Fracasso, A Lei do Amor vence apenas Babilônia e derruba subida das 21 horas



Finalizando sua trajetória cheia de problemas nesta sexta-feira (31), a novela A Lei do Amor vai ser uma trama tão esquecível nos números do Ibope quanto Babilônia, de 2015, foi recentemente.



Segundo levantamento feito pelo TV História, a trama protagonizada por Claudia Abreu e Reynaldo Gianecchini fechará com 27 pontos de média, a segunda mais baixa da história da faixa.

No geral, a novela perderá apenas para Babilônia, que fechou com 25 pontos. Mais do que isso, A Lei do Amor encerra uma tendência de alta da faixa, que estava se recuperando aos poucos.

Após Babilônia, A Regra do Jogo marcou 28 pontos de média, subindo três pontos. Já Velho Chico subiu mais um ponto na média e conseguiu 29 pontos na Grande São Paulo.

Ou seja, em comparação com a sua antecessora, houve uma queda de 7%, ou dois pontos. Um em sete telespectadores de Velho Chico deixou de assistir a Globo no horário por causa de A Lei do Amor.

Com isso, a missão da novela que estreia na próxima segunda-feira (3), A Força do Querer, de Glória Perez, é das mais difíceis. Além de subir os números, precisará recuperar o prestígio perdido da principal faixa horária de novelas.

A última trama de Glória Perez foi Salve Jorge. Mesmo tendo uma audiência razoável para o horário (34 pontos), a novela foi bastante criticada por conta de seus furos de roteiro e jeito estranho de contar a história.

A Força do Querer promete uma nova pegada. Será protagonizada por um trio forte - Isis Valverde, Paolla Oliveira e Juliana Paes - e contará uma história mais realista, diferente das últimas novelas de Gloria.

Os dados refletem a preferência de um seleto grupo de telespectadores na Grande São Paulo.




commentDeixe sua opinião
menu