Carlos Lombardi entrega nova sinopse à Record na próxima semana



Longe das novelas desde o fim de Pecado Mortal, no ano de 2014, na RecordTV, o escritor Carlos Lombardi deve voltar em breve para as tramas da emissora.

Segundo informações obtidas pelo TV História, o autor terminou a sinopse que preparava para a pedido da emissora e entregará para o diretor de teledramaturgia da emissora, Anderson Souza, na próxima semana.



A história é a grande favorita para substituir Belaventura na faixa das 19 horas - trama deve estrear no segundo semestre deste ano, substituindo a reprise de A Escrava Isaura, que marca bom Ibope até aqui (cerca de 11 pontos na Grande São Paulo).

Em contato feito pelo TV História, Lombardi confirmou as informações, mas não quis dar maiores detalhes sobre a sinopse antes dela passar pelo crivo dos mandatários da dramaturgia da Record.

Porém, informações colhidas pela reportagem dizem que a história apresentada por ele será de época, como tem sido a característica desta faixa de novelas criada no ano passado, com a estreia de Escrava Mãe.

No início do mês, Carlos Lombardi foi vítima de boatos que diziam que ele estaria insatisfeito com a RecordTV pela falta de projetos no ar.

Contratado desde 2012 pela emissora, apenas Pecado Mortal foi produzida - a novela foi sucesso de crítica, mas não teve grande Ibope. A série que faria sobre a vida do grupo Mamonas Assassinas foi cancelada por conta de problemas com a família dos músicos.

Antes de chegar à Record, Lombardi se consagrou com tramas na Globo. Escreveu novelas icônicas como Vereda Tropical, Quatro Por Quatro, Uga Uga, Kubanacan e Pé na Jaca, entre outras.

Seus últimos trabalhos na Globo foram a série Guerra e Paz, recentemente reprisada pelo canal Viva, e Caminho das Índias, onde prestou colaboração para a amiga Gloria Perez, quando esta precisou se ausentar por um problema de saúde.







commentDeixe sua opinião
menu