Ester Delamare vive! 5 momentos da heroína de Força de um Desejo, de volta em Tempo de Amar


Uma grande diva está de volta: Ester Delamare (Malu Mader), cortesã que, lá no século XIX, deixou seu salão para enfurnar-se na fazenda do Barão Henrique Sobral (Reginaldo Faria) - e, para sua surpresa, acabou reencontrando no campo o grande amor de sua vida, Inácio (Fábio Assunção), filho de seu então marido. A estrela de Força de um Desejo (1999) agora marcará presença no século XX de Tempo de Amar, para acompanhar a apresentação de sua filha Carolina (Mayana Moura) e enxotar Emília Macedo (Françoise Forton), que tentou lhe surrupiar o amado, tempos atrás.



Trata-se de uma brincadeira do autor das duas produções das 18h, Alcides Nogueira, reeditando em 'Tempo' a inesquecível protagonista de 'Força'. Como nós, aqui do TV História, estamos felicíssimos com este retorno - sempre bom rever Malu e reverenciar grandes produções - resolvemos listar abaixo cinco grandes momentos desta diva!

Dona do bordel mais famoso da Corte, Ester costumava escolher os homens que frequentavam seu quarto. Numa dessas, acabou escolhida por Inácio, que, revoltado com o tratamento dispensado pelo pai à mãe, Helena (Sônia Braga), deixou a fazenda Ouro Verde para estudar no Rio de Janeiro. Decidida a viver esta paixão em sua plenitude, ela desafia a hipócrita sociedade da época.



O casal acaba separado pelas intrigas de Idalina (Nathalia Timberg), avó do rapaz. Acreditando ter sido abandonada, Ester se deixa envolver pelo agora viúvo Henrique Sobral. Aceita seu pedido de casamento e a mudança para o interior. E qual não é sua surpresa ao descobrir que agora é madrasta do amado Inácio? Ela resiste bravamente aos encantos do enteado, que luta para desfazer o mal-entendido que os desuniu.



Eis que, também por intermédio de Idalina, o passado de Ester vem à tona. Mesmo ciente de que sua vida na retrógrada Vila de Sant'Anna não será fácil, ela decide ir até o casamento da irmã da beata Clara Toledo de Mendonça (Helena Fernandes). Ester enfrenta, sem medo, a hostilidade da carola cínica e de suas aliadas. Sem argumentos, as malditas partem para a agressão: atiram pedra na baronesa!



Em dado momento, cansada das artimanhas da sogra de seu marido, Ester expulsa Idalina de sua casa. Mais do que isso: ordena que suas roupas sejam entregues aos pobres ou queimadas, numa grande fogueira que iluminará os céus de Sant'Anna. A audiência vibrou com este revide da heroína! Afinal, a execrável Idalina Menezes de Albuquerque Silveira merecia, há tempos, um castigo do tipo...



O que nem Inácio, nem Ester poderiam imaginar é que havia um inimigo muito mais poderoso atrapalhando o romance dos dois. Henrique, ao tomar conhecimento da paixão de sua esposa e de seu filho, forjou uma doença terminal. Depois, assassinado por um misterioso alguém, continuou pairando como uma sombra sobre os pombinhos, acusados de terem planejado sua morte. Contudo, o final, claro, foi feliz!


Deixe sua opinião


Leia também