Final polêmico, racismo e a morte de Julius: os segredos da série Todo Mundo Odeia o Chris



1 - Originalmente chamado Everybody Hates Chris, o seriado estreou no dia 22 de setembro de 2005, na emissora norte-americana UPN. Foram 88 episódios ao longo de 4 temporadas, com o último capítulo sendo exibido em 8 de maio de 2009.



2 - Na TV brasileira, a obra foi exibida inicialmente pelo canal Sony, também sendo exibido na TV por assinatura pelo TBS. Mas sua consagração veio através das exibições na Rede Record, onde a atração é transmitida com grande sucesso desde 2007.

3 - Ao longo dos anos, a emissora reprisou a produção inúmeras vezes, chegando a exibir episódios da obra por horas seguidas, sem interrupções.



4 - A série é uma versão ficcional da vida do comediante Chris Rock, famoso por suas apresentações de stand-up comedy e por filmes como Gente Grande, Máquina Mortífera 4, Golpe Baixo, Um Pobretão na Casa Branca e O Céu Pode Esperar.

5 - Rock atuou como produtor executivo do seriado, contribuindo com histórias vividas em sua infância e adolescência.

6 - Além disso, Chris Rock também participou da série como narrador da versão original, além de ter feito uma participação como orientador vocacional na terceira temporada.



7 - Mesmo com a série sendo oficialmente baseada na vida do humorista, o sobrenome da família não é mencionado nos capítulos.

8 - Apesar do verdadeiro Chris ter vivido sua adolescência entre os anos de 1978 e 1984, a comédia é ambientada entre 1982 e 1987.

9 - Esta mudança se deu devido ao desejo de Chris Rock em abordar os anos 80, em detrimento dos 70, que já haviam sido retratados em séries como That '70s Show (exibida de 1998 a 2006).



10 - O título faz referência à difícil vida levada por Chris (Tyler James Williams), menino de 13 anos, que vive no pobre bairro de Bed-Stuy, em Nova York.

11 - Além disso, o nome da série parodia a sitcom Everybody Loves Raymond, exibida pela CBS de 1996 a 2005.

12 - A família real de Chris Rock era composta pelo artista, seu pai, sua mãe, sete irmãos e uma irmã. Porém, isto foi mudado na ficção, com o núcleo familiar sendo composto pelo pai Julius (Terry Crews), a mãe Rochelle (Tichina Arnold), o irmão Drew (Tequan Richmond) e a irmã Tonya (Imani Hakim).



13 - O personagem Greg (Vincent Martella), melhor amigo do protagonista, é baseado em David Moskowitz, melhor amigo de infância de Chris na vida real.

14 - Chris Rock não queria que Tyler James Williams o interpretasse, afirmando que o então menino era "muito bonito para viver uma criança que seria odiada por muita gente na trama". Porém, a equipe de produção o fez mudar de ideia.

15 - Inicialmente, Chris seria vivido por Tequan Richmond, que acabou ficando com o papel de seu irmão, Drew.



16 - Todos os episódios da série tem em seu nome as palavras Todo Mundo Odeia..., como Todo Mundo Odeia Halloween ou Todo Mundo Odeia o Dia dos Namorados.

17 - A personalidade implicante de Tonya é baseada no estilo de Tony Rock, irmão de Chris na realidade. Tony também participou da série, no papel do tio Ryan.

18 - Já o popular e carismático Drew foi inspirado em Andrew, também irmão de Chris.



19 - Apesar de reconhecer dificuldades na vida de negros, Chris Rock costuma encarar tais assuntos com humor. Então, na série, ele optou por abordar temas como racismo de maneira leve, sob a ótica do personagem no futuro, que narra tais fatos já como alguém que venceu na vida.

20 - Em Portugal, a obra ganhou outro nome: Todos contra o Chris.

21 - Na vida real, a mãe de Chris não se chama Rochelle, mas sim Rose.



22 - A novela da qual Julius é fã é real: The Young and Restless, exibida desde 1973 pela CBS.

23 - As escolas frequentadas pelo protagonista, Corleone Junior High e Tattaglia High, trazem em seus nomes referências a personagens do filme O Poderoso Chefão (1972).

24 - Originalmemte, a atriz Jacqueline Mazarella, que vive a condescente professora Senhorita Morello só apareceria em uma cena da série. Mas, durante a gravação desta sequência, se saiu bem e foi convidada para permanecer no elenco fixo.



25 - Em 2006, a UPN saiu do ar. Parte do conteúdo da emissora foi fundido com o do também extinto The WB, criando uma nova emissora, a The CW. Assim, a série passou a fazer parte da grade do novo canal.

26 - No oitavo episódio da quarta temporada, Todo Mundo Odeia Garotas Altas e Magras, Chris se relaciona com uma menina que é alvo de bullying, por ser alta e magra. Seu apelido, Garibalda (ou Big Bird no original), faz referência ao clássico personagem da Vila Sésamo.

27 - O episódio final, "Todo Mundo Odeia O Supletivo", se passa em 1987, um ano antes da morte de Julius Rock, pai de Chris na vida real e inspiração para o personagem de mesmo nome. Assim, a série foi encerrada antes que o falecimento do patriarca em sua versão fictícia fosse mostrado.



28 - O seriado termina em um dilema, com toda a família reunida em um restaurante, esperando pelo exame que mostrará se Chris conseguiu ou não se formar através do supletivo que resolveu cursar.

29 - O resultado da prova não é revelado, mas uma dica é dada: naquela sequência, o caminhão de Julius traz em sua lataria o número 735, nível suficiente para a aprovação na prova.

30 - A cena final é uma paródia do encerramento da série Família Soprano (1999 a 2007), onde uma situação vivida pelos protagonistas também fica em aberto.

Veja também: Por onde anda o elenco de Todo Mundo Odeia o Chris?



Veja também: Relembre a história de Kevin Arnold: os segredos da série Anos Incríveis



Veja também: Polêmicas, drogas e suicídio: os segredos da série Barrados no Baile







commentDeixe sua opinião
menu