Retrospectiva 2017: Glória Maria e Sérgio Chapelin lembram os melhores e piores momentos do ano


Um ano marcado por desafios e escândalos políticos no Brasil e no mundo, crise na economia e ataques terroristas. Glória Maria e Sérgio Chapelin repassam os principais acontecimentos que fazem deste um ano histórico na Retrospectiva 2017, que a Globo exibe hoje (29), após O Outro Lado do Paraíso.



"Esse programa vai mostrar para gente um ano de extremos, de intolerância, opressão e revoltas no mundo todo. Foi um ano difícil, duro, sem amor, e muito violento, mas temos certeza de que o mundo pode ser muito melhor. Olhar para ele com sabedoria e conhecimento faz com que a gente encontre forças para fazer um 2018 diferente", reflete Glória Maria.

O ano de 2017 é simbólico. Apesar de a corrupção seguir se destacando na política, nunca se viu tantos poderosos atrás das grades, e os principais líderes mundiais seguem medindo forças. Um ano de reviravoltas da natureza, com tempestades, furacões e incêndios de grandes proporções.

Em meio a tudo isso, o Retrospectiva 2017 destaca também os bons exemplos e avanços na sociedade. As mulheres que ganham cada vez mais espaço e se destacaram salvando crianças, impedindo tragédias e levantando a voz contra desigualdades. As novidades na saúde, na ciência e no esporte continuam despontando. Os transgêneros ganharam espaço e hoje são cada vez mais reconhecidos e compreendidos. E pessoas que ficaram conhecidas por seus gestos de honestidade também serão lembradas e celebradas.


Deixe sua opinião


Leia também