Confira o que acontece no final da segunda versão de Selva de Pedra





Nos cinco últimos capítulos da segunda versão de Selva de Pedra, produzida em 1986 pela Rede Globo, Caio induz a polícia a seguir Fernanda. Apaixonado, porém, conta a ela sobre seu plano. A vilã acaba internada em um manicômio, do qual consegue fugir ao dopar a enfermeira. Regressa então a Teresópolis e remove Simone do esconderijo, antes que Caio e Jorge a encontrem.

Maria Amélia recebe a neta em pânico, certa de que Fernanda está disposta a tudo para continuar a manter Simone cativa. Despirocada, a vilã veste o vestido de noiva que fora da avó e segue para o jardim, esquecendo-se de vigiar a casa.

É quando Simone consegue fugir, chegando a tempo de depor a favor de Cristiano. Corroído pela culpa, Neves brada, durante o julgamento, que a arma do crime era de Gastão e que foi o filho quem incitou a briga que o levou à morte.

Flávio e Guido se reconciliam; Cíntia, grávida de Marcelo, reconquista a guarda do filho; Cristiano devolve o estaleiro a Caio e, como recompensa, recebe o navio com o qual viaja ao lado de Simone, rumo ao final feliz.

Saiba mais sobre Selva de Pedra:

Por onde anda o elenco da segunda versão de Selva de Pedra

Artistas da segunda versão de Selva de Pedra que já morreram

Confira o resumo de todos os capítulos de Selva de Pedra

Semana a semana, relembre a trama de Selva de Pedra; remake da obra de Janete Clair estreou há 32 anos

10 curiosidades do remake de Selva de Pedra; novela é uma das mais pedidas do VIVA

Deixe sua opinião



Leia também