9 de abril na história da TV: em 2012, Quem Fica em Pé estreava na Band - TV História

9 de abril na história da TV: em 2012, Quem Fica em Pé estreava na Band

Whatsapp

Confira os principais fatos que aconteceram no dia 9 de abril na história da televisão brasileira:

No dia 9 de abril de 1972, terminava a novela O Príncipe e o Mendigo (Record).

Kadu Moliterno se desdobrava entre o príncipe Eduardo Tudor e o miserável Tom Canty. Quando se encontram, surge a ideia de inverter os papeis. Os problemas se acentuam quando o rei Henrique VIII (Manoel da Nóbrega) morre; o falso príncipe assume o trono, enquanto o verdadeiro sofre nas mãos do “pai” John (Mauro Mendonça). Bem-sucedida adaptação de Marcos Rey para o romance de Mark Twain, dirigida por Dionísio Azevedo.

No dia 9 de abril de 1984, estreava a minissérie Padre Cícero (Globo).

A minissérie que conta a história do Padre Cícero foi escrita Aguinaldo Silva e Doc Comparato com Stênio Garcia no papel principal. Débora Duarte, Diogo Vilela, Carlos Vereza, Cassia Kis, entre outros, fizeram parte do elenco.

No dia 9 de abril de 1991, estreava o humorístico Programa Legal (Globo).

A divertida união de documentário e ficção através do humor resultou nesta atração de Luiz Fernando Guimarães e Regina Casé, cartaz da Terça Nobre. A ideia era mostrar o lado positivo de programas considerados “de índio”, como bailes de debutantes ou shows de músicos bregas. Apenas o roteiro em Brasília ficou de fora; Luiz, Regina e a equipe do “programa de deboche” foram expulsos da Câmara e do Senado.

No dia 9 de abril de 1993, terminava a novela Guerra Sem Fim (Manchete).

Após a crise que arrasou a emissora em 1992, a Manchete retomava a produção de novelas, com esta trama que remetia às policiais Corpo Santo (1987) e Olho Por Olho (1988) – as três escritas por José Louzeiro. Apesar dos poucos recursos, Guerra Sem Fim conseguiu considerável repercussão. O enredo partia da relação da médica Flávia (Júlia Lemmertz) com o traficante Cacau (Alexandre Borges); os atores se envolveram na “vida real”. O romance atrapalha a eleição do pai adotivo da moça, Armando César (Rogério Fróes), para governador.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


No dia 9 de abril de 1994, terminava o programa Záccaro (Band).

Programa apresentado pelo maestro Augustinho Záccaro, levava ao palco grandes nomes da música romântica e italiana.

No dia 9 de abril de 1999, terminava o programa infantil Vila Esperança (Record).

Programa infantil da Record mostrava uma vila em que as crianças conviviam com Tio Dú, Professor Piragibe e as avós Vó Iza e Vô Zico. Gerson de Abreu era o principal nome do programa.

No dia 9 de abril de 2002, estreava a novela Marisol (SBT).

Após vencer a primeira edição da Casa dos Artistas, Barbara Paz foi contratada e estrelou a novela Marisol, que contava a história de uma moça pobre, que sofreu muito na vida, e que ganha a vida vendendo flores de papel nas ruas. A produção foi feita em parceria com a Televisa, e teve em seu elenco Carlos Casagrande, Alexandre Frota, Gabriela Alves, entre outros.

No dia 9 de abril de 2008, estreava o programa Astros (SBT).

Após perder os direitos de Ídolos, comprados pela Record, o SBT criou Astros, usando o mesmo time do antigo programa. Apresentado por Beto Marden e Lígia Mendes, tinha no júri Arnaldo Saccomani, Thomas Roth, Cyz e Miranda.

No dia 9 de abril de 2009, estreava o reality show Aprendiz 6 – Universitário (Record).

Apresentado por Roberto Justus, o programa trouxe universitários que competiram pelo contrato de trainee na empresa Young & Rubicam, com uma bolsa mensal de dez mil reais, e um prêmio de R$ 1 milhão. Marina Vasques levou o grande prêmio.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

No dia 9 de abril de 2010, terminava a novela Cama de Gato (Globo).

João Emanuel Carneiro, bem quisto após o êxito de A Favorita (2008), cuidou da supervisão deste segundo trabalho de Duca Rachid e Thelma Guedes como titulares. No centro da trama, a faxineira Rose (Camila Pitanga), que acolhe o milionário Gustavo Brandão (Marcos Palmeira), seu ex-patrão carrasco, dado como morto após um ardiloso plano de sua esposa Verônica (Paolla Oliveira).

No dia 9 de abril de 2010, estreava a série Separação?! (Globo).

Débora Bloch e Vladimir Brichta viviam Karin e Agnaldo, dois malucos que se digladiavam nas mais diferentes situações referentes a um processo de divórcio. Criação e texto de Alexandre Machado e Fernanda Young.

No dia 9 de abril de 2012, terminava a novela Vidas em Jogo (Record).

Novela de Cristianne Fridman, Vidas em Jogo contava a história de um grupo de 10 amigos que ganharam na loteria e viram suas vidas mudarem para o bem e para o mal. Os conflitos se agravam quando os amigos do bolão começam a morrer misteriosamente, o que os coloca em um jogo de vida ou morte: ou descobrem quem é o assassino ou um deles é a próxima vítima.

No dia 9 de abril de 2012, estreava o programa Quem Fica em Pé? (Band).

O Quem Fica Em Pé, apresentado por José Luiz Datena, contava com dez participantes, desafiados pelo “líder” – cujo objetivo era enviá-los, literalmente, para o buraco e tomar a quantia em dinheiro representada por eles. O formato remetia ao Roleta Russa (2003), da Record. A primeira temporada, em 2012, contava com exibições diárias; na segunda e última, o game foi alocado aos domingos e, posteriormente, quintas-feiras.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

No dia 9 de abril de 2015, estreava a série Chapa Quente (Globo).

Série criada por Cláudio Paiva, foi a substituta de A Grande Família nas quintas a noite. Mostrava a vida da cabeleireira Marlene (Ingrid Guimarães), casada com o Genésio (Leandro Hassum), malandro que vive se envolvendo em confusões. Marlene faz uma sociedade em seu salão com o ex-namorado, o cabeleireiro homossexual Fran (Tiago Abravanel).

No dia 9 de abril de 2018, estreava o programa Superpoderosas (Band).

Revista eletrônica feminina idealizado por Ana Paula Padrão e apresentado por Natália Leite ficou no ar por apenas seis meses.

No dia 9 de abril de 2019, terminava o humorístico Tá no Ar: a TV na TV (Globo).

Programa que satiriza a programação da TV aberta e fechada, contou com Marcius Melhem, Marcelo Adnet, Renata Gaspar, Luana Martau, entre outros no elenco. Ficou no ar por seis temporadas.



Leia também