Importantes nomes de Laços de Família saíram da Globo ou não atuam mais; saiba quem - TV História

Importantes nomes de Laços de Família saíram da Globo ou não atuam mais; saiba quem

Whatsapp

Ao fazer uma análise do elenco de Laços de Família, exibida pela Globo entre 2000 e 2001, percebe-se que alguns deles perderam seus contratos fixos ou há muito tempo não aparecem na tela do canal.

Outros, infelizmente já nos deixaram, mas também existem os que ainda estão firmes e fortes no elenco da emissora ou simplesmente deixaram de atuar na televisão.

Confira:

Quem deixou a Globo

Estrela da emissora entre as décadas de 1970 e 1990, Vera Fischer, depois de Laços de Família, ainda teve destaque em O Clone (2001), mas, depois disso, passou a aparecer com menos frequência nas novelas. Depois de Salve Jorge (2012) e Espelho da Vida (2018), foi dispensada no último mês de junho de 2020.

Outro nome importante de Laços de Família que não está mais na emissora é José Mayer, que teve seu contrato finalizado em 2019. Ele foi acusado de assédio sexual pela figurinista Susllem Meneguzzi. Tonani, que trabalhava com ele em A Lei do Amor (2016). Depois disso, não voltou mais ao vídeo. Atualmente com 70 anos, vive longe dos holofotes.

Filho de Helena na novela, Luigi Baricelli também deixou a Globo há algum tempo. Depois de tentar a sorte como apresentador do Escola para Maridos (Fox) e À Primeira Vista (Band), ele foi morar nos EUA com a família. Recentemente, foi confirmado no comando do reality show Uma Vida, Um Sonho, que será exibido pelo SBT.

Mais artistas não contam, atualmente, com contrato com a Globo, como Helena Ranaldi (Cynthia), Soraya Ravenle (Ivete), Zé Victor Castiel (Viriato), Thalma de Freitas (Zilda), Luciano Queiroz (Laerte), Henri Pagnocelli (Orlando), Paulo Figueiredo (Rodrigo), Vanessa Machado (Simone), Luiz Nicolau (Maurinho), Cíntia Benini (Isabel) e Paulo Zulu (Romeu), entre outros).

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


Firmes e fortes

Outros nomes, no entanto, continuam firmes e fortes no elenco da Globo, seja com contrato fixo ou não. Um deles é Tony Ramos, que viveu o livreiro Miguel.

Carolina Dieckmann (Camila) deverá participar da próxima novela das sete da casa. Reynaldo Gianecchini (Edu) estará no elenco de Verdades Secretas 2, assim como Marieta Severo (Alma), que participará de Um Lugar ao Sol, que deverá suceder Amor de Mãe na faixa das nove.

Deborah Secco (Íris), está no elenco de Salve-se Quem Puder. Juliana Paes, Lília Cabral e Giovanna Antonelli também continuam bastante prestigiadas, assim como Alexandre Borges e Regiane Alves.

Walderez de Barros (Ema), esteve em Éramos Seis, assim como Daniel Boaventura; Inez Viana (Márcia), está no elenco de Amor de Mãe.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


Artistas que deixaram de atuar na TV

Alguns artistas de Laços de Família simplesmente deixaram de atuar na televisão. É o caso de Júlia Feldens (Ciça), que fez seu último trabalho na emissora em Um Só Coração (2004). Atualmente, ela se dedica à família e trabalha com artes e exposições.

Quem também não atuou mais foi Flávio Silvino (Paulo), que, antes de Laços, estava afastado do vídeo desde que sofreu o grave acidente que o deixou com sequelas, em novembro de 1993. Atualmente, o ator vive com sua família e continua sua rotina de exercícios e fisioterapia.

Monique Curi (Antônia), não aparece em novelas desde Haja Coração (2016), assim como Xuxa Lopes (Glória), que deixou Sangue Bom, em 2013, e não voltou mais para a telinha. Denise Sartori (Ofélia) fez somente Laços e voltou a se dedicar à sua bem-sucedida carreira de cantora lírica.

Arlete Heringer (Marta), que também é jornalista, ainda está na Globo, mas na equipe do Globo Repórter. Flávia Guimarães (Ana) abandonou a carreira de atriz e trabalha, atualmente, como roteirista.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


Nomes que nos deixaram

Grandes artistas da televisão brasileira que estiveram no elenco de Laços de Família infelizmente nos deixaram.

São os casos de Fernando Torres (Aléssio), que morreu em 2008; Yara Lins (Nilda), em 2004; André Valli (Onofre), em 2008; Cléa Simões (Irene), em 2006; Marly Bueno (Olívia), em 2012; Luiz Bacelli (Dr. César), em 2013; Umberto Magnani (Eládio), em 2016; e, mais recentemente, Leonardo Villar (Pascoal), no último mês de julho de 2020.



Leia também