Após virar moradora de rua, personagem terá final trágico em A Favorita

Whatsapp

A professora Dedina (Helena Ranaldi) leva uma vida pacata em Triunfo, cidade operária onde se passa parte de A Favorita. Mas ela quer mais. A esposa de Elias (Leonardo Medeiros) sonha com uma vida de aventuras e novas possibilidades. E este desejo lhe custará caro.

A Favorita

Nos mais recentes capítulos exibidos pelo Vale a Pena Ver de Novo, Dedina já começa a deixar claro que está insatisfeita com sua vida sem emoções. Justamente por isso, ela insiste para que Elias se candidate a prefeito de Triunfo. O dentista, uma pessoa querida e respeitada na cidade, teme entrar na vida política, mas Dedina insiste que isso mudará a vida deles.

A insistência de Dedina dá certo e Elias se torna prefeito de Triunfo. A professora, então, vira a primeira-dama do lugar. Porém, o novo posto não basta para satisfazer Dedina. Ela se entrega à uma aventura amorosa, justamente com Damião (Malvino Salvador), o melhor amigo de Elias. Mas o caso a levará à ruína.

Leia mais

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O que acontece com Dedina em A Favorita?

A Favorita

Dedina e Damião se entregam a uma tórrida paixão. Escondidos, os dois têm vários momentos de prazer. Ao mesmo tempo, eles se sentem culpados por enganarem Elias, que demora a saber o que se passa com a esposa e seu amigo.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Porém, num determinado momento da trama de João Emanuel Carneiro, Dedina será descoberta por Elias. E o prefeito, que sempre se mostrou uma pessoa sensata e pacata, perde totalmente a cabeça. Elias tem uma relação violenta e humilha Dedina em praça pública.

A Favorita

O dentista expulsa a esposa de casa de maneira truculenta. Elias simplesmente joga Dedina na rua, deixando-a desamparada. A professora, que a esta altura da novela já começa a demonstrar sinais de desequilíbrio, fica completamente desorientada, pois Damião também a abandona.

Assim, ela passa a viver como mendiga na praça de Triunfo. Vivendo ao relento, Dedina enfraquece e é acometida de uma doença no coração. Internada em estado grave, Dedina pede perdão a Elias e Damião pelo que fez com eles, morrendo em seguida.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Desfecho conservador

A Favorita

A trajetória de Dedina é interessante, já que ela é uma personagem instigante. No entanto, o desfecho destinado a ela em A Favorita é um tanto equivocado. A professora acaba sendo apontada como a única culpada por tudo o que aconteceu, e é a única punida por isso.

Ao ser expulsa de casa, Dedina claramente enlouquece, vivendo na praça como mendiga. No entanto, ninguém em Triunfo estende a mão a ela ou tenta ajudá-la. É como se todos concordassem que a primeira-dama merece tamanha humilhação por ter traído o marido.

No fim, ela acaba morrendo, enquanto Elias e Damião fazem as pazes. Ou seja, fica parecendo que Dedina é a única responsável pelo seu caso proibido, sendo que Damião é igualmente responsável. Damião, aliás, também trai a namorada Greice (Roberta Gualda) com Dedina e, no fim da novela, o operário termina feliz nos braços da jovem. Por que só Dedina é punida?

Whatsapp


Leia também