18 de outubro na história da TV: em 2004, A Escrava Isaura estreava na Record - TV História

18 de outubro na história da TV: em 2004, A Escrava Isaura estreava na Record

Whatsapp

No dia 18 de outubro de 1954, estreava o teleteatro Grande Teatro Tupi (Tupi).

Um dos maiores êxitos dos primórdios da Tupi! Manoel Carlos respondeu pela adaptação de grande parte das quase 450 peças encenadas por nomes como Beatriz Segall, Fernanda Montenegro, Ítalo Rossi, Laura Cardoso e Nathalia Timberg; a maioria, com direção de Sérgio Britto. Comumente exibido às segundas-feiras, 22h.

No dia 18 de outubro de 1966, terminava o humorístico Bairro Feliz (Globo).

A dupla Max Nunes e Haroldo Barbosa respondia pelo texto desta atração, dirigida por Maurício Sherman, que reunia esquetes estreladas por Agildo Ribeiro, Berta Loran, Grande Otelo, Milton Gonçalves e Zezé Macedo. Na figuração, o grupo Os Originais do Samba, que contava com Antônio Carlos: o célebre Mussum.

No dia 18 de outubro de 1972, estreava a novela Uma Rosa com Amor (Globo).

A solteirona Serafina Rosa Petrone (Marília Pêra) se via envolvida por um intricado e divertido plano do chefe galanteador, Claude (Paulo Goulart): os dois se casavam para que ele, francês, pudesse encaminhar seu negócios no Brasil; e para que ela conseguisse manter em pé o cortiço onde morava. Clássico de Vicente Sesso, às 19h.

No dia 18 de outubro de 1985, terminava a novela A Gata Comeu (Globo).

Maior audiência do horário das 18h na década de 1980, A Gata Comeu conquistou uma legião de fãs, que até hoje celebram o êxito da novela de Ivani Ribeiro. Em foco, a divertida gata Jô Penteado (Christiane Torloni), que já noivou sete vezes, correndo atrás do único homem que não a queria – a princípio –, Fábio (Nuno Leal Maia).

No dia 18 de outubro de 1992, estreava o Programa de Vídeos (SBT).

Gugu Liberato foi buscar inspiração nas Videocassetadas do Domingão do Faustão (Globo) para conceber este formato, com o qual buscava se firmar nos domingos do SBT. O humorista José Vasconcellos, o ator mirim Wagner Santisteban, as assistentes de palco Mariette e Silvinha e Rafael Ilha, do Polegar, compunham o júri do programa.

No dia 18 de outubro de 1992, terminava o programa Business (Manchete).

Hoje prefeito de São Paulo, João Dória Jr estreou nas noites de domingo da Manchete o seu talk-show, que permaneceu na emissora até sua extinção, em 1999 – migrando em seguida para a “sucessora”, RedeTV!. O agora Show Business integra a programação da Band, sob o comando de Sônia Racy.

No dia 18 de outubro de 1999, estreava o programa Mais Você (Globo).

Cercada de expectativas, Ana Maria Braga enfim estreava na Globo, após anos de Record. A apresentadora surgiu “sofisticada” demais, o que acabou a afastando de seu público. Após mudanças de horário – das tardes para as manhãs – e ajustes na forma e no conteúdo, o programa encontrou seu norte (e o sucesso).

No dia 18 de outubro de 1999, estreava a temporada “Múltipla Escolha” de Malhação (Globo).

Ricardo Waddington assumiu a direção-geral da novela das 17h30, abrindo mão de praticamente tudo o que fora apresentado até ali – apenas Mocotó (André Marques) e Marina (Natália Lage) foram mantidos. O casal Tati (Priscila Fantin) e Rodrigo (Mário Frias) conduzia as tramas, desenvolvidas no colégio Múltipla Escolha.

No dia 18 de outubro de 2002, terminava a minissérie Cidade dos Homens (Globo).

No último episódio desta primeira temporada, Laranjinha (Darlan Cunha) e Acerola (Douglas Silva) conheciam outra realidade: a do garoto de classe média João Victor (Thiago Martins). Fernando Meirelles, Guel Arraes e Jorge Furtado assinaram o roteiro em parceria com a apresentadora e diretora Regina Casé.

No dia 18 de outubro de 2004, estreava a novela A Escrava Isaura (Record).

A Record reativou seu núcleo de teledramaturgia com uma nova adaptação do romance de Bernardo Guimarães, que virou clássico na Globo. Da primeira versão, o diretor-geral Herval Rossano e os atores Norma Blum e Rubens de Falco; Bianca Rinaldi vivia a escrava branca, alvo do desejo de seu senhor (Leopoldo Pacheco).

No dia 18 de outubro de 2009, terminava a série Norma (Globo).

Projeto interativo de Denise Fraga, nos moldes do Retrato Falado (quadro do Fantástico), frustrado em razão dos poucos apelos e da narrativa desinteressante. Cássio Gabus Mendes e Eva Wilma integravam o elenco da série, que debatia os dilemas de Norma (Denise), no trabalho e no lar.



Leia também