Mesmo com Gretchen, programas dominicais não vão bem no Ibope e até derrubam seus números



O grande nome da TV brasileira neste domingo foi a cantora Gretchen. Em um intervalo de sete horas, ela apareceu em nada menos que três programas, onde a principal atração em praticamente todos.

No palco do Domingo Legal, de Celso Portiolli no SBT, foi a única aparição ao vivo de Gretchen. Ela dançou a coreografia de Swish Swish, de Katy Perry, juntamente com os dançarinos do canal Fit Dance, do YouTube.



Por lá, deu entrevista de como chegou ao contato de Katy, recebeu recado de youtubers e foi proclamada a "rainha da internet". No Ibope, a participação não rendeu muitos frutos.

Foram apenas 5 pontos de média para o Domingo Legal, menos até do que o programa fechou no domingo passado (2), quando obteve 6 pontos de audiência na Grande São Paulo.

A outra aparição dela foi no Sensacional, da RedeTV!. Por lá, Gretchen praticamente reprisou os assuntos que disse no Domingo Legal, com a diferença de que afirmou não ter mais vontade alguma de morar no Brasil, por conta da violência.

Mesmo assim, os números continuaram intactos - e baixos. O programa de Daniela Albuquerque fechou com apenas 0,5 ponto de média, apenas um décimo a mais do que a semana passada, quando obteve 0,4.



Por fim, o Domingo Espetacular também explorou a recente carreira internacional de Gretchen. Abordando o assunto como "o que mais causou furor na internet essa semana", a revista eletrônica entrevistou a cantora e fez uma reportagem especial.

Curiosamente, o Domingo Espetacular fechou com apenas 8 pontos de média, e perdeu para o SBT, que com a exibição do Programa Silvio Santos, fechou com 11 pontos, e vice-liderança isolada.

Os números são consolidados e refletem a preferência de um seleto grupo de telespectadores na Grande São Paulo.

Leia também: Giro das emissoras: Globo exibe filme que deu origem à série; Record anuncia nomes para Apocalipse

Leia também: Globo reduz locais de sábado e obriga rede a exibir reprise de Sai de Baixo para todo o Brasil




commentDeixe sua opinião
menu