18 de junho na história da TV: em 2012, remake de Gabriela estreava na Globo

Whatsapp

Confira os principais fatos que aconteceram no dia 18 de junho na história da televisão brasileira:

No dia 18 de junho de 1990, estreava o programa Matéria Prima (Cultura)

\

Programa diário comandado por Serginho Groisman na TV Cultura, foi exibido entre 1990 e 1991. Se destacando na atração, o apresentador foi contratado pelo SBT.

No dia 18 de junho de 1998, terminava a novela Pérola Negra (SBT)

Leia mais

Adaptação de um texto argentino, Pérola Negra passou dois anos na gaveta do SBT. Quando estreou, não fez lá muito sucesso. Contudo, em sua reprise, a novela se tornou a pedra no sapato do Vale a Pena Ver de Novo (Globo), tornando-se então uma espécie de curinga nas tardes da emissora. Em foco, a trajetória de Pérola (Patrícia Sabrit), em busca de sua origem, vivendo sob a identidade da amiga Eva (Vanusa Splinder).

No dia 18 de junho de 2001, estreava a novela A Padroeira (Globo)

A devoção à Nossa Senhora Aparecida serviu de pano de fundo para a história de amor de Cecília (Deborah Secco) e Valentim (Luigi Baricelli). Com problemas em sua fase inicial, A Padroeira foi reformulada pelo autor Walcyr Carrasco e pelo diretor Roberto Talma – que substituiu Walter Avancini, afastado por problemas de saúde. O último capítulo contou com cenas no Santuário Nacional de Aparecida, São Paulo.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

 

No dia 18 de junho de 2007, estreava o programa Atualíssima (Band)

Atração vespertina da Band, no ar de junho de 2007 a dezembro de 2008. A princípio, contava com Rosana Herman e Leão Lobo como apresentadores; esporadicamente, Patrícia Maldonado e Ticiana Villas-Boas dividiam o comando com o colunista.

No dia 18 de junho de 2007, estreava a novela Sete Pecados (Globo)

Estreia de Walcyr Carrasco às 19h, marcada por “mudanças de rota” em nome da audiência – o que implicou, inclusive, na morte da vilã Agatha (Cláudia Raia), que agia como mentora da protagoniza Beatriz (Priscila Fantin). Apaixonada por Dante (Reynaldo Gianecchini), Beatriz faz de tudo para afastá-lo da esposa, Clarice (Giovanna Antonelli); em seu caminho, confronta-se com os sete pecados capitais.

No dia 18 de junho de 2012, estreava a segunda versão da novela Gabriela (Globo)

Trinta e sete anos após a adaptação de Walter George Durst para o horário das 22h, celebrando os 10 anos da Globo, Walcyr Carrasco voltava a recorrer ao romance de Jorge Amado nesta produção das 23h. Foi Juliana Paes quem “redesenhou” a morena “cravo e canela”, eternizada por Sônia Braga na TV e no cinema. O destaque vai para Laura Cardoso como Dorotéia, a beata que sentia saudades do tempo de quenga.

No dia 18 de junho de 2013, terminava a série Louco por Elas (Globo)

Série produzida pela Globo entre 2012 e 2013, teve três temporadas. Estrelada por Eduardo Moscovis, Deborah Secco, Luisa Arraes, Laura Barreto e Glória Menezes, mostrava um técnico de futebol feminino que passava seus dias cercado por quatro mulheres, tentando conhecê-las e compreendê-las.



Leia também