20 de janeiro na história da TV: em 2017, último capítulo de Dois Irmãos


Confira os destaques do dia 20 de janeiro na história da televisão brasileira:

No dia 20 de janeiro de 2008, estreava o programa Nada Além da Verdade (SBT).

Neste programa, Silvio Santos - substituído por Ratinho na segunda temporada - entrevistava celebridades, que ganhavam dinheiro se não mentissem, de acordo com a máquina da verdade. Apenas Dercy Gonçalves, Jorge Kajuru, Simony e Claudete Troiano levaram o prêmio máximo, de R$ 100 mil. Participaram da atração Clodovil Hernandez, Gretchen, Reginaldo Rossi, Rita Cadillac e Sérgio Mallandro.



No dia 20 de janeiro de 2015, estreava o reality show Big Brother Brasil 15 (Globo).

Esta temporada premiou César com R$ 1,5 milhão. O brother, de discurso quase incompreensível, contava com a experiência de quem se inscreveu onze vezes para participar do programa. Também o conturbado relacionamento de Amanda e Fernando, abalado pela entrada de Aline na casa. Ainda, a divertida amizade de Adrilles e Mariza.



No dia 20 de janeiro de 2017, terminava a minissérie Dois Irmãos (Globo).

Baseada na obra de Milton Hatoum, esta produção escrita por Maria Camargo, dirigida por Luiz Fernando Carvalho e ambientada em Manaus fez sucesso ao apostar no talento de nomes como Antônio Calloni, Antonio Fagundes, Eliane Giardini e Juliana Paes. Cauã Reymond protagonizou, como os gêmeos que se odiavam, Omar e Yaqub, ambos interessados na jovem Lívia (Bárbara Evans).



No dia 20 de janeiro de 2017, terminava a minissérie Cidade dos Homens (Globo).

Espécie de continuação da série Cidade dos Homens (2002), estrelada por Darlan Cunha e Douglas Silva. Agora adultos, os amigos Laranjinha (Darlan) e Acerola (Douglas) lutam contra as dificuldades do dia-a-dia para criarem os filhos, Davi (Luan Pessoa) e Clayton (Carlos Eduardo Jay), respectivamente. Cenas da produção original, com os protagonistas ainda pequenos, foram vistas em flashback.


Deixe sua opinião


Leia também