Orgulho e Paixão, segundo capítulo: Grande baile agita a fazenda Ouro Verde


Quem acompanhou a estreia de Orgulho e Paixão certamente concluiu que a festa de Ema (Agatha Moreira) é evento que mobilizará todo o Vale do Café nesta primeira semana da nova novela das 18h. A anfitriã recebeu seus convidados e amigos mais próximos, como as irmãs Benedito. E estranhou, a princípio, a ausência de sua melhor amiga, Elisabeta (Nathalia Dill).



Ainda no início da festa, os convidados de honra de Ema foram anunciados pelo corneteiro com toda pompa e circunstância: Darcy (Thiago Lacerda), Camilo Bittencourt (Maurício Destri) e Susana (Alessandra Negrini) adentram nos salões da fazenda Ouro Verde chamando a atenção de todos. Ema os recebeu e os apresentou às irmãs Benedito. Nesse momento, ficou evidente a conexão entre Camilo e Jane (Pamela Tomé), que se entreolham com interesse.

Orgulhosa de suas meninas, Ofélia (Vera Holtz) não se esqueceu de Elisabeta e lamentou sua ausência. Felisberto (Tato Gabus Mendes) também faz propaganda da filha. De repente, o corneteiro anunciou a entrada de Elisabeta e todos se entreolharam, acreditando se tratar de um engano. Eis que a moça se apresentou na porta do salão nobre do baile vestindo um par de calças, casaca e gravata borboleta, bem de acordo com o tema do baile, o segundo império. O choque fez Ofélia demais.

No segundo capítulo, Ema não se contém com a audácia da amiga. "Queria só causar um rebuliço, não uma comoção! Mas um escandalozinho ajuda a tornar o baile memorável, vai? Se eles podem usar calça comprida, a gente também pode", se diverte Elisabeta. Ema até ameaça ficar chateada com a amiga, mas perdoa o jeito de Elisabeta e a leva para conhecer os convidados de honra.

Elisabeta e Darcy se reconhecem imediatamente. "Pelo jeito essa calça ia ficar um tanto apertada em seu pai, não?", provoca Darcy. "E deveras curta em você", responde Elisabeta, com a língua afiada de sempre. O baile segue e a noite parece agradável a todos. Camilo admite estar encantado por Jane e pergunta se alguma moça chamou a atenção de Darcy. "Você está dançando com a única mulher que é realmente bonita em todo o salão", responde o amigo, sem empolgação.

"Verdade, Jane é a criatura mais linda que eu já vi, mas você está sendo ranzinza. Por exemplo, sua amiga, a irmã das calças?", pergunta Camilo, tentando animar o amigo. Jane escuta a conversa e fica feliz com o elogio do rapaz. Já Elisabeta, fica na expectativa da resposta de Darcy. "Daria pra tolerar. Mas não o suficiente para superar as encrencas nas quais ela se mete", responde Darcy, seco. Fingindo não se importar com o que ouviu, Elisabeta se afasta e comenta: "Eu que não iria querer nada com esse homem do século XIX! Um homem do passado!".

Bastidores

A sequência de cenas do baile da fazenda Ouro Verde foram gravadas nos Estúdios Globo, e em um casarão de época em Valença, no interior do Estado do Rio de Janeiro. A produção da novela envolveu 102 pessoas entre equipe e elenco em oito dias de gravações no total. "Reproduzir um baile com essa magnitude requer muita atenção, trabalho, técnica e entrega de toda a equipe e elenco", ressalta o diretor artístico Fred Mayrink.

Para destacar a beleza da época, o figurino do baile assinado por Beth Filipecki foi criado a partir de peças já existentes. "Nós construímos 100% do figurino do baile com material reaproveitado de uma produção descontinuada da casa. Todos os vestidos do evento foram um dia vestidos de noiva da fictícia Djalma Noivas, da antiga Tapas e Beijos (2011). Desde a modelagem, que foi refeita, até a cor desses vestidos foram feitas aqui", se orgulha a figurinista, que preza pelo desperdício zero nos acervos da Globo.

Para dar veracidade ao clima da época, os atores também participaram de aulas de dança e etiqueta.


Deixe sua opinião


Leia também