A semana em O Salvador da Pátria: Sassá aceita ser candidato a prefeito

Whatsapp

Capítulo 49
Marina pede a João que pare com a brincadeira dos cartazes e apóie seu candidato. Lauro bate em Eduardo. Marina confessa a Lauro que teve um forte envolvimento com Eduardo. Seu Quinzote conversa com Sassá e lhe diz que ele tem que aceitar sua indicação para Prefeito e salvar Tangará. Sérgio chama Camila para conversar e lhe promete que, depois das eleições, eles vão ficar juntos. Daniela vai ao quarto de Severo no meio da noite. Paulo tenta levar Ângela para o seu hotel. Marina vai à casa de João e o beija.

Capítulo 50
Marina passa a noite com João e se realiza. Ângela não aceita dormir com Paulo. Severo manda Daniela embora. Sassá diz a Gilda e Sérgio que não tem candidato. Depois, vai para a casa de Quinzote, lê a tese que Clotilde está escrevendo sobre ele. Quando ela chega, Sassá diz que não gostou do que leu. Plínio leva Dinah para jantar. Lauro diz a Marina que precisa pensar sobre o relacionamento dos dois. João aceita entrevistar Sassá para ele negar sua candidatura. O Padre pede a Sassá, que dá a entrevista.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Capítulo 51
Plínio chama Dinah para dormir com ele, mas ela se recusa. Gilda pede a Marina que apóie sua decisão de deixar Sassá fora das eleições, sem favorecer ninguém. Quinzote avisa a Sassá que Clotilde vai embora. Sassá decide pedir a ela para ficar. Clotilde vai se despedir de Paulo, que lhe diz que ela ama Sassá. Ângela vê os dois juntos. Gilda pede a Sassá para dizer na entrevista que não é candidato. Rubens manda Tomáz avisar a João que seu tempo está se esgotando. Clotilde vai se despedir dos alunos. Sassá chega.

Capítulo 52
Ciro procura Sassá para ensaiar a entrevista. Clotilde promete que fala com ele depois, mas Sassá adia a entrevista. Ele volta a falar com Clotilde, mas não consegue convencê-la a ficar. Tomáz dá o recado de Rubens a João. Quinzote não consegue segurar Clotilde em casa para que ela ouça a entrevista de Sassá. Clotilde liga o rádio do carro e ouve o apelo de Sassá para que ela fique na cidade. Ela vai para a rádio, Sassá a vê e diz que, se o povo quiser, será candidato a Prefeito. Marina ouve isto e fica histérica.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Capítulo 53
Gilda liga para Severo para contar o que aconteceu e ele volta para Tangará. Décio lembra que, se Sassá for condenado, não poderá concorrer. Ele conta isto a Gilda e ela fica feliz. Hermínio passa mal e vai para o CTI. Clotilde promete a Sassá que vai ficar do seu lado. Marina e João voltam a dormir juntos. Os boias-frias comemoram na praça a candidatura de Sassá. Severo telefona para Bárbara e diz para ela não aparecer precipitadamente, porque Gilda está atenta. Sassá é preso por fazer bagunça na praça.

Capítulo 54
Bodão avisa a Clotilde que Sassá foi preso. Ela acusa Gilda de ter armado a confusão na praça e pede a Cássio que liberte Sassá. Sassá passa a noite na cadeia porque a fiança só pode ser paga no dia seguinte. João pede a Regina para não contar a ninguém que descobriu que ele é Miro Ferraz. Paulo volta a pedir a Ângela que durma com ele. Plínio paga a fiança e solta Sassá. Bárbara finge que chegou de Paris e vai para o hospital. Cássio aconselha Sassá a retirar sua candidatura e confessar que não matou ninguém.



Leia também