Amanhã em Apocalipse: fenômenos estranhos e desaparecimentos marcam "capítulo especial" do Arrebatamento


No capítulo especial de Apocalipse, que vai ao ar amanhã, terça-feira (6), acontecerá a cena do Arrebatamento. O período marca a "terceira fase" do folhetim - cujo término foi precipitado em razão dos baixos índices de audiência.



No episódio em questão, pessoas desaparece inexplicavelmente. Um carro desgovernado, já sem o motorista, invade a ciclovia e atropela vários pedestres. Todos correm de um lado para o outro, apavorados. Um grande engarrafamento provoca caos e pânico nas pessoas. Sinal dos tempos: o Arrebatamento é o primeiro grande evento do Apocalipse, o momento em que Deus retira todos os verdadeiramente cristãos da Terra.



Raquel (Juliana Silveira) e Lorena (Isabella Koppel) estão no quarto de Oswaldo (Marcos Winter) arrumando a cama juntas; de repente, quando elas fazem um movimento com o lençol, desaparecem. O protagonista Benjamim (Igor Rickli) e seus colegas - Melina (Thaís Melchior), Brenda (Pérola Faria) e André (Sidney Sampaio) - acompanham tudo pela TV, estarrecidos com os acontecimentos.



Ateu por convicção, Benjamim rejeitará com veemência a ideia do Arrebatamento, difundida por Zoe (Juliana Knust) - que perde toda a família. De acordo com a sinopse de Apocalipse, é neste momento de fragilidade da humanidade que o vilão Ricardo Montana (Sérgio Marone) assume o cargo de Secretário Geral da Confederação das Nações e conquista o mundo com seu discurso de paz. Ele defende o diálogo inter-religioso e a convivência entre credos diferentes para pôr fim à intolerância. Trabalha, inclusive, num inédito tratado de paz entre Israel e os países árabes.

O que vem por aí

Conforme consta na sinopse de Vivian de Oliveira, disponibilizada logo após a estreia, o Arrebatamento chega ao fim com o início da Tribulação, a partir da abertura dos sete selos do livro de Deus. Cada selo representa um evento ou uma série de eventos catastróficos. Explode a Terceira Guerra Mundial, seguida por fome, peste, terremotos e outros desastres naturais.

Ricardo, por trás da imagem de líder mundial da paz, deseja dominar o mundo mesmo que seja necessário usar a guerra. Três grandes líderes de potências globais, seus aliados, descobrem seus negócios escusos e desejam romper o acordo de paz. Ricardo, enfurecido, manda matar os três e avisa a outros sete que fará o mesmo com eles, caso não seja obedecido. Os aliados resolvem então declarar guerra a Ricardo, que aceita o desafio e monta seu exército, sempre com o discurso de que faz isso para manter a paz no mundo.

Nesta guerra, Ricardo será ferido e dado como morto. É quando Satanás envia um demônio para possuir seu corpo e fingir que o ressuscita. Durante o enterro glorioso de chefe de estado, Ricardo "ressuscita", e o mundo recebe com louvor este "milagre". Daqui para a frente, transformado na Besta do Apocalipse, Ricardo declara guerra a todos os que não o adorarem como Deus - sempre ajudado pelo sacerdote Stefano (Flávio Galvão), que se transforma no Falso Profeta. Stefano, como se sabe, remete a representantes da Igreja Católica.

Aos poucos Benjamin vai se convencendo de que Zoe está certa em relação ao Arrebatamento dos cristãos. Com a ascensão do Anticristo ao poder, o casal, ao lado de outros personagens, forma um grupo autointitulado "Os santos da Resistência". Sabem que estão lutando contra o próprio Satanás e que os que não se converterem até a segunda vinda de Jesus sofrerão a condenação eterna. Certos de sua missão, os santos começam a arregimentar o máximo de pessoas que conseguem.

Confira a sinopse completa clicando aqui.


Deixe sua opinião


Leia também