte Rio desta sexta (20), a apresentadora Fernanda Maia causou polêmica ao falar sobre a presença de negros no futebol brasileiro.

Ela citou o pioneirismo do Vasco na luta contra o racismo, já que a equipe foi a primeira a contratar negros, e também falou sobre o apelido “pó de arroz”, do Fluminense, motivo da discórdia.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


Rapidamente, os torcedores da equipe carioca invadiram as redes sociais para dizer que a história não procedia.

O próprio Fluminense fez uma postagem em suas redes sociais para lembrar que o apelido se originou em 1914, em uma partida contra o América.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


“Na realidade, a história do pó-de-arroz partiu de uma provocação da torcida americana ao Carlos Alberto, que tinha o conhecido hábito de usar talco desde o seu ex-clube. Chateados com o fato do jogador ter saído, os americanos o perseguiram e a torcida tricolor transformou a ofensa em um dos maiores símbolos do nosso futebol. Por ignorância, gerou rótulos racistas e homofóbicos de torcidas adversárias, que distorceram por completo a história. Não à toa, com orgulho, o Tricolor afirma que “nós somos a história”. Estamos contra qualquer tipo de preconceito. Afinal, somos o Time de Todos”, destacou o Fluminense.

Confira:

Em seguida, o SBT Rio postou o mesmo vídeo em seu perfil no Twitter e fez um pedido de desculpas para ao clube e seus torcedores.



Leia também