Ambas fizeram sucesso: compare o elenco das duas versões de Ti-Ti-Ti - TV História

Ambas fizeram sucesso: compare o elenco das duas versões de Ti-Ti-Ti

Whatsapp

Grande sucesso da faixa das 19h de 1985, Ti-Ti-Ti rendeu ótimos pontos de audiência com a rivalidade entre Victor Valentim e Jacques Leclair.

Em 2010, a trama ganhou um remake, que volta ao ar no Vale a Pena Ver de Novo, substituindo Laços de Família.

Confira abaixo uma comparação dos principais personagens do elenco das duas novelas:

Na primeira versão, Luis Gustavo deu vida ao personagem Victor Valentim. Na segunda versão, quem interpretou o tipo foi Murilo Benicio, que antes trabalhava na série Força-Tarefa.

Reginaldo Faria mostrou seu lado cômico ao dar vida ao estilista Jacques Leclair em 1985. Alexandre Borges foi o escolhido para o remake. O ator já tinha mostrado seu talento para o humor em outros trabalhos na emissora.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


Malu Mader estava no início da carreira e já tinha começado a conquistar seu espaço quando fez a Valquíria, filha de André / Jacques na primeira versão. Na segunda versão, Juliana Paiva interpretou a personagem.

Cássio Gabus Mendes foi Luti, filho de Ari / Victor Valentim, que acabou se apaixonando por Valquiria. Na versão de 2010, o personagem ficou com Humberto Carrão, que se tornou um grande destaque no elenco da Globo.

Marieta Severo deu vida para Suzana, ex-mulher de Ari, na versão de 1985. A personagem em 2010 ficou com Malu Mader, que participou da primeira versão.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Sandra Bréa foi Jaqueline, assessora de Leclair (e apaixonada por ele), muito agitada e que sabia tudo sobre moda. Na nova versão, Claudia Raia deu vida à personagem.

Cecilia, que era conhecida como “tia”, é a mãe desaparecida de André. Na primeira versão, foi interpretada por Nathália Timberg. No remake, o papel ficou com Regina Braga.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Aracy Balabanian interpretou Marta, que auxiliava Victor Valentim e tinha raiva da família de Jacques Leclair. No remake, o papel ficou com Dira Paes.

Nicole era uma habilidosa costureira que ajudava o amigo Victor Valentim. Em 1985, o papel ficou com Lúcia Alves e, em 2010, com Elizângela.

Chico também fazia parte do time de Valentim. O personagem foi vivido por José de Abreu e Rodrigo Lopez.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Paulo Castelli viveu Pedro Spina, o filho playboy de Jacques Leclair. No remake Marco Pigossi ficou com o papel.

Myriam Rios, que na época namorava Roberto Carlos, interpretou Gabriela, funcionária de Leclair e apaixonado por Pedro. Carolina Oliveira deu vida à personagem na nova versão.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


O papel de mãe de Jacques Leclair, Júlia, foi vivido por Yara Côrtes. Na segunda versão, a saudosa Nicette Bruno deu vida à mãe do costureiro.

A fria e ambiciosa Clotilde, secretária de Jacques Leclair, foi vivida na primeira versão por Tânia Alves. Na segunda versão, a personagem foi interpretada por Juliana Alves.

Vale lembrar também que a segunda versão de Ti-Ti-Ti teve personagens vindos de outras novelas, como Plumas e Paetês (1980) e Elas por Elas (1982). Mas isso já é um assunto para outro post!



Leia também