ESPN Brasil quer direitos da Copa do Mundo da Rússia de qualquer maneira



Um dos principais canais esportivos do Brasil, a ESPN terá uma questão particular e de honra para resolver nos próximos meses no que depender da sua direção no Brasil.



O canal esportivo da Disney, segundo apurou o TV História, fará de tudo para conquistar os direitos de transmissão da Copa do Mundo da Rússia, em 2018, que já tem garantida a Seleção Brasileira.

O problema maior está sendo convencer os americanos a liberarem dinheiro para a compra. Em fase de reestruturação, a ESPN americana demitiu mais de 100 pessoas. Aqui no Brasil, os reflexos foram sentidos com a demissão de pessoas de fora do ar.

No entanto, a negociação segue. Nos últimos dias, um avanço mais otimista aconteceu, mas ainda está longe de qualquer anúncio oficial. No momento, apenas Globo, SporTV e Fox Sports estão garantidas na Copa do Mundo de 2018.

Na TV aberta, a Band tem interesse em adquirir o evento, mas tudo vai depender do plano comercial e da viabilidade financeira do canal - a Globo quer repassar os direitos, assim como fez com a Copa das Confederações deste ano.

No caso da ESPN Brasil, o trato é com a Globosat. A relação entre as duas é cordial. Hoje, elas dividem os direitos do Campeonato Francês, além da ESPN comprar um pacote de melhores momentos de campeonatos nacionais, como Estaduais, Primeira Liga e Brasileirão Série A e B.

Se conseguir os direitos de transmissão, será a quarta Copa seguida exibida pela ESPN. Em toda a sua história, a ESPN Brasil só não transmitiu uma Copa, a de 2002, que foi exclusiva da Globo e da Globosat. Em 1998, 2006, 2010 e 2014, os jogos foram mostrados.

Procurada para comentar oficialmente sobre o assunto, a assessoria da ESPN disse que não comenta sobre as negociações para a Copa de 2018.







commentDeixe sua opinião
menu