Ditadura militar, trilha sonora e fortes dramas marcam clipe de Os Dias Eram Assim



A nova produção das 23h da Rede Globo marca mais um lançamento de novos roteiristas. Os Dias Eram Assim, que estreia no dia 17 de abril, é a primeira novela de autoria de Ângela Chaves e Alessandra Poggi, colaboradoras de medalhões como Manoel Carlos, Gilberto Braga e Miguel Falabella. Desta vez, a nova história tem recebido um tratamento diferente por parte da emissora: não é mais chamada de "novela das onze" e sim de "supersérie".

Originalmente, esta trama foi projetada para o horário das 18h, sucedendo Novo Mundo (dos também estreantes Alessandro Marson e Thereza Falcão). Seu deslocamento para as 23h se deu em função de alterações na novela anteriormente prevista para esta faixa, Jogo da Memória, de Lícia Manzo, que se tornou uma minissérie e foi adiada para 2018.

Ambientada no Rio de Janeiro e no Chile, a ação se inicia em 1970, ano do auge da ditadura militar brasileira e do tricampeonato da seleção brasileira de futebol. É mostrada a história de Renato (Renato Góes), um médico idealista que se apaixona por Alice (Sophie Charlotte).



Ela é uma garota contestadora e de espírito livre, filha do inescrupuloso Arnaldo Sampaio (Antônio Calloni), empreiteiro apoiador do regime, que persegue opositores e conta com o genro Vitor (Daniel de Oliveira) como seu principal aliado. Ambos têm como um de seus alvos o irmão do médico, Gustavo (Gabriel Leone), integrante dos movimentos contra a ditadura, o que divide o protagonista entre o amor pela mocinha e o ódio pelo pai dela - um clássico entrecho das novelas.

Vitor consegue se casar com Alice e Renato, desiludido, vai para o Chile, que também enfrentaria uma ditadura ao longo da década. Por lá, conhece a médica Rimena (Maria Casadevall), com a qual se envolve e tem um filho, Valentim (Luiz Felipe Melo), enquanto Alice acredita que o amor de sua vida morreu. No início dos anos 80, período de abertura política e anistia, o médico volta ao Brasil e reencontra sua amada. Cada um formou sua família, mas o sentimento entre os dois nunca morreu.

As primeiras imagens da novela chamam atenção pela boa sintonia entre Renato Góes (que estaria no elenco de A Lei do Amor, mas deixou a produção) e Sophie Charlotte (cuja última novela foi a esquecível Babilônia). Outros nomes do elenco também se destacam, como o já citado Daniel de Oliveira, Susana Vieira (a vilã Cora, mãe de Vitor), Cássia Kis Magro (Vera, mãe dos irmãos Renato e Gustavo), Natália do Vale (Kiki, mãe de Alice), Marco Ricca (o torturador Olavo).

Por sua vez, Maria Casadevall aparecerá não apenas em Os Dias Eram Assim, mas também em Vade Retro, série cômica de Fernanda Young e Alexandre Machado que será exibida de forma simultânea. É a repetição de um caso que envolveu, recentemente, as atrizes Mariana Ximenes e Cleo Pires, que estavam nos elencos da novela Haja Coração e da série de terror Supermax.

A trilha sonora apresentada no clipe também merece elogios, resgatando clássicos como "Deus lhe Pague" (de Chico Buarque, em versão de Elis Regina), "Atômico Platônico" (Vanusa), "Ando Meio Desligado" (Os Mutantes) e "Sangue Latino" (de Ney Matogrosso com os Secos e Molhados). A abertura, ainda não divulgada, contará com uma versão de Aos Nossos Filhos, de Ivan Lins, gravada pelos atores protagonistas (Sophie Charlotte, Maria Casadevall, Renato Góes, Gabriel Leone e Daniel de Oliveira). Aliás, o título da novela se origina justamente de um verso da canção de Lins.

Em função do tratamento como "supersérie", Os Dias Eram Assim será a primeira novela das 23h a ter seus capítulos disponibilizados com antecedência para os assinantes do serviço Globo Play, a partir da segunda-feira, 10 de abril. O esquema é semelhante ao adotado nas séries Justiça (de Manuela Dias) e Dois Irmãos (de Maria Camargo e Luiz Fernando Carvalho).

A faixa das 23h tem sido uma das mais constantes em matéria de qualidade. Várias de suas novelas têm obtido grande repercussão e audiência, como O Astro (remake de Janete Clair exibido em 2011, vencedor do Emmy Internacional), Gabriela (nova versão da obra de Jorge Amado, feita em 2012) e Verdades Secretas (primeiro texto inédito do horário, assinado por Walcyr Carrasco em 2015 e também vencedor do Emmy). Que Os Dias Eram Assim honre a boa tradição da faixa e o conteúdo apresentado no clipe a partir de sua estreia, no dia 17 de abril.

Assista ao clipe:









commentDeixe sua opinião
menu