A semana em Malhação - Viva a Diferença: Lica propõe greve de alunos contra Malu



Confira o que vai acontecer em Malhação - Viva a Diferença entre 4 e 8 de dezembro:



Segunda, 4 de dezembro de 2017

Keyla tenta descobrir o que está preocupando K1. Nena, Das Dores e Ellen se orgulham de Anderson ter voltado a estudar. Lica sugere uma assembleia com os alunos para discutir sobre o sistema de apostilas do Colégio Grupo. Keyla comenta com K2 sobre o estado de K1. Dogão e K1 se aproximam. K1 pede para dormir na casa de Keyla novamente, e despista K2. Telma vê quando Anderson convida Samantha para sair. Após conversar com Ellen, Lica decide lutar para afastar Malu da escola. Guto ajuda Benê com a audição musical. Roger, o padrasto de K1, procura Roney, e Keyla desconfia. Lica propõe uma greve de alunos contra Malu. K1 se apavora ao encontrar Roger na lanchonete.

Terça, 5 de dezembro de 2017

Para não voltar para casa, K1 inventa que precisa terminar um trabalho de escola com Keyla, e a amiga confirma. Noboru sugere que Tato visite a cozinha de seu restaurante. Roney promete ajudar Benê com o vídeo para a audição musical. Lica e Clara convencem Marta e Luís a confrontar Malu e Edgar. Keyla conversa com K1 sobre Roger e sugere que a amiga peça orientação a Dóris. Ellen e Clara decidem aderir à greve ao lado de Lica. K1 conversa com Dogão. Malu ameaça os alunos. Apoiada por Keyla e K2, K1 revela a Dóris que Roger a está assediando.

Quarta, 6 de dezembro de 2017

Dóris acolhe K1 e a orienta a falar com sua mãe. Edgar pede para conversar com os líderes de greve de alunos. Lica, Clara, MB, Felipe e Samantha não cedem a Malu e Edgar. Jota flerta com Ellen. Marta e Luís confrontam Edgar e Malu sobre o novo sistema de ensino do Colégio Grupo. Tato comenta com Keyla que pensa em estagiar no restaurante de Noboru. Benê pede que Juca a ajude com o vídeo para a audição musical. Dóris elogia o trabalho de Dogão e o libera do serviço na biblioteca. Noboru afirma que dará um emprego a Tato, caso Roney concorde. Guto sente ciúmes de Benê com Juca. A pedido dos ex-alunos, Bóris avalia as novas apostilas do Grupo. Roney apoia a demissão de Tato. Dóris, K1, K2 e Keyla vão à delegacia de mulheres. A delegada Andrezza convoca Roger e Kátia para esclarecimentos.

Quinta, 7 de dezembro de 2017

Andrezza tranquiliza K1 e garante sua segurança. Lica, Ellen, Samantha, MB e Felipe pressionam Bóris a voltar para o Grupo. Benê é aprovada para o curso de música, e Guto comemora. Clara desabafa com Malu, que chora com as palavras da filha. Lica aconselha MB a procurar K1. Benê pensa em beijar Guto novamente. Em seu depoimento, Kátia afirma a Andrezza que Roger criou K1 desde pequena. Roney aconselha Bóris a ajudar os alunos do Grupo. K1 relata a Andrezza todas as violências de Roger contra ela. Na reunião de pais e alunos, Marta pede a Edgar que as apostilas do colégio sejam avaliadas por um pedagogo. Kátia garante que não expulsará Roger de casa. Bóris chega à reunião no Colégio Grupo.

Sexta, 8 de dezembro de 2017

Bóris discursa sobre a história do Colégio Grupo e afirma que o novo sistema de ensino contraria o legado da escola. Andrezza se surpreende com o comportamento de Kátia e questiona se algum parente de K1 pode acolher a menina. A tia de K1 chega para resgatá-la. Edgar convida Bóris a retornar ao Grupo, e Malu se sente humilhada. Malu não permite que Edgar entre em casa. K1 volta para a escola. Dogão e Juca se aplicam para a vaga de Tato na Chapa do Romano. Dóris incentiva Bóris a aceitar o convite de Edgar. MB apoia K1 e se apresenta a Dogão como seu namorado. Julinho divulga o clipe de Roney na internet e o ex-cantor aprova. Bóris vai ao encontro de Edgar, e Malu flagra os dois.

Leia também: O Direito de Nascer substitui A Padroeira na TV Aparecida; relembre a trama

Leia também: Reprises marcam fim de ano na Globo e no Globo Play; confira programação completa




commentDeixe sua opinião
menu