Primeira tentativa da Globo inovar telejornais locais foi em 1990



1 - Pouca gente se lembra, mas o Jornal Hoje deixou de ser exibido no Estado de São Paulo entre 1990 e 1994. Nessa época, a Globo priorizou o São Paulo Já, comandado por Carlos Nascimento, que tinha a proposta de inovar o jornalismo da emissora.

2 - Com a estreia do São Paulo Já, a Globo pretendia implantar um novo formato de jornalismo, que serviria de base para todos os noticiários, possibilitando maior dinamismo, participação de repórteres ao vivo de vários pontos da capital e das afiliadas do interior, inclusive de helicóptero, o que era novidade na época, além de comentaristas especializados, como Percival de Souza (segurança) e Joelmir Beting (economia). A ideia era ter maior descontração, fugindo do tom formal que predominava.




3 - O SP Já estreou em 9 de julho de 1990. O projeto foi desenvolvido pelo então vice-presidente de operações da emissora, José Bonifácio de Oliveira Sobrinho (Boni), e pelo então diretor da Central Globo de Jornalismo, Alberico Souza Cruz. Foram investidos 20 milhões de cruzeiros e envolvidos 403 profissionais.

4 - A Globo fez uma pesquisa junto ao público para escolher o âncora. O mais indicado foi Carlos Nascimento, que havia deixado a emissora três anos antes e passado pela Cultura e Record. Ele voltou à emissora na função de âncora, com liberdade para opinar, conversar com repórter e entrevistados, entre outras funções. Nomes como Augusto Xavier e Carlos Tramontina também participavam da bancada.



5 - "O público exige uma velocidade que, tecnicamente, a TV pode ter, mas que não vinha praticando. Essa mudança vai ser boa também no sentido de fazer as pessoas se mexerem", disse Nascimento, então com 35 anos, à Folha de S. Paulo de 8 de julho de 1990.

6 - O São Paulo Já tinha duas edições. A primeira, na hora do almoço, substituiu o Jornal Hoje no Estado de São Paulo.

7 - A segunda, mais curta, era exibida antes do Jornal Nacional, no tradicional horário dos noticiários locais até o final dos anos 1990. Para não deixar os telespectadores paulistas sem informações nacionais e internacionais, tais notícias eram mescladas ao conteúdo local.

8 - Em 1994, foi feita nova reformulação no jornalismo global e o São Paulo Já assumiu um novo horário, alinhado com outros telejornais locais da emissora. Com isso, o Jornal Hoje, então ancorado por William Bonner e Cristina Ranzolin e com novo projeto visual e editorial, voltou a ser exibido para o Estado de São Paulo a partir de 4 de abril.



9 - O São Paulo Já não teve vida longa. Foi exibido até 11 de maio de 1996, quando o SPTV voltou para ocupar o lugar que tem até os dias atuais.







commentDeixe sua opinião
menu