O que esperar de Novo Mundo, nova novela das seis da Globo


A missão da próxima novela das seis será devolver a qualidade ao horário. Afinal, após uma trinca de ouro formada por Sete Vidas, Além do Tempo e Eta Mundo Bom!, a faixa decaiu muito com Sol Nascente, um folhetim insípido, inodoro e incolor. Mas, se as convidativas chamadas forem apenas um preâmbulo de tudo o que virá pela frente, o público será presenteado com uma produção bastante caprichada.



Escrita por Alessandro Marson e Thereza Falcão (que estreiam a primeira novela, após vários trabalhos como colaboradores), a trama é dirigida por Vinícius Coimbra e é ambientada há quase 200 anos, época que a arquiduquesa austríaca Leopoldina (Letícia Colin) fez uma travessia do Atlântico para o Brasil com o intuito de se tornar esposa de Dom Pedro (Caio Castro), personagem fundamental no processo de independência do país. Ou seja, o contexto histórico será mesclado com elementos ficcionais, servindo como pano de fundo para o enredo.

Nessa viagem, em meio a marujos, artistas, oficiais, cientistas e aventureiros, dois jovens se apaixonam e despertam para um novo mundo. Essas duas pessoas são a professora de português Anna Millman (Isabelle Drummond) e o ator Joaquim Martinho (Chay Suede), que viverão uma bela história de amor entrelaçada à luta do Brasil pela construção de uma nação independente.

E a escalação se mostra acertada, pois os intérpretes esbanjaram química na primeira fase de A Lei do Amor. A vantagem agora é o aproveitamento dessa boa sintonia durante uma novela inteira e não apenas nos primeiros capítulos.

Anna é uma escritora, inglesa, e muito culta, cuja missão é acompanhar Leopoldina e ensinar a língua da colônia para a futura princesa. Já Joaquim é um atrevido ator de comédia dell'arte, que embarcou no navio por acaso para não ser preso injustamente.

Os mocinhos se conhecem justamente em alto mar e a partir dali surge um encantamento que só crescerá. Aliás, construíram uma luxuosa embarcação especialmente para a trama e o local servirá de ambiente para várias cenas até o fim da produção. O folhetim terá um quê do famoso filme Piratas do Caribe, principalmente durante algumas sequências de luta.

O grande vilão da história será o oficial inglês Thomas Johnson (Gabriel Braga Nunes), que se interessará por Anna, pois verá nela um bom cartão de visitas para suas ambições. Ele acabará sendo um dos muitos obstáculos para a felicidade do casal protagonista, honrando todo bom folhetim que se preze. A mocinha, por sinal, tem um irmão adotivo, o índio Piatã (Rodrigo Simas), que se envolverá com a índia Jacira (Giullia Buscacio). O rapaz foi criado na Europa junto com a irmã e suas vestimentas sempre mesclarão origens indígenas com europeias.



Como a novela utilizará vários contextos históricos, outros personagens que tiveram importância para o Brasil aparecerão no enredo, além dos já citados Dom Pedro e Leopoldina. A Marquesa de Santos será vivida por Agatha Moreira, o Dom João VI por Léo Jaime, o José Bonifácio por Felipe Camargo, o Chalaça por Rômulo Estrela e a emblemática Carlota Joaquina por Débora Olivieri (Giulia Gam havia sido escalada para o papel, mas precisou sair em virtude de uma depressão).

O elenco ainda conta com outros ótimos nomes, como Leopoldo Pacheco, Guilherme Piva, Dhu Moraes, Caco Ciocler, Márcia Cabrita, Daniel Dantas, Júlia Lemmertz, Ricardo Pereira, Vanessa Gerbelli, Ingrid Guimarães (que viverá a interesseira Elvira, vilã apaixonada por Joaquim), Luisa Micheletti, Sheron Menezzes, Vivianne Pasmanter (irreconhecível caracterizada como a suja dona de uma Estalagem), entre outros.

Novo Mundo vem apresentando caprichadas chamadas e a temática da novela empolga. As chances de ser uma trama de qualidade são bem altas. Agora é só aguardar mesmo a estreia e torcer para que não seja apenas uma propaganda enganosa.

SÉRGIO SANTOS é apaixonado por televisão e está sempre de olho nos detalhes, como pode ser visto em seu blog. Contatos podem ser feitos pelo Twitter ou pelo Facebook. Ocupa este espaço às terças e quintas


Deixe sua opinião


Leia também