Novo editor-chefe de Datena é "craque de Ibope" e fez Bacci virar fenômeno no Rio



Conforme noticiamos no último dia 7 de março, o Brasil Urgente, da Band, perdeu o seu editor-chefe, Simão Scholz, por conta de atritos com José Luiz Datena na quarta-feira de cinzas (01/03).



Como a vida tem que seguir, o programa já tem um novo jornalista em sua linha de frente. Segundo informações obtidas em primeira mão pelo TV História, trata-se do jornalista Rodrigo Mariz (foto abaixo), com ampla experiência em programas populares.

Rodrigo está na Band desde julho de 2014, atuando sempre nos bastidores. Chegou para ser diretor do Tá na Tela, juntamente com Fernanda Ortiz, e era o principal responsável pelo conteúdo do programa de Luiz Bacci.

Antes disso, Mariz teve uma grande e vitoriosa parceria com Bacci. Ele foi editor do SBT Rio na época em que o menino de ouro era apresentador do programa popular, entre 2008 e 2011.

Na ocasião, a atração marcava dois dígitos de média e chegava a liderar a audiência em vários momentos, algo que desde então não foi mais visto - por mais que a filial de Silvio Santos na capital fluminense esteja em uma grande fase, como informamos recentemente.

Em 2011, Rodrigo foi contratado pela RecordTV Rio, para onde Bacci também foi. No entanto, ele assumiu como chefe de redação do canal, cargo onde ficou por três anos.

Desde então, está na Band. Depois do fim do Tá na Tela, Rodrigo foi para o Café com Jornal, e, no decorrer de 2016, foi transferido para o Brasil Urgente, onde era editor-executivo, assumindo como editor-chefe a partir de agora.

Rodrigo Mariz é querido pelos colegas e é conhecido como um "craque de Ibope". Sabe montar, com muita facilidade e esperteza, estratégias que façam programas populares crescerem nos números instantaneamente.

Além disso, costuma estudar com cuidado todos os concorrentes e VTs que estão prontos para o programa, para saber o que colocar em cada tempo e momento, sempre visando ter um conteúdo forte.

Rodrigo também é querido por Datena, que gosta bastante do trabalho do seu novo editor-chefe, já tendo uma boa relação com ele há algum tempo.

Atualmente, o Brasil Urgente marca médias entre 4 e 6 pontos de audiência na Grande São Paulo.




commentDeixe sua opinião
menu