Sentaram a mão: 6 cenas de novelas da Globo que foram longe demais

Whatsapp

É indiscutível o nível de profissionalismo da maioria das novelas produzidas no Brasil. Há sempre um grande cuidado com a inteSgridade física dos atores, para evitar possíveis acidentes.

Só que, às vezes, algumas coisas acabam passando dos limites de forma acidental. Por isso, vamos relembrar algumas bofetadas em novelas que foram longe demais.

Confira:

Esperança (2002)

Leia mais

Além de todas as confusões nos bastidores, Esperança também é lembrada pelo incidente ocorrido durante as gravações da cena em que Camille (Ana Paula Arósio) destrói a estátua de Maria (Priscila Fantin), feita por seu marido Toni (Reynaldo Gianecchini), ainda apaixonado pela ex.

Arósio acabou atingindo o rosto do ator com uma barra de ferro; o ator tomou pontos internos em razão do corte na boca e precisou reconstituir um dente – anteriormente, ele havia caído de um burro, durante montaria nas tomadas feitas na Itália.

Já ela sofreu entorse no tornozelo direito. Os dois atores, mesmo machucados, levaram a cena até o fim.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Mulheres Apaixonadas (2003)

Uma das cenas marcantes de Mulheres Apaixonadas foi a surra de cinto que o personagem Carlão (Marcos Caruso) deu em Dóris (Regiane Alves).

Na trama, a jovem maltratava seus avós e, segundo o ator, o público pedia para que a cena ocorresse. Recentemente, ela comentou em seu Twitter que a novela a “impediu de sair na rua”, por conta da repercussão na época.

“Foram 12 cintadas. Não pegaram nela 11. A 12ª foi. Ficou uma marca vermelha que acho que a Regiane tem até hoje. Foi um horror! A última cintada, ela deu um grito. Está no ar, isso. Acabou a cena, nós nos abraçamos. Ela chorava de dor, e eu chorava pela dor dela e por ter dado a cintada sem querer”, contou o ator.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Páginas da Vida (2006)

Em 2012, a atriz Lilia Cabral revelou no Programa do Jô (Globo) uma história curiosa dos bastidores da novela Páginas da Vida (2006), atualmente exibida pelo Viva.

Na trama, ela interpretou a megera Marta, que era casada com o bonzinho Alex, vivido por Marcos Caruso. Durante uma cena em que os dois discutiam, o ator a empurrou e ela acabou se machucando. Só que, mesmo assim, ela continuou gravando.

“Nós não tínhamos opção, eu bati o rosto na mesa e ia ficar super inchado, teríamos que parar as gravações por um tempo”, contou. “Então eu pedi para continuar, ficaria mais natural”, completou.

“Como quem deu o empurrão na cena foi o Caruso, ele ficou se sentindo super culpado”, revelou. “Me levou para o hospital e me deu flores, coitado! Ficou super preocupado”, disse a atriz. “E quem diria que por causa desse pequeno acidente eu ia ser indicada ao Emmy?”, disse. “Acho que eles não perceberam que foi de verdade”, revelou.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Êta Mundo Bom! (2016)

Um incidente em cena acabou criando um clima tenso nos bastidores de Êta Mundo Bom!. De acordo com Léo Dias, a atriz Bianca Bin, que interpretava a personagem Maria na novela, errou uma marcação e deu um tapa no rosto de uma colega.

O tapa da doméstica acabou sendo de verdade e, pelo visto, doeu. Dessa forma, as duas atrizes teriam se estranhado na novela de Walcyr Carrasco. Especula-se que a atriz tapeada em questão seria Flávia Alessandra, que vivia a vilã Sandra na novela.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Haja Coração (2016)

A atriz Mariana Ximenes acabou atingida no rosto por um soco de João Baldasserini na gravação de uma cena de ação de Haja Coração. Mas não foi nada grave. A atriz ficou com o olho um pouco inchado, mas o roteiro não precisou ser alterado.

Na história de Daniel Ortiz, dirigida por Fred Mayrink, Mariana interpreta a feirante Tancinha e, João, vive o publicitário Beto. Ele torna-se aliado de Teodora (Gracie Gyanoukas) e tentará se aproximar da mocinha para afastá-la da família Abdalla. Mas Beto acabará se apaixonando por ela.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Amor de Mãe (2019)

Em entrevista ao Altas Horas, da Rede Globo, a atriz Letícia Lima, que interpretou Estela na novela Amor de Mãe, contou que deu um tapa de verdade em cena com Irandhir Santos, o Álvaro.

“Esse tapa foi de verdade. Foi sem querer. A nossa novela é muito realista, tudo a gente faz, até cenas que usaríamos dublê a gente tenta fazer. O diretor pediu para não fazer o tapa fake. Como nunca bati no rosto de alguém, não tinha noção que ia pesar tanto. Fiquei tão mal porque ele ficou com os dedos no rosto”, disse a atriz.

Whatsapp


Leia também